A nova equação para estimativa de vida extraterrestre

Tempo de leitura: 2 min.

Quantos planetas habitados existem no universo?  Esta é uma questão que fascina os cientistas, bem como os leigos.

Para responder esta questão, uma nova equação poderá ajudar.

Muitos de nós olhamos para as estrelas e imaginamos se realmente existe vida lá fora.  Alguns, porém, tentaram escrever uma equação que expresse esta possibilidade em números.

Sara Seager, do Instituto  Massachusetts de Tecnologia (MIT), fez justamente isto.  Sua equação junta todos os fatores que poderiam determinar quantos planetas com sinais de vida detectável podem ser descobertos nos próximos anos.

Os fatores incluem o número de estrelas que serão observados, a fração dessas estrelas com planetas habitáveis, e a fração desses planetas que podem ser observados.  Primeiramente apresentada em uma conferência no início deste anos, a equação está expressada da seguinte forma:  N = N*FQFHZFOFLFS.

Como todos já devem saber, esta não é a primeira vez que um astrônomo tenta colocar em números a resposta para essa pergunta.  Em 1961, o astrônomo Frank Drake deu uma palestra sobre a procura por vida extraterrestre inteligente.  Então, ele escreveu uma lista de fatores necessários para estimar a quantidade de civilizações inteligentes na galáxia.  O resultado é conhecido como a Equação de Drake, e esta se tornou muito famosa, talvez a segunda mais famosa após a equação E=mc2.

Os fatores de Drake foram:

  1. O número de estrelas que se formam anualmente na galáxia.
  2. A fração dessas estrelas que formam planetas.
  3. A fração desses planetas que poderiam suportar a vida.
  4. A fração de planetas que suportam a vida, que tenham dado origem à vida.
  5. A fração desses planetas que desenvolveram formas de vida inteligente.
  6. A fração dessas formas de vida inteligente que desenvolveram tecnologia.
  7. A média de vida de uma espécie que se comunica; em outras palavras, quanto tempo uma civilização irá utilizar a tecnologia de rádio, deixando sinais escaparem ao espaço, para que possamos ouví-los.

Infelizmente, o único fator conhecido é o primeiro.  Astrônomos deduziram que a galáxia produz aproximadamente sete novas estrelas por ano.  Eles estão agora trabalhando para estimar o segundo item da equação; o número de estrelas que formam planetas.  O restante ainda é adivinhação.

A nova equação de Seager não presume que os extraterrestres sejam inteligentes e que estejam usando tecnologia de rádio.  Ao invés disso, ela simplesmente trabalha com a ideia de que qualquer tipo de vida extraterrestre pode estar presente em abundância suficiente para alterar a composição química da atmosfera de seu planeta.

Na Terra, por exemplo, nossa atmosfera tem sido forçada a conter uma composição química especifica, através da combinação de metabolismos de todas as coisas vivas.  Ela é tão distinta quanto uma impressão digital.  Assim, através da análise da atmosfera de outro planeta, poderemos ser capazes de detectar a presença de vida, mesmo se ela for somente musgo de pântano.

Mesmo assim, a nova equação de Seager sofre muito com os mesmas desvantagens da equação original de Drake: não temos ideia de quais valores dar à maioria dos fatores.

Embora as equações de Seager e a de Drake sejam úteis para organizarmos nossos pensamentos sobre os desafios da procura por vida extraterrestre, seus fatores ainda são constritos, não nos permitindo encontrar um valor quantitativo sólido.

De acordo com o que foi publicado no site The Guardian, a única forma de sabermos se realmente existe vida em outros mundos é a de projetarmos e construirmos missões para esta procura.  E Seager está na frente desses esforços também.  Seu telescópio ‘caçador de planetas’, TESS, será lançado pela NASA por volta de 2017 e ele poderá localizar centenas de planetas do tamanho da Terra.

E para aqueles de nós que estudam seriamente o fenômeno dos OVNIs, não se faz necessária a confirmação científica de vida extraterrestre através do investimento de bilhões de dólares em novos telescópios.  Basta simplesmente que seja feita uma investigação séria e aberta de alguns fenômenos que tem ocorrido em nosso planeta, sem zombarias e sem medo de ser taxado como lunático pela comunidade científica.

n3m3

Fonte: www.theguardian.com

astronomiaEquação de DrakeEquação de SeagerNASAOVNI Hojevida extraterrestre
Comentários não são disponíveis na versão AMP do site. (26)
Clique aqui para abrir versão normal do artigo e poder comentar.
  • wallace

    só um louco pra pensar que só exista vida aqui nesse planeta. o universo ta recheado de vida.

  • DARKBIRD

    Não precisa olhar para o espaço para saber se existe via,basta olhar para os céus de nosso planeta que verá que há coisas muito interessantes e também extraordinárias ocorrendo.
    É claro que isso não garante que seja confirmada a existência de vida extraterrestres visitando,pois existe a ignorância de muitos cientistas e os segredos guardados egoísticamente dos nossos governos.
    Hoje,a maior parte da cultura extraterrestre está voltada para filmes ou documentários,esses últimos tratam o tema com mais seriedade.
    A realidade da existência extraterrestre não está presente de forma significativa na população.E essa realidade atinge parte dessa mesma população,mudando as vidas dos envolvidos,mas infelizmente,sempre há gozações e deboches à ponto de botar o indivíduo ao ridículo.
    Se isso parasse de acontecer,haveria mais liberdade para as pessoas falarem de suas experiências.
    Isso pode acontcer porque com o tempo,as aparições e relatos vão aumentar de uma forma que os governos não tenham mais capacidade de fingir que não há nada ocorrendo.
    Só o tempo responde.
    Com o próprio N3M3 disse,gastar bilhões de dólares são desnecessários quando de precisa apenas dar uma olhada no céu com a mente aberta.
    É,não disse exatamente isso,mas o sentido é o mesmo.

  • emsj

    De que adianta ter a equação sem ter os valores para serem aplicados?
    Acho que deveriam concentrar os esforços na criação de uma forma de viajar mais rápido pelo espaço.

    • Alex Cosmos

      Concordo amigo emsj ! O resultado dessas continhas não é nada em razão das grandes distâncias a serem conquistadas, mas algum calculo tem que ser feito pra saber onde procurar, sei que no universo vida é o que não falta, até mesmo em nosso sistema solar existe uma grande possíbilidade nas Luas de Jupiter ou até mesmo encravada debaixo do solo vermelho de Marte.

      Agora vida com capacida de se comunicar em um nivél em que podemos entender ainda é complicado, pois seria essa possibilidade em relação de distância à maior dificuldade à ser batida.

      Mas pode ficar tranquilo : eu tenho certeza que a Vida lá fora no momento em que os Humanos conseguirem perceber será anos luz de capacidade mental à nossa frente, e vou além disso ! Ainda não existe uma comunicação por culpa nossa mesmo, a capacidade de ver que Vida não é só biológica, pode ser espiritual.

  • fran

    Ao menos, na equação de Drake, pode-se saber o que significam os termos.
    Na de Sara Seager não se sabe o que é N ou F.

    Enfim, não acredito que equações montadas por humanos possam esclarecer muito sobre vida fora da Terra. Não existem parâmetros para comparação.

    Certo estava Shakespeare quando disse:
    “Deixei de gostar da matemática,depois que X deixou de ser sinal de multiplicação”.

    E, o X de alguma civilização extraterrestre, ou mesmo de existência de micróbios em algum outro canto fora da Terra, não tem como ser mensurado antes de comprovada a sua existência.

  • fran

    Moderação, moderação….
    parece que moro em seu coração!

  • nilton

    BOM DIA,bem a mim nao interesa formula e equacoes mirabolantes,apenas acredito que seria muito desperdicio de espaco no universo se nao houver vida em outras galaxias.,um abraco a todos fui…..I………..

  • spiritty

    Bom dia

    Muita idiotice, tentar equacionar o universo, algo que eles
    nao imaginan nem o tamanho, acho que estes cuientistas e
    coisa e tal, estao ai somente para tirar o dinheiro que poderia
    ser gasto em coisas mais uteis…

    namaste

    • lucas074

      haha uma coisa te digo meu amigo… se você encontrar com um ilusionista e ele te propor que você manipule as cartas dele.. e no final ele te diz que a carta de cima é um As não importa o que você fez com o baralho, você provavelmente ficará espantado(a) e dirá que é impossível fazer de novo. mas se fizer de novo e novamente ser a mesma carta você ficará mais espantado(a) ainda e atribuirá a ele qualquer coisa que seja ligada a magia ou etc(tipico do ser huao por sinal desde os primodios atribuir como sendo poder de um Deus ou Bruxo ou sei lá… qq coisa que ele não entenda)… eu te digo que usando matemática simples… é possivel fazer um truque desses… não subestime a matemática.. nunca =P

      • spiritty

        Boa noite
        Nao subtimo a matematica sei que ela é exata..
        porem antes de tudo me diga.

        qual é o tamanho do universo?
        querer estimar o que nao se conhece, se o homen tivesse prestado
        mais atenção no que Deus enviou para a terra na forma de homen ,
        hoje nós estariamos muito alem do que estamos entenderiamos outras formas de vida, forma de energia e teria parado de supor coisas,
        todos os misterios do universo ja estao descritos em muitos livros.
        como Ramatis, Buda, Hinduismo, Cardecismo..etc etc..
        quanto a o manuseio de cartas sei que é truque, e ja passei da
        época de acreditar em magia ou bruxismo

        Namaste

        • lucas074

          o problema está justmanete nisso… um “Deus” em forma de homem vindo até a terra… se não tivessemos perdido tanto tempo acreditando cegamente nisso… ai sim estáriamos mais evoluidos técnologicamente… (sairam e saem até hoje guerras e mortes por esse Deus que dizem ser amor.. =S estranho né?) vou dar um exemplo:

          podemos definir deus com algumas caracteristicas base, veja se concorda…

          ele não pode ser criado, certo? pois foi ele quem criou tudo…
          ele não pode ser destruido certo? por que nada é mais “poderoso” que Deus para destrui-lo, está em todos os lugares, podemos dizer etão que ele é o passado (ontem) o presente (hoje) e o futuro (sempre)…

          mas se eu e pedir a definição de energia por si só dizendo…

          poderiamos dizer que ela não pode ser criada e nem destruida.. mas pode ser manipulada…
          ela cria tudo e destroi tudo, pois com a descoberta do Bosson de Higs comprovou-se que toda matéria antes de ser matéria é energia…sendo assim ela está em todos os lugares, ela é o passado o presente e o futuro.. tudo passa menos a energia ela sempre prevalecera seja em qualquer lugar do universo.. entende onde quero chegar? a definição de qq Deus e energia são as mesmas, portanto meu amigo eu te convido a refletir sobre qualquer coisa “Mistica” que você acredite… e começe a pensar que matemática, fisica e quimica sim, são os regentes desse universo.. afinal de contas não foi deus quem criou a internet e muito menos o computador onde estamos nos entretendo agora… ou foi?

          • spiritty

            Bom amigo
            cada um com suas crenças.. ainda acho que a matematica é uma ciencia exata. porem nao concrdo, com esta materia.
            poderiamos ter horas de bate papo, mas nao sou muito de ficar
            gastando saliva. mas gostaria que lesse os livros

            Os decaidos e sua tragetoria terrestre

            pode baixar eles gratis

            http://bvespirita.com/Livros2-O.html

            Ali esta tudo o que posso te dizer..

            Namaste

  • spiritty

    Bom Dia

    E tem mais e obvio que qualquer vida que houver fora da terra
    é mais inteligente que nós.

    Quem destroi a propria casa?
    Quem envenena seu meio ambiente?
    Quem destroi sua atmosfera?
    Quem mata por dinheiro?
    Quem é orgulhoso?
    Quem é arrogante?
    Quem acha que é o unico inteligente no universo?

    Somente nós terraqueos somos capazes de fazer isto…..

    Namaste

  • 666Dark

    Eles sempre batendo na mesma tecla e que vai acabar rachando! Porque procurar por novas Terras ? Quem disse prá esses “sabidos” que a vida tem que ser igual as da Terra ?
    Vai fazer o que né ? “A estupidês humana é infinita” !!! Nóis merece…mesmu…

  • Dan Galante

    As estimativas ajudam, mas são apenas estimativas. Funcionam como uma “preparação psicológica” para a população em geral. Um “desacobertamento” lento, e num ritmo determinado, segundo os ufólogos, pelo “governo das sombras” (e quem está no comando são os próprios ETs, só que os malévolos). Os cientistas que não fazem parte dos “black projects” não tem acesso as informações e, na maioria das vezes, sabem tanto quanto nós. Eles são apenas os empregados de instituições públicas ou privadas, e os donos dessas instituições não tem interesse nesse tipo de pesquisa (a exceção são os cientistas independentes, que autofinanciam seus trabalhos, mas são casos raríssimos). Os aliens já estão por aqui, pesquisando e explorando os recursos naturais da Terra (geológicos, biológicos, etc).
    Acho que o vídeo abaixo é real, e provavelmente uma das únicas filmagens de um EBE vivo, segundo dizem, obtida dos 4m3ric4nos pela KGB, e que foi comercializada no mercado negro com o fim da União Soviética:
    http://www.youtube.com/watch?v=RsQCXN4o4Ps
    Até hoje ninguém conseguiu provar, sem deixar dúvidas, que esse filme seja falso. Ele foi postado mais de 2 anos atrás.

  • Alex Cosmos

    Aproveitando o tema : Estou aqui à perguntar aos amigos que aqui fazem seus comentários, não estou afirmando só tenho uma curiosidade, e respeito A todos !! O que acham dessas frases ditas aqui nas escrituras sagardas:

    Respondeu Jesus, e disse-lhes: Ainda que eu testifico de mim mesmo, o meu testemunho é verdadeiro, porque sei de onde vim, e para onde vou; mas vós não sabeis de onde venho, nem para onde vou. João 8:14

    Vós conheceis-me, e sabeis de onde sou; e eu não vim de mim mesmo, mas aquele que me enviou é verdadeiro, o qual vós não conheceis. João 7:28

    E dizia-lhes: Vós sois de baixo, eu sou de cima; vós sois deste mundo, eu não sou deste mundo. João 8:23

    Respondeu Jesus: O meu reino não é deste mundo; se o meu reino fosse deste mundo, pelejariam os meus servos, para que eu não fosse entregue aos judeus; mas agora o meu reino não é daqui. João 18:36

    • Dan Galante

      Olá Alex Cosmos! Eu penso que tanto Deus, como os anjos (“caídos” ou não) e Jesus, são todos extraterrestres (a própria Bíblia diz isso, literalmente, afinal, se eles não são desse mundo, são claramente extraterrestres). Quanto à origem deles (se são de outro planeta, outra dimensão, outro universo) e se são feitos do que chamamos de matéria comum (tem corpos físicos e/ou “espirituais”), já é uma outra história…

    • Aiolyos

      Alex Cosmos!
      Lendo o Livro de Urantia e assistindo a algumas palestras sobre o mesmo, o Reino de Jesus Cristo ou o Micael de Nebadon é celeste, pois sobre sua responsabilidade e que foram criações dele mesmo são “apenas” 10.000.000,00 de planetas habitados ou habitáveis e uma vasta gama de criaturas.

  • Aiolyos

    Segundo o Livro de Urantia apenas no universo local são 10.000.000,00 de planetas habitados ou habitáveis que são de responsabilidade e foram criados por Jesus Cristo, filho Criador de DEUS pertencente a ordem dos Micaéis.
    Universalmente em todo o cosmos Jesus é mais conhecido como Micael de Nebadon, pois Nebadon é o nome de nosso universo local.

    http://www.urantia.org/pt/o-livro-de-urantia/documento-49-os-mundos-habitados

    • Senhor Spock

      Tenho esse livro aqui comigo há anos. Um excelente livro…de ficção!
      Tanto que a quarta parte serviu de plágio para J.J Benítez.
      .
      Saudações \\//_

  • francofreitas

    Bom, tem muitas opnioes isso e bom….

    Sempre me pergunto que tudo tem proposito, ai penso antes de ver propósito no universo, nem sempre lembramos do nosso proposito aqui na terra….

    ai se eu fosse um Et inteligente pularia fora de um planeta em que seus semelhante lucram com sofrimento do mais facos….

  • Marujo

    (A Drake o que é de Drake.)
    Há mais de 50 anos, este astrônomo e astrofísico “deu sua cara a tapa”. Pela primeira vez, um “homem de ciência” afirmou à seus pares que a vida, fora do planeta Terra, era uma hipótese tão provável que poderia até ser quantificada.
    Independentemente dos “erros” que possa ter cometido em sua expressão matemática, verificados apenas por aqueles que, depois, vieram a se debruçar sobre um assunto, devemos à Drake um enorme tributo por sua coragem e honestidade intelectual, qualidades insubstituíveis para aqueles que realmente pretendem fazer avançar o conhecimento científico.