web analytics

Ainda há ciência a ser feita em Roswell, diz especialista em OVNIs

Compartilhe com a galáxia!
Tempo de leitura: 2 min.
Ouça este artigo...

Enquanto milhares de pessoas desfrutam do festival anual de OVNIs em Roswell, Novo México, um homem que estudou o fenômeno durante anos diz que é hora de colocar a ciência moderna para trabalhar no local da suposta queda do OVNI em 1947.

Ainda há ciência a ser feita em Roswell, diz especialista em OVNIs

Nike Pope, especialista aposentado em OVNIs do Ministério da Defesa britânico, disse ao NewsNation Prime:

“Ainda há ciência a ser feita em Roswell.

O fato de ainda estarmos falando destes quase 80 anos após o evento mostra o poder duradouro deste mistério.”

Cerca de 50.000 pessoas visitaram Roswell no fim de semana passado para assistir a filmes, assistir a concertos, assistir a um desfile e ouvir os OVNIólogos relatarem o que foi um ano muito agitado.

Já se passou quase um ano desde que o denunciante David Grusch se apresentou com alegações de que o Departamento de Defesa dos EUA tem operado um programa secreto de recuperação de OVNIs. Apesar das repetidas negações, ainda existe ceticismo de que a agência esteja sendo totalmente transparente.

A história de Roswell não começou com a mídia, mas sim com os militares

Pope nos lembra que tudo começou em Roswell, não com uma reportagem da mídia ou de um cidadão.

Ele disse;

“Foram os próprios militares dos EUA que disseram ‘Recuperámos um disco voador’. Eles mudaram a sua história em 24 horas e disseram que era apenas um balão meteorológico.”

Apesar de décadas de negação, os militares ainda são a fonte dos avistamentos mais credíveis nos dias de hoje – especialmente por parte de pilotos militares, apoiados pela tecnologia à sua disposição.

Pope disse:

“Temos simultaneamente dados de radar, filmes de câmeras infravermelhas com fotos feitas pelos jatos e, às vezes, dados de satélite. Embora, é claro, muito disso ainda seja confidencial.”

Pope também observa a recente “hipótese criptoterrestre publicada por pesquisadores de Harvard de que alienígenas podem já estar aqui, caminhando sem serem detectados entre nós.

Ele chama de “revigorante” o fato de muitos cientistas e acadêmicos terem se reunido para escrever um artigo intitulado “A case for scientific openness to a concealed earthly explanation for Unidentified Anomalous Phenomena” (“Um caso de abertura científica para uma explicação terrena oculta para Fenômenos Anômalos não Identificados [UAP/OVNIs]”).

Pope disse:

“Isso é mais um experimento mental do que um ‘encontramos algo’. Há alguns anos, isso teria sido inconcebível. Agora, está aberto.

Esta é uma justificativa total para pessoas que, durante anos, definharam à margem, pensando que tudo isso era teoria da conspiração. Agora, estamos tendo audiências no Congresso. Cientistas e acadêmicos estão ousando fazer esta pergunta do tipo ‘e se’.”

E, sobre a busca geral por respostas sobre OVNIs, Pope coloca de forma simples:

“Este é o maior mistério do nosso tempo, e já é hora de divulgá-lo abertamente.”

(Fonte)


ATENÇÃO: Qualquer artigo aqui publicado serve somente para cumprir a missão deste site. Assim, o OVNI Hoje não avaliza sua veracidade totalmente ou parcialmente.

Apoie o OVNI Hoje: Cada Doação é Essencial!

Agradecimentos aos colaboradores do mês: ❤️Eneias Vieira ❤️Silas Raposo ❤️Leopoldo Della Rocca ❤️Cristina Vilas Boas

Muito obrigado!


ÁREA DE COMENTÁRIOS
(Mais abaixo…👇)

ATENÇÃO:

Ads Blocker Image Powered by Code Help Pro

BLOQUEADOR DE ANÚNCIOS DETECTADO!!!

Caro leitor, a existência do OVNI Hoje depende dos anúncios apresentados aqui. Por favor, apoie o OVNI Hoje e desabilite seu bloqueador de anúncios para este site. Obrigado!

hit counter code