Homem diz que incidente com OVNI / UFO em 1973 virou sua vida de cabeça para baixo

Tempo de leitura: 4 min.
Calvin Parker, Jr no local do encontro que teria virado sua vida de cabeça para baixo.

PASCAGOULA, Mississipi – EUA. (AP) – Charles Hickson nunca se arrependeu da notoriedade que recebeu após contar às autoridades que encontrou um objeto voador não identificado e seus ocupantes, há 40 anos, nas margens do Rio Pascagoula.  Até sua morte em 2011, Hickson contava a história para qualquer pessoa que quisesse escutar.

Mas Calvin Parker Jr., o outro homem que estava presente nesse que foi um dos mais expostos casos de OVNIs na história dos Estados Unidos, nunca se conformou com o que ele descreve ter sido uma visita de criaturas cinzas, com garras de caranguejos, oriundas de outro mundo.  Ele diz que o encontro de 11 de outubro de 1973 virou sua vida de cabeça para baixo.

Isto é algo que eu realmente não quis que tivesse acontecido“, disse Parker para a The Associated Press dias antes do 40º aniversário do incidente.

Parker ficou irrequieto pelo impacto inicial e pela atenção não muito bem-vinda, com repórteres em entusiastas de OVNIs invadindo o estaleiro Walker, onde ele e Hickson trabalhavam.  Ele tentou desviar das atenções por décadas, se mudando com frequência, antes de retornar para a Costa do Golfo no Mississipi em anos recentes.

O incidente fez manchetes, disparou uma onda de avistamentos de OVNIs por todo o país e se tornou um dos casos mais amplamente examinados em registro.  Entre os céticos estavam os investigadores policiais que o entrevistaram logo após o incidente e até um escritor que procurou por falhas em sua história; e mesmo Parker tinha pensamentos conflitantes se ele havia sido visitado por alienígenas ou por demônios.

Parker, agora com 58 naos, tinha 18 quando foi pescar com Hickson numa noite tranquila de quinta-feira, após o trabalho.

À medida que eles jogavam sua linhas na água, sem ter muita sorte, um OVNI com luzes azuis desceu do céu.  Eles falaram que o objeto emitia um ruído similar ao de um zíper de roupa quando em movimento.

Hickson, na época com 42 anos, disse que três criatura com pele cinza similar a couro, e com garras de caranguejos (ele achou que eram robôs) os agarrou pelos braços, levitando-os para dentro da nave.  Ele disse que algo similar a um enorme olho que flutuava apareceu para examiná-lo.

Parker diz que estava consciente, porém paralisado.

Ele nos examinaram por completo, realmente por completo, como qualquer doutor faria“, disse ele.

E então eles estavam de volta às margens do rio, onde tudo começou.  O OVNI havia desaparecido e Parker disse que eles tentaram se recuperar.  Hickson precisou tomar três doses da bebida que estava em seu carro para acalmar os nervos, antes de decidir reportar o que havia acontecido.

No escritório do Xerife do Condado de Jackson, os investigadores suspeitaram que ambos os homens estavam bêbados.  Então, o capitão Glenn Ryder, que ainda hoje trabalha para o escritório do xerife, disse ter rido do que havia sido reportado, mas mesmo assim se encontrou com os homens.  Parker e Hickson ficaram firmes em seus relatos.

Após uma das entrevistas, Hickson e Parker foram deixados juntos em uma sala com um gravador escondido, na esperança de pegá-los na mentira..

Eu e o outro investigador saímos da sala e os deixamos conversando, para ver se eles iriam dizer, ‘Bem, os enganamos’, mas eles não fizeram isso“, disse Ryder.  “Eles estavam realmente preocupados.

Na gravação, Hickson disse para Parker, “Isso também me assustou muito, garoto.  Você não consegue superar algo assim pelo resto da vida.  Que Jesus Cristo tenha piedade“.

Eu não sei o que aconteceu com eles“, disse Ryder. “Eu não estava lá com eles, mas eu sei que você não pode fingir terror, e eles estavam aterrorizados.  Eles estavam aterrorizados.”

Na tarde seguinte, a história estava nas primeiras páginas de jornais em Pascagoula  e Gulfport.  Da noite para o dia, Pascagoula se tornou um ímã de repórteres e investigadores de OVNIs.

Nos Estados Unidos, um grande interesse em OVNIs começou na década de 1949, com o incidente em Roswell, no estado do Novo México, e entusiastas de OVNIs acreditam que o governo resgatou um OVNI acidentado e corpos de alienígenas.  O governo despendeu décadas negando o fato.

Na década de 1960, o interesse no assunto foi renovado com uma série de relatos, inclusive com a alegada abdução do casal Betty e Barney Hill, no estado de Nova Hampshire, em 1961.  A grande atenção dada ao encontro em Pascagoula deu início a uma nova onda de reportagens.

No sul do estado de Mississipi, centenas de relatos inundaram as autoridades nas duas semanas após o encontro de Hickson e Parker.

Também houveram casos forjados e zombarias.  Um taxista de Long Beach, Mississipi, disse à polícia que uma criatura com garras bateu em sua janela, mas desmentiu dias mais tarde.

E como não podia deixar de ser, um vereador de Ocean Springs, propôs uma lei tornando ilegal operar um OVNI a mais do que duas vezes a velocidade da luz na rodovia U.S. 90, que é a estrada principal da costa do golfo.  O prefeito Tom Stennis votou contra a lei, dizendo que não queria desencorajar o turismo.

O escritor Philip Klass, um cético de OVNIs, acreditava que os relatos de Hickson e Parker eram uma farsa.  Em seu livro “UFOs Explained” (“OVNIs explicados” – trad. livre n3m3) ele apontou que Hickson mudou alguns detalhes de sua história e alegou que o operador do polígrafo que testou e comprovou a veracidade da história de Hickson não era competente.  Parker mais tarde também passou pelo teste do detector de mentiras.

Hickson sempre aparecia em ‘talk shows‘, dava palestras e entrevistas e publicou um livro em 1983 intitulado “UFO Contact em Pascagoula” (“Contato OVNI em Pascagoula” – trad. livre n3m3).  Ele relatou ter tido três outros encontros em 1974 e disse que os alienígenas se comunicavam com ele e eram pacíficos.

A única coisa que ele queira fazer foi deixar todo o mundo saber que não estávamos sós“, disse Eddie Hickson, seu filho.  “Ele não se importava se você o acreditava, ou não.  Se você quisesse ouvir, caramba, ele te contava.

Ele nunca pôde compreender porque foi escolhido”, disse o jovem Hickson.  “Mas ele nunca me disse desejar que isso não tivesse acontecido. Nunca.”

Parker disse que as intrusões pelos curiosos se tornaram menos frequentes ao passar dos anos, mas nunca cessaram. “Você nunca tem privacidade”, disse.  Ele casou mais tarde, em 1973, e finalmente conseguiu empregos na indústria do petróleo e de construção fora do estado para escapar da atenção.

Quando você chega em algum lugar e eles descobrem quem você é, você parte“, ele disse. “Eu simplesmente procurava por emprego em algum outro lugar.

Parker participou de algumas convenções de OVNIs e uma vez foi hipnotizado por Budd Hopkins, um renomado investigador de OVNIs.  Ele brevemente tentou capitalizar com sua história em 1993, começando uma empresa em Louisiana chamada de UFO Investigators, onde ele e seus parceiros produziam segmentos de TV sobre o assunto.

Parker se mudou para Moss Point em 2006 e em 2010 sofreu um AVC que o limitou fisicamente.  Ele recolhe auxilio governamental devido a sua deficiência, mas algumas vezes vai até o local do encontro pescar.  Ele disse que ainda recentemente encontrou uma mulher em um posto de gasolina que já sabia quem ele era.

Sempre sou reconhecido“, disse ele.

Não há um marco histórico no barranco do rio identificando o local do encontro e as lojas não vendem souvenires de OVNIs.  Mas a população local lembra, embora muitas vezes com ceticismo e piadas.

Parker diz ter tido pensamentos conflitantes ao longo dos anos sobre aquela noite em 1973.  Há um dado momento, ele nem tinha mais certeza se as criaturas eram alienígenas.  Elas poderiam ser demônios, disse.

Eu acredito piamente em Deus e onde há o bem, há o mal“, disse Parker.

A reportagem acima foi escrita por Jeff Amy, para a agência de notícias The Associated Press e foi traduzida e postada aqui no OVNI Hoje, não só para celebrar os quarenta anos deste intrigante incidente que ocorreu no último dia 11, mas também porque se trata de um artigo sério pela imprensa corporativa, sobre um assunto  que, pela maior parte, é tratado com desrespeito e zombaria, infelizmente.

n3m3

Fonte: www.8newsnow.com

alienígenasdemôniosEUAextraterrestresMississipiovniOVNI HojePacagoulaufo
Comentários não são disponíveis na versão AMP do site. (144)
Clique aqui para abrir versão normal do artigo e poder comentar.
  • DARKBIRD

    Sabe,isso muda a vida das pessoas.
    Não tem como ser abduzido e ter uma vida normal após isso.
    Mesmo que a vítima de abdução não fale para ninguém o que aconteceu com ela,ela vai ter sonhos e pesadelos e ”eles” virão novamente.
    Acredito que esse homem esteja falando a verdade.Ele foi um dos poucos que falou abertamente sobre o que ocorreu com ele,mas também foi um dos mais prejudicados.
    Em minha opinião,se uma pessoas fosse abduzida e depois trazida de volta,a primeira coisa que ela deve fazer é falar isso para quem ela confia,e não sair contando para todo mundo.
    Ás vezes,é melhor permanecer em silêncio

    É uma força que não compreendemos que já mudou a vida de muitos e vai mudar novamente.

  • Geek

    Deve ser uma escolha difícil decidir entre compartilhar com os outros esse tipo de experiência.

    Falando com a experiência (ou a falta dela) de quem nunca teve um único avistamento. Imagino a dor de um indivíduo que vive uma experiência assim.

    Pois haverá para sempre na sua cabeça um conflito.
    Pois ele sabe o que viveu, as sensações que teve e as emoções que experimentou, mas ele sempre será alvo de piada e falta de respeito.
    Pois passa-se a questionar não só a palavra da pessoa mas também a sua sanidade.
    É tenso!

    • serlon

      boa tarde GEEK!no tocante a falar com as pessoas a gente evita,pois ninguém acredita,e você acaba virando motivo de piadas e deboches,o conflito maior que tenho até hoje é com relação a religião e DEUS.

      • fran

        Já eu, o maior conflito, é comigo mesma.
        Enquanto eu não tinha ideia do que se passou encarava apenas,digamos, um sonho embora eu tenha uma marca física.
        Após, tendo alguma ideia, a confusão ficou maior ainda.

        Procuro nem pensar muito sobre o assunto para não ter que entrar num túnel onde, certamente, não sei onde e como vai terminar.

        • Marcelino

          Qual a diferença entre estar acordado ou sonhando? Entre o real e o imaginário, se tudo a nossa volta é fruto de nossa mente? Esses seres tem domínio total sobre a mente da pessoas que abduzem, a ponto de nem mais com a Hipnoterapia Regressiva ,tem-se conseguido bons resultados na investigação das ocorrências pois que eles podem inserir falsas memórias no raptado de díficil identificação pelos terapeutas. Casos onde os abduzidos no instante anterior ao sequestro, vêem vultos, sombras, aves, luzes e outras figuras, já é o princípio do controle mental imposto pelos abdutores e isto é amplamente documentado nas obras classicas sobre o tema! Desconfio que apenas uma percentagem dos abduzidos recordam alguma coisa de fato das ocorrências e que eles aperfeiçoaram seus métodos após a interferência de terapeutas e investigadores para passarem ainda mais ocultos! E sendo assim, a conta de pessoas abduzidas pode ser de milhões! Já ouvi dizer que pessoas que se interessam demais por OVNIS e Ufologia podem ser abduzidos inconcientes, eles podem interferir até nas inclinações das pessoas, como se fala em minha Terra: Vixi Maria!

          • Marcelino

            Existe uma diferença entre contatados e abduzidos, o contato começa sempre com uma ou mais abduções (Caso Karran e outros) mas enquanto uns são experimentos nas mãos dos ETs, outros são convocados por eles para serem agentes da informação e da Verdade entre nós. Embora por causa das mistificações e aproveitadores de toda sorte hoje, se torça o nariz para os contatados e suas estórias. Contudo. os verdadeiros contatados existem e não são esses que ganham dinheiro vendendo livros e fazendo palestras! São anônimos agentes da difusão da Verdade ocultada… Não estamos sós e nunca estivemos…

      • Geek

        Mas serlon vc sabe o que viu e sentiu e isso ninguém pode contestar. è realmente muito difícil!
        O que vc viu conflita com a religião?

        • serlon

          boa noite GEEK! se for considerar tudo o que eu lí sobre o tema, na bíblia existe muita contradição, oque me ensinaram na escola sobre ciência historia etc se contradiz com as descobertas de hoje.

          • Geek

            O milagre de hoje é a ciência de amanhã, como bem me disse um amigo a poucos dias.
            Mas vc teve uma experiência real. Sabe o que viu e sentiu. Isso te diferencia de muita gente, como eu por exemplo que só sei disso por ler ou ouvir falar.É muito diferente.

    • ycatu

      Pois é, Geek! Tenho um exemplo em minha família! Meu pai e um tio meu,irmão de minha mãe, viram uma tocha de luz branca que nem a luz do sol, com um diâmetro de uns 80 cm, clareando a mata a ponto de se verem as folhas secas no chão. Era mais ou menos 1 hora da madrugada e não havia luz da Lua. Meus familiares estavam subindo a Serra de Baturité, no Ceará, rumo à cidadezinha de Aratuba, (920 m acima do nível do mar). Iam acavalo! A Luz desceu vagarosamente de cima da Serra, passou por eles a certa distância, clareando tudo, desceu até o sopé da Sarra. Apagou-se e deu um grito fino, ou um silvo, que ecoou nos morros. O pavor foi tão grande que os cavalos em que iam relincharam…Vi meu pai contando essa história dezenas de vezes. O vigário local falou que se tratava de “fogo fátuo”. Meu pai replicou que conhecia e todo mundo sabe que o tal fogo “não anda gritando” por aí! Há 4 anos voltei a Fortaleza. Meu pai estava muito doente, não reconhecia mais a gente. Então meu tio esteve lá em casa e eu pedi pra ele me contar essa estória direitinho! E repetiu tudo, tim por tim! Na época do ocorrido, as pessoas diziam que eles estavam era bêbados! Eu nunca desacreditei de meu pai nem de meu tio. Eles não teriam coragem de inventar uma estória dessas e passarem por mentirosos.

      • ycatu

        Gente! Esqueci de dizer que esse fato aconteceu, se não me engano, em 1946! Um dia desses passou pela minha cabeça fazer uma pesquisa arqueológica “lá no meu pé de Serra” para ver se existe por ali algum vestígio que revele a existência de algum destroço resultante da queda desse “aparelho luminoso”. Pena que os dois videntes já faleceram. Mas não é difícil encontrar alguém da família ou mesmo conhecido que guardou mais detalhes. Mas não tenho mais disposição pra tal empreitada, nem recursos.

        • mago53

          Muito boa essa série. ” normas de procedimentos” q foram criadas pelos militares em abordagem a naves, testemunhas e etc, Boa indicação !

          • mago53

            Ycatu, esse comente não é pra vc, é s/ Taken , não sei porque apareceu no seu comente, desculpe-me ! Sobre a experiência de seu pai e seu tio, s eu não estou enganado, aparece isso de vez em quando em Pentecostes q deve ser aí perto. E compreendo o q eles devem ter passado, a ridicularização é muito grande, veja q até o padre veio com falácias !!!Abçs

      • Geek

        Aí a gente pensa, quantos pais de família jamais compartilharam suas experiências por medo de serem ridicularizados?
        Você teve o privilégio de ter a família com a cabeça aberta o suficiente pra contar e não fingir que nada aconteceu. 😀

        • mago53

          Imagine Geek, q muitos aqui não usam suas verdadeiras fotos no avatar, com receio q alguém do trabalho ou conhecido os vejam !! Não estou censurando, por favor !!!

          • Cau

            mago53, você tem razão em seu comentário!

            As pessoas deveriam colocar o preconceito de lado e lutar de cara limpa contra essa corrente que imobiliza!

            Ter medo de ser ridicularizado? Por que? O pior preconceito é aquele que a pessoa ter com ela mesma!

            Desde que entrei no blog entrei com minha própria foto! E trabalhava para o governo municipal de minha cidade: Limeira-SP. Escutava piadinhas de meus familiares e amigos e colegas. Sempre os enfrentei frente a frente.

            Hoje sou aposentado por doença e continuo do mesmo jeito.

            Nunca tive encontros ou fui abduzido!

            Desde criança sempre me encontrei na “minha loucura” : é impossível e perda de tempo e material a Natureza fazer apenas um planeta com vida e o infinito existir para embelezar as noites, sem chuva, dos habitantes desse planetazinho! Isso é ridículo!

            Por isso, por mais inacreditável a história que alguém escreva ou conta de seus encontros, eu sempre escuto ou leio e procuro verificar a veracidade do fato. Se não puder, para mim será verdade até se que prove o contrário!

            • mago53

              Isso seria o ideal CAU, mas eles tem razões justas p não fazê-lo. Podem perder empregos, não serem promovidos e podem até ser perseguidos por comentários aqui. Eu entendo-os !!!! Abçs.

              • Cau

                mago53, não censuro quem não se mostra, censuro quem não se mostra e só fala mal ou desfaz do próximo.
                Entendo que normalmente o avaliador deveria ser avaliado com a mesma crueza que ele faz. Mas não acontece porque ele ou é protegido na organização ou é contratado para fazer isso, não tem vínculos com a empresa contratante e quando é “imparcial”, o que ninguém é e me incluo no rol, persegue porque é contrário as suas ideias e opiniões.
                Em fim inimigo de meu inimigo é meu amigo!!!
                Desculpem se fui rude no primeiro comentário, mas é a realidade!

                • mago53

                  Que isso CAU, em momento algum vc foi rude ! Abçs

          • fran

            Eu sou uma que se desde o início tivesse me identificado, não só aqui mas, em qualquer outro lugar da internet, poderia arrumar alguns problemas.
            Quem está do lado de fora, não tem ideia do quanto a gente é vigiado.

            • Hannah

              “Quem está do lado de fora, não tem ideia do quanto a gente é vigiado.”

              Como assim fran? Pode esclarecer um pouco mais sobre esta frase que vc citou?

              • Marujo

                (não vou perguntar, não vou perguntar, …)

                (2) !!!

                • fran

                  Hannah e Marujo

                  Vejam a resposta do Mago, às 20:07.

                  É, de uma certa forma, exigido um padrão de comportamento (tanto em atitudes como em idéias). Se sair deste padrão, pode ser considerado “inapto”.
                  Na minha frase…..Vigilância “in loco” já que existe avaliação mensal, feita por um avaliador que convive, diariamente com os avaliados. Este avaliador é quem “fuça” na vida daqueles a quem avalia, para embasar suas avaliações.Se alguém é possuidor de, digamos, ideias singulares é taxado como alguém com “desequilibrio”.
                  Noutro dia, perdemos um colega que, por três avaliações consecutivas, foi considerado “fantasioso” (por ter ideias um tanto excêntricas) e, considerado inapto por ter sido considerado como “mais suscetível a erros”.

                  Hannah, às 19:42
                  “não se deve tratar os outros em geral como se eles nada pudessem fazer contra vc. Porque se puderem, o farão tão logo tenham oportunidade”.

                  Desculpem. Não posso ser mais clara que isso.

                  • fran

                    Esqueci de dizer:
                    Tudo isso em relação ao trabalho.

                    …fora quando o avaliador não vai com a cara do avaliado.
                    Já vi avaliador prejudicar imensamente algumas pessoas.

                  • Marujo

                    Acompanho e concordo com o raciocínio. O que espanta é a “área removida”. Não foi “cirúrgico”, como de praxe. Porisso minha analogia com o código “flecha-partida” (para limpar um “cocozinho”, desinfectou o quarteirão inteiro).

            • Cau

              Fran eu conheço essa história!

              Já fui muito vigiado nos meus empregos e sei bem o que é isso!

              Levar a culpa do que não fez ou porque pensa diferente, é um saco!

              Até na família isso acontece!

              A gente até acaba fazendo o que não gosta, que é mentir, para conservar pelo menos a privacidade!

              Sempre briguei e já fui expulso de lugares que gostava.

          • Hannah

            mago53 acredito que qualquer um (não precisa ser “famoso”) é comumente “mal falado”. Dificilmente aliás se fala de outros na intenção de elogio mas sim apontando esta ou aquela falha, aquela fraqueza, aquela última bobagem feita. Isso é muito comum pois que para o maledicente é uma forma de sentir-se superior, nessas horas.

            Quanto menos se der “margem”, motivos, enfim quanto menos se dá satisfação da própria vida aos outros, principalmente quem vc não tem a menor intimidade e tanto menos quanto claro compromisso recíproco, melhor.

            Pior do que a maledicência é a “malepensência” [pensar mal do outro] seguida de “malefacência” [prejudicar o outro, pondo em prática a maldade do pensamento].

            Enfim não se deve tratar os outros em geral como se eles nada pudessem fazer contra vc. Porque se puderem, o farão tão logo tenham oportunidade. Sabe como existe hj em dia inúmeras formas de se prejudicar (à distância inclusive), aliada ao mau caratismo dos cúmplices, que tb contam com a impunidade neste país.

            • mago53

              Gatona de Hollanda, kkkkk vc sai com cada termo ! Já passei por tantas, q sou obrigado a lhe dar nota 10.

              • Hannah

                Posso parecer “ter ensinado padre a rezar missa” ao ter me dirigido a vc nessas horas, pois que imagino o quão vc já esteja “calejado” pela vida. A propósito quanto a isto, depois de certa idade dificilmente as pessoas não o são… Somos! 😉

                Apenas quis aproveitar o que disse anteriormente, para dar o recado a todos os que tiverem interessados em pensar a respeito para, não apenas compreender certas atitudes de outros, como tb refletirem sobre as atitudes que têm tomado consigo mesmos.

                • mago53

                  Com certeza Hannah, hoje me espanto com alguém me tratar c gentileza, honestidade e fraternidade !!! Pra vc ver aonde estão chegando !!!

            • fran

              Excelente Hannah.

            • Cau

              Hannah, sou obrigado a me curvar perante você, pela clareza de pensamento!

              Tenho que aprender a ser tão claro assim! Normalmente minhas conclusões são obscuras, mal interpretadas. Talvez por ter “apanhado” muito!

              Mais uma vez obrigado pela lição!

            • Geek

              Muito bom Hannah! 🙂 Tenho tentado seguir usando esse pensamento e não é nada fácil, mas é muito prazeroso.

    • Alex Cosmos

      Seu comentário foi no ponto !

      Acho que a comunidade Ufologica deveria dar um apoio mais claro para esse senhor na questão de esclarecimento daquilo que ele passou, acho que o caso dele e de outros devem ser estudados com mas profundidade separando o que é de grande importância das farsas e ai sim se colocar ao lado deles para maiores explicações.
      Acho que assim ele poderia se sentir melhor e saber que o acontecido é uma experiência fantastica levando em conta o grande trauma.

      • fran

        Se a sociedade em geral encarasse a Ufologia como algo sério e real a vida de pessoas abduzidas ou contatadas seria menos traumática.
        Infelizmente se vive num sistema e, o sistema é implacável.

      • Geek

        Verdade Alex, mas como bem disse a Fran a sociedade não vê a ufologia como real, como digna de estudo sério.
        E penso que jamais verá, a não ser que haja um evento em massa.

        • Marujo

          Mas pode apostar, Geek. Se e quando o correr o “evento em massa”, o que não vai faltar é “pai-da-criança”. Autoridades (instantâneas) no assunto.

          – Eu sempre soube que o fenômeno era real!
          – Sou abduzido desde criancinha!

          Por aí …
          Abraço,
          do Marujo.

  • Aiolyos

    Coitado do cidadão.
    Realmente deve ter sido apavorante e uma cena “demoniaca”.
    “Criaturas cinzas com garras de caranguejo”.

  • ledenovo

    Ai sim!

    Testemunha ocular, sem foto, filmagem ou souvenir interplanetário. Nisto eu acredito!

    Ao meu ver, o maior ponto a favor dos dois homens é o fato de questionarem a própria razão e até tentarem outra explicação afim de aceitarem o fato real como explicável dentro de suas próprias crenças.

    Observo que a maioria das testemunhas genuínas, com o passar do tempo, tentam minimizar os acontecimentos. Algumas por não encontrar explicação plausível e outras por medo de que possa acontecer novamente.

    Uma coisa é fato: todos experimentam mudanças!

    • Marcelino

      Mas duas vítimas das abduções…
      As autoridades americanas principalmente as agências de investigação e de inteligência como o FBI e a CIA sempre investigaram esses relatos de modo sigilosos ou não, mas o fato é que o governo dos EUA foi e é co-responsável pelos danos causados a vida dos abduzidos! Eles sabem que o fenômeno é real, eles sabem que estamos sendo visitados e pessoas sendo raptadas, e se omitiram, no dever de informar a população americana e mundial sobre a realidade e gravidade dos fatos! Não sei quais as razões para o silêncio, ou a tese conspiracionista do contato secreto e dos acordos com os visitantes, ou simplesmente algo mais razoável para muitos: Não poderiam fazer nada contra os visistantes que são tecnologicamente muito superiores e preferiram o silêncio, a negação, e o acobertamento, para evitar o pânico global generalizado! Independente das opções acima. Quem cala consente!

      • ledenovo

        Em minha opinião a minissérie Taken explica de forma clara a posição das autoridades sobre o assunto, inclusive com pistas sobre quem são esses raptores.

        http://www.youtube.com/watch?v=eFK0Lj4v270

        • Marcelino

          Nunca assiti este seriado aliás, não assiti nenhum nem o tal Ancient Aliens não tenho TV a cabo, Sky, essas coisas, o único seriado que assiti a 1º temporada foi V Visitors porque loquei na locadora os DVDs!

          • Hannah

            Eu assisti esta série Taken, do Spielberg, quando a BAND (TV aberta) exibiu uma vez, há alguns anos.

            Acho que Spielberg fez o melhor que pôde, utilizando um roteiro ao que me parece baseado no caso Roswell.

            Mas sempre quando se trata deste assunto, principalmente levando em conta o estilo do diretor, a coisa descamba mais para fantasia, muito drama durante mas sem resposta conclusiva depois. Há “mensagens” como o acobertamento das autoridades passando por cima das leis civis e o “hibridismo em nossa sociedade”. Um tema enfim que, apesar de muitos indícios, com exceção dos que realmente vivenciaram uma casuística, aos de fora só restam os relatos de quem passou por. Acredite quem quiser.

            O contato pessoal com ETs não é uma realidade em comum que todos partilham… Embora todos partilhem a realidade extraterrestre num espectro mais amplo, de outras maneiras, mesmo sem saber e sem querer.

            Achei a série muito bem feita, mas não gostaria de vê-la outra vez: a estória contada, em minha opinião, chega a ser deprimente.

            • DARKBIRD

              Eu me lembro também da série Taken.
              Há dois anos atrás ela passou todos os episódios no SYFY.Eu não vi todos,mas observei muitas partes.
              Sinceramente é uma série boa,mas é muito especulativa.Não tem fio de verdade em muitas partes.
              Se ela fosse realmente baseada em fatos e histórias reais,ela poderia reproduzir fielmente a realidade em que vivemos em relação aos extraterrestres.

              Uma coisa que não concordo e que foi revelado na série é que os alienígenas não vieram de outro planeta da galáxia,e sim de outra dimensão.
              São seres extradimensionais que tem porte de uma tecnologia enormemente avançada.
              Eles são capazes de usar as suas mentes para criar coisas.São capazes de mover as suas naves com elas.São capazes tembém de modificar suas naves e até seus próprios corpos.Controlam o tempo e o espaço.
              São seres muito poderosos.
              Em 1947,uma nave alienígena caiu em Rosweel e depois veio toda aquela história que todo mundo já conhece.A ptimeira vez que os alienígenas vieram para a Terra foi em na Segunda Guerra Mundial.
              Desde então,eles fizeram um acordo com os militares,e abduziram várias pessoas ao redor ddo mundo.Duas famílias em questão são o ponto chave dessa história.Três gerações inteiras ligadas com a abdução.Com cada membro familiar encarando essa realidade.
              Nesse momento vem a grande pergunta:Qual o objetivo dos alienígenas?
              Essa resposta é respondida lá no final com o surgimento de uma garotinha muito especial.
              Bem,os alienígenas tiveram milhões de anos de evolução.Ficaram mais inteligentes e poderosos,só que perderam uma coisa que eles tinham:os sentimentos.
              Ao observarem os humanos eles viram como seres ideais para os testes de cruzamento genético para a criação de híbridos.Só que essa concepção levaria muito tempo,e percorreria três geraçãoes de duas famílias intimamente ligadas.
              Eles,os alienígenas,visaram a criação de um ser humano que,ao mesmo tempo que tinha os poderes extraordinários dos alienígenas,ele conservaria a sua humanidade e sentimentos.
              Na maior parte da série os alienígenas são retratados como seres ruins.Havendo vários atos maldosos por parte deles.
              Mas,na verdade,os alienígenas não eram maus.Como eles eram carentes de sentimentos,eles não sabiam o que era certo e errado a se fazer com um humano.
              E era por esse motivo que eles queriam mudar o paradigma de sua espécie.Eles queriam ter sentimentos,e para isso teriam que criar um humano que tinha todas essas capacidades.Ao mesmo tempo que o destino dos alienígenas e da própria humandade estava ligada fortemente
              Com o surgimento dessa garotinha,que era o ser perfeito que os alienígenas trabalaram para conceber,ela tinha capacidades extrordinárias que desafiariam a compreensão.
              Essa garotinha tinha o poder de mudar o destino dos alienígenas e também mudar o destino da humanidade.
              Os alienígenas querem aprender com os humanos e eles mesmos já sabiam que o destino das duas espécies estavam juntos.
              No final a garotinha e levada pelos extraterrestres,mas os mesmo deram o sinal de que ela voltaria para casa.

              Em relação à história q minha opinião é a seguinte;
              A série é boa,bem construída e estruturada.
              Só que a questão da história sobre os alienígenas é que não concordo.
              A história diz que os alienígenas vieram pela primeira vez à Terra na Segunda Guerra.Na realidade,os alienígena na vida real estão aqui há muito mais tempo.Talvez milhões de anos.Um exemplo disso é a teoria dos alienígenas do passado.Acredito que els sempre estiveram aqui.Em todos os momentos da história eles estavam presentes.Há ainda a existência de muitas contruções,como pirâmides,que dificielmente poderiam ser construídos sem os conhecimentos avançados e adequados,ficando a hipótese de que els foram ajudados por seres de outros planetas.

              Também fica a outra hipótese na série sobre a origem dos alienígenas.É revelado que os alienígenas vieram de outra dimensão.
              Bom,tudo bem que possa haver seres de outra dimensão viajando por aí,mas não acho que eles sejam os alienígenas que estão abduzindo pessoas em várias partes do mundo.
              Dizer que eles são de outras dimensões entra em conflito com a crença de que é possível viajar para outros planetas,isto é,diz que podem não existir alienígenas de outros planetas viajando para cá.
              E por isso ainda prefiro a hipótese de que os alienígenas sejam de outro planeta da galáxia.
              A nossa galáxia é grande,tem muita coisa nela.
              Explorar a teoria das dimensões é aumentar o que já é enorme a se pensar.

              • mago53

                Sim Darkbird, Hollywood sempre dá sua maquiada , até porque na época q foi feita essa série, haviam cobranças da opinião pública de lá e tbm muitas abduções e avistamentos, e os rumores é q houve um acordo, ou melhor uma rendição negociada, então o Spielberg recebeu essa missão de apresentar o caso de uma maneira mais romântica, e fantasiosa p aplacar o medo. Mas como falei, os procedimentos criados pelos militares é interessante e realista ! Abçs

                • mago53

                  Leão da malha fina (moderação) me pegou !

                • DARKBIRD

                  E essa é a parte interessante da série.
                  Os procedimentos são muito estruturados.
                  É parece muito,não dizendo igual à da vida real.
                  A série em um ponto conseguiu chegar próximo da realidade,mas ela estrapolou no fantasiosismo que Hollywood adora fazer.
                  Mesmo assim ela foi boa.
                  Spielberg adora fazer filmes de alienígenas.E séries também,com Falling Skies e Taken.

                  Eu ainda espero uma série ou filme que seja fiel com a realidade,sem exagerar no fantasiosismo e mostrar ao público o que pode ser verdade.Não explorando uma teoria em si,mas dando a idéia dela.

          • Marcio_B

            Olá amigo, caso possa interessar esse é o link do primeiro episódio (os outros também estão disponíveis no youtube em sequencia) da minissérie Taken… segue o link com episódio completo e em português.

            http://www.youtube.com/watch?v=SAtMeCgvSWs

            • M3NIS

              Sensacional Marcio muito obrigado recomendo a todos os leitores do blog, quem não viu veja,quem já viu, vê de novo,valeu mesmo!!! Abração.

        • mago53

          Muito boa essa série. ” normas de procedimentos” q foram criadas pelos militares em abordagem a naves, testemunhas e etc, Boa indicação !

  • emsj

    “Garras de caranguejo”

    Esses seres deviam estar usando algum tipo de ferramenta e os abduzidos confundiram com garras. Acho muito difícil um ser que tenha “garras de caranguejo” no lugar de mãos construir uma máquina complexa. As primeiras máquinas criadas pelo homem foram feitas à mão. Se tivéssemos garras, não conseguiríamos manusear nem um lápis.

    • calimêro

      Tambem pensei nisto,talvez criaturas biosintéticas.

      Assim como os braços mecanicos de nossas espaçonaves.

  • Andersonn Souza

    Bom dia, pessoal! Estou procurando pessoas que tenham tido algum tipo de contato com OVNI, e pessoas que possam ter um TEMPO PERDIDO sem explicação. Estou investigando esses casos e quem quiser entrar em contato comigo, favor enviar e-mail para andersonnbrasileiro@gmail.com .

    Só para começar: você tem forte medo daquela típica imagem de “ET”? tem sonhos aterradores com esse exteriótipo? Filmes, imagens e relatos te deixam ansioso (a)?

    Já começo por aí, se sim for sua resposta para uma dessas três perguntas, peço que entre em contato comigo via e-mail (já mencionado acima). Quero pesquiser seu caso. Já deixo claro que será completamente sob sigilo nosso contato.

    Já agradeço desde já.

    Andersonn Souza.

  • Zafar Descrente

    Mas nessa casa tem goteira. Pinga ni mim. Pinga ni mim.

    • karkamano

      Você também toma uns “GORÓ”, kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.

  • A n u n n a k i

    Por essas e outras, que sou contra todas as raças alienígenas. Antigamente, eu só era contra as raças malevolentes, óbvio. Porém, com o passar dos anos, percebi que os benevolentes também são uns malditos. Enquanto os do mal espalham maldade diretamente, como vemos em diversos setores na Terra, os do bem espalham maldade indiretamente, de forma discreta e camuflada. Todas as raças, para mim, deverão sumir deste planeta e nos deixar por si. Não devem se meter em nada, não devem abduzir ninguém, não devem entrar em contato com ninguém, e não devem colocar objetivo algum em nossas vidas.

    Somos uma raça problemática, muito intensa, e a culpa não é nossa. É de nossos criadores. Foram incompetentes ao criarem uma raça como a nossa, que vive espalhando maldade (direta e indireta) e matando o próximo. Nenhuma outra raça se mata. Todas são unidas. Todas possuem unicidade. Podem matar outras raças, mas os semelhantes não. Mas nós somos diferentes. Vemos uma pessoa como se ela fosse um ser de outro mundo, sendo que, devemos enxergar o ser humano como HUMANO, e não como um estranho em nosso planeta.

    A Terra está cheia de desgraças, cheia de situações que nos afetam de várias maneiras ruins, e, mesmo assim, as raças benevolentes não fazem porra nenhuma. Ficam de braços cruzados, vendo o circo pegar fogo, vendo as raças malevolentes fazerem a festa em nossas vidas e planeta. Hoje em dia cheguei a conclusão que alien bom, é alien morto! Se não puderem morrer, então que sumam deste planeta. TODOS! A raça humana é problemática e não tem mais conserto. Os esforços para nos ajudar nunca darão certo. Para deixar a raça humana ter o mesmo comportamento de unicidade (como todas as raças tem), só fazendo uma abdução em massa de TODOS os humanos e mudar a nossa genética. Ou então, exterminar todos nós e criar outra raça humana, uma que não seja problemática como a nossa.

    Esse papo de evolução, de mudar as atitudes em nossas vidas para podermos evoluirmos, para mim é puro blá blá blá. Conversa de gente cega que não consegue ver que nós somos o que somos. Fomos criados desta forma mesmo, como escravos. E, como todo escravo, temos atitudes inaceitáveis para sobreviver.

    Sou contra todos os alienígenas, não aceito nada deles, e quero que morram. Nos deixem em paz. Não tentem mais interferir em nossas vidas. Quanto mais interferência, mais problemas nós temos.

    • Kakaroto

      Melhor ler isso do que ser cego! HEHEHE

    • Cético (ético) até.que...

      Vou me atrever a questionar o que você diz ser culpa dos criadores as nossas desgraças… ora, ainda que tenham criado a máquina, não têm influência alguma no operador… cada um pensa e age por si, logicamente abrindo uma margem, grande ou pequena, para as influências externas que sofremos, como cultura, educação e etc…

      • A n u n n a k i

        Mas é claro que os criadores têm culpa! Se foram capazes de nos criar desta forma, cheios de emoções boas, ruins, e sem unicidade, então podem também criar uma raça que tenha apenas emoções boas. Se somos problemáticos, a culpa é única e exclusivamente dos criadores. Isto é genética. Vem de berço.

        Eles sabiam que nós ficaríamos assim, sem unicidade, e deixaram por isto mesmo. Resumindo: benevolentes ou não, nenhum alien presta e merece apenas a destruição. Esta é a minha opção extremista. A não extremista: desapareçam daqui e nos deixem sozinhos, como animais selvagens que nós somos.

        • o oitavo passageiro

          Também concordo com você.A cada dia milhares de pessoas,por exemplo,morrem de forma violenta(por parte de outros seres humanos)e os ditos “seres espaciais do bem” com sua suposta tecnologia mágica não fazem nada pra nos ajudar!

          • o oitavo passageiro

            Sei que ser tecnologicamente avançado não é o mesmo que ser moralmente erecto,mas parto da suposição que sim(nestes casos ufólogicos),tomando como base os relatos testemunhais das pessoas envolvidas em tais acontecimentos traumáticos(psicologicamente,principalmente).

            • o oitavo passageiro

              Tipo “Eles estão preocupados com nossas armas nucleares”.”São contras as guerras”.
              São bonzinhos? Então desçam e compartilhem conosco sua tecnologia espacial!
              Minha opiniâo pessoal é que eles(aliens) estão a nos humilhar,zombar de nossa carroças espaciais.
              Tipo “vamos mostrar nossas luzinhas pros babacas terráqueos babarem”.
              Eles são os “humanos”,nós as formiguinhas.

              • MD1

                oitavo, se parar para pensar, não seria boa idéia eles compartilharem sua tecnologia conosco, basta pesquisar o que a darpa faz, aquele dirigível que recentemente estão fazendo é da darpa e terá fins exclusivamente militares, se eu fosse líde de uma raça superior eu jamais compartilharia minha tecnologia para uma espécie que seria capaz de utilizá la para matar seus semelhantes.

                • o oitavo passageiro

                  Mas isso é um problema fácil de ser resolvido,basta a parte alien ter boa vontade.Poderiam fazer um reunião aberta com a ONU e eles oferecerem um pacto pros humanos assinarem ou não-no caso eles coordenariam todo o processo.
                  Eles policiando tudo,dificilmente alguma mente egoista faria mal uso da tal tecnologia.

      • fran

        Este não seria o tal do “livre arbítrio”?

        • fran

          A pergunta foi para o Cético…

          • Cético (ético) até.que...

            Tenho a crença de que tudo é muito relativo, até mesmo o livre arbítrio, mas sim,em linhas gerais eu me referi ao livre arbítrio. Ainda que a genética possa influenciar o ser, não O FAZ SOZINHA e sendo assim, não penso ser justo culpar APENAS aos ”engenheiros”, já que a experiência nos mostra que os instintos e as emoções podem muito bem ser controladas.

            Logo, podemos encarar a nossa engenharia genética como uma falha, e daí culpar inteiramente quem nos projetou (partindo do princípio de que somos um projeto no campo genético), ou reconhecer um propósito em toda essa engenharia, e vislumbrar que nossos criadores nos desenvolveram da forma que somos, pensando em algo muito maior.

            • fran

              Tem lógica esse pensamento.
              De uma certa forma, penso assim também.

    • Hannah

      Vc tá de saco cheio desta história toda né, A n u n n a k i?!

      É chocante quando nos deparamos com uma situação bem contrária à condição da qual pensávamos ser, estar e fazer parte.

      • A n u n n a k i

        Disso e outras coisas, Hannah. Hoje em dia me considero um carrasco dos aliens. Se eu tivesse poderes, acredite, daria uma de Hitler / Mussolini / Stalin e caçaria cada raça que estivesse na Terra, não importando se estão para o bem ou para o mal. Destruiria todos e daria uma mensagem: “A TERRA É DOS HUMANOS! SUMAM DAQUI, MISERÁVEIS!”

        Defendo a raça humana. Tudo que não for humano, merece a destruição. Claro que não incluo os animais, óbvio. Falo de outras raças inteligentes. A única que deve existir neste planeta, é a raça humana. O resto que morra ou suma daqui. Defender e apoiar os benevolentes, é o mesmo que apoiar os malevolentes. Porque os benevolentes nos prejudicam com a passividade deles de não fazerem porra nenhuma pela humanidade. Que benevolência é esta que permite raças malevolentes fazerem o “carnaval” em cima dos seres humanos? Inaceitável e revoltante.

        Esses lixos que se dizem do bem, permitem que pessoas sofram traumas com essas abduções e outras ações alienígenas. Esses benevolentes de merda, permitem que famílias poderosas continuem controlando e manipulando a população com a ajuda das raças malevolentes. São todos lixos. Odeio todos eles. Na Terra, apenas SERES HUMANOS E ANIMAIS. Híbridos e outras raças, que encontrem a morte. Ou sumam daqui e nunca mais voltem. Nos criaram, deixando este planeta para nós, e FIM! Nada de se meter em mais porra nenhuma. Vão se meter em outros planetas, cambada de pilantras.

        Me perdoe pela revolta. Essa questão sempre me deixa assim, puto da vida.

        • Aiolyos

          Alborghetti espacial.

        • Edison Junior

          Não esqueça que muitas destas raças estão aqui a mais tempo do que os humanos…..

        • Hod

          Aê, ô “Nibiruboy” vc anda com muita “raiva” acumulada….quer pegar o culpado de todas as “desgraças” do “seu” mundo???….se olha no espelho!!
          Volta pro mundo Real( com “R” maiusculo mesmo)..

          Abçs!!

    • karkamano

      Concordo em partes com o que disse.
      Também não quero nenhum extraterrestre dando palpite em minha vida, quero eles bem longe daqui.
      Agora quanto a nossa raça, nós somos especiais, temos o livre arbítrio de escolher fazer o bem ou fazer o mal, e isso é o que faz a diferença, os bons não podem pagar pelos maus.
      Não acredito que você conheça nem 0,000% de raças alienigenas, mas como você diz eles não se exterminam entre eles, se já nasceram com esse dom assim fica fácil, não precisam escolher.

    • o oitavo passageiro

      ” Hoje em dia cheguei a conclusão que alien bom, é alien morto!” Rachei kkkkk

    • JorgeRDM33

      Caro A n u n n a k i, nem sempre “eles” acertam, mas os contatos vão continuar e se intensificar cada vez mais, e por uma simples razão, muitos de nós somos parentes próximos desses que nos contatam, o curioso detalhe é que a maioria ainda não tem capacidade de lembrar sua real origem familiar.
      Esqueça as formas que nos apresentamos aqui na Terra, pois nossos corpos são apenas vestes, assim como a de muitos “deles”.
      O bem e o mal caracterizados aqui em nosso planeta é distinto do que se processa no plano dos Extraterrestres.
      Se eles agissem com o mesmo teor de maldade encontrado aqui nesse plano, com certeza não existiríamos mais como raça no Universo.

  • Marcelone

    Esta foi uma das primeiras histórias que eu li sobre o assunto, tinha sete anos o nome do livro ¨Toda a verdade sobre os discos voadores¨. Uma história também deste livro que me impressionou é a de um velhinho que após rfeceber um ¨raio¨de luz teve a sua terceira dentição iniciada.

    • Praxzer

      Neme, aproveitando o link que o Edison postou, o caso do Amaury Rivera (Porto Rico, 1988) poderia render um novo tópico, não?

      Por sinal ele escreveu um livro a respeito do caso dele, está em inglês, porém o mesmo está distribuindo livremente o ebook para quem quiser pelo facebook,

      obrigado!

      • n3m3

        Obrigado pela dica Praxzer.

        Vou tentar levantar alguns dados.

        Abraço,

  • nilton

    BOM DIA,bem isto e mais dificil para o ceticos que nao acreditam em vida em outros planetas e galaxias,um abraco a todos fui…..I……………………………………..

  • Marciomachado

    O probela e que este senhor esqueceu de dizer o quanto estava embriagado na altura! o os seu antecedentes

  • 666Dark

    Acho que o relato deles é verdadeiro. Quanto a descrição dos ETs (garras de caranguejos), podem ter se confundido pela situação de pânico do momento.

    As vezes penso se seria interessante uma abdução, mas no meu caso é impossível, já que a minha proteção contra todos os perigos leva os ETs a manter distância.
    Não sei exatamente como funciona e o que é, mas já tive inúmeras provas dela.

    • mario martin

      ja pensou que pode ser algo relacionado ao espirito? as vezes penso que isso é o que eles tem mais medo de nós…talvez proteção espiritual ou niveis de elevação, enfim algo relacionado ao dominio da mente em harmonia com o espirito.

      • 666Dark

        Mario. pra vc ter uma ideia da coisa, a muitos anos atrás fui com um amigo em um centro espirita (ele frequentava o centro), daqueles que o cara incorporado passa pelas pessoas e da uns passes para fortalecer o espirito, ao passar por mim, ele arregalou os olhos e disse que eu não precisava de nada e se mandou. Até hoje fico imaginando o que ele viu. Deve ter visto provávelmente os meus protetores, sei lá.

        • THEORY

          SE VOCÊ SOUBESSE O POR QUE MUDARIA O SEU NICK!!!!

          LEVE A SÉRIO O QUE ACONTECEU!!!!

          E CUIDE DO ESPIRITO!!!

          ELES ARMAM GRANDES ARMADILHAS PARA AQUELES QUE TEM…….PROMESSAS

          • 666Dark

            “SE VOCÊ SOUBESSE O POR QUE MUDARIA O SEU NICK!!!!”, depende do porque, mas difícil eu mudar já que gosto muito dele!

            “LEVE A SÉRIO O QUE ACONTECEU!!!!”, até levei, mas como não sei exatamente o que seria, apenas suponho, não estou mais preocupado com isso.

            “E CUIDE DO ESPIRITO!!!, ELES ARMAM GRANDES ARMADILHAS PARA AQUELES QUE TEM…….PROMESSAS”, não me preocupo muito com ele, já que como escrevi, tenho uma proteção a toda prova e mais outras “coisinhas”.

            • THEORY

              D E S C U L P E!!!!!!

              Desculpem amigos.

              A minha resposta foi para outra pessoa.
              Foi para uma pessoa cuja mãe ajoelhou e colocou a vida de seu filho nas mãos do Deus que ela confia e que se preocupa todo o dia com seu destino.
              Foi uma conversa que não foi direcionada ao amigo 666dark.

              Os Exus sempre tem algo a dizer aos seus.
              Só não o fazem, quando aquele espirito, aquela pessoa pertence a outro Deus.

              Continue com seu nick amigo.

              Até o seu despertar.

            • serlon

              boa noite 666Dark! eu também passei por esta situação ,a pessoa incorporada disse que não precisava do passe e se afastou de min.achei aquilo muito estranho e nunca mais entrei em centro espírita.

          • vulgo07

            …ah, THEORY…dá um tempo, né…
            .
            …mudar o nick ???…porquê ?…por causa do 666 ?…
            .
            …por favor…um pouquinho de bom senso…assim tá demais…

            • 666Dark

              Sabe como é né ? Tem gente que se borra quando se trata do 666, hehehehe…

              • THEORY

                NÃO AMIGO!!! MUITO PELO CONTRÁRIO!!! DEMÔNIOS NÃO EXISTEM!!!!

                Existe apenas uma guerra entre o bem e o mal. E os lados tem seus representantes, tanto espirituais quanto físicos, com naves e sem naves, de outros planetas e daqui mesmo. Os rótulos e as personificações pertencem aos humanos. Ambos os lados são muito poderosos, como temos livre arbítrio, escolhemos um.

                Eu gostaria de ficar nas naves, Ets bons e Ets ruíns e esquecer este negócio de espíritos, messias, Deus e outras coisas mais. Quando começo a pesquisar e vasculhar livros e relatos antigos, dando conta da verdadeira carnificina em torno do assunto eu quase piro.

                VOCÊS SABIAM QUE O PASSADO DE NÓS HUMANOS É CHEIO DE ESTÓRIAS SOBRENATURAIS. LEVITAÇÕES, TRANSFORMAÇÕES, MÁGICAS, CONTROLE DO CLIMA, etc….o verdadeiro mundo de NÁRNIA.

                Uma pena que o Império Sacro Romano destruiu muito das evidências.

        • Hannah

          Se num centro espírita eu ouvisse de um incorporado o que vc ouviu dirigindo-se a vc e dizendo que “não precisava de nada”, interpretaria isso como uma ótima notícia e ficaria feliz!

          A interpretação que faço é que o seu “exu” é muito forte e te protege. Enfim não importa o nome da entidade [exu, espírito, anjo, mentor…], mas vc em algum tempo e lugar fez por merecer a proteção espiritual que hj usufrui. Continue assim e não dê ouvidos a superstições de que isso é errado.

          Ainda que ninguém tenha me perguntado nada (muito menos vc), acho que deve sim continuar com o seu nick à vontade. Aliás eu me divirto com a criatividade dos respectivos e não me importo nem um pouco com eles… Que simplesmente de um modo ou de outro refletem o modo de ser de cada um.

          E 666Dark não me assusta nem um pouco. Deve ser porque tenho algo de Mortícia (hehehe) 🙂

          • 666Dark

            Pois é Hannah, o problema não foi se tenho um protetor legal e forte, mas foi a cara de terror que o incorporado demonstrou!
            Quanto ao 666, também não me diz nada e é pura especulação sobre.
            Mortiçia também é uma boa, heheheheheee….

        • mario martin

          É mais fácil dominar a mente de uma pessoa com espírito fraco. Isso sempre foi verdade, não é a toa que existe a dualidade de escolher o certo e o errado. O problema é que para elevar o espírito tem que haver evolução no sentido de encarnações (como falam os espíritas) ou pela evolução atual em vida.
          Mas…hoje com tantas informações sejam elas provocadas pelos meios de comunicação, livros e exploração espacial o espírito não evolui?
          Acredito que os Ets sabem disso melhor que todos nós, por isso é que para não evoluir eles precisam nos dominar pelo medo.

    • Praxzer

      Olá Dark,

      As garras descritas são confirmadas por Ra no The Law of One, e o mais impressionante, bom, pelo modo que conhecemos vida, são que os seres que abduziram Charles e Calvin são provenientes do desenvolvimento de segunda para terceira densidade de árvores, enquanto nós somos provenientes do desenvolvimento de animais…

      http://www.lawofone.info/results.php?c=People&su=Charlie+Hickson#Charlie+Hickson

      Os seres abdutores eram da galaxia de Sirius, planeta Dog, e o modo de viagem foi usando uma nave movida à hidrogênio de forma que ainda , ao menos em 1982 não conhecíamos na Terra…. Há outras informações no link acima, e essa fonte de informações que cai pro lado metafísico, no caso, Ra, se provou sempre correta em todos os casos que já vi 😉

      • 666Dark

        Bom dia Praxzer.

        Vou dar uma pesquisada nesses seres que vc descreveu.

  • Hannah

    É impressão minha ou o blog está apresentando problemas? No terceira parte sobre os Crop Circles nenhum comentário mais aparece… Antes os comentários ao lado é que não apareciam.

    • mago53

      Isso mesmo Gatona, acho q o comandante tirou os comentários por algum motivo !!!

      • Hannah

        Agradeço por me responder, mago53. 🙂

        O que terá acontecido? Ontem (no artigo da terceira parte dos crop circles) os comentários pareciam estar indo bem…

        • mago53

          Não sei, mas me parece q bagunçaram o negócio. Talvez depois das 0:00hs !

          • Marujo

            Broken Arrow code …

            • mago53

              Sério ? Ainda bem q fui dormir, vc e a Fran ficaram comendo bibs ! kkkkkkkk Sabia q não iria prestar ! Mas a fila anda !!!

              • Marujo

                Não começa, pelo amor de Deus!!!!

                • mago53

                  Não. Prefiro os bibs da Fran, q horas começa a sessão ?

        • Marujo

          A “infecção” era tamanha, que foi necessário amputar todos os comentários? Credu!

  • Dan Galante

    O caso de abdução de “Pascagoula” é um clássico, e mostra seres que fogem aos padrões mais relatados (http://www.ufoevidence.org/cases/case97.htm). Isso aponta para a existência de diferentes espécies visitando o nosso planeta (e não apenas os tipos mais famosos:”Greys”, “Nórdicos”, etc).
    Acho que é um relato verídico (pelos inúmeros depoimentos e testes colhidos, pelos transtornos na vida pessoal dos abduzidos, etc). Se os seres do caso “Pascagoula” eram realmente extraterrestres da nossa dimensão, podem ser de uma raça que esteve pela primeira e única vez na Terra até o momento, numa missão de reconhecimento, já que é o único caso, aparentemente, em que foram vistos ETs com essa descrição (claro, eles também podem ter voltado sem serem vistos por humanos). Outra possibilidade é que foram abduzidos por seres já relatados anteriormente, mas que implantaram falsas memórias para ocultarem a verdadeira espécie que praticou a abdução.
    Seriam extraterrestres ou demônios? O nosso conhecimento atual do universo é pequeno e, por isso mesmo, é muito cedo para qualquer pessoa que realmente tem espírito científico afirmar categoricamente que essas coisas (seres espirituais) não existem. O máximo que podemos dizer é que não há comprovação científica (seguindo a metodologia científica) até o momento (e manter a curiosidade e a mente aberta, porque são os cientistas que mantém a mente aberta para novas possibilidades que tem a chance de fazerem descobertas).
    A teoria do Multiverso prevê várias dimensões e universos paralelos e já foi comentada nesse blog várias vezes. As possibilidades de que mundos espirituais (descritos em muitas religiões diferentes) sejam visões de outras “dimensões/universos paralelos” não pode ser simplesmente negada. Sob esse ponto de vista, seres espirituais – Deus, anjos, demônios (anjos “caídos”) – também não.
    Como disse o próprio abduzido, Sr. Parker, “Eu acredito piamente em Deus e onde há o bem, há o mal“. E já existem relatos ufológicos suficientes para comprovar que avanço tecnológico não significa necessariamente avanço moral/espiritual/ético…até guerras são relatadas (supostos relatos feitos pelos “Greys”, “reptilianos”, “nórdicos”, Bíblia, Mahabharata, etc)! Se fossem todos “bonzinhos”, não entrariam em guerra entre eles.

    • Praxzer

      Dan, pelo que já respondi o Dark logo acima e citei um link , os seres abdutores eram realmente desse formato estranho para nós já que teriam se desenvolvido a partir de Árvores e seriam da mesma densidade que nós (3ª densidade), ou seja, teriam os problemas de limitação de velocidade que nós temos em viagens inter-espaciais, algo que não afeta seres já da quarta densidade em diante (sejam os famosos grays, nórdicos, etc) que podem se mover e visitar-nos praticamente sem passagem de “tempo” na viagem destes.

      Estes seres seriam da constelação ou galáxia de Sirius, e teriam visitado a Terra somente duas vezes até o ano de 1982, até devido a limitação da tecnologia deles junto a questão da limitação de densidades.

      • Dan Galante

        Olá Praxzer! Agradeço pelas informações! Só peço, se possível, que no espírito de compartilhamento dessa área de comentários, você indicasse também a fonte dessa informação sobre os seres e sua origem (se foi de algum livro, site, etc). Obrigado!

  • paulotargent

    São matérias interessantes como essa, que faz com que eu goste a cada dia do O.H, não sabia desse caso e acredito que muita gente também.Esse caso, vale mais que qualquer vídeo ,a autenticidade do que ocorreu é inquestionável.Então só me resta parabenizar o Neme.

    Obrigado Neme!

  • Penélope

    Olá, N3m3! Olá, pessoal!

    Então….nesta última noite sonhei novamente com objetos voadores. Neste sonho, as formas dos objetos eram iguais às do penúltimo sonho….e, no próprio sonho eu pensava: este sonho está muito parecido com o outro!

    Enfim….Tenho sonhos recorrentes com naves espaciais extraterrestres, das mais variadas formas.

    O que me deixa meio “cismada” , é que, sonhei com uma onda gigante quando era muito criança e, aquilo foi aterrador….jamais havia ouvido falar em ondas gigantes ou tsunamis…nunca tinha visto ou lido absolutamente nada sobre o assunto….sequer conhecia o mar! Por isso….nunca deixo de dar alguma importância aos sonhos…ou às minhas intuições.

    Enfim…..é isso. Abraços a todos!

    • Future Trunks

      Penélope,

      Seria bom começares a desenhar as coisas que aparecem nos sonhos, fazendo uma espécie de diário.

      Depois seria mais fácil entender o que se trata.

  • Ander

    As leis universais apontam para um caminho: a evolução. Nesta linha, nenhuma raça inteligente nasce sabendo de tudo e dominando as forças da materia, anti-materia e espirituais. De acordo com as leis, todos os organismos inteligentes um dia “amassaram barro e quebraram pedras”. O exemplo deste processo ocorre na Terra….só que chega num determinado momento onde as coisas podem ficar perigosas. Se os ditos “seres inteligentes” não superarem questões éticas e morais, acabam matando uns aos outros. Quanto maior a tecnologia alcançada, maior a responsabilidade ou o risco de sumirem do mapa. Portanto, para uma raça conseguir viajar pelo espaço, deve ter “amassado muito barro”…observar, errar, experimentar, aprender, evoluir…registrar…isto exige muita disciplina e convicção. Se forem moralmente atrasados, ocorre o mesmo que acontece aqui…destroem o vizinho, se torna intolerante, racista, sem paciência…ou seja, totalmente incompatível com tamanha evolução. A humanidade somente vai conseguir romper a barreira espacial (pois com os combustíveis de hoje não chegamos longe) se realmente focarem seus esforços deixando a ganancia de lado e a vontade de explodir o vizinho. Sendo assim, penso que qualquer ser alienígena que esteja nos “rondando” não querem nos destruir ou invadir o planeta. Se assim fosse já o teriam feito…ou antes disso, com esta mentalidade já teriam se matado. Para entrar no “clube dos viajantes interplanetarios” é preciso superação, não somente material, mas moral e espiritual. Uma tecnologia destas nas mãos dos Terraqueos significa guerra, morte, opressão e auto-destruição. Talvez nossos visitantes estejam justamente observando este nosso total atraso…e talvez salvar o planeta das formigas destruidoras que tentam ser “humano”.

    • Future Trunks

      Ótimo comentário. Assino em baixo.

  • UniInverso

    Boa tarde n3m3 e pessoal,
    estava lendo uma matéria em um site que destaca e muito bem as últimas informações militares do brasil e do mundo, quando me deparei com um post falando do que já foi comentado aqui da rede Globo (no programa da Ana Maria Braga) ter dado destaque ao caso “Ovnis e a Força Aérea Brasileira”. Duas coisas que me chamaram a atenção lendo o post que me permita vou inserir mais abaixo.

    (1 ponto que destacaria!)
    Eles relembram no post o caso da noite de 19 de maio de 1986 e no relato do jornalista na época do Jornal do Brasil que entende de notícias da área militar de nome “Alexandre Galante” (e escreve o post que vou reproduzir um pouco abaixo)
    fala que o documento militar com dados desse dia que foi liberado no ano passado, que estava nas mãos da Ana Maria Braga no dia do programa, mostrou uma reprodução das telas de radar do Cindacta, com os contatos de radar marcados.
    O Jornalista conta no post que houve a conclusão de que o movimento dos objetos, voando em formação com os caças da FAB, indica que eram controlados por algum tipo de inteligência.

    E relata que na época escreveu uma matéria para o Jornal do Brasil, comparando o caso brasileiro com outro idêntico, que aconteceu em Washington, em 1952.
    Nos dois casos a presença de objetos luminosos foi detectada no radar, e visualmente, por pilotos de aeronaves civis que se aproximavam da capital americana. O governo americano enviou caças subsônicos, os F-94 Starfire, para perseguir os Ovnis, que estavam muito perto do corredor restrito da Casa Branca.
    Como no caso brasileiro, a perseguição foi infrutífera.
    Os pilotos relataram luzes azuis voando em velocidade hipersônica.
    E a coisa toda foi atribuída a uma suposta inversão térmica. Que poderia explicar os contatos de radar, mas não as luzes brincando de pique com os aviões de caça.
    (assim é o texto dele).

    (2 ponto que venho a destacar)
    Nos comentários de um dos membros do site faz uma descrição de um recente acontecimento “AVISTAMENTO OVINI E POSSIVEL ABATIMENTO DO MESMO PELOS CAÇAS F-5 DA FORÇA AÉREA BRASILEIRA ” (reprodução do membro cujo o nome é jura_gol:

    28, de agosto de 2010,21:35 , noite calma, na ilha de Marajó, dois F-5 derrubaram um pequeno objeto do tamanho simplesmente de um ônibus, isolaram quase 2 mil metros quadrados , ninguem entrou nem saiu da ilha,vi com meus olhinhos no minimo 6 helicopteros de grande porte pousando na ilha e mais tarde três navios armados e com pessoal tudo de armas em punho chegando ao local, quem mora lá sabe do que estou falando,e por varias vezes também vi os mesmos objetos voado a baixa altitude, se eram OVINI’S não sei mas vou falar pra todos aqui do post, não fazia barulho algum , era muito rápido e nesta noite aqui citada, estava voando muito abaixo do normal.

    n3m3 e pessoal,
    possuem informações sobre essa queda do dia “28, de agosto de 2010 às 21:35” na ilha de Marajó?!? Eu pessoalmente não estou me lembrando desse relato?

    Segue o link do site com o post e comentário:
    http://www.aereo.jor.br/2013/10/14/ana-maria-os-ovnis-e-a-forca-aerea-brasileira/

    Abraços e Saudações a todos,

  • UniInverso

    Pessoal,
    fiquei intrigado mesmo!!! Alguém aqui já tinha ouvido falar ou sabe de mais informações sobre a queda “possível abate de “OVINI” na ilha de Marajó em 28, de agosto de 2010 às 21:35?!?

    Abraços e Saudações a todos,

    • Marujo

      Não. E certamente lembraria de algo tão impactante. No espaço reservado para comentários. quando outro assinante pediu maiores esclarecimentos sobre o fato, “jura_gol” esquivou-se, alegando temer algum tipo de complicação para o seu lado.
      Vai saber …

      • UniInverso

        Olá Marujo,
        pode ser mais uma notícia fake ou poderia se tratar de um treinamento mas confesso que quando lí os detalhes do comentário e possível tamanho do OVINI de um “ônibus” achei interessante e ao mesmo tempo estranho terem acobertado esse caso com total maestria se realmente aconteceu de fato.

        No comentário fala sobre a utilização de 6 helicópteros de grande porte e mais tarde da presença de 3 navios na ilha, concorda que se for verdade seria um grande deslocamento para um evento, certo?

        Agora esse assinante acabou de escrever mais detalhes, mas realmente se esquivou um pouco, mas fica um registro no mínimo interessante.
        Mas imagina também o cara dar informações detalhadas, até mesmo onde deve morar e daqui a pouco vão sumir com o cara… vai saber mesmo.

        Ele escreveu que até a reação atual da nossa “Presidenta” com relação aos EUA, tem haver também com esse caso de 2010… será que é tanto assim?!?

        Abraços Marujo e Saudações,

        • Marujo

          Em 2010; controle do acesso à ilha; manobras de navios e sobrevoo de aeronaves … E tudo coincidindo com o aparecimento de objetos que por lá voavam e não eram parecidos com os tradicionais “aviões de carreira”? Teria rendido muito alarido da população, da mídia, etc. Seria necessário fabricar um “álibi” enorme, que “justificasse” tamanha “alteração” do cotidiano local. Até pode, mas não é um “coelho” que estejamos acostumados a ver saltar das “cartolas de nossos mágicos”. Ou é?

          • Marujo

            Um “exercício”? Deve ter deixado “marcas” nos meios de comunicação …

            • UniInverso

              Concordo Marujo,
              não seria mesmo fácil acobertar e não vazar nenhuma informação e destaque em nenhum lugar.
              Ainda mais se tratando de um efetivo grande de deslocamento para o local.

              Acho que é mais um relato fake mas vale o registro. 🙂
              Abraçõs e Saudações,

    • 666Dark

      UniInverso, também não ouvi falar e se de fato aconteceu, certamente o des-governo federal fez uma licitação por baixo dos panos, vendeu o dito cujo para quem deu mais e depois embolsou toda a grana! Jamais saberemos! Nóis merece…

      • UniInverso

        Boa noite 666Dark,
        eu também nunca tinha ouvido falar desse caso e dessa data (recente, pois pelo relato foi em agosto de 2010).
        Mas é bom que fica registrado para a gente mais um “caso” com data de um possível avistamento onde a pessoa que fez o relato fala até mesmo em abate desse “Ovini”.

        E é legal ter a opinião de vocês, pois assim tentamos descobrir se trata realmente de mais uma “fraude”, ou se alguém aqui no site soube de alguma coisa a respeito ou lembra de algo diferente nessa data (até mesmo na mídia).

        Agora concordo e podem ter certeza de que existe mídia paga para deixar de publicar certas ocorrências (não sei se nesse caso específico, pois como o Marujo disse e concordo também, seria necessário um grande “álibi” para justificar o deslocamento de grandes efetivos para o local e difícil acabar não deixando nenhum rastro de comunicação e ruídos).

        Mas quer ver um exemplo, está rolando nas últimas semanas uma matança geral em Alagoas (mas chacinas grandes mesmo, que seria caso de intervenção federal no mínimo) e que com certeza estão encobrindo e comprando as mídias para que não seja tanto divulgado, mas se procurar na internet vai achar sobre essa matança que está ocorrendo (seria nesse caso um tipo de exemplo de rastro de comunicação).

        Agora esse relato de avistamento em 2010, só encontrei informações sobre esse caso no próprio relato no site que citei acima, mas vamos ver se teremos mais informações… e infelizmente tem notícias de fatos que nunca descobriremos a verdade, pois existem informações que acabam indo junto com o “túmulo” de muita gente que deixou de abrir e compartilhar, um fato, um acontecimento, um conhecimento.

        Abraços e Saudações,.

        • Marujo

          Ei, Mister …

          Pura coincidência/sincronicidade … mas olha o post que o Neme está trazendo agora (colaboração do colega Praxzer):

          “O encontro de Amaury Rivera com ETs”

          Alguns pontos em comum com aquele relatado por “jura_gol”.
          Ou não?

          Abraço,
          do Marujo.

          • UniInverso

            Olá Marujo,
            bem observado, não tinha parado para ler esse novo post e ver o vídeo ainda. Acabei de ver o vídeo inteiro e engraçado mesmo que possui algumas semelhanças realmente com o fato em que discutimos aqui sobre esse possível avistamento, perseguição e abate de um “Ovini” também em uma “ilha” mas no Brasil.

            É ou não é de se arrepiar?!?

            Eu pessoalmente não acredito muito em coincidência, acredito mesmo que as coisas acontecem por ligações “conexões”, “energias” influencias do Universo ou o nome que derem a isso. 🙂

            Agora vendo esse vídeo com o relato desse ‘Amaury Rivera com ETs”, você pode ver o vídeo meio desconfiado, achando que pode ser fake e tudo mais, mas eu não consigo imaginar o tão falso poderia ser um relato desses, o tempo gasto relatando e outras pessoas estudando e confirmando o fato, pelo contrario eu acho que é real e as fotos me parecem reais, o detalhamento do fato é rico em informações interessantes, até mesmo de caças seguindo o objeto e de agentes da CIA se apresentando e revirando a casa desse porto-riquenho. E o indicativo de que os “ET’s” teriam contato com não só ele “Amaury” mas mais pessoas em volta que puderam ver “hologramas” e previsões do futuro até do nosso planeta, é TENSO e pq iriamos deixar despercebido e não levar tão a sério… mais um caso bem indicado por amigos aqui do site e que fique registrado a história desse contato “falado por um porto-riquenho que sem medo, se expôs, deu o seu nome e colocou a cara, para dar entrevista e compartilhar com todos o que ele viu”.

            Muito bom!
            Abraços Marujo e Saudações,

        • Marujo

          Aguarde, estou sendo “moderado” …

          • UniInverso

            Boa tarde Marujo, 666Dark e pessoal,
            mais um tópico do mesmo site que compartilhei acima e com a volta de detalhamento nos comentários do “jura…gol”
            falando novamente dos possíveis incidentes no Brasil (naquela situada ilha já destacada acima).

            Segue o link para ver o tópico e mais um comentário dele:
            http://www.aereo.jor.br/2013/10/20/f-14-x-ovni-no-ira/

            Mais uma vez, estão dando destaque ao assunto…
            Estão de olho e estamos de olho. 🙂

            Abraços e Saudações,

  • wallace

    Olha ai pessoal o ovni apareceu de novo na propriedade do jcattera e ele filmou, só que senti falta dessa vez foi dos cachorros latindo onde eles foram parar????
    ttps://www.youtube.com/watch?v=I2XwwjCkJXw

    • Cético (ético) até.que...

      Nossa, esse vídeo foi uma dos melhores, na minha opinião… se for falso me enganou direitinho.

  • Marciomachado

    Bem, depois de tanto pesquizr, já descobri o que é o fenomeno dos crop circles…

    • karkamano

      E agora José?? kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.

      Ainda bem que o verão está chegando, com este balde de água fria na cabeça, se fosse inverno ainda, não seria nada agradável, kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.

    • paulotargent

      Sr. MARCIMACHADO;

      Essa reportagem é muito superficial, eu quero que apareça um cidadão, logo após aparecer um crop circles perfeito, não , um capenga, aliás muito mal feito esses que aparecem na reprotagem sendo feito por eles, um desses perfeito que aparecem de um dia para o outro, e então diga que foi ele o autor, e faça um igual , do lado, do que apareceu, no mesmo tempo, da noite para o dia seguinte. Um desafio que eu duvido , que esses “artistas” consigam. Mas enfim, ser cético não é ruim, ruim é quando o cético, torna-se cego.

  • Marciomachado

    Ehehehe… karkamano, Há um velho ditado que diz, “A verdade doi”

  • roy

    Já li a respeito sobre a história deles.É interessante e crível.

  • LuaPequena

    Boa noite O. H. !
    Em toda essa história, a coisa que mais me chamou a atenção foi o detalhe das mãos dos alienígenas .
    Pela descrição, eles se parecem com os Greys, menos as mãos .
    Os cinzas possuem de três a quatro dedos em cada uma delas e estes ,no lugar, tem garras como as dos caranguejos.
    .Detalhe bem estranho !
    Realmente, nunca tinha lido ou ouvido falar nesse tipo de mãos !
    Só em desenho animado !
    Quanto ao relato deste Senhor, não tenho porque duvidar!
    Me parece, inclusive, que este encontro foi dos mais perturbadores e aterrorizantes , que ele jamais desejou ter!
    Por isso, creio que esteja dizendo a verdade !
    Abraços a todos