Análise inicial de DNA dos crânios de Paracas mostra resultados incríveis

Tempo de leitura: 2 min.
Crânio alongado encontrado em Paracas.

Paracas é uma península desértica localizada dentro da Província de Pisco, na Região Ica, costa sul do Peru.  Foi lá onde o arqueólogo peruano, Julio Tello, fez uma descoberta surpreendente em 1928: um enorme e elaborado cemitério que continha túmulos com os restos de indivíduos possuidores dos maiores crânios alongados já encontrados no mundo.  Os crânios são conhecidos como ‘Crânios de Paracas’.  Ao todo, Tello encontrou mais de 300 destes crânios alongados, os quais acredita-se datam de aproximadamente 3.000 atrás.  Um análise de DNA foi agora conduzida em um dos crânios e o especialista Brien Foerster  liberou as informações preliminares sobre estes crânios enigmáticos.

Hoje sabe-se que na maioria dos casos esses crânios alongados são o resultado de deformação craniana artificial, no qual o crânio é intencionalmente deformado através da aplicação de amarras durante um longo período de tempo.  Geralmente isto é obtido amarrando-se o crânio entre duas tábuas de madeira, ou enrolando-o com panos.  Porém, embora a deformação craniana mude o formato do crânio, ela não altera seu volume, peso, e nem outras características pertinentes ao crânio humano normal.

Contudo, os crânios de Paracas são diferentes.  O volume craniano chega a ser 25 por cento maior e 60% mais pesado do que um crânio humano convencional, o que significa que eles não podem ter sido intencionalmente deformados através dos métodos descritos acima.  Eles também contém somente um osso parietal, ao invés de dois.  O fato destas características  cranianas não serem o resultado de deformações artificiais, significa que a causa de seu alongamento é um mistério, e tem sido por décadas.

Impressão artística baseada num crânio de Paracas. Crédito: Marcia Moore / Ciamar Studio

O Sr. Juan Navarro, proprietário e diretor do museu local, chamado de Museu de História de Paracas, o qual possui uma coleção de 35 destes crânios, permitiu a retirada de amostras de 5 destes crânios.  As amostras consistiram de cabelos, inclusive suas raízes, um dente, osso e pele dos crânios, e este processo foi cuidadosamente documentado por intermédio de fotos e vídeos.  Estas amostras foram enviadas ao falecido Lloyd Pye, fundador do Projeto Starchild, o qual entregou as amostras a um geneticista no Texas, EUA, para uma análise de DNA.

Os resultados estão prontos e Brien Foerster, que é autor de mais de dez livros e uma autoridade sobre os povos antigos de cabeça alongada da América do Sul, recém revelou os resultados preliminares da análise:

Ele tinha mtDNA (DNA mitocondrial) com mutações desconhecidas em qualquer humano, primata, ou animal conhecido até hoje.  Mas alguns fragmentos que fui capaz de sequenciar desta amostra indicam que se estas mutações forem reais, estamos lidando com uma nova criatura similar à humana, mas muito distante do Homo sapiens, Neandertals ou Denisovanos.

As implicações são enormes. “Eu nem mesmo tenho certeza se isto irá encaixar na árvore evolucionária conhecida“, escreveu o geneticista.  Ele adicionou que se os indivíduos de Paracas foram tão diferentes biologicamente, eles não seriam nem mesmo capazes de cruzar com humanos.

O resultado desta análise está ainda na fase inicial de muitas fases de análises que estão para ocorrer.  Os resultados precisam ser replicados e mais análises feitas antes que se possa chegar à uma conclusão final.

n3m3

Fonte: www.ancient-origins.net

Colaboração: M3NIS

AlienígenaarqueologiacrânioextraterrestreOVNI HojeParacasPeru
Comentários não são disponíveis na versão AMP do site. (65)
Clique aqui para abrir versão normal do artigo e poder comentar.
  • Valdemir Faleiros

    Não seria fruto do cruzamento de extraterrestres com os indivíduos que habitavam esse local?

    • Thiago

      acho que você ta vendo muito history channel….

  • AAMR

    Quanto vcs querem apostar que estas análises preliminares, serão desmentidas futuramente ou serão consideradas amostras contaminadas.

    • mago53

      Pode ter certeza ! Não são daqui ! nem se pode cruzar com os que tinham aqui, donde vieram ? A censura irá apelar.

        • mago53

          O tipo de pelo lembra muito. Mas seu DNA não existe na Terra. É importante saber a causa mortis. Foram trazidos p a Terra com algum propósito, talvez mineração, mas não serviram a esse suposto propósito e devem ter sido suicidados, mortos por algum vírus ou bactéria ou até mesmo pelo mineral explorado e ou gases provenientes dessa mina. Mas pelo q entendi, não surgiram no planeta.São diferentes de nós, na concepção da raça. Vamos supor q seja verdade q os anunnakis nos criaram, mas usaram seu DNA com os homídios existentes aqui, esse não tem DNA de nada na Terra, foram trazidos! Quero ver o que dirão cientistas e governos para rebater isso!

          • Hannah

            Foi o que eu disse, tempos atrás em relação a tais crânios alongados: esses em especial têm muita massa óssea. Um crânio humano alongado por ‘técnica’ e costume de uma tribo, NÃO é a mesma coisa, justo por falta de tecido ósseo suficiente.

            Mas tem gente que insiste se tratar apenas de crânio humano alongado. É EVIDENTE que NÃO são de mesma origem!

            E, em plena era de investigação de DNA não sei que enrolação é esta. Deve ser apenas para vender matéria para revistas “Scientific American” e “Super Interessante” da vida.

            • mago53

              Tá muito enrolado esse exame. Se esse DNA não existe na Terra, será a maior prova da existência de vida Extra. O Michio Kaku falou q precisava de uma nave ou um corpo, para a ciência ter certeza, e esse aí ? Não serve ? Tem alguma coisa estranha nesse panorama, ciência, evidências, governos, religiões, povo, natureza! Acho q o velho Chico estava certo, vem meia faxina na Terra. Existe um desesperado esquema de enganação mundial !

              • nubia

                na bíblia gênesis 6:4 diz que os filhos de Deus fizeram filhos nas mulheres humanas , talvez esse crânio seja de um que resolveu não voltar pra casa do pai

          • marsan

            o facto do DNA não ser humano, não quer dizer que seja extraterrestre, pode de outra espécie de primara inteligente que evoluiu de forma semelhante aos humanos com uma população reduzida e em decadência que por alguma razão/inadaptação acabou por desaparecer. e poderiam se um povo até bastante desenvolvido mas que estava a morrer devido a algum problema genético ou alguma pandemia ….

        • Chester

          Doidim!
          Só se for um orangotango Super Saiyajin…
          Hehehehehehe

          Crânio deles é bastante diferente.
          http://www.3bscientific.com.br/imagelibrary/VP761-1/VP761-1_02_Cranio-de-orangotango-macho-Pongo-pygmeus.jpg

          Mas o cabelinho é igual…
          Logo, poderia ser o cruzamento de orangotango com outra espécie…

          Talvez cruzando com uma belezinha dessas aqui, alcançaríamos o formato craniano desejado…
          http://fc01.deviantart.net/fs71/f/2010/241/a/2/alien___h_r__giger_pitch___by_adonihs-d2xjobm.jpg

          😀

          “Para descobrir a identidade
          Do humano com cabeção
          Precisará grande habilidade
          Além de muita imaginação.”
          =p
          Chester

          • Danmoon

            KKKKKKKKKKKKKKK!!!

          • dai

            Será que algum macaco não teve um cruzamento com humanos, rolou casamento tiveram filhos e nasceram diferentes, sei lá tudo é possível a loka aqui hahahaha.

          • Doidim2011

            Muito boa a foto do crânio do orangotango

          • Jaci

            Muito medo da 2ª imagem…

      • Menegati

        como disseram nos comentarios abaixo,,, é bem provavel que deem uma desculpa sobre raça extinta, etc,,, o povo zumbi muda de canal e vai ver a novela…
        http://www.youtube.com/watch?v=MQthtxdNngo

    • Alex cosmos

      Isso mesmo ! Parece que não é do costume aceitar uma analize como essa ! acho que não é nerecidamente aferecida uma importância sobre esse achado, nenhuma pessoa fora do eixo de interesse astronomico ou Ufologico sabem desses artefatos.Parece que é feita à analize só pra ser desmacarada e levada a ser piada pelo mundo ciêntifico.

      Até quando vamos fechar os olhos do Povo !!!! Acorda humanidade….

  • rogodoy

    Que maravilha! Uhuuuuu
    Acho que estamos vendo algo histórico, não vou me excitar muito pra não ter um ataque, mas é a melhor notícia de todos os tempos, acho que agora não tem como negar. Vou dormir tranquilo porque já venho falando e escrevendo sobre isso faz tempo e só confirma tudo que eu já sabia.

  • DARKBIRD

    Isso pode ser esquecido facilmente.
    Quaisquer provas científicas que apoiam a presença extraterrestre na Terra é esquecida e deixada de lado como se não existe.

    Para agora ser diferente,tem que haver maiores investigações e análises desses crânios e também a própria reformulaçãa das hipóteses dos povos que viviam nessa região.

    Se for descoberta que a humanidade compartilhou o mundo cok outra espécie de origem totalmente diferente no passado,e se descobrirem que houve intereferência de ”forças que não pertencem ao nosso planeta”,será um choque imenso.

    Uma coisa que para mim que é muito provável é que ”les” visitaram o nosso passado remoto.Sempre estiveram aqui e ainda estão aqui.
    É só questão de desenterrar ossos e antigos monumentos de povos antigos avançados,e ter uma mente aberta que verá a verdade……

    • mixxy

      Humanoides com cranios mais alongados, isso nao é prova de vida extraterretre….

      E como que tal teoria é muito provavel se ninguem consegue provar?

      nao faz sentido darkbird

      Se for uma nova especie humanoide moderna porem extinta, sera muito legal de saber que existiu

      • DARKBIRD

        E será legal também saber da origem dessa nova espécie……….

        • mixxy

          Seja la qual for a origem, eu duvido que seja fora do planeta terra

          • Lelio

            Se eu fosse você eu não duvidaria. É um erro dar extensa e primordial credibilidade ao discurso acadêmico e universitário. Esse discurso é controlado pelas instituições que financiam as universidades (Bancos de investimento, Big corporações). Não perceber isso definitivamente afastará qualquer ser humano da compreensão do que realmente é o universo que nos cerca.

      • Jaci

        Pois é, concordo com você, mixxy. Principalmente porque temos um elo perdido na Teoria da Evolução… vai saber…
        Agora, que é interessante, isso é. E como falaram lá embaixo nos comentários, isso é coisa velha, mas só liberaram agora.
        Podemos ter certeza: praticamente nada sabemos em primeira mão nesse mundo.

        • JsSoares

          Como elo perdido se o DNA não tem nada do humano?

  • Merreleine

    Que ótimo!

    Mudando a nossa história.
    Ameei!!

    Saudações

  • Rhaegar

    Essa notícia é a melhor dos últimos tempos, meu maior medo é que ela não receba a devida atenção da mídia e dos cientistas.

    Mas uma coisa que eu notei que pode parecer não muito importante, a representação artística está pouco fiel ao crânio, não sei se eles usaram um crânio diferente da foto para fazer a ilustração, mas em relação ao crânio que aparece nessa notícia, a ilustração mostra uma grande protuberância na sobrancelha, forma um angulo maior entre a testa e o alongamento do crânio, e tem um rosto mais curto e largo. No crânio real, essa protuberância não existe, tem um rosto mais reto e bem mais alongado.

    Acho que desse jeito ficaria muito menos humano. Isso poderia ser importante caso esse caso caia na mídia e utilizem essa ilustração, poderia impactar menos as pessoas.

    • Chester

      Muito bem observado, Rhaegar

      Sem contar que o último quadro da montagem mostra um ser totalmente despojado e estiloso, com luzes no cabelo e brinco.
      Pronto para trabalhar na próxima novela…
      ¬¬’
      Hehehehehe
      E outra.
      Se divulgarem essa montagem como o exemplo real, o povo ficará tranquilo, dizendo que são índios.
      “Apenas mais uma raça indígena dizimada, coisa normal. Troca de canal que vai começar o futebol!”
      🙁

      Se fosse transmitida alguma notícia comprovando a presença de OVETs e vida extraterrestre o povo ficaria chocado.
      Mas não se chocam de assistir todos os dias à coisas do tipo: pai mata filhos, rapaz estupra enteada, filho mata pai e mãe, maníacos matavam e faziam empadas com carne humana, mais um bêbado mata por dirigir embriagado e não acontece nada, etc, etc…

      O QUE ACONTECE COM ESSE POVO???

      Simples… alienação à nível catastrófico.
      Isso se tornou corriqueiro. Coisa normal.
      🙁

      Fora que a maioria gosta de pensar que o UNIVERSO INTEIRO foi criado apenas para eles viverem ali, no planetinha azul, e aceitar que existem raças muito superiores a eles será muito difícil.
      Afinal, ser humano é MUITO evoluído.
      Tão evoluído que tenho a impressão que estão regredindo cada vez mais…

      “Esse papo de evolução
      Gera muita discussão
      Seria apenas ilusão?
      Ou estamos em regressão?”
      Chester

      • Paulo César França

        off topic amigo chester voltando a politica, ta na hora de colocarmos a cabeca pra pensar no q poderiamos fazer para mudar essa situacao. estava conversando com um grevista da carris (empresa de onibus em poa) e acabei chegando a isso: q tal criar uma “ong” de combate a corrupcao, com detetives para investigar possiveis casos e divulgar, inclusive investigar juizes q dao pena de cestas basicas para quem desvia milhoes. quem quizer dar algumas sugestoes ae blz.

        • Chester

          Boa tarde, Paulo César!
          Desculpe pela demora para responder.

          Achei a ideia ótima, mas…
          Como poderíamos fazer isso?
          🙁

          Somos vigiados o tempo todo e, provavelmente, seríamos rastreados, coagidos a desistir dos planos e sabe-se lá mais o que.

          Minha única maneira de protesto, por hora, são as letras das músicas de minha banda, que escrevo tentando expressar um pouco da revolta de toda vergonha que vemos ao redor.

          Mas se você obter alguma luz de como poderíamos fazer isso, pode ter certeza que pode contar comigo, inclusive para discutir a respeito até encontrar uma saída para esse ciclo.

          “No meio deste caos urbano
          De um mundo que não tem solução
          O povo vira lixo humano
          Onde ninguém lhe estende a mão.”
          Chester

    • NathyChan

      Isso é verdade, nem tinha reparado!!
      Ficaria menos humano mesmo!!

  • etevaldo

    Não passou na Bobo, não existe.

    • Hannah

      Não passou na Bobo é sinal de que além de importante, muito provavelmente é verdadeiro. Mas há quem defenda com unhas e dentes que, o que a dita cuja “revela” é a “verdade dos fatos”… E o que ela não revela, como vc mesmo disse, “não existe”. Infelizmente não são poucos os que rezam na cartilha da Carochinha.

  • Ob.Servi

    teste

  • Ob.Servi

    UÉ SE TEM O DNA , ENTÃO JA PODE CLONAR O BIXO … SÓ CLONAR E VERÁ SE SÃO PARECIDOS CONOSCO OU NÃO …

  • Zafar Descrente

    Esse projeto de humanoide foi descontinuado porque a cabeça era grande demais para extrair ouro.

  • Paulo Henrique

    Olha, não tendo duvidas de que crânios alongados quase sempre foi uma forma de se parecer com os Deuses, nesse caso especificamente parece ter sido por necessidade, apesar das teorias eu acredito que seja por necessidade e a inspiração veio deles, ou talvez até a dica.

    PS: não consigo entrar com a minha conta Que sou registrado no blog: Feanaro da casa de Finwe….. :/

    • n3m3

      Caro Paulo Henrique,

      Enviei uma mensagem ao e-mail que você registrou, com instruções para entrar no OH com seu login.

      Atenciosamente,

      n3m3

  • emsj

    Sem querer ser pessimista, mas essas pesquisas sempre terminam engavetadas.
    Nunca vi uma pesquisa desse tipo seguir em frente. Com essa não será diferente (nunca quis tanto estar errado).

  • nilton

    BOM DIA,bem este negocio de crânio alongado não he de hoje,e estes cientista falam e falam e ainda vai fazer mais analise e analise caramba faz tudo que tem que fazer e fala e pau e pau e he pedra pedra,deixa de suspense quem gosta disso he holliood,um abraco a todos fui…..i………………………………………………………………………..

    • dsilva210

      Eles tem que fazer todas as analises possíveis, pra tirar qualquer duvida, e mesmo assim vai ter gente que não vai acreditar.

  • Gastón

    Uma pergunta. Qual é o laboratorio que fez a análise?

  • Marco Antonio

    se as conclusões dos testes anunciadas são verdadeiras…fim meu!
    a questão é descobrir tudo que for possivel a partir daí.
    qto a maioria das pessoas se imbuirem desses fatos…esqueçam…

    os verdadeiros agentes alavancadores das coisas de relevância para todos, sempre são minoria.
    então, a minoria interessada, empenhada e esclarecida, (com vocação natural para isto) é que não deve deixar o assunto esfriar, ser distorcido, enfim, levar adiante, afinal. é uma vocação nossa!

    quanto a rede bobo, tbm é constituida de minoria com vocação, mas empenhada em subverter a a “massa de manobra embalista”, com fins diabólicos (projeto ditadura socialista – ver palestra yuri bezmenov no youtub_ + videos Olavo de Carvalho, Rodrigo Constantino e outros tbm no youtub_)

  • Marco Antonio

    há em tempo…
    realmente como já observado em comentário aqui, esse desenho das pessoas acima, não reflete as linhas reais do crânio.
    o mais grave é a inclinação da cabeça em quase 10º de diferença, e maia a sombrancelha pronunciada que descaracteriza a realidade da imagem, como já mencionado em comentário tbm nestes posts anteriores.

  • 666Dark

    Enquanto isso, a bola vai rolando, rolando!! Será que algum dia vai chegar ao gol!
    Acho que essas “descobertas” são velhas e só agora querem dar uma “liberadinha”.

  • Dan

    Os resultados preliminares divulgados por Brien Foerster a respeito dos exames de DNA dos “crânios de Paracas” são, em princípio, muito parecidos aos resultados obtidos na análise do humanoide “ATA”: existe DNA mitocondrial, porém os espécimes possuem tantas alterações genéticas que os distanciam de qualquer “Homo Sapiens Sapiens”! A imprensa, é claro, vai alardear:” eles tem DNA mitocondrial, que herdaram da mãe humana, portanto são humanos e assunto encerrado”! E muita gente vai acreditar (como já li alguns até mesmo nesse blog comentarem que o Ata é humano sem maiores questionamentos)… ninguém se pergunta que diferenças são essas e se elas estão em um nível possível e aceitável de ocorrer naturalmente, ou se seriam impossíveis de explicar dessa forma (que parece ser o caso de todas até agora)!
    Será que tínhamos tantas espécies humanas diferentes entre si no passado remoto que englobariam pessoas de 20 cm de altura e crânios alongados e também pessoas com crânios com apenas um parietal e volume maior que o normal?
    Não seriam estes cadáveres seres híbridos ou até mesmo extraterrestres?
    Ah sim, é claro, extraterrestres não existem, e se existem, extraterrestres não podem ter DNA e muito menos um DNA parecido com o nosso! Será mesmo? E se a “Panspermia” for algo que realmente ocorreu? Nesse caso, o mesmo DNA pode estar presente em vários mundos diferentes, apenas com modificações de acordo com a evolução que ocorreu em cada meio-ambiente planetário!
    E se Deus resolveu criar todos os seres vivos com a mesma receita básica (DNA)? Nós podemos limitar a criação divina em forma, tempo e espaço? Não, claro que não!
    Todos os ufólogos devem prestar muita atenção nesses resultados de exames desses humanoides (“Crânios de Paracas”, “ATA”, “Alyoshenka”, “Starchild”) pois o “inexplicável” está nos detalhes, naquela porcentagem de DNA inexistente ou incompatível com o “Homo Sapiens Sapiens”, e que é prontamente ignorada ou omitida pela imprensa para “não complicar” as coisas…
    É preciso prestar atenção nas novas possibilidades…

    • moder Jord

      Olá, Dan, interessante também lembrar que os cranios foram encontrados na mesma região das famosas Pedras de Ica, no deserto de Nazca. Associando as linhas de Nazca e as pedras, podemos observar, no link abaixo, desenhos bem familiares na 1ª pedra da direita na linha superior.
      Não sei se é verdadeira ou uma das tantas pedras falsificadas.
      Também é muito curioso, nesses desenhos, que o personagem que “cuida”(ou que detem algum tipo de conhecimento para cuidar), usa sempre um cocar e tem o nariz bem adunco, enquanto que os que estão sendo “cuidados”, tem um tipo físico completamente diverso, sem detalhes, sem importancia, denotando propositalmente, duas raças completamente diferentes.

      http://2.bp.blogspot.com/-JLxhiqRXyYc/UHmy50Xy45I/AAAAAAAAAHs/52fr8WfK20Q/s400/icaperuburialstones3.jpg

      • Dan

        Olá moder Jord! Sim, pinturas assim podem indicar a existência de seres híbridos ou extraterrestres na antiguidade (apesar de a ciência tradicional dizer que não passam de representações de seres mitológicos/demônios ou de animais da flora local desenhados de forma artística)… mas segundo Erich Von Däniken e seus simpatizantes (como a turma do “Ancient Aliens”) é muito mais que apenas isso.

        • Dan

          E muitos desses híbridos podem perambular por aí de vez em quando ainda hoje (talvez o “Mothman” seja um híbrido, talvez o próprio “Chupacabras”, etc). Segundo os relatos sobre a base Dulce, muitas “abominações genéticas” com humanos são feitas (de acordo com Phil Schneider). Mas, é claro, isso pode ser apenas “Teoria da Conspiração”…

          • moder Jord

            Assim como os deuses egipcios com o rosto de animais. Anubis, Hórus, Seth e outros.Sem falar no Minotauro.

        • moder Jord

          Sim, achei particularmente impressionante, a repetição dos desenhos do macaco e do colibri das linhas de Nazca nas pedras. Se forem autenticas, alguém conhecia os desenho e os repetiu, na pedra ou no solo.

    • Marujo

      O que me faz lembrar … Quanto tempo ainda vamos levar, para proteger a dignidade humana destes nossos irmãos (direito à vida, ao território, etc,) … Alguém já me disse que esse é o problema: eles são muito parecidos, causam vergonha, são “bastardos”. Melhor cuidar do Panda, do Tigre e do Golfinho … Não que estes, entre tantos outros, não devam ser preservados. Mas, o que dizer então daqueles que mais se nos assemelham???

      Dian Fossey, Deus a tenha …

      Marujo.

  • Marujo

    Nico Nicolaiewsky (1957-2014)

    Obrigado, Maestro.

    Ah, e manda um abraço pra todos que também já voltaram pra Sbornia …

  • rodrigosamuel

    Senhores, saindo totalmente do do mundo físico como conhecemos tem um blog que pelo que me aparenta, nao me aprofundei muito mas é realmente muito interessante funciona com médiuns de varios lugares que transmitem mensagens de anjos, alienigenas, conduta, enfim, visitem e tirem suas própias conclusões a respeito. segue o link: http://achama.blogs.sapo.mz, responde muita coisa principalmente em relação à federação gálatica, outras dimenções, pra quem realmente se interessa pelo assunto é muito esclarecedor.

  • Tonny Galletti

    Nassim Harameim diz categoiacamente que esses crãnios são dos Anunnakis…….

  • profmundim

    O crânio é daquele tamanho! E o cérebro, não implica em alguma diferença, também?

  • ctemplarios

    Yet!

  • Antonio Gomes

    Possivelmente cruzamento de uma outra raça com seres humanos , isso para não falar em extraterrestres.

  • marceloDF

    Mitocondrial? Ih! Isso não serve para nada.

  • Lelio

    A universidade tentará a todo custo desmoralizar o discurso de Brien Foester, tal como já fizeram quando usaram diversos psicólogos pra dizer que os “greys” não passavam de uma “ilusão imaginária coletiva”. Fizeram o mesmo no projeto “blue book”, que usou renomados acadêmicos (dentre eles o famoso Carl Sagan) e inúmeras evidências forjadas para dizer que nunca existiram provas concretas de presença alienígena na Terra. Também fizeram o mesmo quando arrumaram alguns velhinhos com cortadores de grama pra dizer que eles eram os responsáveis pelos circulos nas plantações. A universidade sempre inventará uma forma lógica e pseudo científica pra tentar fazer o público desmerecer evidências diretas. Ela Fará isso porque é financiada pra defender verdades artificiais que só servem pra fortalecer o sistema financeiro e a economia de mercado.