Roswell: Por que não podemos obter a prova?

Tempo de leitura: 3 min.

O escritor, palestrante e jornalista, Nick Redfern, tem uma teoria do porquê de não termos nenhuma prova do que realmente aconteceu em Roswell em 1947:

Roswell: Por que não podemos obter a prova?
Crédito: Nick Redfern

Essa é uma pergunta que sempre me perguntam. E, é uma pergunta que, hoje, vou tentar responder.

Não há dúvida de que algo muito incomum aconteceu ao redor de Roswell, Novo México, no verão de 1947. A grande questão é: o que aconteceu? O que sabemos com certeza é que quando uma grande quantidade de destroços incomuns foram encontrados no Foster Ranch, Lincoln County, Novo México, no início de julho de 1947, isso despertou grande interesse e preocupação – pelo menos por um breve período.

É fato que os militares anunciaram que recuperaram um “disco voador”. Isso logo mudou. Foi – a mídia e o público foram informados – nada além de um balão meteorológico que havia caído. Foi um grande erro. Essa foi a posição do governo dos EUA por décadas.

As coisas mudaram em 1994. Foi quando a Força Aérea afirmou – ao contrário do que foi dito em 1947 – que o que caiu no chão foi na verdade um enorme conjunto de balões “Mogul” – que foram projetados para monitorar os primeiros testes de bomba atômica soviética. Além disso, a Força Aérea disse que, como os balões Mogul não tinham tripulação, não havia como os corpos serem encontrados no local.

Em 1997, porém, a Força Aérea mudou de posição e disse que sim, afinal havia corpos. Entretanto, eles não eram alienígenas mortos, mas bonecos de teste de colisão usados ​​em experimentos com pára-quedas de alta altitude. Isso é uma grande mudança de histórias! Até hoje, e para a Força Aérea, as explicações dos bonecos/Mogul permanecem firmemente intactas.

Agora, vamos ao cerne deste artigo: como podemos obter a prova do que aconteceu?

O fato é o seguinte: não há nenhuma evidência para qualquer uma das teorias. E quando digo isso, quero dizer evidências inegáveis. Por exemplo, a Força Aérea admite abertamente que sua conclusão – a respeito do que desabou na fazenda foi um arranjo Mogul – foi apenas uma teoria. Certo, a Força Aérea tem certeza de que Mogul é a resposta, mas ainda é uma teoria e nada mais. Na verdade, não há nem mesmo uma folha de papel oficial da Força Aérea que confirme que um balão Mogul caiu naquela fazenda, naquele dia famoso.

Da mesma forma, nem mesmo um documento foi descoberto que mostre bonecos de teste de colisão que caíram na fazenda. Novamente, é apenas uma teoria.

Claro, não há evidências para o cenário extraterrestre também. Sim, existem veteranos que juraram ter visto corpos estranhos no local do incidente. Outros, como Philip Corso, afirmaram que, após o acidente, os EUA secretamente começaram a fazer engenharia reversa da tecnologia alienígena. Devo enfatizar que não há evidências para apoiar o que Corso disse também. E ninguém jamais apresentou fotos dos corpos mutilados no local do acidente.

Isso nos leva a outro ângulo, no qual muitos podem não ter pensado. É um ângulo que pode deprimir alguns de vocês. Acho, entretanto, que pode ser a resposta para o motivo de não termos 100 por cento de provas concretas sobre o incidente lendário.

Se os alienígenas caíssem não muito longe de Roswell, não há dúvida de que quantidades realmente enormes de documentação e fotos teriam sido criadas. E, certamente tudo isto ainda existiria até hoje. Mesmo assim, nem mesmo uma única página solitária – uma arma definitiva – apareceu nos últimos setenta e três anos. Nenhuma. Talvez seja porque a papelada não exista mais.

Isso nos leva aos meus dois livros sobre o que aconteceu em 1947 – The Roswell UFO Conspiracy e Body Snatchers in the Desert. Coletivamente, eles contam uma história sombria e perturbadora de programas ultrassecretos baseados em balões usando cobaias humanas em voos de alta altitude nos céus do Novo México. A Operação Paperclip, cientistas japoneses e alemães e voos polêmicos envolvendo prisioneiros e deficientes físicos são apenas o começo de uma história sombria. Uma das questões que a maioria das minhas fontes enfatizou para mim foi que, na esteira dos experimentos em julho de 1947, a documentação – como em toda ela – foi destruída. O motivo? Devido à natureza altamente controversa dos testes, alguns dos quais podem ter cruzado para áreas de natureza ilegal.

Levando em consideração o fato de que os testes foram um fracasso total – e havia aquela questão do envolvimento dos nazistas também – uma decisão precipitada foi tomada para enterrar tudo. E por “enterrar”, quero dizer que tudo foi destruído. Tudo o que restou em agosto de 1947 foi um monte de memórias. E, com o passar do tempo, essas memórias foram se tornando cada vez menores. A tal ponto que, hoje, quase todo mundo que estava lá se foi.

Basicamente, se eu estiver certo, e se minhas fontes estiverem falando a verdade (acredito que sim), então a razão pela qual não podemos encontrar a prova para Roswell é simples: realmente não há evidências. Foi-se. Tudo foi queimado, picado (faça a sua escolha) quando alguém tomou a decisão precipitada de se certificar de que ninguém jamais seria capaz de provar a terrível verdade do que realmente aconteceu.

Se Roswell envolvesse alienígenas, a documentação definitivamente teria sido preservada. Mas, se estamos olhando para experimentos ultrassecretos fracassados ​​de naturezas distintamente duvidosas, então é fácil ver por que tudo poderia ter sido destruído apenas um mês depois que os eventos ocorreram. A dura realidade da situação pode ser esta: chegamos tarde demais. A única coisa que resta hoje, depois de setenta e três anos, pode ser um grande nada. E não há como trazer nada de volta.

Nick Redfern

(Fonte)


O que você acha da tese dele? Será que faz mesmo sentido, ou os militares foram mesmo capazes de ocultar as provas da queda de um OVNI em Roswell até hoje?

n3m3

P.S.: Por que o OVNI Hoje publicou este artigo? Clique aqui para saber.

E não esqueça: nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui.

Compartilhe este artigo com a galáxia!



PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…


O OVNI Hoje TAMBÉM ESTÁ NAS REDES SOCIAIS:

O OVNI Hoje precisa de sua ajuda. Você pode ajudar na manutenção do site. Clique aqui para informações de como fazê-lo, ou use o botão abaixo:


(Obs.: Se preferir utilizar depósito bancário, favor enviar e-mail para n3m3@ovnihoje.com para obter as informações. Obrigado.)



ÁREA DE COMENTÁRIOS:

AVISO: Fique alerta quanto as regras da área de comentários clicando aqui.