As galáxias estão conectadas por “estruturas gigantes”, argumentam cientistas

Tempo de leitura: 2 min.

Especialistas argumentam que as galáxias podem se mover através de grandes distâncias no Universo atreladas a estruturas gigantes e os modelos atuais não seriam tão precisos.

O Universo está conectado por "estruturas gigantes", argumentam cientistas

Um grupo de cientistas pertencentes ao Instituto de Ciência Espacial e Astronomia da Coréia sugeriu que as galáxias se movem em padrões bastante estranhos dentro do Universo, fazendo-os pensar que pode haver estruturas gigantes entre elas.

Todos sabemos que, atualmente, o Sistema Solar está localizado na Via Láctea, que é uma das centenas de bilhões de galáxias, as quais se movem constantemente enquanto o Universo se expande.

Como resultado, os especialistas notaram que existem certos padrões misteriosos entre galáxias distantes que podem transcender as interações que se acredita existirem no espaço ao redor de cada uma delas.

Universo e estruturas gigantes

Os pesquisadores explicam que, graças a pesquisas e estudos recentes focados em entender como as galáxias se movem pelo espaço, os levou a considerar a existência das enigmáticas “estruturas gigantes”.

Estas seriam formas escuras baseadas no gás hidrogênio e na matéria escura, que conseguem se separar através de filamentos ou folhas que foram referidas pelos especialistas como “rede cósmica”.

A existência dessas estruturas no espaço escuro entre galáxias teria implicações muito importantes em relação aos padrões que seguiriam essas acumulações gigantescas de matéria ao se mover, sendo definida como a ‘raiz’ que as conduziria.

Especialistas argumentaram que, se essa teoria impressionante for comprovada, seria um desafio total às ideias fundamentais que atualmente estão relacionadas ao Universo.

Pesquisa moderna sobre o universo

Noam Libeskind, cosmógrafo do Instituto de Astrofísica da Alemanha afirma:

É por isso que todo mundo está sempre estudando estruturas em larga escala, sendo uma maneira de investigar e restringir as Leis da Gravidade e a natureza da matéria, a matéria escura, a energia escura e o Universo.

Por meio de outros estudos realizados em outubro passado, publicado no The Astrophysical Journal, ele descobriu que existem centenas de galáxias que giram em sincronia com as mesmas galáxias que estão a milhões de anos-luz delas.

Para essa situação, os especialistas sugerem que ‘galáxias sincronizadas’ podem ser ligadas por essas estruturas de grande escala, que giram em baixa velocidade no sentido anti-horário.

Essa seria a razão mais viável até agora para explicar a rotação semelhante de movimento entre vizinhas distantes, mas certamente ainda há muito a ser estudado para que a astronomia possa verificar essa teoria impressionante com a qual se poderia explicar como as estruturas influenciaram a dinâmica do Universo em seus inícios.

(Fonte)

Colaboração: Osnir Stremel Jr


Há tantas coisas ainda a serem descobertas quanto à dinâmica do Universo, talvez tão numerosas quanto as próprias galáxias que nele existem.

n3m3

Você pode ajudar na manutenção do OVNI Hoje. Clique aqui para saber mais, ou use o botão abaixo:



ATENÇÃO: Este site publica notícias que estão sendo disponibilizadas na Internet a respeito do fenômeno OVNI, bem como assuntos alternativos relevantes ao nosso planeta/Universo e à raça humana. Antes de criticar um artigo aqui publicado, entenda nossa missão clicando neste link.



PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…

-------

BOMBANDO NO planetaabsurdo.com.br:

PRESENTE PARA BEBÊ COMPRADO EM LOJA DA FLÓRIDA CONTINHA UM RIFLE CARREGADO

-------

AVISO: Todos são bem-vindos a participar da área de comentários abaixo. Contudo, os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprios autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências ou conflitos por eles causados.

Também informamos que, a fim de não causar distrações e conflitos desnecessários, comentários, avatares e pseudônimos com viés político, seja de qual ideologia for, serão prontamente apagados quando encontrados pelos moderadores. O foco dos comentários deve ser mantido no assunto de cada artigo e somente desviado quando for pertinente ao tema do OVNI Hoje.

Assim, colabore com o bom andamento dos comentários, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando comentários fora do padrão como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.