Uma força misteriosa está matando as grandes galáxias do Universo

Tempo de leitura: 2 min.


E aqui vem Paul Seaburn novamente, noticiando um acontecimento astronômico com seu senso de humor: 

Uma força misteriosa está matando as grandes galáxias do Universo

Nas regiões mais extremas do universo, galáxias estão sendo mortas. Sua formação estelar está sendo desativada e os astrônomos querem saber o porquê.

Isto parece uma grande abertura para um suspense de ficção científica … mas é real. Uma equipe de astrônomos canadenses está preocupada o suficiente com esse fenômeno (talvez eles tenham percebido que vivemos em uma galáxia?), e lançou um projeto para estudar uma galáxia próxima, na esperança de determinar que força misteriosa está destruindo aglomerados de galáxias massivos de uma maneira que soa muito doloroso a um nível galáctico.

It sounds like a great opening to a science fiction thriller … but it’s real. A team of Canadian astronomers is concerned enough about this phenomenon (maybe they realized that WE live in a galaxy?) and has launched a project to study a nearby galaxy in hopes of determining what mysterious force is destroying massive galaxy clusters in a way that sounds pretty painful on a galactic level.

Esse processo leva a um desligamento lento e inexorável da formação estelar conhecida, de maneira mórbida, como fome ou estrangulamento.

Toby Brown, bolsista de pós-doutorado em astrofísica da Universidade McMaster, descreve no site The Conversation o que ele e outros astrônomos observaram acontecendo com os aglomerados de galáxias – grupos de milhares de galáxias que exercem forças gravitacionais maciças umas sobre as outras que as impelem a viajar em alta velocidade (milhares de km/segundo) e aquecem o plasma entre elas até este brilhar em ultravioleta. São os ingredientes dos sonhos mais loucos de um desenvolvedor de CGI da indústria cinematográfica. Na realidade, não é o lugar que você quer estar.

São essas interações que podem matar – ou extinguir – sua formação estelar.

Brown está liderando 30 colegas em um novo programa chamado pesquisa Virgo Environment Traced in Carbon Monoxide (VERTICO). Eles usarão o Atacama Large Millimeter Array (ALMA) – um conjunto de antenas de rádio conectadas no deserto do Atacama no Chile – para mapear o gás hidrogênio molecular em 51 galáxias no Aglomerado de Virgem, o conjunto de galáxias no “armário” da Via Láctea.

Eles escolheram o Aglomerado de Virgem porque é o mais próximo ou porque está prestes a se estrangular até a morte em um incêndio de glória cósmica que poderia impactar a Via Láctea?

Percebo que você está ficando um pouco preocupado. Segundo Brown, Virgem é um agrupamento ideal para estudar porque está em processo de formação de estrelas. Isso parece contraditório com as estrelas que morrem, mas isso acontece durante a formação, à medida que novas galáxias viajam (ou caem) através do aglomerado.

À medida que as galáxias caem através de aglomerados, o plasma intergalático pode remover rapidamente seu gás em um processo violento chamado extração de pressão do aríete. Quando você remove o combustível para a formação de estrelas, você efetivamente mata a galáxia, transformando-a em um objeto morto no qual nenhuma nova estrela é formada. Além disso, a alta temperatura dos aglomerados pode parar o resfriamento de gás quente e a condensação nas galáxias. Nesse caso, o gás na galáxia não é removido ativamente pelo meio ambiente, mas é consumido à medida que forma estrelas.

Enquanto “descompressão da pressão do aríete” soa como algo que requer um poste de stripper pesado, Brown diz que “fome” são as duas grandes maneiras de matar uma galáxia em um aglomerado, e o Aglomerado de Virgem parece o local perfeito para a VERTICO usar o ALMA para procurar e mapear moléculas de hidrogênio, o que guiará a equipe na direção de possivelmente solucionar o mistério do que está matando galáxias na borda do Universo.

Nota ao VERTICO: ele fará um filme melhor se você encontrar alguns alienígenas que fogem da pressão do aríete ou talvez enviam uma nave com um bebê para a Terra.

(Fonte)


Nada para se preocupar por enquanto, penso eu.

n3m3

Você pode ajudar na manutenção do OVNI Hoje. Clique aqui para saber mais, ou use o botão abaixo:



ATENÇÃO: Este site publica notícias que estão sendo disponibilizadas na Internet a respeito do fenômeno OVNI, bem como assuntos alternativos relevantes ao nosso planeta/Universo e à raça humana. Antes de criticar um artigo aqui publicado, entenda nossa missão clicando neste link.



PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…

-------

BOMBANDO NO planetaabsurdo.com.br:

ALGUÉM ESTÁ COLANDO CHAPÉUS DE CAUBÓI NOS POMPOS EM LAS VEGAS

-------

AVISO: Todos são bem-vindos a participar da área de comentários abaixo. Contudo, os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprios autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências ou conflitos por eles causados.

Também informamos que, a fim de não causar distrações e conflitos desnecessários, comentários, avatares e pseudônimos com viés político, seja de qual ideologia for, serão prontamente apagados quando encontrados pelos moderadores. O foco dos comentários deve ser mantido no assunto de cada artigo e somente desviado quando for pertinente ao tema do OVNI Hoje.

Assim, colabore com o bom andamento dos comentários, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando comentários fora do padrão como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.