OVNIs sempre foram o foco primário do Pentágono, diz ex-senador dos EUA

Tempo de leitura: 3 min.

O ex-senador dos EUA, Harry Reid, quer esclarecer algumas informações ruins fornecidas pelo Pentágono sobre um estudo secreto de OVNIs, que foi autorizado por ele e outros legisladores há mais de uma década.

OVNIs sempre foram o foco primário do Pentágono, diz ex-senador dos EUA

O estudo OVNI foi mantido em silêncio até dois anos atrás e, desde então, surgiram muitas informações erradas sobre o objetivo do estudo e quem trabalhou para ele. O senador Reid sentou-se com George Knapp, do I-Team, para uma entrevista exclusiva.

Sen. Harry Reid: “Perdi todo o meu cabelo.”

George Knapp: “Ele vai voltar?”

Reid: “Ah sim, uma vez que eu me livre do câncer.”

Reid sabe que sua batalha até agora bem-sucedida contra o câncer de pâncreas provavelmente é uma decepção para seus inimigos, alguns dos quais há muito desejam sua morte, política ou não. Quase dois anos depois que o New York Times abriu uma história sobre um estudo secreto patrocinado por Reid sobre OVNIs e mistérios relacionados, o ex-líder da maioria no Senado é encorajado pela cobertura contínua na mídia e pelo interesse público. Se os OVNIs devem fazer parte de seu legado político, que assim seja.

Reid disse:

Eu acho que vou ser lembrado por outras coisas, mas ei, escute, se eu sou conhecido como alguém que meio que fez a bola rolar aqui; eu aceito isso.

A bola começou a rolar em 2007. Reid e seus colegas senadores Daniel Inouye e Ted Stevens autorizaram um estudo de orçamento negro dos OVNIs. O acrônimo para o programa era AAWSAP. Em 2008, um contrato foi concedido à BAASS, uma ramificação da Bigelow Aerospace. US$ 22 milhões foram gastos em três anos. Desde que a história do New York Times foi divulgada, os porta-vozes do Pentágono forneceram várias declarações conflitantes sobre o AAWSAP e seu sucessor, um esforço menor conhecido como AATIP. Em algumas declarações, o Pentágono negou que os programas tivessem algo a ver com objetos voadores não identificados. Mas Reid diz que o mistério dos OVNIs sempre foi o foco principal, começando com o primeiro encontro que teve com um cientista da agência de inteligência de defesa.

Reid disse:

Ele [o cientista] disse, não entendo o que estamos vendo em todo o mundo com todos esses objetos voadores não identificados e quero poder ter uma conversa inteligente a esse respeito. E George, você sabe que fiquei muito interessado nisso e, em vez de pensar nisso, disse que faria algo a respeito.

Reid diz que não há menção de alienígenas ou discos voadores nos nomes ou documentos dos programas, nem usaram o termo UFO (OVNI), em parte porque essas palavras e nomes carregam muita bagagem. O senador diz que ninguém pode dizer com certeza de onde essas naves misteriosas se originam, e é por isso que ele iniciou um estudo.

Em 2009, Reid tentou fazer o pentágono transformar o AATIP em um programa especial de acesso, uma operação mais secreta, em parte porque ele queria se conectar com outros programas secretos que podem ou não ter evidências concretas de OVNIs, incluindo materiais ou tecnologia recuperadas de sites de acidentes.

Reid disse:

Uma razão pela qual fiz isso é que sempre há esse boato, algumas pessoas dizem que existem empresas públicas que têm materiais que devemos examinar. Agora, eu queria ter certeza de que era válido ou não, mas não consegui, eles não apoiariam, não aprovariam.

Reid acrescenta que ficou encorajado no início deste ano quando a Marinha dos EUA anunciou que planeja facilitar para seus pilotos relatarem encontros com OVNIs, e ele está feliz por seus ex-colegas no congresso terem recebido instruções a portas fechada de oficiais militares sobre encontros com OVNIs, mas …

Ele disse:

Bem, deixe-os [os outros senadores] dizer algo sobre isso. Estou cansado de tudo isso, eles estão recebendo instruções e tudo mais. Deixe-os avançar como eu fiz e fazer algo publicamente.

O senador Reid diz que continua a receber instruções ocasionais sobre as investigações de OVNIs. Entre seus visitantes recentes estão Bill e Hillary Clinton e o ex-oficial de inteligência do Pentágono Lue Elizondo.

[Para informações de como ativar a legenda em português do vídeo abaixo, embora ela não seja precisa e possa não funcionar em dispositivos móveis, clique aqui.
(Macete: algumas legendas são melhores acompanhadas lendo-se somente a última linha)]

(Fonte)


Aí está! Embora o Pentágono tenha tentado em vão desviar o foco de todos dizendo que o programa especial criado pelo Senador Reid não tinha nada a ver com OVNIs, o próprio senador confirma que aquela entidade militar estava mentindo.

Sim, o programa estava – e provavelmente ainda está, segundo alguns pesquisadores – estudando especificamente os objetos voadores não identificados, cuja origem eles alegam não saber.

E, outro sim, os OVNIs existem sem qualquer sombra de dúvida. As pessoas que ainda duvidam disso é porque não tiveram acesso às informações fidedignas disponíveis, ou porque são cegas para ver a verdade devido às crenças incutidas em suas cabeças.

A questão principal ainda a ser determinada é: Quem opera os OVNIs e qual é a sua agenda?

Se alguém já sabe isso, não está falando abertamente.

n3m3

Você pode ajudar na manutenção do OVNI Hoje. Clique aqui para saber mais.

ATENÇÃO: Este site publica notícias que estão sendo disponibilizadas na Internet a respeito do fenômeno OVNI, bem como assuntos alternativos relevantes ao nosso planeta/Universo e à raça humana. Antes de criticar um artigo aqui publicado, entenda nossa missão clicando neste link.



PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…

-------

BOMBANDO NO planetaabsurdo.com.br:

PORCOS VIVOS SÃO USADOS EM TESTES DE COLISÃO DE AUTOMÓVEIS

-------

AVISO: Todos são bem-vindos a participar da área de comentários abaixo. Contudo, os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprios autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências ou conflitos por eles causados.

Também informamos que, a fim de não causar distrações e conflitos desnecessários, comentários, avatares e pseudônimos com viés político, seja de qual ideologia for, serão prontamente apagados quando encontrados pelos moderadores. O foco dos comentários deve ser mantido no assunto de cada artigo e somente desviado quando for pertinente ao tema do OVNI Hoje.

Assim, colabore com o bom andamento dos comentários, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando comentários fora do padrão como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.