A atitude da Marinha dos EUA em liberar vídeos de OVNIs é mais perturbadora do que os próprios vídeos


Thomas L. Knapp, dos site antiwar.com, não gostou muito da atitude da Marinha dos EUA a respeito dos vídeos de OVNIs, e deixou seu parecer:

EUA em liberar vídeos de OVNIs é mais perturbadora do que os próprios vídeos

A Marinha dos EUA confirmou que três vídeos que mostram encontros aéreos militares com o que chamam de ‘fenômenos aéreos não identificados’, e o resto de nós chamamos de ‘objetos voadores não identificados’, são autênticos…

Os vídeos são interessantes e alguns podem achar perturbadores. O que é mais perturbador para mim é que a Marinha acha que isto não é da nossa conta 15 ou mesmo 4 anos depois (os incidentes ocorreram em 2004 e 2015).

A porta-voz do Pentágono, Susan Gough, disse ao site do The Black Vault:

[Os] vídeos nunca foram oficialmente divulgados ao público em geral pelo Departamento de Defesa e ainda deveram estar retidos.

Os vídeos não são classificados. Eles simplesmente não foram “liberados para divulgação pública”.

Nenhuma categoria de longo prazo como “não liberado para divulgação pública” deve existir com relação às informações geradas ou adquiridas pelo governo.

Existem padrões legais para ‘classificar’ as informações como ‘confidenciais’, ‘secretas’ ou ‘altamente secretas’, com base nos supostos graus de dano que pode ser causado devido à divulgação de segurança nacional dessas informações.

Eu sou pessoalmente contra permitir que o estado guarde segredos. Eles afirmam trabalhar para nós. Se somos realmente os chefes deles, devemos olhar por cima dos seus ombros sempre que quisermos.

Claro, isso não vai acontecer. Mas, dado que o sistema de classificação existe, também deve haver um prazo inegociável dentro do qual qualquer informação deve ser classificada ou disponibilizada ao público.

Não estou me referindo às solicitações negáveis ​​de informações registradas sob a Lei de Liberdade de Informação. Todas as informações do governo não classificadas em até 30 dias após sua criação ou aquisição devem ser armazenadas em bancos de dados que o público possa pesquisar à vontade.

Os OVNIs tem sido um assunto de intenso interesse público desde pelo menos o incidente de Roswell em 1947, que ainda gera rumores de naves e cadáveres alienígenas mantidos em instalações secretas do governo.

Não sei e não pretendo saber se estamos sendo visitados por extraterrestres e, se este for o caso, o que eles estão fazendo enquanto estão aqui. Não tenho opiniões fortes sobre quais histórias de avistamento e abduções são verdadeiras e quais não são. Sou inteligente o suficiente para entender que não tenho as informações necessárias para chegar a essas conclusões.

O que sei é que não deve ser prerrogativa do governo ocultar essas informações indefinidamente, contar histórias mentirosas sobre balões meteorológicos e gás do pântano, e oferecer desculpas esfarrapadas de ‘segurança nacional’ quando pegos.

Os OVNIs também não são o único assunto em que esse problema aborda. O estado de segurança nacional pós-Segunda Guerra Mundial desenvolveu uma cultura de sigilo geral que acomodamos por nossa conta e risco. Ocultar informações do público deve ser algo incrivelmente difícil, e não algo normal.

(Fonte)

Penso que Knapp tem toda a razão quanto ao que protesta no artigo acima sobre a atitude da Marinha dos EUA, mas infelizmente de nada isso ajudará, pois os “valentões de pátio de escola” que fazem parte de todos os governos sempre se assegurarão de manter a população em geral no escuro quanto a assuntos que eles próprios decidem se podem ou não ser divulgados.

Aparentemente, os OVNIs e a visitação alienígena ao nosso planeta é um desses assuntos para eles, pois “perderiam a mão” se fosse oficializado que não estamos sós no Universo. Isto causaria revolta para muitas pessoas, principalmente as ligadas ao fanatismo religioso. Além disso, entre tantas outras possibilidades, as pessoas mais ‘estáveis’ questionariam aqueles que estão no poder sobre a forma com que nosso planeta é gerenciado, ameaçando o sistema bancário/monetário, a real necessidade do uso de combustíveis fósseis, ou até coisas do dia-a-dia como questões laborais, ou seja, porque temos que passar a maior parte da nossa vida acordada trabalhando.

Isto os valentões não vão permitir… ou pelo menos lutarão com unhas e dentes para que não aconteça.

n3m3

Você pode ajudar na manutenção do OVNI Hoje. Clique aqui para saber mais.

ATENÇÃO: Este site publica notícias que estão sendo disponibilizadas na Internet a respeito do fenômeno OVNI, bem como assuntos alternativos relevantes ao nosso planeta/Universo e à raça humana. Antes de criticar um artigo aqui publicado, entenda nossa missão clicando neste link.



PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…

AVISO: Todos são bem-vindos a participar da área de comentários abaixo. Contudo, os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprios autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências ou conflitos por eles causados.

Também informamos que, a fim de não causar distrações e conflitos desnecessários, comentários, avatares e pseudônimos com viés político, seja de qual ideologia for, serão prontamente apagados quando encontrados pelos moderadores. O foco dos comentários deve ser mantido no assunto de cada artigo e somente desviado quando for pertinente ao tema do OVNI Hoje.

Assim, colabore com o bom andamento dos comentários, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando comentários fora do padrão como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.