web analytics

Estamos recebendo sinais de um planeta muito parecido com a Terra

Ouça este artigo...
Tempo de leitura: 3 min.

Existe um exoplaneta na constelação de Libra chamado Gliese 581d. Este planeta é único em suas propriedades e composição química semelhante à da Terra.

Sinais estão vindo de um planeta muito parecido com a Terra
Impressão artística de como o planeta Gliese581d poderia se parecer.

O astrofísico inglês Stephen Hawking, falecido em 2018, chegou a chamá-lo de irmão gêmeo da Terra e, posteriormente, suas suposições foram comprovadas por estudos espectrográficos. Ele levantou a hipótese de que o 581d poderia muito bem ser habitável e suas declarações têm várias boas razões.

Planeta da zona habitável

Supõe-se que Gliese 581d seja o quinto planeta mais distante no sistema de sua estrela, a anã vermelha Gliese 581, e esteja em sua zona habitável. Gliese581d pertence à classe “super-Terra”, ou seja, sua massa é maior que a massa do globo (6-8 vezes), e seu tamanho é quase o dobro do nosso.

Em sua superfície existem oceanos, solo rochoso e está envolto em uma atmosfera na qual podem existir nuvens e precipitação. É possível que em grandes alturas as nuvens sejam compostas de gelo seco, e que o lado iluminado esteja sempre oculto por um crepúsculo avermelhado devido a diferenças na composição das nuvens.

A base do planeta é constituída por substâncias, cujo espectro se aproxima da Terra, mas com predominância de metais. No planeta, como na Terra, as estações devem mudar, mas com uma duração diferente. Além disso, grandes explosões foram observadas ocorrendo em sua superfície.

Isso indica a presença de uma civilização tecnogênica no planeta ou atividade vulcânica ativa.

Sinais bizarros

Em 2014, uma equipe de cientistas captou um sinal supostamente vindo da área onde Gliese 581d está localizado. Inicialmente, não lhe deram muita importância, atribuindo-a a uma manifestação elementar da atividade estelar, embora aumentada. Mas os sinais foram registrados mais três vezes: em 2014, 2015 e 2016.

A sensação era que em todos os casos era o mesmo tipo de sinal, o que a natureza, em princípio, não é capaz. Só a tecnologia poderia lidar com isso.

Por algum tempo não houve sinais e, desde 2020, eles são registrados quase todos os meses. Inicialmente, os cientistas explicaram esse fenômeno por uma característica do campo magnético irradiado de uma estrela interagindo com sua luz refletida.

Mas, se fosse um fenômeno natural, o intervalo entre a passagem dos sinais seria o mesmo. Na verdade, o intervalo entre os sinais foi de 16, 19, 22, 27 dias. É provável que alguém esteja tentando entrar em contato conosco.

Em uma nota diferente, se não houvesse um padrão óbvio, então os sinais de Gliese poderiam muito bem ter uma fonte natural. Já a enorme quantidade de metais no espectro do planeta, combinada com poderosas explosões, poderia sugerir que o planeta é relativamente jovem. Dois a três bilhões de anos atrás, a superfície da Terra também estava coberta de ferro e a atividade vulcânica descartou qualquer vida no planeta.

A propósito, se o planeta estiver completamente coberto de ferro e seus derivados, ele pode muito bem se tornar uma fonte e um repetidor de um sinal muito poderoso, que pode ter uma periodicidade muito clara, mas não uma direção constante. Como a periodicidade dos sinais não é múltipla da periodicidade de ocupação da posição necessária (ou vice-versa), também não notamos padrões.

De qualquer forma, Gliese está a duas dezenas de anos-luz de distância de nós. O sinal de retorno não chegará ao destinatário muito em breve, assim como o remetente pode não estar mais vivo. Astrônomos americanos e britânicos estão tentando separar o sinal da interferência que o acompanha, o que pode tornar possível decifrá-lo.

Ameaça aos humanos

Stephen Hawking sugeriu que o planeta poderia ser mais do que apenas potencialmente habitável. Pode haver uma civilização razoável, cujo nível de desenvolvimento é muito superior ao nosso, e isso pode representar uma grande ameaça para os humanos.

Sinais estão vindo de um planeta muito parecido com a Terra
Há suposições de que 2023 será muito mais ‘interessante’ do que no ano passado.

Os habitantes da Terra devem ter cuidado com possíveis alienígenas de outros planetas viajando por distâncias tão vastas, expressas em anos-luz. Uma vez que potencialmente as condições de vida nos planetas são as mais próximas possíveis umas das outras, nosso planeta pode ser um novo território para a vida.

Há algum fundamento para tal raciocínio? Talvez decifrar os sinais da Constelação de Libra dê uma resposta a essa pergunta, ou pelo menos a aproxime.

E por que todos pensam que a vida só pode ser biológica? Para dizer o mínimo, pode haver formas que nem podemos imaginar, a menos que exista uma civilização mecânica criada por orgânicos, que destruiu seus ancestrais.

(Fonte)


Essa estória de invasão alienígena à la Hollywood não passa de uma balela. Se virem algo assim, desconfiem que tem humano por detrás do caso. Alienígenas inteligentes não viajariam dezenas, centenas ou milhares de anos luz para invadir outro planeta desta forma. A invasão seria silenciosa e imperceptível. Talvez até já tenhamos sido conquistados e nem percebemos. Duvida?

n3m3

E não esqueça: nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui.

Atenção: Qualquer artigo aqui publicado serve somente para cumprir a missão deste site. Assim, o OVNI Hoje não avaliza sua veracidade totalmente ou parcialmente.

Participe dos comentários mais abaixo… e (importante) se puder, colabore na manutenção do OVNI Hoje utilizando o QR code do PIX abaixo, ou use a chave PIX “OVNIHoje” (sem as aspas):

Agradecimentos aos colaboradores do mês: Egídia dos Santos, Edward de Lima.

Muito obrigado!


ÁREA DE COMENTÁRIOS

ATENÇÃO:

  • Os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de cada pessoa que comenta. O OVNI Hoje não se responsabiliza por transtornos, rixas ou quaisquer outras indisposições causadas pelos comentários.
  • Comente educadamente e com ética, sempre tratando seu colega de comentários como você mesmo/a queira ser tratado/a.
  • Qualquer comentário com “pregação” política ou religiosa, obsceno ou inapropriado será prontamente apagado pelos moderadores.
  • A PRIMEIRA TENTATIVA DE BURLAR AS REGRAS INCORRERÁ EM BANIMENTO DA ÁREA DE COMENTÁRIOS!

hit counter code
Ads Blocker Image Powered by Code Help Pro

BLOQUEADOR DE ANÚNCIOS DETECTADO!!!

Caro leitor, a existência do OVNI Hoje depende dos anúncios apresentados aqui. Por favor, apoie o OVNI Hoje e desabilite seu bloqueador de anúncios para este site. Obrigado!