Misterioso sinal de rádio a cada 18 minutos intriga astrônomos

Tempo de leitura: 2 min.

Os cientistas encontraram um objeto “misterioso” liberando explosões gigantes de energia, três vezes por hora. Seja o que for o objeto – que está relativamente próximo, a 4.000 anos-luz de distância – não é nada como os astrônomos já viram antes.

Misterioso sinal de rádio a cada 18 minutos intriga astrônomos
Representação artística do objeto – uma fonte potencial de pulsos repetitivos de ondas/sinais de rádio. Crédito: ICAR

Natasha Hurley-Walker, do Centro Internacional de Pesquisa em Radioastronomia, que liderou a pesquisa, disse:

“Este objeto estava aparecendo e desaparecendo em algumas horas durante nossas observações.

Isso foi completamente inesperado. Foi meio assustador para uma astrônoma porque não há nada conhecido no céu que faça isso. E está realmente muito perto de nós – cerca de 4.000 anos-luz de distância. Está em nosso quintal galáctico.”

Os astrônomos especulam que o objeto pode ser uma estrela de nêutrons ou uma anã branca que possui um campo magnético incrivelmente poderoso. Ele está girando rapidamente no espaço, de modo que o feixe de radiação pisca em nossa direção três vezes a cada hora. Por um minuto em cada vinte, ele se torna uma das fontes de rádio mais brilhantes em todo o céu.

Um estudante da Curtin University, chamado Tyrone O’Doherty, foi o primeiro a detectar o objeto usando o telescópio Murchison Widefield Array (MWA) no interior da Austrália Ocidental. Desde que foi encontrado, o objeto acabou deixando perplexos os astrônomos que o estudaram.

O’Doherty, que agora está fazendo doutorado em Curtin, disse:

“É empolgante que a fonte que identifiquei no ano passado tenha se tornado um objeto tão peculiar. O amplo campo de visão e a extrema sensibilidade do MWA são perfeitos para pesquisar todo o céu e detectar o inesperado.”

Há uma grande variedade de objetos diferentes no espaço que ligam e desligam, que recebem o nome de “transitórios”. Normalmente, eles vêm da morte de uma estrela massiva ou dos restos tremeluzentes que são deixados para trás quando isso acontece. Eles podem emitir de forma rápida – como uma estrela de nêutrons, chamada pulsar, que pode acender e apagar em milissegundos — ou podem ir devagar, acontecendo ao longo de alguns dias, como no curso de supernovas.

Mas algo no meio, como o novo objeto, é muito incomum.

Há ainda mais mistérios sobre o objeto. Ele é incrivelmente brilhante, mas menor que o Sol, e emite ondas de rádio altamente polarizadas. Isso indicaria que ele tem um campo magnético muito forte.

Em conjunto, essas características parecem corresponder a um objeto conhecido como magnetar de período ultralongo. Mas tal objeto nunca foi visto antes – e foi uma surpresa.

Hurley-Walker disse:

“É um tipo de estrela de nêutrons que gira lentamente e que teoricamente existe. Mas ninguém esperava detectar diretamente uma assim porque não esperávamos que fossem tão brilhantes.

De alguma forma, o objeto está convertendo energia magnética em ondas de rádio de forma muito mais eficaz do que qualquer coisa que vimos antes.”

Os cientistas estão agora observando a área atentamente na esperança de que ela volte a funcionar. Se isso acontecer, eles poderão apontar telescópios para o objeto na esperança de aprender mais. Eles também examinarão os arquivos de observações do MWA para ver se existem outros exemplos de tais objetos que foram perdidos no passado.

Hurley-Walker ainda disse:

“Mais detecções dirão aos astrônomos se este foi um evento único raro ou uma vasta nova população que nunca havíamos notado antes.”

Um artigo descrevendo a pesquisa, “A radio transient with unusually slow periodic emission” (“Um transitório de rádio com emissão periódica incomumente lenta”, em tradução livre), foi publicado hoje na Nature.

(Fonte)


Não posso perder a piada:

Misterioso sinal de rádio a cada 18 minutos intriga astrônomos

n3m3

E não esqueça: nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui.

Atenção: Qualquer artigo aqui publicado serve somente para cumprir a missão deste site. Assim, o OVNI Hoje não avaliza sua veracidade totalmente ou parcialmente.

PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO… e (importante) se puder, colabore na manutenção do OVNI Hoje utilizando o QR code do PIX abaixo:

Muito obrigado!


ÁREA DE COMENTÁRIOS

ATENÇÃO:

  • Os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de cada pessoa que comenta. O OVNI Hoje não se responsabiliza por transtornos, rixas ou quaisquer outras indisposições causadas pelos comentários.
  • Comente educadamente e com ética, sempre tratando seu colega de comentários como você mesmo/a queira ser tratado/a.
  • Qualquer comentário com “pregação” política ou religiosa, obsceno ou inapropriado será prontamente apagado pelos moderadores.
  • A PRIMEIRA TENTATIVA DE BURLAR AS REGRAS INCORRERÁ EM BANIMENTO DA ÁREA DE COMENTÁRIOS!
hit counter code
Ads Blocker Image Powered by Code Help Pro

BLOQUEADOR DE ANÚNCIOS DETECTADO!!!

Caro leitor, a existência do OVNI Hoje depende exclusivamente dos anúncios apresentados aqui. Por favor, apoie o OVNI Hoje e desabilite seu bloqueador de anúncios para este site. Obrigado!