Anomalia no céu de Avaré, SP – Brasil, é investigada pela MUFON – Peru

Tempo de leitura: 7 min.

Em 11 de fevereiro passado, foi publicado aqui no OH um artigo com fotos tiradas por Aquilino Cesar e enviadas a nós por Cauby Bocado, as quais mostravam algumas anomalias no céu da região de Avaré – SP.

Uma dessas anomalias, foi analisada por Fernando Távara, da MUFON – Peru.  Abaixo está a tradução do artigo, cujo original, publicado em espanhol, pode ser acessado neste link: mufonperu.org.

Uma anomalia singular foi registrada no céu de Avaré, São Paulo (Brasil), por um morador, acompanhado de outras testemunhas.

Localização das testemunhas no momento do avistamento: Avaré, São Paulo – Brasil.

 

Dados principais do avistamento

Data: 7 de fevereiro (2015) – 18h30

Local: Avaré, São Paulo (Brasil)

Câmera utilizada: Canon 60D com lente de  75-300 mm, ISO 200, F 8.0 . velocidade de disparo 1/2000

 

Testemunho:

Respondo as suas perguntas:

– Vimos a anomalia à primeira vista.  Minha esposa a viu por primeiro e me chamou.  Ajustei a câmera e tirei as 13 fotos em modo sequencial.  O objeto, seja lá o que for, se movia.  Estava longe demais, primeiramente pareceu se mover em nossa direção.  Foi quando tirei as fotos.  Logo se moveu em direção oposta e desapareceu.  Se prestar bem a atenção nas últimas fotos, quando o objeto se distanciou, ou o que seja, parece que possui um formato diferente das primeiras fotografias e o ângulo parece ter mudado.  Pode-se ver também um galho de uma árvore fora de foco na fotografia, que acaba dando uma referência do que ocorreu.

– Estávamos no pátio de nossa casa e não havia vidro ou janela entre a câmera e a anomalia.  Estávamos ao ar livre e a objetiva da câmera estava limpa.  Cuido bem do meu equipamento.

Como mencionado no testemunho, a testemunha reportou 13 fotos na base de dados da MUFON.  As fotografias possuem excelente qualidade, e além disso, um ponto muito importante, é que também foram incluídas as imagens CR2, que são no formato RAW* (formato de imagem sem modificações) utilizadas pelas câmeras Canon.

* RAW: “Formato de imagem sem modificações”, é um formato de arquivo de imagens que contém a totalidade dos dados da imagem, tal como havia sido captada pelo sensor digital da câmera fotográfica.

 

Fotografías

Das 13 fotos tiradas pela testemunha, foram selecionadas as seguintes, que vêm a ser da primeira e última das fotografias tiradas.

Foto 1: A primeira de um total de 13 fotos sequenciais tiradas pela testemunha. Pode notar-se (no centro) a presença da anomalia. Além disso, muito próximo da anomalia pode-se ver um ponto branco esférico, que provavelmente se trata de uma estrela.

 

Foto 13: A última de um total de 13 fotos sequenciais tiradas pela testemunha. Pode-se notar (no centro) a presença da anomalia.  Além disso, muito próximo da anomalia pode-se ver um ponto branco esférico (porém mais afastado) que provavelmente se trata de uma estrela.

Ao ampliar a  anomalia, pode-se notar que a mesma aparenta ser formada por três parte, cada uma parecendo  mostrar luminosidade própria, ou podendo ser a luz solar refletida; mas temos que levar em conta o horário, 18h30.

Nas primeiras observações pode-se pensar que se trata de uma nuvem, que obviamente refletia a luminosidade.  Contudo, neste caso, a estrutura e forma quase discoide das três partes da anomalia, inclusive essa luminosidade estranha, diferente de nuvens ao entardecer, e a forma do halo, faz com que a alternativa de que seja uma nuvem não ser aceita totalmente.

Ao ampliar mais a anomalia e aplicar filtros, nota-se (no recorte da primeira foto) melhor a presença de uma luminosidade avermelhada intensa, separada do halo luminoso que rodeia o resto da anomalia.  Poderia ser um reflexo, poderia ser a própria luminosidade, é complicada a sua determinação.

Deve-se levar em conta que a anomalia se encontra à grande altitude, pois somente vendo as imagens a toda resolução notamos a grande distância que separa a lente da câmera até o objeto.

 

 

Dois slides da anomalia

Os seguintes slides das imagens mostram a ordem cronológica de cada uma das fotos, realizando um ampliação da própria anomalia aérea.  Ao se passar pelas imagens dos slides, uma a uma, tem-se a impressão de que a anomalia está se movendo, mudando sua estrutura e possível iluminação.  A um dado momento, se observa a luminosidade avermelhada; nas imagens seguintes se observa uma luminosidade celeste emanando de um ponto diferente; na imagem seguinte essa luminosidade celeste fica mais intensa.

Na última imagem dos slides, que por certo foi tirada a quase um minuto depois da penúltima foto, nota-se que a anomalia diminui de tamanho.  A impressão é a de que a mesmo gira, pois muda seu tamanho e baixa sua luminosidade.  Ao perceber isto, a testemunha disse que ela se deslocou e desapareceu.

 

Na seguinte sequência de slides, acreditei não ser conveniente realizar uma aproximação total da anomalia, para mostrar “algo mais” que pude notar ao observar as imagens. Pode-se ver uma espécie de pequena esfera, evidentemente mais longe do que a anomalia principal.  Segundo o que se vê, é possível que se trate de uma estrela (e que poderia começar a ficar visível, quando se considera o horário: 18h30).  É difícil determinar qual estrela poderia ser, caso seja uma.

Em outra imagem em que foram fornecidos o dia e a hora pela testemunha, que foi tirada no mesmo dia, mas aproximadamente uma hora depois (2015:02:07 19:29:52), ainda existe um brilho solar e também pode-se ver a esfera, o que confirmaria que se trata de uma estrela.  A boa qualidade das imagens torna possível visualizar isso.

Vejam nesta sequência de slides o movimento da anomalia, tomando como referência a estrela (dentro do quadro vermelho).  Tomemos em conta que as 13 imagens foram tiradas de maneira sequencial, possivelmente em modo ‘rajada’, pois há uma diferença de um segundo ou menos entre fotos (constatada nos dados EXIF, e nos dados dos arquivos de formato RAW (CR20-Canon)).  Apesar das imagens pertencerem a quase o mesmo instante, a forma dos fotogramas mostram movimentos irregulares realizados por parte da anomalia, tomando-se como ponto de referência a estrela.  É possível que tal anomalia tenha realizado movimentos rápidos para mudar sua posição drasticamente entre uma imagem e outra.

 

Imagem capturada no mesmo dia, porém uma hora depois: 19:29:52

A testemunha enviou uma nova foto, que seria a imagem número 14, e que foi tirada no mesmo dia (7 de fevereiro de 2015), mas aproximadamente uma hora depois, ou seja às 19h29min52seg.

Neste imagem, novamente, pode-se ver a estrela, na mesma posição, tomando como ponto de referência a árvore presente no pátio da testemunha. (Alguns galhos da mesma árvore aparecem também na fotografia de número 13).

A imagem teve que ser cortada, devido à sua grande resolução.

Fotografia tirada uma hora depois do avistamento.  Foram aplicados filtros à estrela para melhor análise.  A estrela também pode ser vista nas 13 outras imagens fornecidas.

Devido as dúvidas que surgiram do porquê que seria 19h30, ou 18h30, embora haja luz solar suficiente no céu de Avaré, a resposta é evidente: Em fevereiro deste ano (2015), o por do Sol nessa localidade de São Paulo ocorria às 19h51 aproximadamente.  Veja o seguinte quadro, obtido deste link.

 

Conclusão

  • A anomalia mostra estrutura e luminosidade diferentes de uma nuvem.
  • Foi demonstrado nos slides, tomando como ponto de referência a estrela, que a anomalia possuía um movimento, e não um deslocamento linear, mas sim movimentos irregulares (parece se aproximar do ponto de referência e logo se afastar) e tudo isso ocorre em aproximadamente um minuto.
  • Há uma imagem capturada uma hora depois do avistamento, onde pode-se ver a mesma esfera esbranquiçada na mesma posição (tomando como ponto de referência os galhos de árvore do pátio da testemunha). É por isso que chegou-se à conclusão de que se trata de uma estrela.
  • As imagens recebidas são originais. Além dos formatos JPG também foram enviados os formatos RAW (CR2 – Canon), daí o embasamento para crer que sejam originais.
  • As horas declaradas pela testemunha foram validadas com os dados EXIF.
  • Não foram encontrados relatos de fenômenos atmosféricos naquele dia.  Além disso, o clima era estável e o céu limpo (como pode-se ver nas imagens).

Há muitos fenômenos atmosféricos que ocorrem diariamente sobre nossas cabeças e que desconhecemos; fenômenos que até esta data, apesar de termos tecnologia necessária, permanecem um mistério total.  Pode-se pensar que um desses fenômenos foi o que se apresentou aquele dia no céu de Avaré, todavia…

– A luminosidade anormal da anomalia e que muda drasticamente.

– Os movimentos irregulares vistos nos slides, e também relatados pela testemunha.

– A mudança do formato e estrutura da anomalia.

– O fato de que não foi possível relacionar a 100% com algum tipo de nuvem, devido à luminosidade e densidade apresentadas pela anomalia.

– O fato de que, segundo as imagens, tem-se a impressão de que a anomalia seria constituída por três ou mais objetos luminosos.

Deduz-se que estamos diante de um incidente aéreo desconhecido, que poderia ser catalogado como OVNI, ou como um fenômeno aéreo desconhecido.

Fonte: mufonperu.org

Colaboração: Aquilino Cesar

AvaréBrasilMUFON PeruovniOVNI HojePeruSPufo
Comentários não são disponíveis na versão AMP do site. (53)
Clique aqui para abrir versão normal do artigo e poder comentar.
  • lee1545

    “Este objeto é idêntico ao qual visualizei no dia 19/01/2015” esta é copia do comentário que fiz>

    Ola, o qual avistei foi durante a tarde em taubaté, dia 19, por volta das 18:00 e ficou parado onde as pessoas fazem caminhada, em uma avenida com movimento, somente durantes estes horários, ficou aproximadamente uma hora, era duas esferas intensas e luminosas, o céu estava limpo, era dia ainda, não estava com celular no local, porém todas as pessoas que estavam caminhando viram o objeto e ficaram admirando até que desapareceu do local onde estava estacionado.
    fiz uma representação do que vi, e também não vou deixar de acrescentar que durante o período que ficou estacionado o ambiente da avenida, que estava calor, ficou muito gelado.
    as cores são fieis.

  • NlNGUEM

    Boa noite!

    E como se diz a qui nos Sul:    Bota longe nisso!!!

    Fui

  • Audaciosamente Indo Onde Nenhum Homem Jamais Estev

    Mais um mistério a desvendar, agora encontrei uma tremenda coincidência, sera que sou muito fã?
    Um dia as respostas surgirão até lá OVNI hoje e sempre Abraços a todos.

  • 666Dark

    Com certeza é um BVNI………..Borrão voador não identificado!

  • Drica14

    Moro em Avaré,  esse já é o 4 relato de visão de ovni que eu saiba por aqui, fora o que eu ví.
    Fiquei feliz pelo pessoal de minha cidade estarem atentos aos fenômenos. 
    Avaré fica a 80 km de Botucatu e pelo jeito nossa região vai confirmando o descrito abaixoSão os locais com mais avistamentos de OVNIs do Brasil.Cidades de Riolândia, Analândia, Buritama, Botucatu, Araçoiaba da Serra e Peruíbe no interior do estado de São Paulo
    Bora olhar para o céu …..
    https://www.youtube.com/watch?v=WqI8Y1K92L4
    http://jornalacomarca.com.br/fotos-de-objetos-nao-identificados-na-represa-geram-repercussao-em-avare/

  • Roberto Felix Correia

    Se alguém identificar essa “coisa distorcida” como uma nave espacial extraterrestre, eu como meu chapéu!!!!

  • Eduardo Lbm

    Roberto Felix Correia Eu vou buscar o saleiro, aguarde!

  • 666Dark

    Drica14 Com certeza é um drone.
    Abraço.

  • NlNGUEM

    Roberto Felix Correia Bom dia 

    E eu como o meu par de botas para trakking, e olha que a sola é pregada com taxinha! hehehe

    Eduardo, dispenso o sal sou hipertenso!

    Abraço.

    Fui

  • AleksanderLima

    NlNGUEM 666Dark Drica14

    A mesma resposta do face vou dar aqui ..

    QUE DRONE ? Não existe drone em forma de luz, e ainda nesse formato bizarro 
    O cara do vídeo ainda comenta que o local estava instável com ventanias

  • ricardomacmor7

    Roberto Felix Correia e isso ai amigo,falou tudo,e outra coisa,não entendo a falta de iniciativa da pessoa que tirou foto e não filmou e incrível e para ficar na duvida mesmo como todos os outros casos que não da em nada pois não e nada.

  • Marujo

    Deixando de lado o que possa ser o tal objeto (voador não identificado), e me atendo à análise das fotos, gostaria de ouvir a opinião de “nossos” técnicos em imagens digitalizadas (será que o Eduardo também trabalha com isso?).
    – O estudo foi completo?
    – Alguma outra verificação deveria/poderia ser feita e mencionada?

  • NlNGUEM

    Marujo Boa tarde!

    Marujo o objeto estava longe de mais da câmera, com 15% por cento de aproximação a foto quadricula alem do que não foi usado tripé ou outro tipo de apoio para fotografar o que nesta distancia é quase que impossível não borrar (tremer) por melhor que seja o estabilizador da lente. 
    Além do que ela é uma foto “quadrada” que não chega a 80×80 dpi (pixel por polegada) com uma intensidade de pixel menor que 30,quando o normal são 300 dpi (pontos ou pixel por polegada).

    É  impossível tecnicamente definir com exatidão (e seriedade)  que objeto é este que foi fotografado.

    Se não tivesse testemunhas afirmando que o objeto estava flutuando “parado” eu juraria que era um avião de passageiros, mas como o objeto pairava fica muito difícil saber o que é.

    Abraço.

    Fui;

  • NlNGUEM

    666Dark Drica14
    Drone!!! sem sombra de dúvida.

    Fui

  • NlNGUEM

    666Dark Boa tarde.

    Isto ai é o famoso BBB ( Borrão Branco Brasileiro) heheheh
    Este tipo de coisa é prato cheio para os céticos! Ai nois merece!

    Fui

  • AntonioMunizGomezGomez

    Eu acredito que esta imagem não tenha nenhum trabalho de edição. E o que o objeto é não identificado, e têm dirigibilidade não se tratando de balões. Sendo assim creio que o morador de Avaré tenha tido seu contato de 1º grau e está de parabéns por se juntar as pessoas que têm esse privilégio. Seja bem vindo ao clube.

  • Drica14

    666Dark Drica14
    Olhe o filme desde o começo agora e veja a ventania que estava. Fora que no descampado da represa venta o dobro. Acha que tem algum modelo de drone que ficaria no ar?
    https://www.youtube.com/watch?v=0pyZa2qx1ds

  • AntonioMunizGomezGomez

    O objeto da reportagem de Avaré é semelhante ao que vi em Fortaleza. http://jornalacomarca.com.br/fotos-de-objetos-nao-identificados-na-represa-geram-repercussao-em-avare/

  • Drica14

    666Dark Drica14
    E atente que nos 0,58  a criança fala que tem uma coisa alí na água. Eram 2 objetos iguais. Um escuro na água e um brilhante no céu. Se fosse borrão a criança não falaria. E drone…..nesta ventania?Tem alguém entendido em drones aqui para levantar essa possibilidade para a gente? Pq ninguém até agora conseguiu explicar.

  • AntonioMunizGomezGomez

    Drica14  Drone não, ninguém ia ser doido de perder um drone com ventos tempestuosos.

  • AntonioMunizGomezGomez

    666Dark Drica14  666 Dark, você nunca viu um objeto voador não identificado com seus próprios olhos?

  • Roberto Felix Correia

    Eduardo Lbm Roberto Felix Correia 
    Valeu, pelo menos tem tempero, hehehehehe…

  • Roberto Felix Correia

    NlNGUEM Roberto Felix Correia 
    Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk………

  • ACesar

    ricardomacmor7 Roberto Felix Correia

    Desculpa, tive somente um minuto para preparar a câmera e 10 segundos para fazer as fotografias.  Não curto muito filmes, mas prometo que ainda vou fazer um….

  • ACesar

    Drica14

    Nossa cidade é abençoada….e faça isso mesmo, continue olhando para o céu. É lá que as coisas aparecem….

  • ACesar

    NlNGUEM 666Dark

    Vocês viram, ou presenciaram algum avistamento?

  • ACesar

    NlNGUEM

    Realmente estava muito longe. Uzei a zoom 300mm que na Canon 60D dá aproximadamente o efeito de uma lente de 500mm quando a câmera é full frame….

  • Marujo

    ACesar Marujo 
    Obrigado pelo retorno.
    Na verdade, Cesar (mesmo nome do meu filho), poucas vezes, aqui, temos visto fotos produzidas com o mesmo cuidado por parte daquele que as obtêm. E, menos ainda, acompanhadas de um laudo sobre a sua autenticidade.
    Parabéns pelo avistamento e pela coragem de publicar as imagens capturadas.
    Vai um abraço.

  • tmago

    Bom trabalho ! Apesar de não dar p afirmar, um objeto luminoso é filmado, levando em conta o relato, não pode ser avião. Que piloto daria um 180 num avião ? Foi obrigado a voltar ? E o rapaz sabe muito bem distinguir um avião. Enganar a galera aqui? Não ganharia nada c isso, pois não disputamos campeonatos de esperteza. Valeu Moço !

  • sanduul

    Drica14 ola.
    Avistamente de ovnis no brasil se concentram em grande parte onde exista lago,lagoa,rio,represa etc.

    Fiz essa relaçao com relatos de varios membros do forum da extinta CUB.

  • JoaoCabral

    666Dark Drica14 Com certeza não é um drone.

  • JackDR

    Drica14
    Vários drones possuem estabilizadores para mantê-los o mais alinhados na posição possível.

    Além disso, o vento na altura do objeto podia ter velocidade diferente da que estava na altura do veículo e do solo.

    Não se falou sobre o tipo de câmera que utilizou para a imagem, logo os 4 pontos brilhantes podem ser reflexos, formando um efeito não intencional.

    Como, mais uma vez, não há nitidez nas imagens pode ser qualquer coisa. O leque de opções é grande.

    Acredito que a filmagem seja genuína. Resta saber:
    – este local é rota de aviões de grande porte? Imagem igual se tem aqui no Rio, das aeronaves vindo do nordeste, pela baía de Guanabara em direção ao aeroporto internacional. Eles chegam de faróis acesos (como manda a regra para aterrissagem). Durante uns 3 minutos, para quem olha do aterro, vê-se uma luz parada no céu, mais brilhante que uma estrela.
    – os fenômenos ocorrem sempre no mesmo período do dia/noite?
    – a visão é sempre do mesmo local?

    A partir destas respostas, podemos ter mais pistas do que se trata.

    abs,

  • tmago

    ACesar ricardomacmor7 Roberto Felix Correia ACésar o vídeo daria uma maior noção das manobras e velocidades, assim como a chegada e saída, mas isso não pode denegrir o seu trabalho, eu pelo menos confio nas pessoas até q provem o contrário. Só não dá para afirmar, mas agradeço por nos trazer o seu trabalho. Continue assim !

  • tmago

    AleksanderLima NlNGUEM 666Dark Drica14 Eu acho q os melhores drones são os q servem a guerra, e nem podem ser iluminados. Viajar em LUZ, não é coisa de humanos, só se for de carona. Nenhum governo terrestre está c essa bola toda, só vejo MÍDIA de ambos os lados !

  • tmago

    Drica14 666Dark Boa, Menina !

  • tmago

    sanduul Drica14 Dá o q pensar. Se olharmos a Terra de fora dela, veremos o Planeta Água !  kkkkk

  • Drica14

    JackDR Drica14
    Oi, a filmagem é genuína te garanto. Creio que tenha sido feita com celular.
    Não é rota de avião. Esse vídeo foi feito durante a tarde e o ovni que ví foi bem no fim da tarde. Agora o  dos outros relatos eu não sei. 
    Não é na mesma posição que eles apareceram, nem no mesmo dia. 
    2 foram vistos na represa , mas em lados opostos da ponte e em dias bem diferentes.
    O dessa postagem do Ovini Hoje e o que eu ví, na cidade. (formatos diferentes, movimentação diferente)
    Quanto isso da ventania ser diferente lá para cima, pode ser possível, mas não sei…era um temporal, além de que aparece um outro objeto igual flutuando acima do espelho dágua no mesmo momento mas sem emitir luz. Então quer dizer que este estava com certeza sobre ação do vento. 
    Gostaria muito que ufólogos tarimbados estudassem esse filme. Mas parece que até agora….

  • Drica14

    ACesar Drica14
    Obrigada pela sua inciativa em filmar. 
    Eu não tive a oportunidade pelo tempo. Estava deitada no quintal olhando para o céu que no dia estava com algumas nuvens, quando passou rápido demais em linha reta na direção de SP. Não parecia avião pela velocidade e luzes. Parecia com o deste filme só que com uma velocidade espantosa. Vc já sabia deste caso do Amauri Aurani? Procure-o, que sabe vc o ajuda a mandar o filme para ser estudado e trocar informações.
    Grande abraço
    https://www.youtube.com/watch?v=qOwrbdiXolk

  • 666Dark

    AleksanderLima
    É mesmo? E os 4 braços que aparecem no objeto, seriam o que ??
    Quanto ao vento, seria forte também lá em cima??

  • 666Dark

    AntonioMunizGomezGomez 666Dark Drica14 Já 2, porque ??

  • 666Dark

    ACesar NlNGUEM 666Dark Sim 2 e um dles muito nítido.

  • Leo Braga

    Trabalho bem elaborado anulando supostas fraudes. O que diz a segurança nacional sobre o ocorrido?.

  • ACesar

    666Dark ACesar NlNGUEM

    Chegou a fotografar?

  • ACesar

    Drica14 ACesar

    Me adiciona no face. Preciso te fazer umas perguntas…

  • ACesar

    Leo Braga

    Leo, o trabalho foi feito pela Mufon Peru, a pedido da Mufon USA, para onde enviei as fotos. O único lugar no Brasil que elas estão são aqui e no Facebook. Tem algum canal oficial da segurança nacional  onde poderia enviar isso?

  • 666Dark

    ACesar Infelizmente não, no tempo que vi, nem tinha máquina e apenas um telescópio de 60 milimetros que ao montar para ver o objeto uma núvem pequena o cobriu e quando passou ele se foi com ela! Deu a impressão de que ele não queria que o observasse de perto.

  • NlNGUEM

    AntonioMunizGomezGomez Drica14
    Um Drone militar multi hélice (aqueles que não tem formato de avião) “travado” com com nove ou mais satélites resistem rajadas de vento de  até 100kh!!

    Os Drones de “brinquedo” normalmente tem seu voou “travado” com até sete satélites e resistem rajadas de vento de até 10m/s.( na prática até hoje te juro que ninguém testou isto além dos fabricantes hehehehe

    Enquanto um parapente ou asa delta não resistem rajadas de vento de mais de 20Kh, sem perder a estabilidade, isto não quer dizer que irá cair mais ficará difícil de controlar.

    Abraço.

    Fui

  • ACesar

    666Dark ACesar
    Por isso eu te falo…Se já é difícil ver imagine fotografar!…Essa é a quinta vez que  fotografo/vejo…As 3 primeira fotografei e somente ví depois….as 2 ultimas vezes presenciamos…Essa aí é a meu ver a mais “fraquinha” pois estava muito, mas muito longe mesmo. Mesmo assim, mandei para uns sites internacionais e ele postaram, começaram a aparecer estudos e aí resolvi enviar para o Mufon. Esse Fernando Tavara que fez esse estudo é um cara muito criterioso. Gostei do estudo dele. Você chegou a ler ele todo?  Quanto a vc que já presenciou, procure sempre ter uma câmera a mão…como viu mais de uma vez provavelmente eles vão voltar….

  • felipezvetch

    É a Enterprise !

  • Audaciosamente Indo Onde Nenhum Homem Jamais Estev

    felipezvetch Já falei isso tá la embaixo kkkkkkkkkk

  • Audaciosamente Indo Onde Nenhum Homem Jamais Estev

    Roberto Felix Correia Estava gostoso o chapéu? kkkkkkkkk