web analytics

É encontrado primeiro organismo que não precisa de oxigênio para sobreviver

Compartilhe com a galáxia!
Tempo de leitura: 2 min.
Ouça este artigo...

Os pesquisadores dizem que esta descoberta questiona tudo o que sabemos sobre a vida na Terra e o que ela precisa.

Primeiro organismo que não precisa de oxigênio para sobreviver é encontrado
Henneguya salminicola. Crédito: Stephen Douglas Atkinson

A história da Terra remonta a mais de 4,5 bilhões de anos. A vida começou a desenvolver a capacidade de absorver oxigênio, ou seja, de respirar, há mais de 1,45 mil milhões de anos: uma arqueia maior absorveu uma bactéria menor e, de alguma forma, esta união acabou por ser benéfica para ambos, escreve o Science Alert.

Essa relação simbiótica posteriormente levou à evolução conjunta dos dois organismos. Eventualmente, as bactérias que se instalaram no interior tornaram-se organelas conhecidas como mitocôndrias. Na verdade, todas as células do nosso corpo, com exceção dos glóbulos vermelhos, contêm um grande número de mitocôndrias, necessárias para a respiração. São as mitocôndrias que decompõem o oxigênio para produzir a molécula trifosfato de adenosina, que os organismos multicelulares usam para alimentar os processos celulares.

Sabe-se que alguns organismos evoluíram para se adaptarem à vida em condições de baixo oxigênio ou hipóxia. Os cientistas descobriram que alguns organismos unicelulares desenvolveram organelas associadas às mitocôndrias para o metabolismo anaeróbico; mas a possibilidade da existência de organismos multicelulares exclusivamente anaeróbios tem sido objeto de algum debate científico.

Isso foi até que uma equipe liderada por Dayana Yahalomi, da Universidade de Tel Aviv, deu uma olhada em um parasita comum do salmão, Henneguya salminicola. Sabe-se que pertence ao mesmo filo dos corais, águas-vivas e anêmonas. Os cistos que o parasita forma na carne de peixe são feios, mas durante todo o seu ciclo de vida esses parasitas não representam nenhuma ameaça.

Os resultados mostram que, ao esconder-se dentro do seu hospedeiro, o minúsculo cnidário pode sobreviver a condições hipóxicas, ou seja, sem a necessidade de oxigênio. Mas até este momento, os cientistas não entendiam como ele conseguiu. Durante o estudo, a equipe examinou o DNA do parasita.

Os cientistas usaram sequenciamento e microscopia de fluorescência, o que lhes permitiu estudar de perto o parasita. A equipe descobriu que o cnidário havia perdido seu genoma mitocondrial. Ele também não tinha capacidade para respiração aeróbica e quase todos os genes nucleares envolvidos na transcrição e replicação mitocondrial.

Assim como os organismos unicelulares, o parasita desenvolveu organelas associadas às mitocôndrias, mas não eram comuns – sua membrana interna possui dobras que geralmente não são visíveis. Observe que, para comparação, a equipe usou as mesmas técnicas de sequenciamento e a microscopia no parasita cnidário intimamente relacionado, Myxobolusquamalis, foi usada como controle e mostrou claramente um genoma mitocondrial.

Assim, os cientistas confirmaram que realmente existe um organismo no planeta que não precisa de oxigênio para sobreviver. Os cientistas ainda não sabem exatamente como isso aconteceu, mas planejam esclarecer o mistério de como os parasitas conseguiram se afastar de suas ancestrais águas-vivas de vida livre e se transformar em um parasita muito mais simples.

Sabe-se que o organismo perdeu a maior parte do genoma original da água-viva, mas, curiosamente, manteve uma estrutura complexa que lembra as células urticantes de uma água-viva. Sabe-se que o parasita as utiliza não para picar, mas para se agarrar ao hospedeiro.

Os autores do estudo acreditam que os seus resultados lhes permitirão desenvolver estratégias que ajudarão a proteger os peixes dos parasitas.

(Fonte)


ATENÇÃO: Qualquer artigo aqui publicado serve somente para cumprir a missão deste site. Assim, o OVNI Hoje não avaliza sua veracidade totalmente ou parcialmente.

Apoie o OVNI Hoje: Cada Doação é Essencial!

Agradecimentos aos colaboradores do mês: ❤️Eneias Vieira ❤️Silas Raposo ❤️Leopoldo Della Rocca ❤️Cristina Vilas Boas

Muito obrigado!


ÁREA DE COMENTÁRIOS
(Mais abaixo…👇)

ATENÇÃO:

Ads Blocker Image Powered by Code Help Pro

BLOQUEADOR DE ANÚNCIOS DETECTADO!!!

Caro leitor, a existência do OVNI Hoje depende dos anúncios apresentados aqui. Por favor, apoie o OVNI Hoje e desabilite seu bloqueador de anúncios para este site. Obrigado!

hit counter code