web analytics
Tempo de leitura: 3 min.

Por que devemos acreditar em avistamentos de OVNIs em 2022?

Tempo de leitura: 3 min.

Por Cesare Valocchia 

A humanidade sempre se questionou desde o seu início por que existimos? De onde nós viemos? Por que a vida foi criada neste planeta? Por último, mas não menos importante, estamos sozinhos no universo?

Por que devemos acreditar em avistamentos de OVNIs em 2022?

Essas poucas perguntas já despertam fortes emoções. A ciência formulou hipóteses e a teoria da evolução tentou dar respostas, mas muitas dessas soluções foram frequentemente refutadas e não levaram a um único ponto de vista.

Quando nos perguntamos, por exemplo, se existe vida em outros planetas, onde estamos? Existem duas correntes de pensamento, uma é a dos céticos convictos que não acreditam em nada nem mesmo nas evidências comprovadas. E então existe a corrente daqueles que estão firmemente convencidos da vida é generalizada no universo, e dentro desta veia estão aqueles extremamente certos de que civilizações extraterrestres nos visitaram por milhares e milhares de anos e ainda o fazem.

Bem, eu sou um deles. Eu sou um ovniólogo do Centro Ufológico Nacional Italiano (CUN) que por quase 30 anos tem lidado e investigado o fenômeno OVNI e suas implicações de todos os pontos de vista, não menos o relacionado à segurança. Vamos falar a verdade, ser contatado por uma civilização extraterrestre exporia a humanidade a grandes riscos de aniquilação. Não está excluído que o que aconteceu quando o colonialismo hispânico dos conquistadores invadiu a América Latina poderia acontecer de novo.

Quando uma cidade altamente evoluída entra em contato com outra muito menos evoluída, dois eventos acontecem: ou o primeiro a incorpora e, portanto, a absorve, ou a arrasa.

O ganhador do Prêmio Nobel, Martin Ryle, é da mesma opinião, mas também a filha do Dr. Drake se expressou da mesma forma, o cientista Stephen Hawking o mesmo e, recentemente, o conhecido físico teórico Michio Kaku. Em poucas palavras, um contato com seres dos quais não sabemos nada oficialmente, possamos não gostar. Vamos voltar às evidências comprovadas que mencionei antes que não convencem os céticos.

O que os governos têm em mãos para testemunhar que objetos voadores sobrevoam os céus de todos os estados?

Nos últimos anos, queridos suspeitos, o Pentágono e especificamente a Marinha dos Estados Unidos, coletaram milhares de arquivos, documentos, detecções e rastros de radar de militares, incluindo documentação privada de pilotos de caça que até mesmo fotografaram fenômenos aéreos com seus telefones celulares pessoais não identificado em um momento exato. Estamos falando de soldados altamente treinados e capacitados em solo e voo, e não realmente o vizinho ou o ovniólogo amador…

Os céticos, apesar das imagens, refutaram a veracidade dos objetos capturados, citando primeiro reflexos, defeitos nos sensores de detecção e assim por diante.

O ponto é outro:

Certamente, a falta de identificação de veículos desconhecidos foi admitida por várias fontes do Departamento de Defesa, mas como justificar os movimentos feitos em voo por esses objetos misteriosos que violam as leis da física?

Como é explicado, alguns deles passaram de altitudes como 27 km, a algumas dezenas de metros em menos de um segundo. Na verdade, os ocupantes teriam sido submetidos a acelerações de centenas de G, um ser humano pode resistir com um traje anti-G a cerca de 9 G, você sabe o que aconteceria a um organismo humano submetido a 200G?

Quando sujeito a uma aceleração incomum da gravidade, o sangue corre da cabeça aos pés. Como o coração não consegue bombear sangue suficiente para o cérebro, a exposição prolongada a uma aceleração 5G logo leva à perda de consciência.

O oxigênio é transportado pelo sangue: valores acima de 5G podem levar rapidamente à morte devido à falta de oxigenação no cérebro.

Se for superado? Cito o caso real de John Stapp, piloto da Força Aérea dos Estados Unidos, que passou por uma aceleração de 35G. As consequências foram devastadoras: ossos quebrados e obturações perdidas. John Stapp, apesar de tudo, sobreviveu.

Já os veículos aéreos podem atingir cerca de 20G, pois, ultrapassado esse limite, a aeronave perderia totalmente sua integridade estrutural.

Esses OVNIs transmídia também definidos são capazes de passar de um meio como a água para um meio como o ar, mantendo o mesmo desempenho.

Há alguns anos li um documento confidencial no qual um ex-almirante da União Soviética em uma missão a bordo de seu submarino na área do Triângulo das Bermudas encontra um objeto desconhecido em profundidade que se movia a mais de 400 km/h!

O mais desconcertante sobre esse assunto é o silêncio constrangedor da ciência. O vivo interesse por esse fenômeno, que eu definiria como atemporal, se deve a grandes nomes, empresários, jornalistas, diretores, pesquisadores, ovniólogos e militares que têm feito um trabalho de divulgação. Menciono além dos já mencionados também Robert Bigelow George Knapp, Jeremy Corbell, Steven Greer, James Fox, Dave Beaty, David Fravor e muitos outros.

Todos eles estão ajudando a informar a toda a raça humana que não estamos sozinhos.

(Fonte)


Devo discordar de um ponto apresentado pelo autor acima. Ele, bem como muita gente, compara a vinda de extraterrestres ao nosso planeta ao tempo em que os europeus vieram para as Américas. Bem, estamos falando aqui de humanos (desumanos) levados pela ganância de conquista e ouro. Não podemos comparar laranjas com maçãs e a visita por extraterrestres pode ter um efeito totalmente contrário ao que estas pessoas pensa.

Não sabemos nada a respeito dos possíveis “visitantes” ao nosso planeta – suas intenções, temperamentos, moral, etc. Assim, penso eu, essa questão de dizer que nossa civilização será aniquilada é baseada em como nós somos e não nas reais possibilidades.

E digo mais, do jeito que as coisas estão hoje, nosso maior perigo são os próprios humanos que se acham donos do planeta … mas quem sabe se eles já não são dominados por outras inteligências?

De qualquer forma, tudo não passa de especulação neste ponto, mas sempre é bom colocar na mesa as possibilidades. Porém, uma coisa parece ser certa: não estamos sós neste Universo!

n3m3

E não esqueça: nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui.

PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…

USE O CUPOM OVH10 E GANHE 10% DE DESCONTO!


ÁREA DE COMENTÁRIOS

Atenção:

  • Os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de cada pessoa que comenta. O OVNI Hoje não se responsabiliza por transtornos, rixas ou quaisquer outras indisposições causadas pelos comentários.
  • Comente educadamente e com ética, sempre tratando seu colega de comentários como você mesmo/a queira ser tratado/a.
  • Qualquer comentário com “pregação” política ou religiosa, obsceno ou inapropriado será prontamente apagado pelos moderadores. Pessoas que insistirem em burlar as regras serão banidas dos comentários.

Plugin Kapsule Corp