Delator abre o jogo a respeito dos reptilianos, nórdicos, nazistas, OVNIs, e frota espacial dos EUA

Tempo de leitura: 8 min.

O artigo publicado abaixo pode não conter necessariamente a verdade total, ou parcial, sobre a presença alienígena em nosso planeta, e é publicada aqui meramente para que nossos leitores possuam esta informação.

As pessoas que decidem falar a respeito das verdades ocultas muitas vezes são chamadas de delatores. Uma dessas pessoas é William Tompkins.

William Tompkins é um dos delatores mais credíveis a se manifestar. A profundidade e implicações de seus testemunhos são impressionantes. Mas é claro, sempre haverá aqueles que se recusam a acreditar em sua história, já que ele é um delator da realidade extraterrestre.

William Tompkins. Crédito: Search4TruthReality

Tompkins alega ter sido parte de uma operação envolvendo espiões da Marinha dos EUA que roubavam projetos de naves e segredos tecnológicos antigravitacionais dos nazistas durante o auge da Segunda Guerra Mundial.

Ele diz ter pessoalmente distribuído alguns dos segredos roubados como ‘pacotes de informações’ para os CEOs das corporações importantes dos EUA, envolvendo os militares e a indústria espacial.  Além disso, Tompkins diz ter trabalhado ao lado de ETs – alienígenas nórdicos que não diferem de humanos em sua aparência, e que estavam trabalhando como seus secretários.

Além disso, ele revela que os nazistas já tinham naves operacionais durante a guerra, e devido as informações que os espiões dos EUA foram capazes de obter, aquele país mais tarde desenvolveu sua própria esquadrilha de naves (discos voadores) – as quais foram sugadas pela esfera militar negra, sob o controle de MJ-12 (também conhecido como Majestic 12), um grupo ultra secreto que foi iniciado na década de 1949, a fim de ‘gerenciar’ a questão dos OVNIs/alienígenas.

 

Os nazistas, os videntes e os reptilianos

Para compreender esta história e colocá-la no contexto histórico, temos que ir de volta para antes da Segunda Guerra Mundial. Você pode ter escutado a respeito das Sociedades Secretas que existiam por volta da ascensão de Hitler e dos nazistas, tais como a Sociedade Thule e a Sociedade Vril.

Uma jovem mulher extremamente talentosa, Maria Orsic [uma vidente], teria conseguido fazer contato com uma civilização alienígena e canalizado informações deles.  É reportado que uma dessas civilizações era do planeta Aldebarã, que está localizado no sistema Touro.

Maria Orsic – vidente alemã.

De acordo com Tompkins, os nazistas estavam em contato com reptilianos extraterrestres no mesmo momento em que Maria Orsic estava canalizando. Hitler descobriu sobre Maria Orsic, suas habilidades e o fato dela estar recebendo informações sobre como construir naves.

Novamente, de acordo com Tompkins, Hitler permitiu que Orsic (e os nórdicos com quem a mulher estava trabalhando) continuasse seu trabalho em seu programa de naves, porque os nazistas já estavam em contato com os reptilianos – e porque Hitler sabia que poderia sempre tomar o projeto de Maria Orsic na hora que quisesse.

Robert, Wood, que foi entrevistado junto com Tompkins pelo Search4TruthReality (parte 1, parte 2 e parte 3), alega que a tecnologia nazista rapidamente avançou devido ao seu relacionamento com os reptilianos, de forma que eles realmente chegaram no lado oculto da Lua antes do final da Segunda Guerra.

Robert Wood. Crédito: Search4TruthReality

Wood é um veterano perito no campo dos OVNIs, tendo recebido a tarefa no início de sua carreira (quando ele estava trabalhando para a empresa Douglas) de analisar como os OVNIs funcionavam. A ele foram dados US$ 500.000 para disseminar os documentos OVNI e US$ 250.000 para fazer um documentário sobre os OVNIs.

Mais tarde Robert Wood e seu filho Ryan digitalizaram centenas de documentos MJ012 e os disponibilizaram em seu site MajesticDocuments.com.

 

A Batalha de Los Angeles: Em 1942 foi onde tudo começou para Tompkins

Agora, vamos para 1942, onde a história começou para Tompkins. O mundo está exatamente no meio da Segunda Guerra Mundial. Os 2 brutais ditadores Hitler e Stalin estão comandando exércitos engajados em longas batalhas com grandes fatalidades em ambos os lados.

Enquanto isto, sem o conhecimento da população mundial, exceto por algumas pessoas que estavam por dentro da situação, os nazistas estavam aprofundados num projeto secreto de naves (discos voadores).

Várias fotos dos discos voadores nazistas Haunebu I e II; a foto colorida pode ser um protótipo do primeiro modelo

Tendo obtido planos e croquis de um grupo de mulheres videntes (uma das quais era Maria Orsic), os nazistas já tinham uma nave operacional, tal como o Haunebu.  (imagem acima).

Durante tudo isso, quase do outro lado do mundo, em 24 e 25 de fevereiro de 1942, OVNIs voam acima da cidade de Los Angeles por horas.

Tompkins, que ainda era um garoto estudando no ensino secundário, assiste os OVNIs a noite toda. O incidente mais tarde ficou conhecido como a Batalha de Los Angeles.

Várias semanas mais tarde, ele é tirado da escola para trabalhar com os militares, e sua vida toma um rumo completamente diferente.

Foto real da ‘Batalha de Los Angeles’.

 

William Tompkins fica próximo do segredo dos ETs

De acordo com o próprio Tompkins, ele foi recrutado quando ainda jovem pela Marinha, devido à sua habilidade precoce de construir modelos de navios altamente precisos.  Após trabalhar na North American Aviation e na Northrop, ele foi contratado pela Douglas Aircraft Company, em 1950. Lá trabalhou como desenhista sob um grupo parcialmente controlado pela equipe da Marinha, que costumava trabalhar para James Forrestal, Secretario da marinha de 1944 a 1947, e Secretário de Defesa de 1947 a 1949, um homem que também apoiou JFKennedy e que pode ter sido responsável pelo interesse que JFK teve mais tarde pelos OVNIs.

Dizem que Forrestal pulou ou caiu de uma janela alta, e assim morreu sob circunstâncias suspeitas. Parece que ele sabia demais e tinha sido eliminado porque foi contra a agenda prevalente da Nova Ordem Mundial a respeito da questão alienígena.

Aparentemente, Forrestal foi contatado pelos ETs.  Forrestal escolheu o Almirante Rico Botta, que por sua vez escolheu William Tompkins.

Tanto Forrestal quanto Botta foram guiados para escolherem alguém abaixo deles que fosse aberto à realidade extraterrestre, alguém que poderia encarar a verdade (colossal).

 

O começo do MJ-12

Em entrevistas, tais como no Projeto Camelt (parte 1 e parte 2), e em seu livro Selected by Extraterrestrials (Selecionado por Extraterrestres), Tompkins revela muito de sua história. Ele explica como o grupo ultra secreto MJ-12 começou – não foi em 1947, após o incidente de Roswell, como muitos imaginam.

Tompkins explica que o grupo na verdade começou em 1942, com o sênior Douglas (o homem que começou a empresa Douglas).

Tompkins disse que logo após a Batalha de LA, em 1942, para conseguir gerenciar as implicações dos OVNIs estarem se mostrando abertamente nos céus, Douglas convocou alguns elementos chave para constituir o grupo que mais tarde se tornou o MJ-12. O grupo incluía 2 almirantes e 2 generais, um dos quais era Curtis LeMay – outro homem que não gostava de JFK e que, durante a Guerra Fria, estava preparado para lançar um ataque nuclear surpresa contra a União Soviética.

Robert Wood declara que o MJ-12 era, pela maior parte, associado à Força Aérea, não a outros ramos das forças armadas dos EUA.

 

Roubando secretos nazistas

Durante a Segunda Guerra Mundial, os espiões da Marinha dos EUA estavam incrustados dentro das forças militares nazistas. Ele podiam acessar dados (inclusive fotos) dos ‘OVNIs’ nazistas e passar as informações de volta aos EUA.

Tompkins explica como a informação passou pelo seu superior, Rico Botta, que escolheu uma maneira genial de lidar com o assunto: não classificando essa informação como sendo secreta. Se ele tivesse dado a ela uma classificação ultra secreta, ou outra classificação alta, ela teria atraído as atenções.  Assim, ele escolheu não classificá-la. Esta é uma técnica conhecida como ‘escondendo a verdade a plena vista’.

Tompkins foi designado para entregar os pacotes que continham esta informação para os CEOs e líderes de corporações militares particulares. Infelizmente, os pacotes não continham bons desenhos e croquis da tecnologia nazista e tinham muito pouca informação técnica.  Eles até mesmo continham hieróglifos (não em alemão), já que os espiões acessavam a informação canalizada que vinha de Maria Orsic.

De acordo com Wood, a Marinha dos EUA começou seu programa de engenharia reversa de OVNIs em 1942 (com a permissão de Forretal) antes do MJ-12 existir.  A Marinha demorou por volta de uma década para produzir uma nave funcional, mas eles finalmente conseguiram.

Tompkins entrou para a TRW, uma empresa com um importante grupo de pensadores que foi formada por volta de 1958-59, de acordo com ele. Ela também originou de um grupo de pensadores da Douglas (bem como foi a MJ-12). Ela contava com financiamento ilimitado. Northrup emprestou dinheiro através da TRW.

Eles também compraram a empresa de construção de navios da Marinha, a qual construía porta-aviões – assim eles poderiam ter seus engenheiros analisando porta-aviões de 240 metros, para que pudessem projetar uma nave espacial ‘porta-naves’ de 1 km.

Continua na próxima página…
delatordiscos voadoresnazistasnórdicosOHOVNIsreptilianosTompkinsUFOs
Comentários não são disponíveis na versão AMP do site. (65)
Clique aqui para abrir versão normal do artigo e poder comentar.
  • AllienGHC

    Artigo muito bom.

  • Nilton Monteiro

    bem,alguma coisa bate e confere com muitas falacias …outras nao conseguem se estabelecer……agora creio ser dificil comandar todo osistema terraqueo sem contradiçoes…porque somos uma raça que nao gostamos de ser dominadas por longo periodos……e o artigo he otimo pois expresou novidades e afirmaçao sobre os ets…..parece que esta estotando o acobertamento dos governos,ou dos proprios ets…..quem viver vera…. agora mutaçoes perfeitasem humanos por reptilianos he algoum pouco descredivel…..um abraço a todos fui…i…….

  • Hannah_Cat

    No tocante à 2ªGM, achei estranho https://uploads.disquscdn.com/images/c6a7661bc40f4ee462e95a38338feccdf5ec2bf7372e6a4f9bf7dcbbc3831074.png algumas aparições nas imagens do documentário “Redescobrindo a 2ª Guerra”. Em algumas há “dirigíveis”, sendo que estes não têm cabine de piloto, como costuma haver até os dias de hoje. A participação de “dirigíveis não é citada neste documentário em nenhum momento como “arsenal ou qualquer outro dispositivo afim”. E não aparece também em todas as imagens de mesmo cenário. Achei muito estranho. Printei duas imagens deste documentário. Achei (e ainda acho) que foram imagens implantadas para disfarçar OVNIs (lembrando que os aviadores contam a respeito dos Foo Fighters, durante este mesmo período). Seriam tais “dirigíveis” implantados para cobrirem OVNIs testemunhando este grande fato histórico, que foi o dia D, prenunciando a vitória dos aliados?! https://uploads.disquscdn.com/images/56d86c5e54cef7b006bb75af54e415ed6e769e6d960f0ae67b10fca1b3c9acc6.png

  • sergio_ntl@hotmail.com

    Difícil acreditar neste relato, pois nunca são apresentadas provas.
    mas vale pois nos faz ficar alertas e passamos a observar mais tudo a nossa volta e no mundo.

  • aland_55

    Quem não acredita que o planeta vai mal pode não estar bem informado. Sempre houveram verdades que não podiam ser ditas e continua vigorando.A internet podia ter mudado este quadro, mas não aconteceu pois quando publicado,logo surgiam diversas versões falsas, tornando quase impossivel distinguir a verdadeira.Independente do que cada um acredita, nada vai mudar aparentemente, só podemos mudar nosso próprio interior e esta mudança será a unica possível e verdadeira.

    • Ylla

      Com certeza colega … tem muita mentira e nos falta a verdade ! Na Internet havia muitas coisas a pesquisar , mas se percebe com clareza que estão sendo escondidas , ….

  • Marlon Jose Carrara

    100% verdade o que ele disse, e 110% verdade com relação aos nazistas.

  • Hannah_Cat

    …E com todo este “aparato vantajoso” os nazis perderam a guerra.

    • Fabio Martins

      Segundo consta, os EUA e aliados mandaram duas bombas nucleares no Ártico para neutralizar os nazistas, com disco voador e tudo. Existem relatos sobre isso aqui mesmo nesse site e em tantos outros mais. A bomba nuclear era uma tecnologia que os americanos “roubaram” dos nazistas e conseguiram desenvolvê-la mais rapidamente, se não me engano. P

      • Hannah_Cat

        Quanto à “detonação de duas bombas nucleares no Ártico”, isso eu nunca soube (esta é primeira vez), e tenho cá minhas dúvidas se foi mesmo verdade.

        Mas eu DUVIDO que os alemães tenham descoberto a fórmula da B.A. sendo que esta foi roubada pelos americanos: uma arma poderosa dessas certamente teria prioridade em ser desenvolvida antes mesmo da guerra começar.

        Londres teria sido a “presenteada” da vez com esta arma ao invés das bombas V1 e V2 e outros ataques aéreos.

        Acreditar em certos “contos” é pagar muito pau pra n4zist4!

        • cerberos

          Na verdade quando o EUA entrou no esforço de guerra e começou a fornecer armas, alimentos etc para a Inglaterra Churchill autorizou, em contra partida, o repasse de todas as tecnologias avançadas que a Inglaterra possuia, entre elas estava os esboços da bomba atômica

        • Lênio™

          A bomba nazista não funcionava, de início, porque eles “bombardeavam” o núcleo com protons ao invés de nêutrons e como o núcleo é positivo essas partículas eram desviadas. Observando isto, Szilàrd convenceu Einstein a escrever uma carta ao presidente americano e, daí todos já sabem.
          (se tiver erros, é culpa do arcool.

    • Jonatas da silva

      ok vou dar uma olhada

    • Marujo

      Ô!

  • Fabio Martins

    Acredito em uns 50% de veracidade nisso tudo. Há muita informação que bate com muitas outras que são ventiladas há décadas. A questão dos Ovnis nazistas, por exemplo. Uma pena que, pra cada 10 alegações potencialmente verdadeiras, uma mais absurda seja pincelada para ridicularizar todo o resto. Mas tem coisa aí, a gente sabe que tem… na Lua, nos nazistas, na Área 51…

  • brexpeditionary

    Uma coisa tem de ser dita: essa Maria Orsic era muito gata.

    • PALEOSETI

      Concordo.
      E a foto em preto e branco mostra a beleza natural. A colorida expõe a maquiagem, que foi inventada para iludir nossos olhos. rsrs

  • brexpeditionary

    No penúltimo parágrafo, favor corrigir: não é Northrup, é Northrop.

  • Ayrton Cavalo

    Tem muita coisa por trás ainda para ser revelado, isso só é a ponta do iceberg.

  • PALEOSETI

    No estágio de obscuridade que estamos, prefiro dar créditos a um delator e desconfiar do delatado.

  • Tmago

    Se fosse assim não perderiam a guerra. Tomaram um vareio.

  • Dinossaurio

    Duvido cabalmente que os nazistas detivesem tal tecnologia

    • Hannah_Cat

      Eu tb duvido.

    • Okan

      Eram movidas a chucrute e muito chope.

  • 666Dark

    O que aconteceu é que os nazis já tinha muitas naves de antigravidade e poderiam ganhar a guerra num piscar de olhos, mas aí o Hitler num acesso de humanidade disse aos seus comandados que não utilizaria essa naves porque ele não era covarde e se as gambiarras voadoras deles não conseguissem ganhar a guerra, ele e os principais do partido iriam com as naves para o Polo Norte na base secreta que eles têm até hoje. E foi exatamente o que ele fez ! Nóis merece…Esses delatores de SCIFI !

  • Lâmpada

    Agora tudo faz sentido. Descobrimos porque os nazis venceram a guerra.

  • Lâmpada

    O Lâmpada também acreditaria em tudo que a Maria Orsic dissesse.

  • jose manuel gomes santos

    Eu tambem duvido que os alemaes tiveram esse tipo de tecnologia????
    Entao se eram tao avancados nessa tecnologia , porque perderam a guerra???
    Sera que nao confiavam?
    Sera que nao sabiam utilizar?
    Sera que tinham medo do imprevisto?
    Sera que estavam a reservar para o ultimo ataque (deixar que o inimigo (russo e americano) chegasse perto) e abater todos???

  • Matheus Araújo

    O engraçado disso tudo é que vendo o caso de Artur berlet que foi em 1958 onde ele diz ter passado 11 dias no planeta acart e tentou de várias maneiras se comunicar lá e só teve sucesso na línguagem alemã, como o povo de acart sabia alemão??? Seriam esses os povos a ter contatos com os alemães??? kkk

    • Okan

      Aftas ardein hemorróidaszüdein!

      • Matheus Araújo

        Se você fala então vou acreditar porque talvez você tenha Aftas e hemorroidas e quem sou eu pra duvidar da voz da experiencia.

        • Okan

          Nos marcianos não temos hemorroidas por um simples motivo.
          E o kiko?

    • EtevaldoS

      Também há a possibilidade do Artur Berlet estar inventando a história dele…

  • Marcelino Melo

    Segundo as idéias de Michaell Salas no seu site Exopolitcs, a elite de pensadores e cientistas nazistas ganharam o sonho americano via Operação Paperclip e iniciaram o 4° Reich contando com a ajuda dos líderes da Vrill, que misteriosamente desapareceram da face da Terra, (o bigodinho foi junto?) porque estes fugiram do planeta literalmente para bases na Antártica e (pasmem) bases humanas em Marte em naves avançadas (discos voadores) construídas com a ajuda dos Ets Nórdicos ( são os mesmos que hoje chamam de Tall Whites?). Os avistamentos de OVNIS entre 1947 e 1952 teriam sido esquadrilhas de OVNIS nazistas localizados em bases secretas, incluindo na Lua e em Marte, dando demonstração de força perante os EUA. Nesta novela (pasmem) os nazistas não perderam a guerra, apenas as batalhas na Europa, eles venceram ao final ao deixarem o planeta com ajuda alien e posteriormente se infiltrarem para dominar os governos do eixo dos Aliados, numa verdadeira operação cavalo-de-tróia, e estamos hoje todos vivendo num verdadeiro 4º Reich sem sabermos. Aja Maionese! Ou não…

  • Johnny Deep

    Após ler alguns comentários abaixo pergunto e argumento: fazer um disco voador voar é uma coisa, fazer um disco voador realizar uma curva é outra, colocar uma metralhadora em disco voador é uma coisa.
    .
    Agora me responde…
    .
    Quem disse que o discos voadores de Hitler estava nível high tecnology? Quem disse que os discos voares nazistas atingiam velocidades de pelo menos 10% da velocidade da luz? Quem disse que os discos voadores nazistas estavam equipados com teletransportes? Quem disse que os discos voadores nazistas possuíam laser? Se você souber destas repostas com evendencia além de meras fotos com disco tentando voar, me fala que vou estudar.
    .
    Gente, para hoje o ser humano fazer uso de um eletrocardiograma tudo começou com um estetoscópio de madeira..
    .
    Agora imagina a gente depois de 3.000 anos após egípcios mau/mal “conseguimos” ter uma ISS. Agora com Hitler e usa era de nazistas de 15 anos , falei apenas 15 anos nos seríamos doutrinados a construi uma USS Enterprise em 15 anos.?

  • mm

    Hipoteticamente falando acho que, não houve tempo hábil para aplicar essa “tal tecnologia” na forma bélica como pretendiam, perderam aguerra e ainda tiveram seus planos roubados.

    Pelo que sei se leva anos para copiar ou criar tecnologia militar funcional fora a real aplicação e testes finais que aprovam a eficacia!

    Ainda bem que o titio Hitler se deu mal.

    • Johnny Deep

      Foi o que eu argumentei no meu comentário, não tiveram tempo.

  • Marcus

    Acredito que esse ataque veio de seres não simpáticos a causa nazista e seus auxiliares extraterrestes!

  • Carlos Portella

    “William Tompkins gosta de dizer em suas entrevistas que “tudo que te
    disseram é uma mentira”. Ele alega que muitos dos sistemas e ciências
    que seguimos, tais como a astronomia, medicina, etc., têm sido semeadas
    com mentiras para nos enganar”…

    Se isso for verdade, porque então deixariam que não só sites como esse mas tantos outros, disseminassem informações para revelar tudo o que supostamente está oculto?

    Se “esta sentença é falsa” for verdadeiro, então a sentença é falsa, mas
    então se “esta sentença é falsa” for falso, então a sentença é
    verdadeira

  • Anonimo

    Os nazistas apesar de terem contato com os ets nórdicos não conseguiram o disco voador deles,os desconfiados nordicos não dariam a tecnologia total de mão beijada temendo pela sua própria extirpe é claro visto as loucuras que os nazistas cometiam.Ao invés disso eles deram a tecnologia incompleta tipo só o basicão que se traduziu num sino flutuante praticamente inofensivo que não tinha grande velocidade e nem armas avançadas ,o resto eram com os cientistas alemães e foi nisso que o desenlace da guerra acabou com tudo por que a alemanha perdeu a guerra e todos os cientistas e seus grandes projetos tiveram que parar com tudo.Especula-se tambem que os nazistas conseguiram enriquecer uranio primeiro que os eua ,os americanos tentaram 3 metodos fracassados em que foram enriquecidos algumas miseras gramas ,fica a pergunta como eles conseguiram no fim da guerra com a alemanha já invadida a massa critica necessária para fabricar 2 bombas,algo em torno de 10 kilos de uranio enriquecido quando já haviam fracassado em todas suas tentativas.

  • Spock

    Ufa… consegui terminar de ler!
    Como disse o nosso comandante…”Mas assim é a ovniologia.”
    Vos falo uma coisa caríssimos colegas… se me pedirem para “bolar” um roteiro para um seriado ou até mesmo para um documentário-seriado para a National Geographic, History Channel ou Discovery Channel… eu creio que conseguiria colocar coisas de cunho verossímeis para dar aquela aura mística de… Será??? Oooh!
    Humpf!
    Estamos a ler tanto sobre essas historietas com os mesmos personagens que o cenário da segunda guerra, nórdicos, Hitler, presidentes americanos, etc, etc… que já estão sendo os protagonistas de um lenda urbana “real”(aspas duvidosas). Parecem aquelas novelas semi-antigas da Globo onde sempre tem uma história de fundo envolvendo um empresário, um casal romântico, pitadas de sexo, um tema meio polêmico, um crime… e um final polarizador. Os roteiros são os mesmos e os atores só mudam!
    Quando cheguei na parte que fala… “reptilianos draconianos”… minha paciência vulcana chegou no limite! Mas fui até o fim pra constar! É assim que tem que se fazer! Mas convenhamos… a gente sente que há no ar por detrás desse cenário alguma história mal contada!! Já se fazem mais de 70 anos… ninguém subexiste tanto tempo assim para manutenção de um status quo em adestramento (sim… a palavra é essa mesmo) e doutrinação de novos funcionários públicos governamentais e fora do governo para manter tais segredos assim…
    A não ser… bem… a não ser que os poderes hipnotizantes basilísticos dos malvados rept-li-a-nos draconiaaaanos estejam envolvidos! Pra não falar das induções mentais dos asgardianos nórdicos!!!!!! Impressionante como os tais reptilianos draconiaaaanos, já estando na Lua antes dos “super-ultra-poderosos” nazistas, foram capazes de assimilar uma cultura nossa de gestos obscenos e aprenderam rápido o significado de levantar o dedo médio. HUMPF!
    Mais impressionante ainda que Tompkins não tenha citado o transcendental, maravilhoso, estupendo, fantástico e onipresente… sim, ele mesmo… o chefão das hostes da luminosa Federação Galática e suas inúmeras ou milhares naves estelares e representante maior na Terra da Fraternidade Branca (não é quesito racial)… o líder nórdico e afeminado (afeminado por minha conta) Ashtar Sheran!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    Elementos não faltam para um bom roteiro até de forma linear no tempo.
    Até o brasão (voltem atrás e revejam)… mostrando o dragão… bem aquilo são remendos militares. Basta uma pesquisa de Internet e fica por sua conta e risco de acreditar ou não! Internet é que nem papel higiênico! Aceita tudo!!
    Steven Heller, um colunista do New York Times disse o seguinte:

    “Naturalmente, emitir remendos para uma operação secreta soa como
    uma piada … mas a verdade seja dita, estes dias tudo é marcado. Os símbolos
    militares são freqüentemente repletos de imagens heráldicas – algumas
    enraizadas na história, outras baseadas em artes populares contemporâneas que
    apresentam personagens cômicos – mas essas enigmáticas imagens escuras, em
    alguns casos provavelmente projetadas pelos próprios participantes, são mais
    pessoais e também mais Perturbador, do que a maioria “.

    E esse brasão em particular ( o do dragão)… vem me à mente um texto sobre simbologia PSYOPS!! Um dragão gigante raiva segurando o planeta, trazendo a destruição do espaço. Essa é uma ótima maneira de simbolizar missões espaciais. No simbolismo PSYOPS, os dragões normalmente representam lançamentos de satélites de sinais-inteligência; os padrões de asas dos dragões simbolizam as antenas maciças de antena de ouro-folha do satélite, destinadas a coletar todos os tipos de informações da Terra. A frase “Omnis Vestri Substrução Es Servus Ad
    Nobis” pode ser traduzida para “Toda a sua base é serva para nós”. Esta frase não faz muito sentido, exceto que ele diz vagamente que o mundo é de propriedade de quem fez esse remendo. Mas essa frase parece ser uma reminiscência de um Geek que fez uma tradução pobre para um jogo da Sega. Mas vou deixar que o nosso “especialista” em assuntos de além-ciência destrinche o Dragão aí do emblema ainda mais que ele vem ilustrado com SEIS estrelas… é isso mesmo (seis0 estrelinhas representando alguma coisa do céu… Podem contar… são 6. E escrevi “seis” três vezes só para apimentar! Vai fundo Elias Roth!

    Brasão por brasão… há inúmeros com teor próprio! Vejam só esse que também é pertencente supostamente a uma organização militar americana (sempre eles).
    \//_ https://uploads.disquscdn.com/images/adb2ee7bff88b99cfbd94a68e040de25b94c4acd661e754b68083ae192d53af8.jpg

  • Jhonatan Nicolas

    Eu até poderia aceitar essa história, mas tem muita coisa que não desce.
    Hitler se tivesse toda essa tecnologia já CONCLUIDA (porque é óbvio que estava sendo desenvolvido), ele NUNCA teria perdido a guerra, seria mais que óbvio ele mostrar ao mundo a supremacia da sua querida raça…

    Outra coisa que eu acho um absurdo, é como parece que o universo gira em torno do nosso planeta, já perceberam isso? 300mil raças frequentando a Terra e em parceiras com os humanos… serio isso? Pra quê ? Qual a vantagem de ter uma parceria com humanos ? Seria como nós irmos a uma terra indígena e fazer parceria com eles pra desenvolver algo juntos, mas qual a finalidade/vantagem disso? Sempre é essa coisa de filme …
    E ainda por cima todos os presidentes foram reptlianos … só o Trump que não, justo o cara que ta polêmico daí não é reptliano kkkkk

    • Thomas Tom

      Trump não é polémico. Ele é perseguido pela mídia por estar fora da bolha politica deles.

      • Jhonatan Nicolas

        Exatamente, isso o torna polêmico para as pessoas que não entendem o que está acontecendo, isso que eu quis dizer amigo, a falta de desinformação da maioria!

      • ROBERTO LUIZ RABELO

        Exatamente!

  • Abel Aureliano Seraphin Junior

    Me perdoe caros colegas e lutadores pela verdade, mas eu não consegui ler todo o artigo e quero opinar assim mesmo. Por que Hitler não venceu a guerra? Que é esta tal foto real da batalha de Los Angeles?????Bosta, até o mais crédulo e ingênuo e desejoso pela The truth is out there riria desta bullshit. Mulheres videntes !?? Bela foto de Maria Orsic, a austríaca, super gata que é verdadeira. Vril.

    • cyrocs

      “Por que Hitler não venceu a guerra?”

      Tentarei resumir o que eu sei sobre o assunto:

      RECURSOS DISPONÍVEIS: Impossível para a Alemanha enfrentar os vastos recursos dos
      americanos e russos. E não podemos esquecer o enorme esforço que a Grã-Bretanha
      fez, terminando a guerra exaurida. Com os Estados Unidos e a União Soviética
      fora da guerra, os alemães tinham uma chance, mas o Füher maluco queria brigar
      com todo mundo, e o Reich dos Mil Anos acabou logo.

      ADMINISTRAÇÃO DOS RECURSOS: A administração da Alemanha era caótica, desastrosa, com vários feudos disputando o poder, lutando pela atenção de Hitler, que sempre tinha a
      palavra final.

      O PRÓPRIO HITLER: Com o passar do tempo, Hitler foi assumindo cada vez mais todas
      as decisões, e suas escolhas eram geralmente desastrosas. Ele não ouvia seus
      especialistas, preferindo seguir suas intuições e opiniões formadas a partir de
      leituras superficiais e desordenadas. Como ele foi ficando cada vez mais
      alienado e doente, pode-se imaginar o resultado.

      Fiz mais abaixo um comentário sobre a bomba atômica, o radar e os mísseis V2.

      • Abel Aureliano Seraphin Junior

        Adorei a explicação e esta corrobora com alguns videos que assisti sobre a segunda guerra.

  • cyrocs

    Bom dia a todos.

    Costumo ver aqui no OH comentários sobre a tecnologia e armas nazistas, e em alguns
    casos, fico espantado com a total defasagem em relação à farta documentação disponível. É como se alguns comentaristas usassem como fonte apenas sites e blogs ufoesquisotéricos.

    Infelizmente o tema da tecnologia a armas desenvolvidas durante a segunda guerra é por
    demais vasto para ser discutido aqui. Só há espaço para resumos um tanto
    grosseiros.

    BOMBA ATÔMICA: os dois lados tinham os cérebros para o desenvolvimento da bomba de
    fissão, mas capacidade industrial bem diferente. Como a Alemanha estava
    ganhando a guerra e a previsão dos cientistas era que levaria alguns anos para
    se chegar a uma bomba, o projeto nunca recebeu a prioridade e recursos
    necessários. Afinal, a guerra logo iria terminar, e com a vitória nazista.
    Quando a guerra virou, e a bomba apareceu como a salvação da Alemanha, já era
    tarde demais. Com os americanos foi bem diferente, uma vez que o presidente
    Roosevelt aceitou a importância da ameaça, o programa nuclear foi em frente e
    já em 1940 tinha início o fabuloso Projeto Manhattan, que custou na época mais
    de 2 bilhões de dólares e empregou mais de 130.00 pessoas. Os americanos
    desenvolveram métodos para obtenção do isótopo U235, o projeto da bomba de
    urânio 235, reatores nucleares para a produção de plutônio, e a própria bomba
    de plutônio.

    RADAR: Os dois lados começaram equilibrados, com os aliados dando mais atenção ao uso
    defensivo do radar. Mas os alemães cometeram um erro fatal ao desprezar o uso
    do magnetron, preferindo outras tecnologias como o klystron. Coube aos aliados
    desenvolver o magnetron de cavidade ressonante, que foi usado nos radares
    centimétricos, pequenos o bastante para serem facilmente instalados em aviões
    de caça. Quando os alemães tentaram copiar magnetrons retirados de aviões
    abatidos, a guerra já estava perdida.

    OS FOGUETES V2: Na área de mísseis de longo alcance, os alemães ficaram anos à frente
    dos aliados. Mas porque isso aconteceu? A resposta é que os aliados seguiram
    outro caminho, pois eles tinham bombardeiros pesados como os B17 americanos e
    os Lancasters ingleses, capazes de despejar milhares de toneladas de explosivos
    sobre as cidades alemães. Os V2 transportavam no máximo 1 tonelada de
    explosivo, e foram lançados apenas cerca de 3.000 delas. Os Lancasters chegaram
    a lançar bombas terremoto de 10 toneladas, não há comparação possível. Mas era
    o único meio dos nazistas retaliarem a devastação que estavam sofrendo. Os V2
    foram um admirável feito de tecnologia, mas não conseguiram retardar a derrota da Alemanha. Na verdade só atrapalharam a fabricação de armas realmente importantes, como os caças a jato.
    No fim os aliados é que ganharam com todo o esforço dos alemães, pois se apoderaram do know-how que eles desenvolveram.

  • douglas wojtowicz lippold

    OVNI hoje deletando meus comentários

    • Geraldo Magela Lobo

      Não se preocupe
      amigo! Aqui tem um buraco negro que absorve certos comentários, e se
      não forem indigestos ele (buraco negro) os devolvem. Enquanto
      espera, vá comendo as pipocas…abraço

  • Geraldo Magela Lobo

    Quanto à delatores
    gostaria de dizer que em/no geral delatores nunca delatam nada de
    graça. Sempre há interesses por trás das delações, salvo
    raríssimas exceções.

    • Spock

      E essas exceções são aqueles que fazem delações premiadas?
      Esse Tompkins por si só até agora só fez uma… suposta delação! Faltou citar nominalmente mais delatados!
      \//_

  • cyrocs

    Por falar em nazismo e Segunda Guerra Mundial, eu recomendaria a série televisiva “O Homem do Castelo Alto”, que se passa em um universo paralelo em que o Eixo venceu. Os Estados Unidos estão divididos em duas partes, uma sob o domínio alemão, e outra sob o domínio japonês. Já está na terceira temporada, e é baseada em um livro de mesmo nome, escrito em 1962 pelo falecido autor Philip K. Dick.

  • ptoledo

    Só um detalhe: Aldebaran não é um planeta, e sim uma estrela gigante vermelha…

  • Silvio Toledo

    Parece uma história que parte e um ponto de verdade e depois desencadeia numa grande obra de ficção. Se ele sabe de tudo isso então tem algum outro tipo de prova física não é? Ah, não tem! Como sempre!

  • Nonato Pinheiro

    Até que é interessante ver essas histórias secretas, de espionagens durante a guerra! Mas essa outra história de que a pessoa entrou em contato com seres de outro mundo, aí a gente começa a desconfiar da seriedade do informante! Ora, se a Alemanha já tinha discos e aviões a jato! Por pouco não tomou conta do mundo! O pior mesmo era o “Plano B”: implodir o Planeta com a bomba atômica! Isto porque a mente doentia era a seguinte: “Já que eu não ganhei, de novo, agora não vai sobrar nem pra mim, nem pra ninguém!” Plum! E adeus, Planetinha azul! O Plano “C” foi esse de “discos voadores com tripulação esquisita”…Os Ets foram criados nos laboratórios da ss, através de experiências com embriões humanos e de outros bichos. A ideia foi a seguinte: Se nada der certo, voltaremos triunfantes, do céu, fazendo os bestas acreditarem que somos deuses, de outros planetas! Os índios achavam que os portugueses e espanhóis eram deuses! Lembram-se?