Jipe-sonda reúne mais provas da existência de um lago antigo na superfície de Marte

Tempo de leitura: 2 min.

Abaixo, artigo publicado no site noticias.terra.com.br:

Ilustração feita pela Nasa mostra a cratera Gale, que teria supostamente abrigado um lago formado há bilhões de anos Foto: Nasa / Reuters

Os dados recolhidos pelo robô explorador Curiosity revelam que o monte Sharp, formado dentro da cratera Gale, poderia ter sido formado pelos sedimentos depositados no leito de um lago há milhões de anos, informou a Nasa nesta segunda-feira.

Membros da equipe de pesquisas do Curiosity assinalaram em entrevista coletiva que estas descobertas sugerem que Marte teve um clima mais frio que permitiu que houvesse sistemas de água e lagos durante um longo período de tempo.
Esse tempo foi “suficiente para que os sedimentos formassem o monte”, indicou Michael Meyer, diretor científico do programa da Nasa de exploração a Marte.

Meyer assinalou que para os pesquisadores é um desafio decifrar como se formou esta montanha de cinco quilômetros de altura, composta por camadas de rochas, que poderiam ter sido constituídas com sedimentos de rio e partículas depositadas pelo vento.

“As observações que fizemos até agora apoiam essa hipótese”, indicou John Grotzinger, do Instituto Tecnológico da Califórnia em Pasadena (EUA), que assinalou que esperam poder comprová-la mais detalhadamente no ano que vem.

O Curiosity está investigando as camadas de sedimentos mais baixas da montanha, uma seção de rochas de 150 metros na chamada formação Murray, que podem ser sedimentos sobrepostos transportados por rios e moldados pelo vento depois da evaporação da água.

A outra pergunta a ser respondida é se essa água existiu tempo suficiente para que surgisse vida microbiana.

Em descobertas anteriores, o Curiosity detectou elementos como enxofre, nitrogênio, hidrogênio, oxigênio, fósforo e carbono, alguns dos ingredientes químicos essenciais para a vida.

“Marte atualmente é um planeta seco, árido e com ventos, mas em algum momento foi um planeta formado por água”, comentou Ashwin Vasavada cientista do Laboratório de Propulsão a Jato (JPL) da Nasa na Califórnia, ao destacar que se sua hipótese for mantida, “desafia a noção de que as condições cálidas e úmidas foram transitórias, locais ou só subterrâneas em Marte”.
O envolvimento do clima é um elemento chave neste processo, de acordo com esse especialista.

A atmosfera teria que ser mais grossa para que as temperaturas fossem mais elevadas e permitissem que a água se mantivesse em forma líquida, “mas, por enquanto, não sabemos como foi possível”.Os cientistas devem levar o Curiosity a áreas mais elevadas da montanha para realizar novos experimentos que os ajudem a determinar como a atmosfera e a água interagiram com esses sedimentos e a analisar como a química nos lagos mudou ao longo do tempo.

O veículo explorador partiu em 26 de novembro de 2011 em um foguete Atlas do Centro Espacial Kennedy, na Flórida, e desceu em 6 de agosto de 2012 na cratera Gale com a missão de investigar se em Marte existiram condições para abrigar vida.

Nos primeiros 12 meses, o robô descobriu um antigo leito de curso de água e recolheu amostras de solo e de atmosfera suficientes para que os cientistas concluíssem que pode ter havido vida ali há bilhões de anos.
Em julho de 2013, o Curiosity concluiu sua pesquisa na área conhecida como Bahia de Yellowknife e viajou rumo ao sudoeste da base do monte Sharp, aonde chegou em setembro de 2014.

O Curiosity tem o tamanho de um carrinho de golfe e é cinco vezes mais pesado que seus antecessores, os robôs Spirit e Opportunity, lançados em 2003.

Trata-se também do robô mais bem equipado, com dez instrumentos de tecnologia de ponta, como o instrumento de difração de raios X (CheMin), que analisa quimicamente os minerais recolhidos pelo Curiosity com seu braço robótico, ou a estação ambiental REMS, projetada e construída na Espanha.

n3m3

Fonte: noticias.terra.com.br

Colaboração: Nair Formighieri, Leandro do Nscimento Martins

águaasteroide. astronomiaastronomiaMartevida extraterrestre
Comentários não são disponíveis na versão AMP do site. (18)
Clique aqui para abrir versão normal do artigo e poder comentar.
  • Sir Andrews

    Por migalhas mais e mais se constrói a verdade 
    apesar de achar que e pura desenformação, que na verdade enquanto nos atemos a migalhas
    eles continuam com sua agenda de manipulação das massas e avanços na área espacial e tecnológica a todo vapor !!

    PS: Até que aconteça algo inimaginável e fora dos controles governamentais e militares ai sim teremos a verdade nua e crua.

  • fran01

    E…..vamos a Marte, novamente!

  • UmpaLoompa

    obrigado pela atenção N3m3!

  • n3m3

    UmpaLoompa Eu é quem devo agradecer.
    Abraço,

  • JackDR

    Já no século passado um cientista (Percival Lowell), que também gostava de olhar pelo telescópio (tosco hoje mas bom naquela época), afirmava que havia canais para guiar fluxos de água vindo dos polos de marte em direção ao equador do planeta. E afirmava que esses canais eram tão perfeitos que só podiam ter sido feitos por uma inteligência, no caso outra civilização. Ele especulava que era uma tentativa de salvar a população local em busca de água.

    Acredito que há 2 estudos em paralelo: um para estudar a geologia do planeta (além da busca por vida microbiana/bacteriana) e outro (em segredo) para buscar evidências de outras civilizações.
    Não é possível, olhando para o futuro quando nosso planeta for extinto, que o Universo se transforme num conjunto de planetas vazios e estrelas que explodem, além de massivos ralos que engolem tudo (buracos-negros). Há mais gente neste Universo e o custo investido aqui não pode ser só para tirar fotos de rochas e selfies dos jipes exo-exploradores.

    O grande dilema é como revelar ao mundo que não estamos sós. O risco de quebrar a economia e status-quo é muito alto. Teríamos que migrar rapidamente para um regime socialista, onde todos ajudam todos para mantermos força numa possível visita ou ataque. Somos uma sociedade fraca, militarmente falando. 

    Marte tem inúmeras evidências de outra civilização e estudar elas faz com que acumulemos informação para entender a quanto tempo ela existiu e o grau de inteligência em comparação com o nosso (proporcional ao tempo de existência).

    As investigações continuam. Vamos torcer.

    abs

  • Sergay Bellov Tudorov

    Ola pessoal…..
    Sabe, eu lhes digo,  é muito difícil, difícil mesmo, para nós que queremos desenvolver nosso trabalho a fundo, seja na nossa profissão ou nosso hobby
    .
    Difícil,ora porque??????

    Por que gostaríamos de ter nas mãos todas as informações, dados, etc… que precisamos ter.

    Mas então o que temos então, somente desinformações, inverdades que confundem e atrapalham cada vez mais.

    Os motivos para isso são os mais diversos, medo, pressão, tentar mostrar que você é um incapaz e que não serve para o trabalho, e principalmente, uma visão tacanha e distorcida da realidade e verdade principalmente uma visão distorcida do futuro, baseando-se  em velhas opiniões formadas por elementos que só enxergam o mal nas pessoas.

    Meu pai sempre falava que, devíamos tomar muito cuidado, pois desde que o mundo é mundo o ser humano aprendeu que:

    Uma verdade em meio de muitas mentiras, também será uma mentira, e nunca conseguiremos vela como verdade, sendo que a reciproca, também é verdadeira.

    Eu vejo que é assim, o modus operandi dessas agencias espaciais, posicionadas em um conceito ridículo  que alguém igualmente a tempos atrás achou que deveria ser feito.

    Quando a comunidade Européia e outros países como Russia, China, Japão, Índia,  entraram na corrida espacial, pensei que agora teríamos  gente jovens, novas mentes, mais abertas a realidade e informações e teríamos  grandes revelações.

    Meu deus, me perdoe , me enganei….

    Abraços a todos……….

  • AntonioCarlosAD

    A Nasa deveria ter, o que acho que não tem, é uma equipe de geólogos para analisar as fotos de marte, na verdade, embora cientistas e de muito mais credibilidade do que qualquer um de nós, mas, a ilustração da nasa demonstra que a cratera foi formada por um meteoro que deixou seus sedimentos no buraco e não que ali houvesse agua, e na verdade, em muitas outras fotos de marte em que aparecem rochas  sedimentares, elas, com certeza, não são do tipos produzidos pela presença de agua e sim por um colapso geólogico ocorrido em marte, seja pela queda de grande astro em sua superficie ou por abalo sismico, a Nasa, inclusive, na sua proxima missão a marte deveria instalar no planeta um sismologo para medir a atividade sismica, seria mais avançado do que ficar analisando fotos do planeta, até porque, muiito mais interessando até do que a suposta atividade ufologica de marte é o estudo geologico do planeta.

  • Sergay Bellov Tudorov

    Oi 
    Se isso é apenas uma ILUSTRAÇÃO, que não é a fotografia HD, não representa nada. Não da a realidade da mesma.
    Mas uma coisa é certa, a NASA tem cara lá que desenha muito bem….
    Abraços…………………..

  • walter loo

    …Provas da existência de vestígios de vida em MARTE ,assim como ruínas de cidades , monumentos , pirâmides, !!!
    Creio haver muito mais do que falam!!!Pois é nítido o aumento do interesse pelo planeta, prova disto é a corrida no preparo de astronautas para uma viagem tripulada a MARTE!!!!!

    Estranho que dizem ser inviável tal viagem devido ao alto  índice de radioatividade do planeta, porem sempre falam de missões tripuladas ao planeta, é bem  CONTRADITÓRIO , não acham??????

    Abraços fraternos!!!!!!!!!!!!!!!!!!1

  • guerreiro da luz

    Saudações, Marte e realmente e um mistério… Acredito que tem a possibilidade de haver civilizações antes e agora, bases e coisas do tipo, s sempre interessante ver as fotos que reforçam está possibilidade abraços

  • Ylla

    n3m3  Olá …. eu gostaria que me ajudasse a saber, porque eu não consigo colocar uma foto no meu perfil ? Já atualizei, entrei no account settings, escolhi o ficheiro várias e várias vezes, fui em outro CPU…. tentei, e não dá certo. Em meu email ,  google, facebook ou em outros, tudo ok ! e aqui que eu venho fazer minha visita todos os dias, ate quando estou no trabalho, rsrs…. não consigo colocar uma foto, não entendo. Pode me ajudar ? Ate mais …….

  • JackDR

    AntonioCarlosAD
    Muitos geólogos hoje reclamam da proposta da Nasa de ficar tirando fotos e cavando alguns locais sem critério. O jipe se locomove a 140m/h e gasta muito tempo escavando e analisando poeira. Segundo geólogos renomados, se abrissem as imagens para eles poderiam identificar de forma bem mais rápida onde pesquisar.
    Por que será que não liberam?

  • JackDR

    walter loo
    O projeto de envio de uma tripulação para lá ainda está ativo. Entretanto, avaliam os custos de montar uma estação local para proteger os próximos viajantes desta radiação. Além disso, o organismo humano tanto tempo no espaço ainda é uma incógnita. Estima-se que se consiga bons resultados daqui a 20 anos.

    abs

  • n3m3

    Ylla n3m3 Ylla, para colocar foto, a forma mais rápida é a de se cadastrar no livefyre e lá colocar sua foto.  Aí ela sai aqui.
    Avise se tiver maiores problemas.

  • Alex Cosmos

    Acredito que Marte tem mistérios que só serão solucionados com uma visita Humana em sua superfície ! acho que a missão à Marte já esta bem mais próxima do que as agencias anunciam, até mesmo  eles podem  já estar por lá e não relatam ao publico.

    Alguma organização não Governamental tinha que se levantar e chegar lá primeiro e revelar em primeira mão as verdades ocultas !!

    Abraços…

    https://www.youtube.com/watch?v=BJS1aCkP5X4

  • Paulão Da Geral

    Marte hoje,pode ser nós amanhã

  • Kaczmarczik

    Boa tarde a todos!!!!!
                      Muitas fotos e “ilustrações da NASA” nos fazem acreditar que tenha existido uma civilização avançada em Marte (eu particularmente acredito que a Lua, Júpiter e suas luas, entre outros planetas, também tiveram civilizações avançadas em um passado remoto, ou ainda as tenham),  mas como quem está noticiando se trata da NASA temos que ter prudência quanto a essas informações…