web analytics
Tempo de leitura: 3 min.

O Congresso dos EUA está prestes a dizer “o impensável” sobre OVNIs?

Tempo de leitura: 3 min.

Recentemente, discutimos a linguagem bastante notável contida em uma emenda proposta à Lei de Autorização de Defesa Nacional (NDAA) apresentada pela senadora Kirsten Gillibrand (D) de Nova Iorque pelo presidente do Comitê de Serviços Armados do Senado, Jack Reed. Na emenda, são dadas instruções sobre a futura coleta de dados sobre avistamentos relatados de Fenômenos Aéreos Não Identificados (UAPs ou OVNIs para todos vocês, veteranos), bem como o estabelecimento de um escritório permanente para lidar com esses assuntos. O Escritório de Vigilância e Resolução de Anomalias (de sigla em inglês, ASRO) coordenaria o trabalho de ramos militares, agências de inteligência e até mesmo recursos científicos civis a esse respeito.

O Congresso dos EUA está prestes a dizer "o impensável" sobre OVNIs?

Mas, embora a linguagem da emenda contivesse algumas frases intrigantes não vistas na legislação do Congresso no passado, ainda permitia a possibilidade de que esses veículos inexplicados fossem propriedade de nações adversárias, como a China ou a Rússia. O mais longe que a emenda realmente foi além dessas possibilidades foi sugerir que precisamos explorar as “origens e intenções de fenômenos aéreos não identificados“.

Esta é a linha que quase todos no Congresso dos EUA têm seguido. Apesar do fato de que praticamente todos no debate agora estão concluindo que não é nossa tecnologia e quase certamente não são os russos ou os chineses, isso deixa uma grande questão pairando por aí. Se não for tecnologia das forças armadas mais poderosas do mundo, isso não deixa muitas outras opções, não é?

Vimos a mesma abordagem na versão da Câmara do projeto de lei do deputado Ruben Gallego (D-AZ). Ele também incluiu advertências no caso do fenômeno fazer parte de algum programa de tecnologia adversário, embora permitindo que pudesse ser algo mais “exótico”.

Isso deixou muitos observadores se perguntando se a próxima rodada de legislação ou audiências incluirá as palavras que cada um de nós já está pensando, mas ninguém nos corredores de Washington DC ainda quer dizer em voz alta. Eu realmente preciso soletrar para você? Será que alguém do Congresso ou dos militares finalmente vai chegar ao microfone e dizer … e se forem alienígenas?

O Liberation Times aponta para comentários recentes feitos pela Diretora de Inteligência Nacional, Avril Haines, durante uma conferência na Catedral Nacional em Washington. Ela chega mais perto do que qualquer um antes, sugerindo que, no que diz respeito à nossa comunidade de inteligência, sim … ET está na mesa como uma possibilidade.

Então, é importante avaliar a importância do que Haines disse no fórum. Inesperadamente, Haines acrescentou:

“É claro que sempre há também a questão de que há algo mais que não entendemos, que pode vir de forma extraterrestre.”

Isso sugere que as autoridades em Washington estão atualmente considerando se os OVNIs refletem inteligência não humana – um termo que não apareceu no relatório do UAPTF, embora muito provavelmente se enquadre em seu “outra” categoria.

Sim, fãs de esportes. A atual Diretora de Inteligência Nacional sentou-se na frente de uma câmera e disse a palavra “extraterrestre”.

Aparentemente não querendo ser superado, o congressista Gallego, que anteriormente aludiu apenas à tecnologia adversária ou “algo desconhecido”, deu uma entrevista nesta semana onde ele parecia não se sentir mais limitado pelas regras não escritas anteriormente. Se você assistir a esta breve entrevista e ouvir, notará que ele diz tanto a palavra “alienígena” quanto “extraterrestre” pelo menos quatro vezes.

Então é isso? É este o próximo grande passo que tantas pessoas estavam esperando? Certamente parece que o tabu está se dissipando nos corredores do Congresso e dentro dos escritórios de inteligência mais importantes. Algumas dessas naves simplesmente não podem estar vindo dos Estados Unidos, Rússia ou China, ou pelo menos assim parece. E se não somos nós, quem é?

Talvez os militares não tenham realmente nenhuma prova definitiva de tecnologia extraterrestre escondida na base Wright-Patterson ou em outro lugar. (Embora dúvidas compreensíveis sobre essa afirmação sejam generalizadas.) Talvez não haja simplesmente nada que eles possam ou queiram nos mostrar. Mas talvez seja hora de limpar um pouco as coisas aqui e alguns desses membros do Congresso que estão abrindo o caminho poderiam aliviar muito a tensão na sala e limpar o ar se eles simplesmente viessem e dissessem isso.

Você [Congresso] não precisa dizer que são definitivamente alienígenas. (Pelo menos ainda não.) Mas que tal se você simplesmente aparecer de uma vez por todas e dizer que podem ser alienígenas? Isso é realmente muito para pedir? Porque todos nós sabemos que você já está pensando nisso.

(Fonte)


O pior é se não forem alienígenas de outros planetas, mas sim de fontes mais sinistras…

n3m3

E não esqueça: nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui.

PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…

USE O CUPOM OVH10 E GANHE 10% DE DESCONTO!


ÁREA DE COMENTÁRIOS

Atenção:

  • Os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de cada pessoa que comenta. O OVNI Hoje não se responsabiliza por transtornos, rixas ou quaisquer outras indisposições causadas pelos comentários.
  • Comente educadamente e com ética, sempre tratando seu colega de comentários como você mesmo/a queira ser tratado/a.
  • Qualquer comentário com “pregação” política ou religiosa, obsceno ou inapropriado será prontamente apagado pelos moderadores. Pessoas que insistirem em burlar as regras serão banidas dos comentários.

Plugin Kapsule Corp