web analytics
Tempo de leitura: 4 min.

New York Times publica opinião sobre OVNIs de ex-senador dos EUA

Tempo de leitura: 4 min.

O ex-líder da maioria no Senado dos Estados Unidos, Harry Reid, escreveu um artigo de opinião para o New York Times que foi publicado em 21 de maio.

O senador Reid tem defendido o desacobertamento governamental das informações sobre OVNIs. Leia abaixo a tradução para o português do que ele escreveu:

New York Times publica opinião sobre OVNIs de ex-senador dos EUA
Ex-senador dos EUA, Harry Reid.

Harry Reid: O que acreditamos sobre a OVNIs

Um dia, em 1996, recebi um telefonema de George Knapp, um repórter investigativo da KLAS-TV, afiliada da CBS em Las Vegas, e um amigo meu. “Harry”, disse ele, “há algo que você precisa atender.” Ele me convidou para uma conferência que se concentraria no que o governo dos EUA geralmente se refere como “fenômenos aéreos não identificados”, mas o que a maioria das outras pessoas simplesmente chama de OVNIs, um assunto pelo qual o Sr. Knapp tinha, e ainda tem, um interesse particular.

Uma grande sala de conferências no evento estava cheia de acadêmicos, membros interessados ​​do público e, sim, alguns excêntricos. Fiquei muito impressionado com os acadêmicos, que falavam de fenômenos aéreos não identificados na linguagem da ciência, discutindo o tema em termos de avanço tecnológico e segurança nacional. Fiquei muito interessado.

Nos anos seguintes, conforme comecei a me interessar cada vez mais pelos OVNIs – em parte por meio de minhas conversas com o ex-astronauta John Glenn, um senador com uma curiosidade semelhante – minha equipe me avisou para não ser visto empenhado no assunto. “Fique bem longe disso”, disseram eles. Eu os ignorei educadamente. Fui curioso e, como o senador Glenn, achei que era uma questão que exigia atenção e estava em posição de agir.

E eu agi.

Em 2007, enquanto servia como líder da maioria no Senado, trabalhei com os senadores Ted Stevens, um republicano do Alasca, e Daniel Inouye, um democrata do Havaí, para garantir US $ 22 milhões em financiamento para o que viria a ser conhecido como Programa Avançado de Identificação de Ameaças Aeroespaciais. Esta operação clandestina do Pentágono investigou relatórios de OVNIs e outros fenômenos relacionados, incluindo encontros com OVNIs envolvendo militares americanos. Alguns vídeos e fotografias que documentam esses encontros surpreendentes foram tornados públicos, reacendendo o fascínio de longa data da América pela OVNIs.

Embora o programa do Pentágono que ajudei a criar não exista mais, o governo continuou a estudar os OVNIs, mais recentemente por meio de um novo programa conhecido como Força-Tarefa de Fenômeno Aéreo Não Identificado.

Sempre fui fascinado por coisas que não entendo – pelo misterioso e inexplicável – e acredito que esse fascínio vem em parte de crescer na zona rural de Nevada. Eu sou de uma pequena cidade a cerca de 50 milhas (80 km) ao sul de Las Vegas, chamada Searchlight, no alto deserto, com uma população hoje de cerca de 300 pessoas. A casa em que fui criado foi construída com dormentes de ferrovia e aprendi a nadar na única piscina da cidade, que por acaso estava localizada em um bordel. A prostituição ultrapassou a mineração como negócio líder em Searchlight, e havia muitas casas de má reputação.

Felizmente, havia também o grande e lindo céu e as maravilhas que ele continha. Pessoas que vivem na América rural, longe da poluição luminosa das grandes cidades, podem olhar para o céu noturno e ver a maravilha da Via Láctea e muito mais. Em Searchlight, passei muitas noites em minha juventude deitado em um colchão velho olhando para o céu estrelado e sem fim. Seria uma noite rara se eu não visse uma estrela cadente. A expansão cintilante encheu meus olhos e acendeu minha imaginação.

Sempre me preocupou não ter formação científica. Não tínhamos um professor de ciências na minha escola primária e havia cursos limitados disponíveis quando cheguei ao ensino médio. Mas, apesar da minha falta de conhecimento científico, ou talvez por causa dela, há muito tempo sou profundamente inquisitivo. Por que o Sol fica quente? Eu me perguntei. Por que não esfria no final do dia? Quando jovem, posso não ter encontrado as respostas, mas nunca parei de fazer perguntas. Como Albert Einstein disse uma vez: “A curiosidade tem sua própria razão de existir”.

Anos mais tarde, quando entrei na vida pública, estava tão curioso como sempre. Como senador democrata de Nevada, visitei a Área 51, o local ultrassecreto de testes da Força Aérea no sul de Nevada, há muito associado às teorias de conspiração relacionadas aos OVNIs. O que vi me fascinou, embora muito disso deva permanecer confidencial. Durante uma visita, viajei uma curta distância até a instalação que abrigava os novos caças secretos da Força Aérea. Por razões de segurança, os pilotos só podiam pilotá-los à noite – sob as mesmas estrelas de Nevada que eu havia contemplado quando menino.

Embora a Área 51 tenha sido desenvolvida décadas atrás, durante o auge da Guerra Fria, sua existência não foi reconhecida publicamente pelo governo dos EUA até 2013. Fazer isso antes teria sido prejudicial para nossa segurança como nação, visto que nosso governo constantemente equilibra as prioridades concorrentes de sigilo e transparência em uma democracia.

Até recentemente, muitos pilotos militares temiam a possibilidade de retribuição por relatarem avistamentos de fenômenos aéreos não identificados. Mas eu acreditava que um tabu não oficial em relação à discussão franca de encontros poderia prejudicar nossa segurança nacional e impedir oportunidades de avanço técnico. É por isso que, junto com os senadores Stevens e Inouye, ajudei a criar aquele programa secreto do Pentágono em 2007. Queríamos dar uma olhada científica de perto nas implicações tecnológicas dos encontros com OVNIs.

Acredito que haja informações descobertas por investigações secretas do governo sobre fenômenos aéreos não identificados que podem ser divulgadas ao público sem prejudicar nossa segurança nacional. O povo americano merece saber mais – e espero que o façam em breve, com a divulgação de um relatório abrangente do governo solicitado pelo Comitê de Inteligência do Senado sobre os encontros militares com OVNIs. (O relatório deve ser entregue em junho, embora possa ser adiado.)

O que aprendi pessoalmente com as investigações oficiais sobre fenômenos aéreos não identificados até agora? A verdade, por mais decepcionante que seja, é que ainda há muita coisa que não entendemos. Não está claro se os OVNs que encontramos poderiam ter sido construídos por adversários estrangeiros, se a percepção visual de nossos pilotos durante alguns encontros foi de alguma forma distorcida, ou se realmente temos evidências confiáveis ​​de visitações extraterrestres. Pode haver outras explicações ainda desconhecidas para alguns desses avistamentos estranhos.

Independentemente disso, acredito que seja crucial liderar com a ciência ao estudar os OVNIs. Focar em homenzinhos verdes ou teorias da conspiração não nos levará muito longe. Obviamente, seja o que for que a ciência nos diga, uma parte do público continuará a acreditar na realidade dos OVNIs sobrenaturais como uma questão de fé. Em última análise, o debate sobre os OVNIs pode ser dividido em uma crença sincera na ciência versus uma crença sincera em extraterrestres. Estou do lado da ciência.

Deixe-me ser claro: nunca tive a intenção de provar que existe vida além da Terra. Mas se a ciência provar que sim, não tenho nenhum problema com isso. Porque quanto mais eu aprendo, mais eu percebo que ainda há muito que eu não sei.

– Harry Reid


Gostei muito do fato de Harry Reid não ter usado o termo UAP, mas sim OVNI (que obviamente no seu artigo em inglês é U.F.O.).

Mas quanto a questão de ele estar ativamente trabalhando (junto com outros) para um desacobertamento deste mistério, pode haver muito mais por detrás disso, inclusive fatos um tanto sinistros. Mas isto poderá ser assunto para um possível futuro artigo, se eu conseguir mais informações.

n3m3

E não esqueça: nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui.

PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…


O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é produtos-OVNI-Hoje-1.jpg
O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é Loja-Nerd.jpg

Leitores OVNI Hoje ganham 10% de desconto em todos os produtos da Loja Nerd, inclusive nos produtos OVNI Hoje. (Use o cupom OVH10)


*Agora você também pode apoiar o OVNI Hoje através de uma transferência PIX, clicando aqui, ou utilizando o QR Code abaixo:



ÁREA DE COMENTÁRIOS

Atenção:

  • Os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de cada pessoa que comenta. O OVNI Hoje não se responsabiliza por transtornos, rixas ou quaisquer outras indisposições causadas pelos comentários.
  • Comente educadamente e com ética, sempre tratando seu colega de comentários como você mesmo/a queira ser tratado/a.
  • Qualquer comentário com “pregação” política ou religiosa, obsceno ou inapropriado será prontamente apagado pelos moderadores. Pessoas que insistirem em burlar as regras serão banidas dos comentários.

Plugin Kapsule Corp