Cientista sugere que alienígenas possam ser enormes

Tempo de leitura: 2 min.

O seguinte artigo foi publicado no site da revista Newsweek:

Alienígenas, se eles existirem, provavelmente são enormes.  Pelo menos esta é a conclusão de um novo trabalho pelo cosmólogo Fergus Simpson, que estimou que a média de peso de extraterrestres inteligentes seria de 300 quilos, ou mais.  O ET (do filme com o mesmo nome) seria minúsculo em comparação com estes gigantes interestelares.

O argumento dele é baseado num modelo matemático, o qual presume que os organismos em outros planetas obedecem as mesmas leis de conservação de energia que vemos aqui na Terra – ou seja, os animais maiores precisam de mais recursos e despendem mais energia, assim são menos abundantes. Há muitas pequenas formigas, por exemplo, mas muito menos baleias e elefantes.

Assim, por todo o Universo, como é o caso na Terra, provavelmente há mais animais pequenos do que grandes, diz Simpson, um cientista da Universidade de Barcelona.  Já que o número de planetas habitados por animais pequenos seria muito maior do que a quantidade de mundos onde os grandes predominam, é muito provável que estamos num planeta com animais relativamente pequenos – e somos provavelmente um dos menores seres inteligentes, disse ele.

Simpson diz que um certo tamanho mínimo provavelmente é necessário para a vida inteligente, e ele usou uma gama de tamanhos diferentes de corpos encontrados em animais na Terra para chegar à uma distribuição mais provável de organismos em outro planetas.

Eu penso que o cálculo do tamanho médio é razoável“, diz Duncan Forgan, um cientistas da Faculdade de Física e Astronomia da Universidade de St. Andres, que não teve parte no trabalho, o qual foi publicado no site arXiv.org.

Porém, há muitos fatores que os cálculos não levam em consideração, diz Forgan, parcialmente porque simplesmente não é plausível fazer desta forma.  O trabalho de Simpson “não endereça a correlação entre a massa corpórea e a gravidade da superfície do planeta“, por exemplo, disse Forgan.  Espera-se que os planetas com força gravitacional mais forte tenham animais menores; num planeta minúsculo com gravidade fraca, você poderia esperar o oposto.  Todavia, no total, levando isto em consideração, “poderia empurrar o tamanho médio para baixo um pouco, mas é difícil dizer sem fazer um cálculo mais apurado“, disse Forgan.

Seth Shostak, um pesquisador do Instituto SETI, disse que o trabalho o lembrou de um outro trabalho anterior que ele havia feito, sugerindo que quaisquer extraterrestres que pudéssemos eventualmente encontrar tenderiam a ser grandes, já que os animais maiores vivem mais tempo, e os organismos com vida mais longa são mais prováveis de desenvolverem o tipo de tecnologia necessária para fazer contato com os humanos.

Todavia, este trabalho, bem como o de Simpson, é somente especulação. Coisa fascinante e divertida, mas ainda especulação.  “É interessante, mas realmente não há dados concretos para se trabalhar“, ele disse.  Somente temos o nosso planeta e seus habitantes para servirem como modelos do que a vida se parece.  Este trabalho, como os outros, presume que a Terra seja “típica” ou um planeta dentro da média. e usa a informação daqui para presumir sobre o desconhecido.  Mas e impossível saber se isso é apropriado fazer, a partir de um ponto científico.

O trabalho também não levou em consideração quaisquer tipos de teorias evolucionárias, disse Shostak (que, para ser justo, nem mesmo poderão ser plausíveis neste tipo de cálculo).  Apesar dos animais maiores tenderem, em geral, a ser mais inteligentes do que os pequenos, tudo é relativo – nós não somos, é claro, o maior organismo do planeta. Na verdade foi o nosso polegar oposto e postura ereta – não a nossa massa corpórea – que permitiu que nossa inteligência florescesse, disse Shostak.

Ursos polares são grandes, mas não escrevem literatura, nem constroem torres de rádio“, disse Shostak rindo, “e muito disso é provavelmente devido ao fato deles caminharem por aí nas quatro patas.

n3m3

Fonte: NewsWeek

Colaboração: Alexandre Fonseca de Oliveira

alienígenasETsextraterrestreFergus SimpsongigantesOVNI HojeSETI
Comentários não são disponíveis na versão AMP do site. (152)
Clique aqui para abrir versão normal do artigo e poder comentar.
  • Terezinha Borba Elias

    Eu acho que existem seres de Diversos tamanhos!

  • Valdecir Zimmermann

    Depende do tamanho do planeta deles.. é tudo proporcional.

  • Christian Andersen

    sempre falei isso

  • serlon10

    Roberto Luciano isso pra anunciar vida microbiana,vida inteligente só daqui mais 200 anos..

  • fran01

    Lembrei do filme Nevoeiro….

    Se os seres são desse tamanho eles precisam de naves imensas.

    E, os tais baixinhos que tantos militares viram?

  • fran01

    Roberto Luciano

    E, será que a vida é daquele tamanho ali?

  • Helton Francischetti Pires

    Ae muito loko a parada aí!

  • Marlon F Moreira

    Somos tão !! Tão! pó

  • DanielFigueredo

    Vem em quatro sabores: chocolate, creme, coco e castanha. Peça já o seu!

  • AntonioCarlosAD

    Ele está certo em um ponto, que a inteligência não é previsivel por tamanho, nem um pouco somos os maiores seres na Terra, todavia, penso eu, ao contrário do cientista, que a teoria evolucionista pode ser aplicado em outros mundos do universo, tendo em vista que procuramos vida tendo por base os componentes quimicos que podem surgir a vida, ou seja, onde existem agua, oxigênio, etc.. A vida lá fora, se existir, não é muito diferente da terra, eles podem estar ainda nos tempos dos dinosauros ou adiante a nós, porém, por principios, devem ser iguais a terra.

  • Paleoseti

    Não consigo imaginar um monstrengo desse num laboratório pesquisando nanotecnologia e nem um dinossauro montando um relógio de pulso.
    Acredito que para esses tipos de serviços, tem que ter um formato próximo do humanoide. A não que eles não usem as mãos, usem o poder da mente (viajei).

  • marcelofritz85

    Para mim só o fato de existir mãe dagua que ascende luz e possui milhares de cerebros e nenhum olho em qualquer praia, só isso ja mostra o quao estranho a vida extraterrestre pode ser.

  • nilton monteiro lopes

    bem,nao concordo com simpson,nao adianta querer generalizar as criaturas,a inteligencia esta contida nelas especificamente,a formiga e pequena mas muito inteligente,mede ate o palito que corta pra carregar,e a inteligencia nao he diferenciada pelo tamanho,nem por luxuria ou desconforto ou melhor pobreza,ela esta no meio das criaturas sem distinçao,um abraço a todos fui……i…………………………

  • emsj

    Talvez a melhor forma para um ser inteligente seja a forma humanoide (chamamos humanoide como se nós fôssemos os primeiros a ter essa forma). Não consigo imaginar uma forma mais versátil. Mas o universo é muito vasto, talvez a forma dos aliens seja algo nunca imaginado nem no cinema.

  • Drizzt Do'Urden

    Fanfarrão.

  • Elias Roth

    É o caso então de os extraterrestres de algum planeta distante chegaram aqui, na Terra, há alguns milhões de anos atrás, e contemplando os dinossauros, diriam: estes são os humanos daqui? Esta é toda a vida inteligente do planeta Terra?
    A evolução da vida segue por muitos modelos antes de alcançar o padrão humanóide, definido até proporcionalmente pelo número áureo, a assinatura da perfeição e padrão de todo o Universo.
    Vemos claramente a lei da evolução agindo em marcha calibrada com esse referido padrão, como que atravessando células, vegetais, pequenos e grandes animais, até se apresentar no modelo por ela (a evolução) desejado, tido como perfeito, segundo a fórmula do número áureo, que é o modelo humano, este que começa a exercer a razão e o livre-arbítrio com inteligência, diferente das formas vivas anteriores.
    Então, é preciso fazer distinção aqui.
    Senão, chegaremos num planeta e veremos monstros como o da imagem acima e diremos: esta é a vida inteligente do planeta!
    E não é o caso. A vida evolui sob formas e formas, mas quando chega na maturidade da razão e da inteligência criativa, ela assume, MISTERIOSAMENTE, a proporção áurea e o padrão quinário de estrutura (cabeça, dois membros superiores, dois membros inferiores).
    É no corpo humano que a razão áurea está mais presente, se comparado a qualquer outro corpo de ser vivo. Praticamente todas as divisões e subdivisões das medidas do corpo tendem a FI.

    A vida, dentro da escala evolucionária, assume distintos modelos, cada qual com sua própria consciência básica e nível rudimentar de inteligência dentro de certos limites.
    O grande salto evolucionário se dá quando essa consciência assume razão pensante e vontade inteligente, chamando-se então humana, e esse “humano” é a regra do universo.
    Ora, se as galáxias. até elas, respondem ao padrão áureo, porque não pensar em um mesmo padrão para a vida na sua forma inteligente, seja em que mundo for?

    O grande mistério do Universo é o padrão áureo, a razão FI do Pentagrama-Dodecaedro.
    Elucidar esse mistério equivale a descobrir a fórmula que rege todas as coisas, quase como um lastro para a Teoria de Tudo.
    Não pensam ter descoberto a Partícula de Deus?
    Pois estamos diante do Número de Deus. Ele é a referência de toda evolução vital e mesmo galáctica.
    E a existência deste padrão FI regendo todo o Universo é mais do que prova de que o Universo pluralizado saiu de uma singularidade unitária. Se FI rege toda a dispersão de matéria, então, ele vibra de modo uníssono em todo o Cosmos.
    Nele está o grande segredo e a chave magna.
    Há quem tenha tentado nos avisar sobre essa chave todo o tempo de sua vida!

    Isso de Aliens inteligentes com tentáculos, doze pernas, quinze braços, cem olhos, e tudo mais, em contrapartida, é a maior bobagem do universo.

  • Beto Rabelo

    Baseado em quê? As espécies são produtos do meio, pressão, temperatura, radiação, alimentação, enfim, cada planeta tem as suas carscterísticas e particularidades gerando indivíduos diferentes, mais um chute idiota!!!

  • garotadeorion

    Elias Roth NOSSA! viajei… nunca tinha visto falar nisso.. muito legal

  • garotadeorion

    Paleoseti exatamente isso!, eu nao consigo imaginar um ser tipo aquele alien do filme da Sigourney Weaver, construindo uma nave capaz de viajar pelo universo, simplesmente nao sá, esses filmes que os aliens chegam a terra devorando as pessoas, aff, um ser com a capacidade de desenvolver tecnologia tão avançada, já deve ter perdido milênios atrás essa violência e carnificina que vemos nos filmes.. tem coisas que nao da pra imaginar

  • garotadeorion

    fran01 nao da pra imaginar essas seres enormes construndo naves, e de que tamando seria o planeta deles? muita doidera

  • cmtetony

    Cada vez mais eu penso que os cientistas são na verdade muito burros. Sem imaginação, mentes fechadas e sem noção.

  • cmtetony

    Pensar em um único modelo de ET é no mínimo burrice.

  • Elias Roth

    A Evolução da Vida não segue estatística, como sugeriu o pesquisador
    acima. Segue padrões, segue FI, a trilha da beleza, da perfeição e da
    harmonia.
    O Universo não é estatístico, é exato. A Estatística é a
    nossa forma de entendê-lo em certos departamentos por meio de
    amostragem e aproximação.
    Ciência inexata não pode explicar nem mapear a vida, que é exata.
    Agora, quando ETs humanóides caem em cavernas e involuem com o tempo, aí tudo é possível, quando então, mesmo humanóides, se deformam, com aquelas caras de gafanhoto ou aparências reptilianas dos relatos.
    Aí entra outra forma, a forma “diabóide”, mas isso é para outro forum…

  • Elias Roth

    “Há três espécies de mentiras: mentiras, mentiras deslavadas e estatísticas”
    Disraeli.
    Neste sentido, conforme teorizou Leonardo da Vinci, é que o homem está no centro do Universo, não o homem da Terra, mas qualquer humano extraterrestre que assume consciência e inteligência criadora à imagem e semelhança do Criador, e se Fi é o Criador, eis que a sentença é verdadeira.
    Qualquer um pode medir isso no corpo, e desde que não hajam deformações graves, veremos que a região dos órgãos sexuais está no centro do corpo, e que, dividindo a altura total pelo comprimento que vai do umbigo aos pés, encontraremos Fi = 1.618.
    E esse é só o começo da padronização matemática de Fi, que prossegue em incessantes subdivisões e departamentos, inclusive celulares.
    O ser racional e inteligente é o centro do Universo.
    E seu número é Fi.
    Esse é, sem dúvida, o mais belo e maior mistério de todo o Cosmos.
    Os pesquisadores deviam se lembrar disso em suas avaliações.

  • Paulo Henrique Paulino

    Na boa gente, que droga que esses caras estão usando? Deve ser uma droga alienígena…só pode! É muita merda, perdão pela expressão, que esse povo fala! Mal conseguem viajar aos planetas vizinhos e querem tirar conclusões de algo que sequer imaginam como é! Sem contar que se baseiam na nossa matemática e nas nossas leis da física, quando podem estar totalmente equivocados e elas não se aplicarem ao espaço profundo e como as coisas nele funcionam!

    Seres Humanos sendo Seres Humanos…apenas isso!

  • Elias Roth

    Paulo Henrique Paulino 
    Esse é o problema de usar a estatística. Por aproximação, tem sempre um percentual de acerto competindo com outro de erro.
    Mas Deus não joga dados com o mundo, e nem o criou por estatística.
    Abraço!

  • 666Dark

    Finalmente está “explicado” porque se observa naves gigantescas em volta do Sol!!
    Os ETs dessas naves devem ter mais ou menos 1 ou 2 mil metros cada um! Nóis merece…

  • daianinhapp

    OVNIHoje rs.

  • daianinhapp

    OVNIHoje Só falta eles sofrerem bulling pelos humanos, coitados, rs.

  • Elias Roth

    Eu teorizo que o número áureo, extraído da raiz do número 5,  seja um
    padrão universal de distribuição de matéria, qualquer matéria, sobre o
    tecido espacial. Por isso ele padroniza tanto as galáxias como os seres
    vivos, e se padroniza todos os seres vivos do nosso mundo, porque não
    padronizaria seres vivos dos outros mundos ao longo da espiral
    evolucionária que, aliás, é a forma de ser obtido numericamente (a
    espiral ou série de Fibonacci). A matéria tende a se distribuir e se
    organizar no espaço segundo Fi, quando então encontra uma espécie de
    equilíbrio estrutural e funcional.
    E pensar que Moisés escreveu as Leis do Universo em cinco livros, chamados Torá ou Pentateuco?
    Coincidência? Ou Presciência?

    Os pitagóricos tinham esse número por Deus, e hoje podemos entender o porque disso.

  • Elias Roth

    garotadeorion Paleoseti 
    É de se desconfiar porque a Indústria do cinema e mídia em geral querem por força enfiar no subconsciente das pessoas as imagens de todos os tipos de monstros, não só alienígenas como vampiros, zumbis, lobisomens, freds, chucks, transformers, etc etc.
    Nunca se questionaram, amigos, sobre isso?

  • Elias Roth

    Ps: se bem que grande parte dos animais já possui o padrão quinário dos quatro membros/patas e cabeça: o que significa a evolução da inteligência nas formas, até atingir o seu ápice, no homem.
    Embora isso não seja regra, já que animais altamente evoluídos, como baleias e golfinhos, não cumpram tal modelo.

  • dsilva210

    Mais uma vez os cientistas, fazendo suposições, comparando a vida como conhecemos, existe vida tudo conter jeito nesta imensidão de universo, acredito que exista seres do tamanho de uma formiga como seres com alguns metros de altura, e sem contar que a vida tem a incrivel capacidade de se adaptar em lugares considerados, impróprios para qualquer tipo de vida que conhecemos, agora imagina os tipos de vidas que não conhecemos.

  • Roberto Felix Correia

    dsilva210 
    Essa coisa aí, que emitiu sua suposição, com certeza não pode ser chamado de cientista, pois querer tirar uma conclusão dessas levando em conta apenas a vida que existe num planetinha no canto de uma galáxia em um universo com milhares de galáxias iguais…
    Não tem nem como levar na piada a “teoria científica” dele…
    Zé ninguém  querendo aparecer detected…

  • Roberto Felix Correia

    fran01 
    Vou processar por discriminação: O cara afirmou, por tabela, que baixinho não pode ser inteligente!!!
    Cadê meus direitos????

  • Elias Roth

    Paulo Henrique Paulino 
    A droga que ele usa? Uma droga chamada especulação, circulando livremente em todos os meios onde a verdadeira e inspirada inteligência se encontra extinta, dando asas à todo tipo de fantasia, o que não é atributo exclusivo dos partidos místicos.
    É o delirium tremendum das mentes sem luz e sem intuição.

  • Elias Roth

    Se a alma/espírito das coisas é uma coisa só, porque não tenderia a um modelo-padrão de corpo físico em todos os planetas do Universo, quando tal alma amadurecesse em consciência e inteligência racional, como a nossa?
    Se a essência é universal, porque não pode haver a idéia de um corpo padronizado, embora com diferenças ambientais de planeta para planeta?
    Isso me soa perfeitamente lógico em um universo que saiu de um ponto, de uma singularidade, demonstrável pelo nosso querido e estimado padrão áureo.

  • Andre Caneva de Andrade

    Talvez nós sejamos enormes em relação a eles.

  • emsj

    Elias Roth “Deus não criou o mundo por estatística”. Essa é boa. Se fosse assim, não existiriam doenças genéticas, gêmeos siameses e etc. A natureza trabalha com probabilidades. Eventos com maior probabilidade, ocorrem com maior frequência, mas os eventos com baixa probabilidade também ocorrem.

  • dsilva210

    Ylla dsilva210 Isto me cheira também monopólio, daqui uns tempos, todos produtos e serviços, estará em mãos de poucas grandes companhias, que comprou todas as outras, resultado disso, não terá concorrência, essas podendo colocar o preço que quiserem.

  • emsj

    garotadeorion Paleoseti  Mas, no filmes de terror, o extraterrestre é apenas um pretexto para um filme de monstro. O monstro pode vir de um pântano, de uma floresta ou de outro planeta. Extraterrestres evoluídos a ponto de viajar pelo espaço devem ter mais o que fazer do que ficar devorando humanos por aqui.

  • emsj

    Inversamente proporcional. Quanto maior o planeta, maior a gravidade, logo, espera-se que os seres sejam menores.

  • SidneySantosSantana

    isso explicaria o tamanho dos humanoides na lua visto pelo o google eart.

    link do video:      http://adf.ly/1EK64t

  • tmago

    Roberto Felix Correia fran01 Rui Barbosa !

  • tmago

    Balela ! A única pessoa na Terra capaz de afirmar isso é a Hannah !
    Gatona, O ET Loirão era Grandão ? kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • serlon10

    666Dark deve ser por isso que eles não põem os pés aqui na terra…..Nóis merece messssssssmooo kkkkkkkkk

  • Hannah_Cat

    tmago Oi, tmago!  Quem viu aqui no blog (ou relatou tempos atrás outra pessoa ter visto, descreveu “um homem loiro com três metros de altura”.  Se for “proporcional”, então a candidata à presidência dos 3u4 disse a verdade! 🙂
    Eu mesma, confesso jamais ter visto ET nenhum.  Mas se tiver de ver, pode não ser assim tão grande, mas que ao menos seja bonzinho e bonito!  Quem não desejaria se encontrar com um ser mais evoluído e encantador?! *-*

  • Elias Roth

    emsj Elias Roth 
    Não.
    A Natureza trabalha com dados exatos, mas nós, em nossa limitada faixa perceptiva e intelectual, é que os percebemos através de estatísticas e probabilidades.
    Mas por trás de todas elas está uma coordenada exata que não conseguimos ainda rastrear.

  • Elias Roth

    Outra coisa muito interessante: avaliando a série de Fibonacci:
    0, 1, 1, 2, 3, 5, 8, 13, 21, 34, 55, 89, 144, 233, 377… (dentro da chamada espiral áurea)
    e as respectivas divisões em série:
    1/1=1, 2/1=2, 3/2=1.5, 5/3= 1.666…, 8/5= 1.6, 13/8= 1.625, 21/13= 1.6153846…, 34/21= 1.6190476…, 55/34= 1.617647059…, 89/55= 1.6181818…, 144/89= 1.617977528…, 233/144= 1.6180555…, 377/233= 1.61802575… etc.
    A primeira coisa que a gente repara é que a progressão de divisões tende a Fi (1.6180339…) oscilando pela esquerda e pela direita a cada nova divisão, como que compondo uma senóide de convergência.
    E a segunda é conceitual, porque essa linda série parece expressar a cosmologia evolucionária do Universo, que saiu do Zero (nada) a partir da Unidade (1) que se fez binária (2) e a partir daí, passa a abrir a curva dentro da matéria no sentido de trazê-la ao padrão Fi de distribuição, de tal modo que podemos considerar a infinita variação de formas materiais, orgânicas e inorgânicas, como parâmetros da série, e que tendendo a Fi (nos limites matemáticos do Infinito), alcançam o modelo humano num número próximo mas, teoricamente, nunca igual (exatamente) a Fi, que, estando no ponto infinito da série, só pode ser concebido num modelo de perfeição pura e abstrata que não pode ser replicado na matéria, senão que por aproximação.
    Daí que, quando mais próxima do número Fi apresente-se uma criatura ou modelo material, mais perto da perfeição da inteligência criadora ele se encontra e, em contrapartida, quanto mais afastado, mais rudimentar e primitivo é tal criatura ou modelo.
    Bem disse Pitágoras que, no Universo, tudo é número.
    E Fi é a ferramenta da Evolução!!!

  • Hannah_Cat

    Se forem tão enormes assim e nojentos como esses insetos da imagem, que mais se assemelham à baratas [eca!], melhor manterem distância mesmo, pois estaremos na proporção de insetos para eles, tanto quanto os insetos daqui estão para nós.
    Em se tratando da infinidade do cosmos, e tomando como base a infinidade de criação da natureza na própria Terra, não duvido que possa haver seres como o descrito neste artigo, mas não acredito que os mesmos tenham sequer o interesse de vir aqui.  Tomara que não!

    Ainda que não conheçamos outro lugar além deste planeta, definitivamente NÃO somos o centro do Universo e muito menos único foco de interesse das demais formas de vida inteligente.

  • Elias Roth

    emsj 
    A natureza trabalha com evolução, e não com probabilidades.
    Ela sempre procura o melhor caminho. E acerta.

  • Elias Roth

    *Lembrando do outro número-mestre e irmão gêmeo de Fi, que é o PI (3.1415927…) e que também entra no esquema de padrão da forma, especialmente na circularização dos sistemas em movimento equilibrado (Circunferência/raio).
    E tem o número Euler, importante no desenvolvimento de séries e outras ferramentas matemáticas.
    Ah, o belo universo matemático.
    Nada aqui é estatístico. Tudo tem um número antecipado envolvido.
    Desde o início (1).

  • SilvioToledo

    Tem teorias e evidencias suficientes por este mundo aqui terrestre pra especular sobre a existência de ETs de todos os tamanhos, formatos e cores. Dá até pra provar a existência de uma civilização inteira com a cara do Zé Colméia.

    Tem gente pra passar 1 mês na fila esperando pra assitir ao novo Star Wars

    Agora militar com coragem de publicar os filmes e fotos ou entregar onde está o ET de Varginha não tem né? Porque será?

  • Elias Roth

    emsj 
    Ah sim, doenças? Falhas?
    Somos nós saindo da linha evolutiva e certa da natureza.
    Daí vem a caca.

  • serlon10

    Elias Roth Boa tarde.  os pitagóricos e os seus 100 bois que os digam…um fraterno abraço…

  • Elias Roth

    Amigos, existe um filme que sempre me intrigou, como que desvendando a realidade Gray e seus domínios subterrâneos de controle sobre a humanidade na superfície.
    E este filme é a Máquina do Tempo. Tem o antigo, de 1960 (que eu prefiro) e a refilmagem, de 2002.
    Mas o romance vem de um escritor chamado H G Wells, de 1895!!! (vejam só a data, e comparem com o incidente Roswell, 1947, só para se ter uma idéia).
    Pois bem, neste romance, se fala de uma máquina que, viajando no futuro distante, encontra a Terra reduzida a duas raças somente, os Elóis, mansos e até meio tapados, sem qualquer vontade ou spírito de progresso e liberdade, e os Morlocks, que são animalescos mas inteligentes, e vivem no subterrâneo e só saem de noite para caçar suas presas, as quais eles controlam hipnoticamente, e os conservam como gado, para se alimentar deles.
    O escritor escreveu isso em 1895! Isso não parece familiar?
    Tudo a ver com as teorias dos grays subterrâneos controlando as mentes das pessoas e abduzindo-as como gado de estudo, de alimentação (?), e de cruzamento?
    Eu gosto mais do primeiro filme, mas infelizmente não achei no Youtube, mas tem o mais moderno, para quem não viu, fica a dica para refletir. O original é mais raro, talvez disponível online ou download.

    Essa história parece mais antiga do que a gente imagina.
    Mas Wells simplesmente tirou isso de sua imaginação ou… alguém lhe passou a informação real, que ele então transformou em ficção, aliás, coisa comum entre escritores?
    https://www.youtube.com/watch?v=c09XFqkhy2M

  • Elias Roth

    emsj garotadeorion Paleoseti 
    Exatamente o que eu falei acima, pretexto para coisas monstruosas,
    violentas, pervertidas, sejam aliens, sejam robos, sejam zumbis, sejam
    vampiros, sejam bonecos assassinos ou máquinas ciborgs.
    O que voce acha que existe por trás disso tudo?
    Algo do tipo “acostumem-se com estas criaturas, porque elas são a realidade do futuro…” até o ponto em que as pessoas começam a achar que monstros e coisas pervertidas, invertidas e CONTRÁRIAS À NATUREZA são mesmo naturais e cotidianas… ou
    Ou acha que nada existe?

  • SilvioToledo

    garotadeorion Paleoseti  Analise a obra completa do H R GIGGER, falecido a poucos anos,  criador do design do alien  e veja que tudo que ele faz são “genitais masculinos e femininos – não extra-terrestres- misturados”. O próprio Alien é isso. Um tanto bizarro, não?

  • Elias Roth

    emsj 
    Mais um ps: a probabilidade admite margem de erro, ou seja, no fundo é uma especulação com tratamento matemático, enquanto a evolução é o lento mas seguro processo da natureza numa única direção dentro de um sistema: a melhor direção.
    Existe uma enorme diferença entre um e outro.

  • 666Dark

    Elias Roth Aqui http://minhateca.com.br/guto1606/Galeria/FILMES+ANTIGOS/Dublados/%281960%29+-+A+Maquina+Do+Tempo,199395220.avi%28video%29 pode baixar e com boa qualidade!
    Abraço.

  • Elias Roth

    666Dark Elias Roth 
    Puxa, é difícil achar esse aí.
    Te agradeço de coração, uma raridade mesmo!

  • SilvioToledo

    Elias Roth emsj garotadeorion Paleoseti Hollywood, desde sempre, inclui nos seus filmes ideologias e mensagens subliminares que refletam as loucuras dos milionários por trás dos estúdios ( rituais satânicos, contatos extra-terrestres, manipulação financeira, ideológica e espiritual ). O que causa mais medo? Um Zumbi qualquer ou um Zumbí que tem um crucifixo pendurado? O maior problema do país são as drogas, mas temos muitos heróis ( anti-heróis ) abusando delas. Filmes com adolescentes cabeça que fumam abusivaente e se divertem muito são dominantes. Controlar as fobias das pessoas com seres “extra-terrestres” também é uma meta de Hollywood. Eles nos manipulam feito patinhos.

  • Elias Roth

    SilvioToledo Elias Roth emsj garotadeorion Paleoseti 
    É Silvio, depois nos chamam de loucos, conspiracionistas, que vemos maldade em tudo.
    O problema é que as pessoas dormem demais, e dormindo, se tornam manipuláveis.
    A lista é enorme, e se a gente fosse catalogar um a um, nem teria espaço aqui. Lembrando que também o estilo dos filmes modernos sempre traz muito sangue, violência, crime, perversão sexual e assassinato entre humanos.
    Isso se chama lavagem cerebral coletiva.
    Ou Indústria a serviço da implantação daquele reino que João chamou de Babilônia, Rameira e Meretriz, a serviço voce sabe de quem.

    Sem mais, meu amigo.
    Abraço!!!

  • Elias Roth

    “A monstruosidade feia e deformada dos extraterrestres é fantasia humana. Não existe.”
    Parravicini – 1972.
    Só um flash-back oportuno.

  • tmago

    Hannah_Cat tmago Aí vc manda aquela de Raulzito, Oooo seu moço do disco voador, me leve com vc. pra aonde vc for…   kkkkkkkkkkkkkk
    Tento me lembrar quem foi, acho q ela não comenta mais aqui ! Mas q deixou as mentes femininas daqui do blog a fantasiar, .Vixe! foi um reboliço no OH ! kkkkkkkk

  • tmago

    SilvioToledo Não existem mais os documentos, não aqui ! Tá c Sam !

  • tmago

    Sempre esse papo hollywoodiano ! As pragas já estão aqui no subterrâneo faz tempo, mas não são essas coisas q nos querem enfiar goela abaixo. Mas lógico q existem formas exóticas(pra nós), os Tengri-tengri’s, reptilianos, Sigmas…uma coletânea deles! Tem até livro de raças, de autoria soviética !

  • PREDADOR

    Paulo Henrique Paulino Melhor comentário é o que eu penso e sempre digo: é como seres humanos de 100.000 anos atras pensar como seria o mundo hoje ou daqui a 10.000 anos…. nada a ver…. cientistas e suas cientisitices…

  • PREDADOR

    garotadeorion Elias Roth

    Vocé é de Orion????? Humm bem vinda ao nosso planetinha…

  • PREDADOR

    tmago  Que também era um ladrão….rsssss

  • Jose de Freitas

    Devem ser proporcionais ao tamanho de seu planeta. Como nós somos em razão do tamanho do globo terrestre.

  • Elias Roth

    É incrível a matemática do universo: cinco são as projeções funcionais do nosso corpo em relação ao eixo toráxico-abdominal, e e a raiz de cinco é a base da proporcionalidade deste corpo-modelo assim configurado!
    O número áureo é tão certeiro na relação com o surgimento e a evolução da vida que podemos encontrá-lo também em coordenadas planetárias do nosso sistema solar, e a despeito de existirem ou não outras formas de vida nos outros planetas e suas luas, eis que as órbitas da Terra e Vênus, cruzadas, produzem o número áureo:
    Fi = 365,25/224,7 (dias) = 1.62
    Isso poderia ser a razão da vida na Terra, uma razão simples, puramente matemática, estabelecida entre as órbitas mencionadas segundo o padrão existente, quando então este padrão margeia todas as condições necessárias para a vida, o que também se estenderia FORÇOSAMENTE a Vênus, que é co-participante do mesmo laço harmônico, demonstrando então a real existência de sociedades venusianas, como indicam os testemunhos e traços culturais de praticamente todas as civilizações do nosso mundo, que chamavam Vênus de planeta irmão (ou gêmeo) e os venusianos de “deuses”.
    Essa seria uma simples e cabal prova da vida em Vênus, por extensão do laço áureo que também o abarca em igual medida como abarca a Terra, o que fazem possível, dada as condições hostis de lá, numa outra dimensão, ou no subterrâneo, ou ainda com suporte de alta tecnologia.

    E olha que nem apelei para Ashtar Sheran no meu argumento!

  • NoctisHikaru

    Elias Roth Se for o que até já chegou a passa no SBT; SIM Elias!! Show de bola este filme! Sem sobra de dúvidas um dos filmes mais interessantes que já lançaram!

    Falando de filmes… Fujam de INSTERSTELLAR!!! FUJAM!

  • Elias Roth

    NoctisHikaru Elias Roth 
    Eu acho que já passou sim, realmente é muito bom. Tente pegar o original acima, tem mais relação com o romance original, o segundo foi modificado, especialmente no final.

  • NoctisHikaru

    Hannah_Cat Seu comentário me lembrou um filme de um pessoal que vai pra um planeta e se deparam com insetos kkkk Até chupar o cérebro dos humanos eles chupavam… vai entender hollywood…

    Sinceramente… Tô igual altista olhando pra essa imagem Hannah kkkkkk

    Abraços!

  • Doidim2011

    Hannah_Cat 
    Se eles já viram os gatos terrestres matando baratas, os ets  de cara de barata jamais virão até aqui

  • Elias Roth

    emsj Elias Roth 
    Vamos ver como as probabilidades podem ser substituídas por coordenadas exatas. Por exemplo, no caso de um simples lançamento de par de dados, com amostra probabilística de P = 1/36 = (1/6^2), por causa das 6 faces do dado em dois dados (o termo quadrado).
    Pois bem, podemos dizer que há uma coordenada exata indicando o x,y por trás de cada lance? Sim, e que poderia ser desenvolvida, teoricamente, na forma de um algoritmo-monstro, ou de um conjunto de equações diferenciais complexas, uma vez que inúmeras variáveis estão envolvidas no fenômeno, desde a força do arremesso das mãos, o formato das mãos e o modo e ângulo de lançamento, e a altura do lançamento em relação ao chão, e a direção do lançamento, e a resistência do ar, e a temperatura, e a força da gravidade sobre a trajetória, e o peso dos dados, e o tipo de superfície, e o atrito, e o momento da energia entre os dados rolando e colidindo entre si, fora a colisão com o chão no rolamento, e a inclinação da superfície, e alguma depressão ou saliência na mesma, e o ponto onde os dados colidem na mesa ou tabuleiro onde são lançados e param de rolar, e até mesmo a interferência do pensamento sobre o lançamento dos dados, evocando o exemplo da experiência da fenda dupla e a interferência quântica do observador sobre o comportamento dos elétrons, etc…Ufa! Estas e outras tantas variáveis que devem ser consideradas na construção de ferramentas matemáticas capazes de prever a resultante final de todas estas forças e resistências em jogo, desde a mão que lança os dados até o ponto final do impacto, quando eles dissipam a energia cinética nas colisões e no atrito e, finalmente, páram.
    Então, eu teria o valor exato x,y não por probabilidade, mas por matemática pura aplicada nas leis da física dentro do experimento, desconsiderando muitas outras, como influência do campo magnético, variação de gravidade em cada ponto da Terra, efeito da rotação, etc.
    Já deu, no entanto, pra sentir o drama, né?
    Quem vai construir uma ferramenta destas só para calcular o x,y das faces do dado?
    E quem poderia? Que super mente ou super computador poderiam?
    Nenhum! Então, o melhor é lançar mão das probabilidades e estatísticas e ficar mesmo na coordenada 3,4 dos dados e tentar o 7 de sempre. E é claro, contar com a sorte! Aliás, sorte esta que Isaac Newton tinha, ao desenvolver os primeiros modelos de probabilidade e análise combinatória para apostar (e ganhar) em cavalos.
    Sabendo que um empurrãozinho do Universo também ajuda, já que, na verdade, nunca houve acaso. Ficamos sabendo que a Espiral de FI está sempre nos empurrando para a perfeição. E empurrará aqueles dados, isso se eles contribuírem com a nossa evolução de algum modo!
    Não existem eventos com maior probabilidade.
    A grande verdade é que cada evento acontece porque tinha que acontecer naquele momento exato, conforme uma resultante final de infinitas variáveis que somente a Inteligência Divina poderá conceber e por em atividade.
    É a teoria quântica do Momentum-Causorum, ou seja, cada momento é carregado de uma causa operante onde nada acontece por acidente.
    Tudo vem provocado por um feixe de causas operantes a cada momento. Prever a resultante dessas causas é que são elas.
    Mas não será Deus jogando com nossos dados, nunca. Isso Ele sempre deixará para nós.
    Então, é melhor não arriscar nem no 1,1 e nem no 6,6.
    Melhor seguir o caminho do meio no 3,4.
    Não sei se Isaac Newton apostava em cavalos, ou se isso é lenda sobre ele. Mas era um investidor e usava a matemática:
    “Não basta ser um génio para ter sucesso no mercado, claro. O sujeito mais apontado como o maior génio da história teve um destino muito diferente no mundo da especulação. Era Isaac Newton. O físico perdeu o equivalente a 40 milhões de euros em dinheiro de hoje com o rebentamento de uma bolha financeira. As bolhas não poupam ninguém.”
    http://www.superinteressante.pt/index.php?option=com_content&view=article&id=2247:estrategia-de-casino&catid=12:artigos&Itemid=86
    Podemos teorizar um pouco mais e imaginar que cada momento ou instante de tempo fluindo sobre os sistemas materiais apresenta determinado padrão Fi conforme a série de Fibonacci. E que este preciso ponto da grande espiral, de alguma forma, aplica tendências sobre os resultados daquele feixe final em direção a uma resultante final de ações convergentes, produzindo todo e qualquer efeito subsequente.
    Estamos todos dentro da Espiral Fi na Galáxia. Ela nos cerca desde “cima”. Então, é de se estimar que sua misteriosa e até mística influência nos cubra todo o tempo de inúmeras formas.
    Ah, meu amigo, se você ainda não contempla DEUS operando em tudo isso, em toda essa grandeza magnífica, misteriosa, exata, perfeita e integrada, não verá em lugar nenhum.
    Porque a evidência é clara, é imensa, é evidente, contundente, admirável e soberana. Se ainda não a enxerga, então troque de óculos urgente!
    Abraço!

  • Elias Roth

    emsj Elias Roth 
    ” É a teoria quântica do Momentum-Causorum, ou seja, cada momento é
    carregado de uma causa operante onde nada acontece por acidente.
    Tudo vem provocado por um feixe de causas operantes a cada momento. Prever a resultante dessas causas é que são elas.
    Mas não será Deus jogando com nossos dados, nunca. Isso Ele sempre deixará para nós.”
    Inclusive a nossa vontade, inteligência e livre-arbítrio em cada momento entra como a principal coordenada a direcionar a resultante final daquele feixe de causas operantes. Nós tomamos parte dessa tendência de eventos associadas a cada instante. É quando ocorrem as falhas, as doenças, os desvios de curso que, no entanto, a natureza sempre contorna e tenta consertar, como quando o corpo trabalha para se curar de alguma doença ou ferimento.
    Importante destacar isso.
    Na flecha resultante de eventos, o ser humano é co-participante da Inteligência Divina, mesmo que atue sem consciência disso.
    É como uma bola que foi lançada ao ar e que cairia ao chão, seguindo aquela flecha resultante de eventos, até o momento em que alguém decide segurá-la.

  • Elias Roth

    E é óbvio que os gregos importaram o número FI do Egito antigo, abundante em sua arquitetura que, de um modo excelente, se encontra nas grandes Pirâmides de Gizé. Porém, indo para o outro lado do mundo, nas bandas da América pré-inca, encontramos outra cidade maravilhosa, singular e tão enigmática quanto àquelas do país de Cham, tão antiga quanto o próprio Egito e, provavelmente, fósseis vivos de Atlântida em nosso tempo.
    Falo de Tiahuanaco, no altiplano boliviano. E contemplando o seu mais conhecido monumento, o Portal do Sol, vemos que os pesquisadores já descobriram em seus padrões a proporção áurea, abundantemente. Tiahuanaco é uma cidade repleta de tradições venusianas presentes em seus registros históricos, e conjugando tudo isso com a poderosa cultura egípcia, fica clara a idéia de que todo esse conhecimento foi importado de Vênus, até porque esse padrão áureo já foi chamado de Venusiano, em honra a arte e beleza associada aos valores daquele planeta e sua mitologia inerente.
    Observação: No Gênesis 5 (pentagrama) existe a descrição dos 72 descendentes de Noé (o ângulo do pentagrama, e o valor Fi tirado de 1/(2cos72°).
    Apocalipse 5: João relata a visão dos quatro animais do Trono e, no meio do Trono, o 5° animal, que é o Cordeiro, representando o Verbo, que abre os sete selos do Livro da Criação. Simbologia do Quinto elemento, ou mesmo o segredo dourado do Pentagrama ou senha dos deuses.
    Eles já sabiam de tudo isso… se sabiam!

  • Darkbird

    O cientista SUGERE que os aliens possam ser enormes,não trata isso como uma verdade absoluta,e sim como uma possibilidade como muitas outras….

    Pessoalmente eu acho natural se basear na vida na Terra para imaginar,claro,pois são as únicas formas de vida que conhecemos,por enquanto..
    E sim,sei que pode haver infinitas e infinitas possibilidades de como a vida pode ser.Grande,pequena,incrivelmente parecida com a nossa…

    Mas um adendo em relação à tudo isso:

    Se for para imaginar civilizações avançadas,bem mais que a nossa,por aí pelo Cosmos,pessoalmente imagino que seus indivíduos sejam maiores que nós.Sejam altos por assim dizer.
    E porque??
    Simples,uma civilização avançada que viaja pelo espaço colonizando mundos e,claro,inevitavelmente cruzando o caminho com outras raças inteligentes e entrando em conflito uns como os outros,é bem provável que sejam grandes para poderem intimidar…

    Ah,sim,temos as variáveis aqui,como planeta,histórico evolucionário,questões biológicas etc.Tudo que pode gerar em um ser alto ou enorme….

    E existe a ENGENHARIA GENÉTICA.Uma raça avançada muito que provavelmente tem muito conhecimento e prática nisso é bem capaz de controlar a sua própria evolução.E é bem capaz também de aprimorarem seus corpos para torná-los os melhores possíveis em quase tudo….

    E além disso,voltando para nós,é interessante notar que nossos antepassados,em grande parte,eram menores do que nós em comparação, que nós hoje somos maiores.
    E por falar em maiores,vários estudos científicos dizem que a médio de altura humana aumenta com o passar dos séculos,isto é,os humanos ficam mais altos com o passar do tempo.E por essa taxa de crescimento seguir um certo padrão,alguns estudos vão longe e dizem que a média de altura humana possa ultrapassar os 2 metros em algum momento do futuro.
    É como se você,agora,pegassse uma máquina do tempo e viajasse para o futuro e notasse que as pessoas são bem mais altas que você…

    Talvez seja uma consequência evolucionária.Toda ou grande parte das espécies avançadas sejam altas devido a evolução ou engenharia genética como aprimoramento.
    Ser pequeno é bom as vezes,mas quando o assunto é civilização avançada que viaja pelo Cosmos e cruza o caminho com outras espécies inteligente,o melhor é ser grande para intimidar…
    É natural se sentir intimidado com alguém grande na sua frente.E é essa a função.Intimidar,
    Ser maior para ser mais forte também.

    Quem disse que se vence as coisas,como guerras,apenas com armas??
    Você pode ser inteligente,alto,forte e avançado…

    E isso é um ENORME vantagem evolucionária…..

  • PREDADOR

    Elias Roth 666Dark

    Se voce nao conhece o Minhateca acesse tem muita raridade disponivel por pessoas qeu tem gravados  aproveita enquanto nao é proibido

  • Elias Roth

    correção: é o Gênesis 10 (5+5) que contém a lista dos 72 nomes das gerações de Noé. As 10 gerações de Adão, chegando a Noé, é que estão no Gênesis 5.
    Haja números!
    E abaixo, o detalhe do friso-portal, da porta do Sol de Tiahuanaco, ainda não decifrado devidamente. E o deus venusiano Viracocha no alto.

  • Victor Gustavo

    Até ontem era MICRÓBIOS
    Essa classe CIENTISTA so dão TIRO no ESCURO

  • Marujo

    Não chega a ser nem mesmo uma hipótese. É uma “especulação-científica”. Fosse atribuída a um leigo, receberia outra qualificação, menos lisonjeira: “chute”.
    Dia desses, falando com um “deles”, fiquei surpreso com a polêmica que ainda reina entre os biólogos: os vírus podem ser considerados seres vivo?
    Com dúvidas como estas, estimar qual será a estatura dos alienígenas, só chutando mesmo.

  • Elias Roth

    emsj 
    Mas certamente que dentro desse cenário da Lei de Causa e Efeito operando naquela flecha, há limites bem definidos para as ações pertinentes ao livre-arbítrio de cada um, porque o seu limite vai até onde começa o livre-arbítrio dos outros.
    Exemplo: alguém decide explodir o mundo!
    Então, quando o livre-arbítrio dos outros é ferido, nossas ações são cerceadas por limites bem definidos. Porém, quando acontece de alguém conseguir explodir um avião cheio de gente ou iniciar uma guerra, é porque houve consentimento do Karma. São funções complexas envolvendo infinitas variáves que impossivelmente podemos mapear.

  • AntonioMunizGomezGomez

    Pode ter do grandes e pequenos também.

  • Elias Roth

    Marujo 
    Considerando a estrutura muscular e óssea, a gravidade de massa do planeta é uma coordenada sempre presente na função estatura, porque dependendo da gravidade, certas estaturas elevadas desmoronariam sobre si mesmas, não suportando o próprio peso. Mas mesmo assim, dentro da visão da padronização, lembremos que a Natureza nunca esbanja matéria sem necessidade e nem altura. Seres imensos não seriam necessários à funcionalidade de suas biologias e ciclos vitais, portanto, há que se considerar a “economia” de equilíbrio do sistema biológico envolvido. Exageros nunca duram, a exemplo dos dinossauros. Só as espécies menores se adaptaram e permaneceram ao longo da evolução.
    A natureza sempre procura  o melhor caminho, e o de menor esforço e custo vital.
    E nessa flecha é que procura sempre uma adaptação (evolução).
    Abraço!

  • SidneySantosSantana

    gosta de musica clik aqui: http://bc.vc/p7NAiM

  • Marujo

    Elias Roth Marujo 
    Sim, os dinos tiveram uma existência efêmera por aqui … Ô!

  • NlNGUEM

    Marujo Boa noite Marujo.

    É isto mesmo Marujo se fossemos nós “leigos” o papo seria outro, mas desta vez os cientistas usaram e abusaram do chutômetro hehehe 

    Abraço.

    Fui

  • NlNGUEM

    Com certeza no universo existem seres dos mais diversos tamanhos, peso, cores e formas sejam eles inteligentes ou não. Vejam por exemplo aqueles que no passado distante vistaram a terra e deixaram suas marcas tipo as Piramides do Egito, as estátuas da Ilha da Páscoa, as lendas que narram contendas entre seres altos contra outros menores, entre outros.
    Dizer que existem seres enormes e dizer que isto é especulação no meio científico é coisa de gente que quer os holofotes sobre si.

    Abração.

    Fui.

  • gilgamesh sheran

    Acredito que o tamanho de quaisquer seres inteligentes que possam existir pelo universo afora estaria fortemente ligado à gravidade do planeta em que estes se encontram, uma vez que planetas com gravidade muito alta fariam com que tais seres ficassem pequenos, enquanto que planetas com gravidade baixa poderiam resultar em seres gigantescos, que ultrapassariam os 3 metros. Eu li no livro Contatos de Massa do ufólogo italiano já falecido Stefano Breccia que fala do Caso Amizade, que os aliens do caso mediam entre 1 metro a 3 metros e meio e que a altura deles foi resultado da descendencia de seres que pertenciam a planetas com gravidades diferentes. Um exemplo é a foto de um dos seres do caso que, inclusive já foi até postada aqui junto com o caso e ainda com poucas informações a respeito, de um alien chamado Kenio, cuja as análises da mesma revelaram que o suposto alien tem cerca de 3 metros e 7 cm a 3 metros e 20cm.

  • FerkKref

    Grande, chico mediano ….eso va a depender del planeta y sus condiciones climatologícas. y ademas de la gravedad,,,seria mucha presunción decir que son de tal o cual manera.

  • Paulo Henrique Paulino

    Elias Roth , taí, gostei do que você falou!

  • Paulo Henrique Paulino

    PREDADOR exatamente amigo, exatamente isso! Quem sabe um dia eles aprendem! Aliás, ou todos nós aprendemos ou esse será o único lugar o qual colocaremos os pés!

  • Elias Roth

    *No universo evolucionário, não é o tamanho que conta, e sim, a
    eficiência do organismo. Por vezes criaturas pequenas são muito mais
    eficientes, ágeis ou adaptáveis aos seus meios que criaturas maiores. A
    seleção natural corrige a defasagem tamanho/adaptação com o tempo, e os
    dinossauros voltam a ser bom exemplo, tanto que o mais poderoso deles, o
    T.Rex, não era o maior, nem de longe. Não adianta ter tamanhos enormes
    se o cérebro não está desenvolvido o bastante para administrar toda essa
    massa. O modelo perfeito busca pelo tamanho EXATO, nem grande e nem
    pequeno. E por modelo exato temos aquele que expresse a melhor
    funcionalidade na relação cérebro/corpo otimizada, além do máximo grau
    de adaptação ao seu próprio meio ambiente.
    Isso é válido para
    animais e seres racionais. Veja só os grays, Ets da estatura humana
    normal ou maiores que, caídos nas cavernas, sofreram involução de
    adaptação ao novo ambiente, e sua estatura abaixou para melhor se
    condicionar aos espaços estreitos do subterrâneo, além de outras
    adaptações nos olhos por causa da pouca luminosidade e da pele grossa e
    sem pelos, resistente ao frio de lá.
    A vida de qualquer organismo
    interage com as condições do ambiente, de modo que a matriz final do
    modelo é sempre resultante destas duas variáveis importantes. Se bem que
    nunca haverá uma matriz final, considerando a constante mudança das
    condições ambientais e, por efeito, as adaptações evolucionárias da
    vida.
    Podemos pegar o exemplo das mudanças climáticas da Terra e
    inferir sobre isso adaptações evolucionárias de toda vida na Terra,
    incluindo o homem, já em marcha frente às novas e cada vez mais hostis
    condições.

    Realmente é o caso de se dizer: “tamanho não é documento!”
    O mosquito da dengue que o diga! *L.

  • Elias Roth

    Considerando a estrutura muscular e óssea, a gravidade de massa do
    planeta é uma coordenada sempre presente na função estatura, porque
    dependendo da gravidade, certas estaturas elevadas desmoronariam sobre
    si mesmas, não suportando o próprio peso. Mas mesmo assim, dentro da
    visão da padronização, lembremos que a Natureza nunca esbanja matéria
    sem necessidade e nem altura. Seres imensos não seriam necessários à
    funcionalidade de suas biologias e ciclos vitais, portanto, há que se
    considerar a “economia” de equilíbrio do sistema biológico envolvido.
    Exageros nunca duram, a exemplo dos dinossauros. Só as espécies menores
    se adaptaram e permaneceram ao longo da evolução.
    A natureza sempre procura  o melhor caminho, e o de menor esforço e custo vital.
    E nessa flecha é que procura sempre uma adaptação (evolução).

  • Elias Roth

    Comparando dois dinossauros bem conhecidos, o Estegossauro e o Tiranossauro, vemos claramente que a relação cérebro/massa é totalmente inerente ao grau evolucionário. O primeiro, um dinossauro herbívoro com cérebro minúsculo em relação à massa corporal, era facilmente abatido por espécies mais fortes. Não é o tamanho que conta, e sim, a função força/adaptabilidade. Basta comparar a relação cérebro/massa do Tiranossauro. Na questão evolucionária da alma na forma, sabendo que o cérebro é o regente, controlador e diretor de toda a massa corporal, a natureza sempre vai procurar pela otimização dessa relação (cérebro/massa corporal) mas também sem exageros. Não será o caso de acharmos também que seres evoluídos tenham que ter cabeças enormes e desproporcionais em relação à sua massa corporal, como é o caso de espécies aliens Grays. Isso também acusa uma involução, denotando um excesso das funções intelectuais voltadas para a mesquinharia, a cobiça, a tirania e a crueldade. Ou uma supervalorização das funções racionais em detrimento dos aspectos emocionais e sensíveis da alma.
    Se fosse assim, que tamanho de cabeça deveria ter Jesus Cristo, o ser humano mais evoluído do planeta, para satisfazer o seu grau de evolução?
    O que não é o caso.
    O equilíbrio é sempre a nota da evolução. Nem tão racional (cabeça) e nem tão instintivo (corpo), mas o meio termo. E o número áureo (Fi) é o caminho do meio dentro da espiral da evolução aplicada em todas as formas materiais, todas.
    A propósito, as novas gerações (crianças) estão nascendo com a cabeça cada vez maior em relação ao corpo (se comparadas com as crianças de antigamente) ou é só uma impressão errada de minha parte?
    Dizem que é porque estão mais inteligentes…
    Será?

  • Kredu

    De fato nos filmes de ficção eles podem ser de minúsculos a gigantes. Na realidade, por enquanto, acho que depende muitas vezes do que se ingeriu, como por exemplo, uma grande quantidade de “pinga”. Pois é, foi o que aconteceu comigo certa vez ao chegar em casa e achar que havia “topado” com um sapo gigante. Pedi pra minha cara metade pegar meu punhal, quase uma espada, pra combater o ser. Daí ela gritou: – Tás ficando  doido homem, isso é apenas uma pedra! 
    Que mico e depois fui dormir como um anti-herói.

  • Elias Roth

    *Este foi o maior dinossauro da Terra:
    http://super.abril.com.br/blogs/supernovas/2014/09/04/fosseis-do-maior-dinossauro-do-mundo-sao-descobertos-na-argentina/
    Enorme, desproporcional em todos os sentidos, passando distante demais do padrão Fi de cinco projeções do eixo da coluna e das proporções segmentadas do corpo.
    É muita massa para pouca funcionalidade. Mas não é que a Natureza errou. É que, para aquele preciso momento do tempo da Terra, de acordo com as condições do ambiente local e dos recursos disponíveis, bem como a cadeia alimentar considerada (predadores x presas) esta solução de organismo foi a mais coerente.
    O tempo passa, as condições mudam, as formas mudam junto com elas. O universo é dinâmico, por isso, evolutivo, destrói sempre para reconstruir melhor.  Exatamente como preconiza a série áurea.

    E nesse caso do  Deadnoughtus, a Evolução não perdoa. 
    Logo logo ele desaparece. Distante demais dos padrões áureos de arte, beleza e proporcionalidade.

    Como música ruim.

  • Elias Roth
  • Elias Roth

    Por tudo isso, o número 5 representa a alma, a razão consciente, e Fi, extraído de sua raiz, representa como a alma vivente transforma a matéria ao longo da cadeia evolutiva para se expressar nela da melhor forma possível enquanto espírito encarnado. 
    No hebraico, a quinta letra é He, que representa alma, ou sôpro espiritual. Toda a vida animal foi criada no Quinto Dia do Gênesis. E essa alma divina no corpo material sempre foi celebrada pelo seu signo supremo: o divino e sagrado Tetragramaton! Sempre com a ponta para cima.
    Esta é uma forma de conferir na prática como a ciência divina pode explicar todas as coisas.

  • Elias Roth

    PREDADOR Elias Roth 666Dark 
    Obrigado, Predador, vou acessar lá!

  • Elias Roth

    Outra vertente, Elohim ou ALHIM, Deus criador no sentido coletivo, tem 5 letras, e o nome soma 86, que soma 14, que soma 5.
    Da sefirá Hochma saem 32 (2^5) caminhos da sabedoria a irrigar todo o Universo através das 50 portas de Biná, sefirá seguinte, as portas da Ordem universal. O número 5 aparece nestes valores.
    Quanto mais evoluída a razão consciente de uma alma, mais refinada será, por efeito, a sua vestidura material no vasto e variado universo.

    O nome hebraico de Jesus (IHUShHw) tem 5 letras.
    Cinco é a alma individual projetada no Cosmo, na totalidade (6, 6 dias criativos).
    A Estrela de 6 pontas é o Cosmos, é o Universo como resultante final de todos os seres que nele vivem e o constróem com seus valores individuais de alma.
    Infinito é este tema à luz da sabedoria antiga.

  • Marujo

    NoctisHikaru Elias Roth 
    Valeu o alerta, Noctis … Já desconfiava.

  • LuaPequena

    Elias Roth Olá Elias!
    Ainda bem que tamanho não é documento,pois se fosse eu tava lascada!
    Tenho o tamanho de um “gray”grande,1,46 m,tá bom ?
    Esse negócio de dizer que a altura não influencia é pra quem tem mais de 1,70 m!
    Vai tentar se segurar num ônibus cheio,vai!
    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK!
    Só pra descontrair!
    Mas na próxima encarnação eu vou falar diretamente com Deus,que só desço se for pra ter mais 1,70m.
    Já chega o que passo nesta encarnação!
    Aliás,encarnação foi o que nunca me faltou!
    “Pintor de roda-pé”!
    “Salva-vidas de aquário”!
    Anãzinha de jardim”!
    E outras coizitas mais!
    Portanto,já paguei a minha cota !
    Desculpe a brincadeira!
    Sei que você leva muito a sério tudo que escreve mas,eu sou assim mesmo.Terrível!
    Deve ser pra compensar a falta de altura.
    Em compensação,tenho uma voz que não precisa de microfone.
    Principalmente se estiver estressada !
    Me ouvem a meio quilômetro!
    Abração!

  • LuaPequena

    Marujo Olá Almirante !
    Uns acham que os vírus não são seres vivos e outros acham que eles não são daqui.
    Seriam organismos extraterrestres que invadiram ou foram postos no planeta Terra!
    Vai se saber!
    Abração!

  • LuaPequena

    NlNGUEM Marujo Olá Ninguém !
    Pois é!
    Mas,gol que é bom nada,né?
    Alguns chutam tal mal que,parece que tem pedras no lugar dos pés!
    Abração!

  • LuaPequena

    Elias Roth MUITO BOM!

  • Kaczmarczik

    Boa noite a todos!!!
                              Tanto existem ETs grandes como pequenos, porque o Universo é vasto e, como a natureza já nos mostrou, em planetas onde haja vida também há diversas espécies de seres, tanto semelhantes a vírus ou bactérias, como a seres humanos (com variado grau de inteligência). Em teorias de cientistas podem haver exceções à regra, mas ao menos eles têm interesse no assunto extraterrestre.

  • LuaPequena

    Roberto Felix Correia fran01 Olá Roberto!
    E os meus?
    Abração!

  • LuaPequena

    serlon10 Roberto Luciano Boa Serlon!
    É isso aí mesmo!
    Micróbios eles terão que anunciar,pois acho que não tem mais saída.
    Quanto aos alien pensantes,vão enrolar o quanto puderem!
    Ou até que lhes seja permitido revelarem!
    Abração!

  • LuaPequena

    Kredu Olá Kredu !
    Eu não bebo mas,te digo uma coisa com certeza,se chegasse em casa e desse com uma dessas baratonas gigantescas e horripilantes,pode acreditar que eu enfartava!
    Bichinhos asquerosos !
    Cruz-Kredu!
    KKKKKKKKKKKKK!
    Abraços!

  • Marujo

    LuaPequena Elias Roth 
    Pobre do cumpadre!

  • Roberto Felix Correia

    LuaPequena Roberto Felix Correia fran01 
    Hehehehehehehehehe….
    Abraços…

  • Elias Roth

    LuaPequena Elias Roth 
    Querida e amável Lua, só te digo uma coisa e nem poderia te dizer outra, e dedico-te agora este dizer:
    Nos menores frascos é que se encontram os melhores perfumes!
    E voce já mostrou que tem um aroma maravilhoso para todos aqui.
    O aroma da sua encantadora alma!

    Estou certo disso.
    Um grande abraço, pequena Lua do grande coração!

  • Portantiolo

    Eu sempre penso assim:  “Humm, alienígenas magrelos, cabeçudos e com 1,20 m? Pô, se me olhassem torto chutava eles até a galáxia de onde vieram ou quebrava os bracinhos deles”, “o ET de Varginha? Mandava uma vassourada no meliante”, “o ET de Roswell? Levava para a minha casa e colocava para dormir com o cachorro”.
    Não levo fé nessa parada alien porque tenho a impressão que ainda consideram o homem como o centro do universo, ou, melhor, pensam que o homem é a medida do universo. Nunca vi relatos de pessoas sendo abduzidas por seres com, sei lá, 750 metros de altura, colocando-as em gaiolas ou examinado-as com lupas.
    Imaginem um extraterrestre com 1 km de altura, mais inteligente, com tecnologia superior a nossa? Se por um acaso conseguíssemos enxerga-los, nos sentiríamos menores que formigas.
    Na net tem vários vídeos do tipo: “Nave alienígena para ao lado do sol e suga energia”. Aí eu vejo a nave e o sol e penso, “porra, olha o tamanho dessa merda!”, bom, a nossa Estação Espacial deve comportar uns doze astronautas no máximo, e suponhamos que os aliens que parecem sugarem a energia do sol não estejam transportando toda a sua civilização, a nave dos caras é praticamente do tamanho da Terra, digamos que lá dentro estejam 30 alienígenas.
    Uma nave com quase o tamanho da Terra com 30 aliens dentro! Imaginem o tamanho deles. Imaginem a gente.

  • Portantiolo

    Marujo Elias Roth Efêmera? Como assim, dominaram o planeta durante milhões de anos, e, pelo que sabemos, se não fosse um meteoro, isto é, o acaso total, estariam aqui até hoje.

  • Elias Roth

    Portantiolo 
    Talvez o tamanho daqueles objetos ao lado do Sol não seja exatamente aquele em termos de “funilaria”, digo, massa estrutural de nave. Temos que considerar projeções visuais, porque o objeto está perto do Sol e então, diversos  fenômenos ópticos do tipo “lente” podem entrar em jogo na resultante de imagens que captamos da Terra. Há também o caso de grandes partes destas naves também terem projeções de energia pura ao redor, formando uma espécie de bolha – quem sabe, a bolha que elas próprias condensam da energia extraída do Sol – criando ao redor um casulo de energia ou quase como um campo magnético ou energético que se estende a milhares de quilômetros ao redor das mesmas, dando a sensação de que são imensas.
    Estas possibilidades devem ser consideradas antes de tomarmos tais imagens como tamanho real de naves construídas como falsos indicadores de Ets gigantes.
    Abraço!

  • Elias Roth

    Portantiolo Marujo Elias Roth 
    Meteoros também podem fazer parte de uma evolução programada, lembrando das teorias de Panspermia e possível interferência extraterrestre na condução dos mesmos sobre os planetas, quer para fecundá-los, quer para destruí-los.
    No geral, não foi efêmera a sua passagem sobre a Terra, realmente, mas em termos de espécies, elas duravam pouco, a natureza procedeu sucessivas operações sobre os dinossauros, numa série de inúmeras espécies recicladas. Só as formas orgânicas mais funcionais permaneceram e seus modelos prosseguiram até os dias atuais.

  • Elias Roth

    Portantiolo Marujo 
    Em comparação com os “fósseis vivos”, muitos dinossauros tiveram uma existência efêmera. Como é o caso destes.
    http://www.mundodosanimais.pt/animais-selvagens/fosseis-vivos/
    Porque o cometa não os exterminou?
    Porque seus modelos suportaram inclusive isso.
    Já o T.Rex, por exemplo, apesar de sua notável estrutura, costumava não passar dos 30 anos de vida, o que significa uma baixa funcionalidade orgânica a ser corrigida pela natureza, o que significa um curto período de existência antes que a onda evolutiva os cerceie.
    E de fato, comparados aos fósseis vivos, todos os dinossauros tiveram passagem efêmera, porque a evolução logo os apanhava e eles desapareciam, dando lugares e outros e outros, sempre em busca do aprimoramento.
    É assim que trabalha a grande mestra Natura!

  • Elias Roth

    Portantiolo Marujo 
    Ps: a teoria dos cometas, embora seja a mais aceita, não é 100% definitiva na questão. Outros fatores, como mudanças climáticas bruscas, podem ter sido também o motivo de extinções em massa na contabilidade evolucionária.

  • Kredu

    Existem pessoas que acham que há apenas centopeias pequenas, mais ou menos até uns 10 ou 15 cms.Quando digo que já vi e matei uma de aproximadamente 45 cm de comprimento,com segmentos de 1,5×1,5 cm ficam achando que é piada, que andei bebendo (esqueçam a história do sapo gigante que foi o caso de ingestão etílica). Na Amazônia em geral, e mesmo fora dela, existe uma centopeia, que chega a 60 cm, é o que foi achado até agora e espero que tenha sido a maior mesmo.

  • Elias Roth

    Dia desses, brincando com números (um dos meus passatempos favoritos,
    como era o de Pitágoras), encontrei esse vídeo interessante no Youtube:
    https://www.youtube.com/watch?v=inWnhZp_A-M
    O
    vídeo versa sobre a incrível propriedade do ciclo geométrico de 360°,
    procedente da mais antiga matemática da civilização humana, e o fato de
    todas as sucessivas divisões angulares resultarem em cifras numéricas
    que, em suas sub-somas, tornam sempre a 9, como torna o próprio 360 (9).
    Ou
    seja, essa propriedade é relativamente simples de explicar, porque é
    próxima daquela (ao inverso) que regra que todo número, qualquer número
    n, multiplicado por 9, produz um valor cujos algarismos somam sempre 9.
    E
    como a divisão é o inverso da multiplicação, a propriedade do somatório
    9 existe em ambos os casos. O valor 360 é uma matriz de múltiplos de 9,
    por isso, tantas divisões retornam para ele, exceto as divisões
    (inteiras) por algarismos que somem 3, 6 ou 9, quando a regra falha.
    Ora,
    nossa base numérica é decimal, e vai de 0 a 9, quando no 10 um novo
    ciclo numérico se inicia, do 10 ao 19, e assim sucessivamente.
    Por
    isso, todas as divisões e subdivisões, bem como as multiplicações,
    sempre se reduzirão a 9, porque ele é o algarismo que encerra um ciclo
    de contagem.
    Os antigos traduziram isso em arcanos, e chamaram o
    arcano 9 de O Grande Mistério da Luz, enquanto no 10, expuseram a Grande
    Roda: realmente, no número 10, a contagem se reinicia, daí o valor de
    roda, ou ciclo. É em João 9 que Jesus dá luz aos olhos do cego…
    Por
    isso colocaram também a organização cósmica em nove céus hieráticos
    apoiados sobre a Grande Roda, a Terra, a sefirá 10. Já os maias
    consideravam as infradimensões da Terra como que escalonadas em nove
    pisos (que Dante chamou de círculos do Inferno).
    E também não foi sem
    motivo que colocaram o valor de 360° no ciclo geométrico, porque era o
    valor que, mais próximo do período de translação da Terra (365 dias)
    podia se ajustar a um calendário circular dentro dos interesses da
    Astrologia, ciência antiga do céu e suas influências procedentes até de
    cada grau individual (os 360° dos sabeus).
    Lembrando do simples
    dado que a natureza leva 9 meses para completar o processo de gestação
    da nova vida humana. E que o número de dias de sua volta completa ao
    redor da Terra, 27 e uns quebrados, também soma 9, e que a sefirá da Lua
    é, igualmente, a nona.
    E o embrião é procedente de uma célula-ovo que tem 360° na sua esfericidade…
    E
    outra vez os antigos acertaram ao dizer que todo ser nasce e renasce
    sob a influência de 9… Podemos ver que 360° não é nada casual ou
    acidental… Os deuses da Grande Esfera é que nos ensinaram tudo isso!
    Porque tudo nasce de rodas cósmicas, rodas de 360° (9) e se reciclam (10 – o tempo).
    Matemática, vida e magia sempre se conciliando…
    De
    qualquer forma, mais um exemplo de como a sabedoria dos antigos se
    confunde com o nosso próprio conhecimento e sistema matemático.
    E mal nos damos conta disso.

  • Elias Roth

    Ps: pelo que constatei, toda a família de números 2^n (1, 2, 4, 8,
    16, 32, 64, 128, …) ao dividir o ciclo de 360° produz valores cujos
    algarismos sempre se reduzem, na soma, a 9.
    E também parece que toda a família 5^n (1, 5, 25, 125, 625, 3125… ) realiza a mesma coisa.
    E também a família 10^n (1, 10, 100, 1000…)
    Então,
    generalizando, toda a família de múltiplos de 9  (como é o caso de
    360), que tem a propriedade de sempre produzirem algarismos que somam 9,
    quando é dividida pelos grupos 2^n, 5^n e 10^n produzem divisões que
    somam igualmente 9, e que também podem ser combinados entre si neste
    fenômeno de divisões.
    (podem haver outros, mas constatei estes).

    E qual seria o elo entre estas 3 bases, 2, 5, 10?
    Primeiro, fazendo alguns ajustes: 2, 5, 10 = 2, 5, 2×5.
    Valores de 1 (10), 2 (binário), 5 (base radical de Fi)
    Porque (1+√5)/2 = Fi
    São exatamente as bases que regulam os divisores de 360 (e qualquer múltiplo de 9) em somatórios sucessivos de 9.
    O universo mágico dos números!
    E parece que tudo sempre recai em Fi!

  • Elias Roth
  • Elias Roth

    *Ps: isto é, grande parte da vida animal fora criada no Quinto Dia, aquela que daria a base para a evolução das formas animais adiante (no sexto dia) entre as quais se encontrava o animal racional que Elohim chamou de Adão.
    Essa própria defasagem entre os dias quinto e sexto, e suas criações específicas (aves dos céus e criaturas das águas // bestas da terra e répteis do fogo: os quatro elementos) e o quinto elemento ou energia vital de equilíbrio no CINCO, que veio a ser o homem!
    Podemos claramente contemplar nessa defasagem de atos criativos em um “dia” como uma referência ao processo evolucionário das espécies.
    Darwin só repetiu isso, mas errou feio ao dizer que viemos do macaco. Não considerou a genética especial de Adão e Eva no Éden por parte de venusianos chefiados por IHVH, seu Espírito de liderança. Homens divinos foram criados à imagem e semelhança de IHVH, mas homens caídos e degenerados realmente caíram na espiral dos primatas.

  • cmtetony

    gilgamesh sheran – concordo plenamente

  • Elias Roth

    Será que é por isso que a classe humanóide caída (invertida), contando todos estes gêneros de grays, monstros e reptilias, aqui e ali infiltrados, nos subterrâneos deste e de outros mundos (Marte?) enfim, foram traduzidos por diabos e representados pelo pentagrama de cabeça para baixo, como que declarando a involução da série Fi em todas as almas decaídas e mentes corrompidas pelo mal, perdendo a imagem e semelhança com o espírito perfeito e assumindo, por outro lado, a semelhança com feras?
    No quinto mandamento está escrito: “Não matarás!”
    Cinco e a conexão com toda vida.
    Temos quatro membros e a cabeça, formando cinco projeções do eixo da coluna vertebral, e se cada membro tem cinco dedos (mãos e pés), à cabeça (cérebro) assistem cinco sentidos de percepção: 5×5 = 25.
    O número da alma expressando vida na forma é 5!
    De um lado, o homem perfeito, consciente e harmônico, em sintonia com as leis do universo, e de outro, o homem animalesco, degenerado e cruel, contrário a todas essas leis.
    O homem de alma e o homem de ego.
    No primeiro, a razão governa os instintos e a consciência é o guia da existência, mas no segundo se dá o contrário, e a bestialidade toma conta dos pensamentos e perverte a razão.

  • Marujo

    Elias Roth Portantiolo 
    Elias, tudo é possível, tendo em vista o tamanho do universo, inclusive a existência de entes vivos (ou colônias deles), que habitem o espaço, de forma autônoma, sem necessitar da proteção de um planeta ou satélite.
    E, para estes, tamanho não seria o problema.
    O gigantesco objeto que parecia “sugar” energia do Sol, e o objeto disforme filmado pela Estação Internacional, que parecia flutuar sobre as camadas superiores de nossa atmosfera (chamado por alguns de “metamorfos”), são alguns exemplos que me fazem acreditar nessa possibilidade.
    Bom domingo!

  • Elias Roth

    Marujo Elias Roth Portantiolo 
    Tudo é possível, mas nem tudo é viável!
    Marujo, no passado cheguei a pensar assim, julgando que o tamanho do universo era um argumento para qualquer coisa que vinha na minha imaginação,
    mas depois que passei a estudar a ordem no caos na amostra de alguns modelos matemáticos, abandonei essa idéia.
    Contudo, as colônias transeuntes existem, a tecnologia avançada abre muitas portas. 
    Os limites, contudo, costumam aparecer mais na forma de trabalho da natureza, sempre em busca do menor caminho e do mais econômico em termos de energia.
    Isso parece padrão em todo o universo.
    E de mais a mais, da nossa objetiva, creio eu fica difícil fazer avaliações dos tamanhos reais desses objetos, há sempre um jogo de aparências, reflexos e ilusões ópticas envolvidos, e não podemos tomar como reais seus diâmetros, apenas relativos.
    Não que eu descarte aqui o gigantismo das naves.
    Mas nunca como se especula em alguns palpites.
    Outro abraço!

  • Elias Roth

    Marujo Portantiolo 
    Ps: até porque, se elas fossem tão grandes assim, como planetas,
    e tão perto do Sol, começariam a desenvolver força gravitacional e orbitariam o sol como
    novos planetas, desenvolvendo reações planetárias de núcleo e ignição de
    energia em função de massas tão grandes.
    Nenhum objeto de massa tão enorme fica tão perto do Sol sem desenvolver imediatamente efeitos de ignição energética por causa da ação gravitacional. Por isso, penso se tratar mais de campo de energia provavelmente envolvendo objetos muito menores.

    Porque foi assim que os
    planetas se criaram ao redor do Sol, massas enormes que desenvolveram
    fenômenos gravitacionais sob um núcleo de elevada força, em virtude da
    massa igualmente elevada.
    Então, teríamos que aplicar as mesmas leis de gravitação universal para tais enormes e massivos objetos, quase planetários.
    Penso que aquelas orbes enormes perto do Sol tem naquele contorno mais uma projeção de energia/campo que fuselagem.

  • Elias Roth

    Marujo Portantiolo 
    Sendo que
    F=GMm/d2
    Temos a imensa massa do Sol, M, e a considerar pelos palpites que se dão destas esferas enormes pertinho do Sol, a massa m delas será muito alta mesmo.
    Agora, jogando na equação acima, imagine só que força newtoniana isso não vai dar.
    Eu pergunto: que nave de tal massa e tão perto do Sol poderá vencer a imensa força gravitacional que seria gerada ali, e com que resistência poderia suportá-la sem ser esmagada contra o Astro-Rei?
    Simplesmente leis ordinárias da Física não funcionam ali para essas condições reunidas.
    Portanto, também penso que tais objetos se situam a meio caminho entre a terceira e quarta dimensões, onde estes parâmetros de massa e distância, gravidade e inércia, começam a sofrer rupturas.
    Bom domingo!

  • Marujo

    Elias Roth Marujo Portantiolo 
    Não diminui a distância entre o que consideramos viável, mas, apenas por uma questão de clareza, não falei em naves (veículos) espaciais, e, sim, da existência de entidades que têm, no próprio espaço, o seu habitat natural.

  • Marujo

    Elias Roth Marujo Portantiolo 
    KKKKKKKKK
    Parece que a distância entre o que consideramos como sendo viável começa a encurtar.

  • Elias Roth

    Marujo Elias Roth Portantiolo 
    Ah, desculpe, Marujo, generalizei pelo que escutei muito deste assunto.
    Seres vivos, semi energéticos, semi materiais?
    Sim sim, isso nos leva a outra vertente, muito mais interessante que a das especulações tecno-alienígenas.
    E no contexto real do que seja a VIDA, e não do que tomamos por modelos do que seja e somente seja, eis que o próprio Sol é um globo vivo, que pulsa, vibra, emite cordas, frequências, calor, forças e magnetismo. E ainda se move no universo e se recicla, ou seja, faz tudo o que um ser vivo faz, em sua própria escala.
    Nossos olhos vêm vida em toda parte, mas nossos padrões nos limitam demais nessa concepção.
    Agora, formas vivas paralelas como você mencionou, como os metamorfos, parasitando o Sol como algumas plantas em grandes árvores, novamente voltamos ao embate entre a vida real no universo e os modelos que empregamos do nosso mundo para efeito de comparação e referência.
    Dentro do que realmente seja vida, e acreditando eu firmemente que nenhuma vida é espontânea, antes, pré-concebida, então é aqui que novamente coloco limites na minha imaginação e penso em consultar a viabilidade destas coisas conforme o Criador.
    Não que isso seja um argumento para evitar em mim as especulações da mente, é apenas um senso de ideal que me leva a crer que não existem acidentes ou vida eventual no universo.
    Podemos então estar diante de grandes colônias espirituais que por alguma razão se deixaram fotografar nas bordas do Sol , ou algum tipo de sociedade eloínica muito avançada e além de qualquer comparação ou modelo conhecido e que foge até ao próprio conceito de materialidade.
    O conceito é plausível, e dele não faltam referências nas escrituras da antiguidade.
    Aliás, todas as estrelas, planetas e astros do universo são, segundo as mesmas escrituras, povoadas de espíritos e afins, mais energéticos que materiais.
    Se retinas humanas puderam vê-los em ocasiões registradas em testemunho profético, instrumentos ópticos poderiam também, em certas condições especiais.
    É plausível.
    E viável.

  • Soupensante

    Obrigado pelos peixes.

  • Elias Roth

    Marujo Elias Roth Portantiolo 
    É aqui que devemos ter cuidado, para não ceder espaço à fantasia, a
    primeira porta da insuportável especulação científica que tanto dano tem
    causado à realidade dos fatos.
    O Universo infinito e imensurável
    não é motivo para especulação, porque mesmo sendo da forma que é, segue
    um padrão regular e harmonioso em conformidade com o Criador Dele, e não em
    conformidade com os nossos devaneios.
    Quando analisamos um fenômeno, tendemos a analisá-lo em separado, não considerando a sinergia do grande conjunto envolvido.Falar de vida é falar da sinergia do próprio universo por inteiro, daí que, por faltar à mente humana moderna a consciência dessa sinergia, fica quase impossível projetar modelos coerentes com a realidade que tange a vida, tanto em sua formação como evolução ao longo do Cosmos.

    Por isso a regra é simples, e
    sempre foi praticada por aqueles que vislumbraram o universo real, e
    ela reza que devemos tentar conectar a nossa mente com a Grande Mente, e
    somente assim poderemos ter inspirações lúcidas na direção certa. Caso
    contrário, nossa mente vai parecer como um barco a deriva, perdido no
    oceano de seus pensamentos por falta de bússola e ventos favoráveis.
    Era isso o que eu gostaria de dizer aos cientistas especuladores. Mas não haverá de faltar oportunidade.

  • ZeBedeuVGBR

    Elias Roth Portantiolo Hummm! Descobriram os Zentrads! hehehehehehehehe

  • ZeBedeuVGBR

    LuaPequena Elias Roth

    hahahahahahahahaha! baixinha arretada!

  • Elias Roth

    Marujo Portantiolo 
    Não me refiro a estes metamorfos aqui:
    http://pt-br.supernatural.wikia.com/wiki/Metamorfos
    Que,pra mim, não bastam de bestas humanas degeneradas, quando aqueles instintos animais ocultos do homem arrebentam e os transformam em minotauros, em frankesteins, em ciborgs e todo tipo de aberração da natureza, que cedo ou tarde despencarão na involução, o ralo depurador do planeta.

  • Skol

    Off topic comic…..
      Cara se é Grande, Pequeno, Gigantesco eu não sei mas,  já imaginou um raça inteligente que tenha em comum um ancestral em seu planeta que fosse parecido com a BARATA na terra?  

       A mulher pode ser ativista, humanitária, amar a natureza, ter a mente aberta para vida alienígena, mas falou em BARATA FUDEU!!!!!!!!!

        Parece que a barata está fora do grupo dos animais e acaba se tornando um  Darth Vader. 

     HAHAHAHAHAHA  fala aew se não é verdade? *-*

  • MarceloDF

    Kredu Deveria ter documentado.