web analytics
Tempo de leitura: 2 min.

Caça pelo voo MH370 foi reiniciada: localização identificada

Tempo de leitura: 2 min.

A caça ao voo MH370 da Malaysian Airlines, que desapareceu em março de 2014 com 239 pessoas a bordo, foi primeiro para resgatar os passageiros, depois para recuperar seus restos mortais e determinar o que aconteceu.

Caça pelo voo MH370 foi reiniciada: localização identificada

Como tantas pistas aparentemente sólidas foram seguidas e não deram em nada, as esperanças se desvaneceram… como também os fundos para realizar uma busca tão gigantesca.

Em 2021, todos as buscas encerraram, embora algumas agências governamentais tenham sugerido que retomariam com pistas sólidas apontando para um local. Isso pareceu acontecer em dezembro de 2021, quando o engenheiro aeroespacial britânico e especialista em MH370, Richard Godfrey, anunciou que poderia identificar a localização e a profundidade usando sua nova técnica de busca chamada repórter de propagação de sinal fraco (de sigla em inglês, WSPR). Esta semana, o governo australiano anunciou um foco renovado em encontrar o MH370. O que mudou?

“Na minha opinião, não há razão para não estarmos planejando uma nova pesquisa.”

No programa 60 Minutes (Austrália), Godfrey reiterou o que vem dizendo desde dezembro – o piloto Zaharie Ahmad Shah deliberadamente tirou o avião do curso e o MH370 caiu no oceano a 1933 km a oeste de Perth, a 33.177°S 95.300°E, onde está a 4000 metros embaixo da agua. Godfrey determinou a localização com dados normalmente usados ​​por operadores de rádio amadores que são cientificamente sólidos, mas nunca foram usados ​​para encontrar aviões perdidos. Esta semana, o news.com.au anunciou algumas boas notícias.

“Os investigadores australianos de segurança aérea, liderados por um novo diretor, renovaram discretamente sua busca pelo voo MH370 da Malaysian Airlines, que desapareceu em março de 2014 com 239 pessoas a bordo.”

O Australian Transport Safety Bureau (ATSB) confirmou em um próximo documentário da Sky News Australia que o novo comissário-chefe, Angus Mitchell, aprovou o escritório que trabalha com a Geoscience Australia (a organização nacional de geociência do setor público) para revisar os dados do relatório de Godfrey e “procurar qualquer coisa que pode ter passado despercebido”.

Quão sério é Mitchell neste esforço renovado para encontrar o MH370? De acordo com a Sky News, o documentário mostrará Mitchell com duas caixas vazias que ele diz terem sido construídas para o gravador de dados de voo e o gravador de voz da cabine do MH370 quando forem encontrados.

“Mitchell reiterou que qualquer decisão de realizar novas buscas pelo MH370 seria uma questão para o governo da Malásia e que o ATSB não estava ciente de nenhum pedido ao governo australiano da Malásia para apoiar uma nova busca pela aeronave desaparecida”.

Parece que Mitchell pode ter se precipitado no próximo documentário – o ATSB emitiu um comunicado apontando que, embora “reconheça a importância de localizar a aeronave” e “continua sendo um observador interessado em todos os esforços para encontrar a aeronave desaparecida”, a decisão final cabe aos governos da Malásia e da Austrália para financiarem uma nova busca.

Tudo se resume a dinheiro – algo que todos deveriam se lembrar quando pisam em um avião. Vamos torcer para que Godfrey e Mitchell possam convencer essas partes a gastar um pouco e encontrar o MH370.

Paul Seaburn

(Fonte)

Para quem não lembra, o desaparecimento do voo MH370 da Malaysian Airlines inspirou todos os tipos de hipótesis, até mesmo que ele foi abduzido por um OVNI. Mas, essa hipóteses foi por água abaixo quando declararam ter encontrado pedaços da aeronave.

O mistério perdura.

n3m3

E não esqueça: nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui.

Atenção: Qualquer artigo aqui publicado serve somente para cumprir a missão deste site. Assim, o OVNI Hoje não avaliza sua veracidade totalmente ou parcialmente.

PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…


ÁREA DE COMENTÁRIOS

ATENÇÃO:

  • Os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de cada pessoa que comenta. O OVNI Hoje não se responsabiliza por transtornos, rixas ou quaisquer outras indisposições causadas pelos comentários.
  • Comente educadamente e com ética, sempre tratando seu colega de comentários como você mesmo/a queira ser tratado/a.
  • Qualquer comentário com “pregação” política ou religiosa, obsceno ou inapropriado será prontamente apagado pelos moderadores.
  • A PRIMEIRA TENTATIVA DE BURLAR AS REGRAS INCORRERÁ EM BANIMENTO DA ÁREA DE COMENTÁRIOS!

Plugin Kapsule Corp

hit counter code