web analytics

Telescópio poderoso irá buscar por pulsos de laser de alienígenas

Tempo de leitura: 3 minutos


Estatisticamente, é praticamente certo que a vida alienígena está lá fora em algum lugar, sejam micróbios marcianos ou comunicados de vida altamente inteligente que irradiam através do cosmos.

Telescópio poderoso irá buscar por pulsos de laser de alienígenas

Enquanto o jipe-sonda Curiosity está vasculhando Marte pelo primeiro, a iniciativa Breakthrough Listen está procurando pelo último. Agora, um novo conjunto de telescópios se juntou à caça, examinando os céus em busca de flashes de luz laser que as civilizações alienígenas possam estar emitindo.

A iniciativa Breakthrough Listen é o maior programa científico projetado especificamente para encontrar evidências de extraterrestres. Seu objetivo é pesquisar as milhões de estrelas mais próximas da Terra em busca de sinais de transmissões de rádio e laser, que os alienígenas possam estar usando para se comunicar uns com os outros, ou até mesmo transmitir deliberadamente sua existência.

A equipe afirma que a tecnologia é tão poderosa que pode detectar um laser com a energia de uma lâmpada comum a 40 trilhões de quilômetros de distância. E agora o projeto tem uma nova ferramenta em seu arsenal. O sistema VERITAS (Very Energetic Radiation Imaging Telescope Array System) é composto de quatro telescópios de 12 m, e foi projetado para detectar raios gama pelas explosões de luz azul que criam ao atingir a atmosfera superior da Terra.

A sistema VERITAS é uma coleção de quatro telescópios Cherenkov de 12 metros, usados ​​para detectar fontes astrofísicas de raios gama de energia muito alta. (Crédito da foto: Steve Criswell, SAO)

Como parte do Breakthrough Listen, o VERITAS irá procurar pulsos de luz laser que podem durar somente alguns nanossegundos. A ideia é que, se os alienígenas estão usando lasers para se comunicar, a Terra pode cruzar o caminho de um raio descontrolado por uma fração de segundo, alertando-nos para a sua presença, mesmo que essa não fosse sua intenção direta.

Yuri Milner, fundador da Breakthrough, disse:

Quando se trata de vida inteligente além da Terra, não sabemos onde ela existe ou como se comunica.

Portanto, nossa filosofia é olhar em tantos lugares, e de todas as maneiras, quanto pudermos.

O VERITAS expande ainda mais nosso alcance de observação.

O VERITAS já foi colocada para trabalhar para objetivos semelhantes. No passado, o sistema foi apontada para a Estrela Tabby, que tem misteriosamente escurecido em intervalos irregulares.

Embora algum tipo de megaestrutura alienígena foi apontada como uma das explicações sugeridas, o mais provável é que seja uma nuvem de cometas. No entanto, vale a pena verificar novamente, e nenhum sinal óptico foi detectado.

O VERITAS é uma adição poderosa à causa também. A equipe diz que seus telescópios poderiam captar um pulso de nanossegundos de um laser tão poderoso quanto o melhor da Terra, a distância da Estrela Tabby – a 1.470 anos-luz de distância. A melhor notícia é o fato de que a maioria das outras estrelas da pesquisa são muito mais próximas, ou seja, sinais de 100 a 10.000 vezes mais fracos podem ser detectados nesses locais.

Andrew Siemion, líder da equipe de escuta, disse:

A Breakthrough Listen é a pesquisa mais poderosa, abrangente e intensiva já realizada para procurar por sinais de vida inteligente além da Terra. Agora, com a adição do VERITAS, somos sensíveis a uma importante nova classe de sinais: pulsos ópticos rápidos.

A comunicação óptica já foi usada pela NASA para transmitir imagens de alta definição para a Terra, vindas da Lua, então há razões para acreditar que uma civilização avançada pode usar uma versão ampliada dessa tecnologia para comunicação interestelar.

Tudo o que podemos fazer agora é esperar que ET ligue.

(Fonte)


Até já estou prevendo a sequência de eventos:

1. Sinal possivelmente oriundo de inteligência alienígena é captado pelo VERITAS. Cientistas entram em polvorosa.

2. Cientista que encontrou o sinal jura que é proveniente de uma fonte artificial.

3. O resto dos cientistas contestam, alegando algo como: “foi somente ‘o destrambulador de bretugem cósmica‘ do telescópio que forneceu uma leitura errada.”

4. Caso encerrado.

E assim, prosseguimos.

Algo mais prático quanto a procura por vida extraterrestre são as ações que estão ocorrendo aqui na Terra sobre a questão do desacobertamento dos OVNIs. Embora isto também esteja inundado pela burocracia, não chega nem aos pés da burocracia da comunidade científica, que é saturada por dogmas difíceis de serem vencidos.

n3m3

Você pode ajudar na manutenção do OVNI Hoje. Clique aqui para saber mais.

ATENÇÃO: Este site publica notícias que estão sendo disponibilizadas na Internet a respeito do fenômeno OVNI, bem como assuntos alternativos relevantes ao nosso planeta/Universo e à raça humana. Antes de criticar um artigo aqui publicado, entenda nossa missão clicando neste link.



Participe dos comentários mais abaixo…