web analytics
Tempo de leitura: 3 min.

NASA se prepara para enviar nova mensagem aos alienígenas

Tempo de leitura: 3 min.

Um grupo de cientistas do Laboratório de Propulsão a Jato da NASA acredita que é necessário enviar uma nova mensagem aos representantes de civilizações extraterrestres. Esta nova mensagem, chamada “Beacon in the Galaxy” (“Farol na Galáxia”), será a “herdeira” de um sinal de rádio que foi enviado em 1974 do Observatório de Arecibo, em Porto Rico.

NASA se prepara para enviar nova mensagem aos alienígenas

A “Beacon in the Galaxy” é uma mensagem de rádio atualizada daquela enviada do Observatório de Arecibo. Aquela mensagem continha informações sobre a humanidade, nossos avanços tecnológicos e nosso lugar no espaço em termos gráficos simples.

Sua duração foi de 169 segundos e consistia em 1679 dígitos. A nova mensagem também será codificada em binário.

O que aconteceu com a mensagem de Arecibo?

Até agora, aquela mensagem está a caminho de seu objetivo. Ela foi enviada para o aglomerado globular M13, localizado a uma distância de 25 mil anos-luz de nós na constelação de Hércules.

Ela foi enviada em um comprimento de onda de 126 mm. Como o sinal de rádio viaja na velocidade da luz, até agora a mensagem viajou apenas 48 anos-luz, ou 0,2%, até o alvo pretendido.

Qual será a nova mensagem para os alienígenas?

Os cientistas usam conceitos matemáticos e físicos básicos para essa mensagem, que, na opinião deles, são um meio universal de comunicação e representantes da inteligência extraterrestre poderão decifrar essa mensagem.

Novamente será utilizada a codificação binária de sinais (a forma mais simples de matemática e provavelmente universal para todas as espécies sencientes no universo) e comunicação que é quase inteiramente focada em matemática e física.

Além disso, os cientistas na mensagem criptografaram uma solicitação para enviar uma resposta para iniciar uma conversa galáctica.

O que está na nova mensagem para os alienígenas?

Cientistas da NASA criptografaram as seguintes informações em uma nova mensagem para inteligência extraterrestre:

  • Informações sobre a composição bioquímica da vida na Terra. Esta informação inclui uma imagem dos quatro blocos de construção do DNA – adenosina, citidina, guanosina e timidina.
  • Uma linha do tempo que começa no Big Bang para mostrar exatamente quando a mensagem foi enviada. Os cientistas também indicaram as datas do aparecimento das principais realizações científicas da humanidade. Entre elas estão as leis de Newton, a teoria da relatividade de Einstein, o início dos voos espaciais e o pouso de um homem na Lua.
  • Localização do sistema solar na Via Láctea, mostrando distâncias de aglomerados globulares conhecidos. É necessário que os representantes da civilização extraterrestre saibam para onde enviar a resposta e quanto tempo esperar pelo feedback.
  • Imagens digitalizadas do sistema solar e da superfície da Terra.
  • Imagens digitalizadas de pessoas.
  • Solicitação de resposta a esta mensagem com a imagem de um radiotelescópio transmitindo um sinal.

Como eles enviarão uma nova mensagem ao espaço para os alienígenas?

A mensagem, codificada em código binário, será enviada usando um dos dois telescópios existentes na Terra: com a ajuda do radiotelescópio FAST, também conhecido como “Tianyang”, que está localizado na China, na província de Guizhou ou com um rádio telescópio chamado The Allen Telescope Array (ATA) na Califórnia, EUA.

Até agora, há um pequeno problema – tanto o FAST quanto o ATA só podem receber mensagens de rádio, não enviá-las, mas as próximas atualizações podem corrigir isso.

A NASA acredita que é necessário enviar uma mensagem para um dos aglomerados estelares, que está localizado a uma distância de 2 a 6 kiloparsecs do centro da Via Láctea. Ou seja, de 6,5 a 19,5 mil anos-luz.

O conceito, publicado como uma pré-impressão, foi submetido ao Journal of Galaxies.

(Fonte)


Colocado de forma simples, mais um exercício em futilidade na busca por extraterrestres.

Se usassem esse dinheiro para resolver o mistério do fenômeno OVNI aqui em nosso planeta, as respostas viriam de forma muito mais rápida. E mais, mesmo se o fenômeno OVNI aqui em nosso planeta não for extraterrestre, possivelmente ele carrega consigo a resposta quanto ao que há lá fora no Universo.

Então ficamos assim:

“Eu (a NASA) faço de conta que estou trabalhando para encontrar inteligência extraterrestre lá fora no Universo (já encontrei mas você não pode saber), e você fique bem quietinho/a na sua poltrona se sujeitando à lavagem cerebral feita por nós (o bando que está no controle) através de sua TV e outros meios. Nós sabemos o que é melhor para você e queremos o seu bem, e você deve aceitar este ‘bem’ sem questionar.”

n3m3

E não esqueça: nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui.

Atenção: Qualquer artigo aqui publicado serve somente para cumprir a missão deste site. Assim, o OVNI Hoje não avaliza sua veracidade totalmente ou parcialmente.

PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…


ÁREA DE COMENTÁRIOS

ATENÇÃO:

  • Os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de cada pessoa que comenta. O OVNI Hoje não se responsabiliza por transtornos, rixas ou quaisquer outras indisposições causadas pelos comentários.
  • Comente educadamente e com ética, sempre tratando seu colega de comentários como você mesmo/a queira ser tratado/a.
  • Qualquer comentário com “pregação” política ou religiosa, obsceno ou inapropriado será prontamente apagado pelos moderadores.
  • A PRIMEIRA TENTATIVA DE BURLAR AS REGRAS INCORRERÁ EM BANIMENTO DA ÁREA DE COMENTÁRIOS!

Plugin Kapsule Corp

hit counter code