Estariam estes petróglifos em Israel e nos EUA mostrando uma antiga linguagem global

Tempo de leitura: 2 min.
Precisamos compreender melhor nossa própria história, para compreendermos a história do Universo. E lentamente, fatos surgem mostrando que a nossa história precisa ser reescrita, ou no mínimo, reestudada:

No deserto Negev, de Israel, e no sudoeste dos EUA, petroglifos similares foram encontrados, de acordo com o arqueólogo Dr. James Harris, da Universidade Brigham Young.  Trata-se de uma alegação controversa de que uma linguagem comum se espalhou por todo o globo.

A Universidade Brigham Young é uma escola mórmon, e os mórmons acreditam que pessoas de Israel, na antiguidade, assentaram na América.

Petróglifo em Negev, Israel.

Harris e Dann W. Hone publicaram em seu livro “The Name of God: From Sinai to the American Southwest. A Script and Language of Ancient Palestine Also Found in the Ancient American Southwest,” em 1998.

Stephen D. Ricks, um professor de hebreu da Universidade Brigham Young, revisou o livro, apontando alguns pontos fracos nos argumentos dos autores, mas finalmente concordando que os petróglifos encontrados no estado do Colorado, EUA, próximo de La Junta, poderiam mostrar uma raiz comum com as linguagens semitas.

Ricks escreveu sobre um sinal descrito por Harris e Hone, como um símbolo ankh, um “sinal de vida no reino dos deuses”.

Ankh

Embora isto possa ser de fato a importação do sinal ankh, poderia também ser um símbolo com um significado muito diferente, ou nenhum significado. Devemos ser muito cuidadosos quando designarmos significados aos sinais.

Ele disse que os autores deixaram de fora caracteres que inconvenientemente não transmitiam os significados que eles procuravam, ou que apresentavam problemas para suas teorias. Ele escreveu:

E, todavia, pode haver um grão de verdade por detrás de seus esforços. Estou persuadido… de que existe uma semelhança marcante entre os sinais do petróglifo do sudoeste americano e do antigo alfabeto semita.

O “Olho de Deus” de Negev ( CC BY 2.0 )

A teoria parece ter obtido pouca atenção fora da comunidade acadêmica mórmon.  Davida Eisenberg-Degen, da Universidade Ben-Gurion, de Negev, que examinou muitos dos petróglifos de Negev, comentou que os petróglifos não têm sido estudados o suficiente devido à violência na região. Ela escreveu no seu blog, em 2012:

A arte na rocha de Negev tem, de forma geral, sido negligenciada pelos arqueólogos. Há duas grandes razões para isto. Primeiro, poucos estudiosos têm na verdade se aventurado no Negev para examinar sua arte. Até pleno século XX, o Negev era uma área árida perigosa ocupada pelas tribos beduínas. E para aqueles exploradores, tais como Edward Henry Palmer, que se aventurou nesta área desolada, os petróglifos de Negev eram meros rabiscos na rocha, o trabalho de pessoas ociosas sem ter o que fazerem, consistindo pela maior parte de meros nomes intercalados com figuras rudimentares de homens e animais

E agora, onde fica a verdade?

n3m3

Fonte

EUAhistória humanaIsraelpetroglifos
Comentários não são disponíveis na versão AMP do site. (11)
Clique aqui para abrir versão normal do artigo e poder comentar.
  • Spock

    As ligações América-semitas ainda é controverso! Mesmo que nas obras de Sitchin de aval… ainda assim é academicamente temerário.
    Pesquisar em Neguev também é temerário… mesmo hoje… sem contar com as instalações de usinas israelenses lá!
    \//_

  • Guerreiro

    Às vezes achamos que já sabemos de tudo que ocorreu e que já se viveu no passado, e assim acabamos ignorando que pode ter existido outras possibilidades e que a nossa história pode não ter sido a que nos contaram.

  • cerberos

    não deixemos de pensar que o olho de deus, ou do olho que tudo ver pode não passar da representação de um ovet no céu observando e direcionando a evolução humana.

    • TRUYTS

      Interessante sua explanação cerberos.
      Uma idéia interessante, que remete a uma idéia de que somos observados e comandados pelos E.Ts. No topo da pirâmide, em seu ápice, estão aqueles que observam e comandam a humanidade. Faz bastante sentido.
      Estamos em qual degrau da pirâmide? E observados e comandados por quem? Deuses ou E.Ts?

      • cerberos

        ets avançados e deuses são indistinguíveis para nós.

  • fran01

    Concordo com Riks….tem que haver muita cautela.

  • Joao Paulo Jesus Flores

    Pode ser isso mesmo?, sim pode, pode não ser nada demais?, sim pode, vamos apenas ficar no campo da especulação neste caso

  • Kaczmarczik

    – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – Boa Tarde a Todos!!!! – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –
    _________________ Há teorias que afirmam que antes da Torre de Babel a linguagem na Terra era apenas uma entre os povos, então poderia ser que os petroglifos da matéria sejam registros do período pré-babeliano!!!!!!!!
    – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

  • WJunior

    No texto fala-se dos Semitas (Semitas deriva-se do nome Sem, filho de Noé). Da descendência de Sem vieram Eber e Pelegue.

    Na antigüidade oriental costumava-se dar nomes aos filhos de acordo com certos acontecimentos importantes. É interessante ressaltar que o nome Éber significa “União” e o nome Pelegue significa “Divisão”.

    ” porquanto em seus dias se repartiu a terra”. Este acontecimento foi tão importante que no livro de I Crônicas 1.19, a mesma frase é repetida.

    Mas estes símbolos podem ter origem anterior a Sem, sendo portanto culturalmente usados pelos outros filhos de Noé. Entre os filhos de Noé esta Cam, das descendências de Cam houve segundo alguns pesquisadores uma divisão histórica (Shibboleth ou xibolete) O significado dessa divisão ainda não está completamente esclarecido, embora ele pode simplesmente refletir que o lado do mar, cada um foi.
    Interessante que estes símbolos também foram usados por Akhenaton ankh + aton por isto o nome de Cruz de Ankh o faraó que trocou o politeímos pelo monoteísmo Aton, o Deus único, Deus criador de tudo que foi simbolizado pelo olho e raios o primeiro Deus representado de uma forma não antropomórfica.

    • WJunior

      Obs.: A teoria de Pangeia ou Pan Gaia, terra junta não bate com as datas destes estudos bíblicos sobre o acontecimentos da divisão dos continentes… mas na ciência e na bíblia fala sobre esta separação.

  • José Carlos Gouvêa

    UIA! Jurava que estava vendo uma foto de Marte…