web analytics

O programa de interrogatório de alienígenas do governo dos EUA: a investigação de Jon Stewart (Atualizado)

Compartilhe com a galáxia!
Tempo de leitura: 3 min.
Ouça este artigo...

A ideia do governo dos EUA possuir programas secretos envolvendo seres extraterrestres tem sido há muito tempo um elemento básico das teorias da conspiração e da ficção especulativa. No entanto, Jon Stewart, um ex-lutador profissional que se tornou jornalista investigativo e figura política, afirma ter descoberto evidências que apoiam a existência de tal programa.

O programa de interrogatório de alienígenas do governo dos EUA: a investigação de Jon Stewart

A investigação meticulosa de Stewart ao longo de duas décadas gira em torno de um suposto interrogatório de um Alienígena Gray filmado em fita VHS no início dos anos 1990.

A descoberta e investigação

Em 1997, Jon Stewart se deparou com um documentário apresentando supostas imagens de um interrogatório alienígena. Este documentário, apresentando um Alienígena Gray com aparente dificuldade respiratória, cativou o interesse de Stewart. Ao contrário das produções típicas de Hollywood, a filmagem parecia normal em sua apresentação, aumentando sua autenticidade percebida. Intrigado com a natureza casual do vídeo, Stewart procurou opiniões de especialistas e de profissionais de vídeo e animação, os quais não conseguiram identificar quaisquer sinais de adulteração ou falsificação.

A busca de validação de Stewart o levou a consultar médicos e militares supostamente envolvidos no interrogatório. Essas entrevistas revelaram uma narrativa profundamente entrelaçada com as atividades clandestinas de uma facção dentro do sistema militar, supostamente ligada à instalação secreta S-4 na Área 51. O culminar da investigação de Stewart levou-o a afirmar a autenticidade da fita vazada, a qual acredita-se ter sido divulgada por uma fonte conhecida como Victor.

O denunciante: Victor

Victor, um biólogo contratado pela Agência de Inteligência de Defesa (DIA), desempenhou um papel central na investigação de Stewart. As responsabilidades de Victor incluíam gerenciar o programa de interrogatório e retenção de alienígenas em S-2 Alpha, uma instalação ao sul da Área 51. De acordo com Stewart, Victor era o zelador de seis seres falecidos armazenados em tubos de vidro cheios de líquido. Suas funções também envolviam educar dignitários, militares e cientistas sobre os extraterrestres e sua preservação.

As revelações de Victor foram além de seu papel na S-2 Alpha. Ele alegou ter interagido com figuras importantes como Dick Cheney e Donald Rumsfeld, discutindo sobre os alienígenas falecidos. Apesar dos seus esforços para trazer esta informação à luz, Victor expressou frustração num documentário de 2008 sobre a falta de interesse da comunidade ovniológica em verificar as suas afirmações ou a existência do S-4.

As filmagens do interrogatório alienígena

A filmagem que desencadeou a investigação de Stewart mostrava um alienígena sendo interrogado por oficiais de inteligência por meios telepáticos. A equipe médica atendeu o alienígena, que parecia estar em perigo de morte. O vídeo incluía uma sobreposição digital com as iniciais “DNI SL-27”, sugerindo o envolvimento do Departamento de Inteligência Naval (DNI). Este departamento, embora oficialmente inexistente, foi mencionado por um senador dos EUA de uma forma que reforçou a credibilidade do vídeo para Stewart.

O alienígena, descrito como um híbrido de material orgânico e sintético, exibia características físicas únicas, como olhos redondos e pele bronzeada, desviando-se da representação típica dos Alienígenas Grays. Os movimentos do ser, descritos como mecânicos e semelhantes a marionetes, alimentaram ainda mais as reivindicações de autenticidade, já que essas características se alinhavam com descrições de outros supostos encontros com Alienígenas Grays.

Especulações e Teorias

Ao longo de sua investigação, Stewart encontrou várias teorias sobre a natureza e origem desses seres extraterrestres. Uma teoria predominante sugere que esses alienígenas são viajantes interdimensionais capazes de atravessar o espaço e o tempo dobrando a estrutura do universo. Outros acreditam que os Greys são entidades sintéticas criadas por outras raças extraterrestres para servirem como batedores ou exploradores.

As motivações por trás da suposta presença alienígena na Terra continuam a ser um tema de debate. Enquanto alguns especialistas especulam que estes seres têm intenções benevolentes, outros sugerem uma perspectiva mais sinistra, vendo-os como entidades demoníacas com uma agenda oculta. Esta dicotomia de crenças reflete a incerteza e o medo mais amplos que rodeiam o fenômeno extraterrestre.

A posição e as implicações do governo

A investigação de Stewart levanta questões críticas sobre o conhecimento e envolvimento do governo dos EUA em atividades extraterrestres. A relutância em divulgar informações e a alegada utilização de tecnologia alienígena avançada para manter o domínio global sugerem uma complexa rede de sigilo. De acordo com Stewart, o monopólio do governo sobre a tecnologia alienígena proporciona uma vantagem estratégica, tornando as forças armadas dos EUA 15 a 20 anos mais avançadas do que os seus homólogos globais.

Os benefícios potenciais da tecnologia alienígena vão além das aplicações militares. Inovações como a energia do ponto zero e tratamentos médicos avançados poderão revolucionar vários setores, da energia aos cuidados de saúde. No entanto, o medo de perder o controle sobre estas tecnologias e a perturbação social que podem causar provavelmente contribuiu para o sigilo contínuo.

[Para instruções de como ativar a legenda em português do(s) vídeo(s) abaixo, embora esta não seja precisa, clique aqui.]

A investigação de Jon Stewart sobre o alegado programa de interrogatório de alienígenas do governo dos EUA apresenta uma narrativa convincente que desafia a compreensão convencional. Embora a autenticidade das imagens e a existência de tal programa continuem a ser assuntos de debate, as descobertas de Stewart sublinham a necessidade de maior transparência e abertura na discussão de fenômenos extraterrestres. À medida que a busca pela verdade continua, permanece a esperança de que um dia a humanidade terá uma compreensão mais clara do seu lugar no cosmos e das potenciais interações com seres de outro mundo.

(Fonte)



ATENÇÃO: Qualquer artigo aqui publicado serve somente para cumprir a missão deste site. Assim, o OVNI Hoje não avaliza sua veracidade totalmente ou parcialmente.

Apoie o OVNI Hoje: Cada Doação é Essencial!

Agradecimentos aos colaboradores do mês: ❤️Eneias Vieira ❤️Silas Raposo ❤️Leopoldo Della Rocca ❤️Cristina Vilas Boas

Muito obrigado!


ÁREA DE COMENTÁRIOS
(Mais abaixo…👇)

ATENÇÃO:

Ads Blocker Image Powered by Code Help Pro

BLOQUEADOR DE ANÚNCIOS DETECTADO!!!

Caro leitor, a existência do OVNI Hoje depende dos anúncios apresentados aqui. Por favor, apoie o OVNI Hoje e desabilite seu bloqueador de anúncios para este site. Obrigado!

hit counter code