OVNIs voltam a se manifestar em Santo Antonio do Tauá, no Pará

Tempo de leitura: 2 min.

Em 27 de outubro noticiamos aqui no OVNI Hoje o avistamento de OVNIs em Santo Antônio de Tauá, no Pará. Pois os avistamentos continuaram além daquele dia.

De acordo com o site www.ufo.com.br, dois homens, Francinaldo Leal Barbosa e seu amigo Franco, que estavam caçando na mata de uma fazenda entre a Vila dos Remédios e Tracuateua da Ponta, no município de Santo Antonio do Tauá, também testemunharam o aparecimento de OVNIs na região, porém  no dia 29, que foi uma noite antes da equipe de ufólogos ter visitado a região.

Os OVNIs também causaram temor na localidade de Buralho.

Francinaldo Barbosa relatou que três dias depois do avistamento dos OVNIs em Santa Rita, Vila dos Remédios e Tracuateua da Ponta, na noite de sexta-feira (29), ele estava caçando junto com Franco numa mata próxima à Vila dos Remédios, quando o evento ocorreu. Ele relatou: “Eu estava no mutá [que é ma espécie de madeirado montado em uma árvore, onde caçadores ficam à espreita de suas caças] quando o Franco atirou em uma caça e errou. Aí vi uma luz ainda fraca atrás de mim. Pensei que era um vaga-lume, mas a luz era mais forte. Ainda estava no mutá quando pude ver minha sombra, assobiei para o Franco e a luz aumentou”. Ele descreveu o local onde a cobertura das árvores era bastante aberta, o que permitiu ver o foco luminoso com clareza. “Foi quando a luz ficou mais forte, tanto que o Franco pôde me ver de onde estava. Ele pensou que era eu quem estava usando uma lanterna. Mas era mais alto, uns oito a 10 metros de altura. Pedi para o Franco atirar nela porque fiquei com medo. Mas ele não quis. Nunca tinha visto isso. Estou acostumado a caçar no mato. Vou voltar para caçar, mas agora vou com receio”, disse ele.

Quanto à possibilidade de ter sido um relâmpago, Francinaldo contestou: “Não foi relâmpago porque você vê clarear tudo. Mas o foco era só em mim. Não ouvi barulho nenhum, apenas a luz, depois apagou e sumiu. Depois disse pro Franco: ‘Vamos embora que hoje não é dia de caça’. E viemos embora”.

Esta notícia só foi relatada na segunda-feira (01) pela manhã, assim este novo evento não chegou à tempo ao conhecimento dos pesquisadores que estiveram no município.

n3m3

FotosNotícias
Comentários não são disponíveis na versão AMP do site. (6)
Clique aqui para abrir versão normal do artigo e poder comentar.
  • Roberto

    É a coisa ta feia no Pará hein!!

  • n3m3

    É Roberto. Na verdade, parece que a coisa está feia no mundo todo. Eu só estou postando aqui os avistamentos mais comprovados. Existem dezenas de outros avistamentos diários que não coloco, pois não há respaldo de testemunhas.

    Abraço,

  • l2

    a coisa num ta feia só no pará não se isso for verdade mesmo, coisa boa e que não eh!!!

    • n3m3

      L2, eu sou da opinião de que se estes seres tivessem más intenções, nós já teríamos sabido, afinal, existem registros de OVNIs desde a história antiga.

      Amanhã vou postar uma matéria a respeito de um cientísta chinês que afirma que estes seres são benígnos, e mesmo se não fossem, eles teriam suas fraquezas, as quais poderíamos superar.

      Abraço,

  • Carla / RJ

    Moro no Rio de Janeiro , no bairro de Jacarepagua e afirmo aqui se tem mtos avistamentos!
    Não acredito q a coisa esteja feia, nao acredito q sejam do mal, senao ja teriamos sido ate extintos! Espero q sim q intervenham logo!

  • n3m3

    Olá Carla,

    Concordo plenamente com você.

    Se tiver a chance de fotografar, ou filmar, alguns destes eventos em Jacarepagua, fica aqui o convite para colocá-lo em nosso blog.

    Obrigado pelo comentário e volte sempre.