web analytics

Megacriometeoro atravessa telado de casa no Arizona – EUA

Tempo de leitura: 2 minutos


No início dos anos 2000, vários cientistas espanhóis ficaram interessados no fenômeno chamado megacriometeoro, que é relativamente desconhecido e misterioso, depois que grandes blocos de gelo, alguns pesando até 2,7 kg, caíram repetidamente de céus sem nuvens sobre a Espanha.

Megacriometeoro atravessa telado de casa no Arizona

Embora alguns estudos revisados ​​por pares tenham sido publicados após esses incidentes (ver aqui e aqui), pouco se sabe sobre esses conglomerados anômalos de gelo.

O gelo que cai da aeronave que passa é frequentemente citado como a explicação mais provável para megacriometeoros, pois o gelo pode se formar em aeronaves em altitudes elevadas e derreter quando os aviões descem. No entanto, numerosos incidentes de megacriometeoros foram citados longe de trajetórias de voo, e isso ainda sem mencionar o fato de que os relatos do fenômeno pré-datam a invenção da aviação.

Megacriometeoro atravessa telado de casa no Arizona - EUA 1
Um megacriometeoro espanhol de 2007.

O último relato de uma bola anormal de gelo caindo do céu ocorreu no Arizona em 27 de abril, quando um pedaço de gelo de 4,7 quilos caiu sobre a casa de uma mulher em Havasu, Arizona. A desafortunada proprietária Sandy Ford disse que o megacriometeoro caiu em seu telhado e destruiu o teto da sua garagem antes de explodir no chão. O gelo era claro, ao contrário do gelo azul que é normalmente usado em sistemas sépticos de linhas aéreas. Segundo Ford, o barulho do gelo explodindo na garagem foi tão alto que os vizinhos ligaram para os serviços de emergência:

Soou como um estrondo sônico na minha garagem. Meu vizinho ouviu o som e veio, então alguém do corpo de bombeiros apareceu. Quando saí, estava à espera de ver o meu aquecedor de água a explodir… era um pedaço de gelo que caiu através do telhado, através do teto e foi parar no chão.

Em 2018, um megacriometeoro foi filmado enquanto explodia em uma rua de Londres a poucos metros de distância de um limpador de ruas. No mês passado, um enorme pedaço de gelo quebrou o pára-brisa de uma mulher do Colorado enquanto ela dirigia por uma estrada movimentada.

Quando um desses incidentes se tornará mortal?

Por enquanto, megacriometeoros permanecem um enigma. Poderiam esses fenômenos ser apenas sinais de que o crescimento da aviação e da população humana estão contribuindo para o aumento dos incidentes de queda de gelo de aeronaves em áreas povoadas? Então, o que fazer com relatórios semelhantes que não estão nem perto de rotas de voo? Aeronaves poderiam ser culpas, mas isso significaria que – suspiro! – há aviões não revelados zumbindo sobre lugares que não deveriam estar. Isso não poderia ser, poderia?

Mas o que fazer com os relatos que antecedem as aeronaves? Poderiam esses megacriometeoros ser simplesmente algum tipo de granizo super-dimensionado criado sob um conjunto muito específico de condições atmosféricas? Isso levanta a questão: eles poderiam se tornar mais comuns à medida que os padrões climáticos mudam?

Isso é um pensamento assustador.

(Fonte)

Este site publica notícias que estão sendo disponibilizadas na Internet a respeito do fenômeno OVNI, bem como assuntos alternativos relevantes ao nosso planeta e Universo. Antes de criticar um artigo aqui publicado, entenda nossa missão clicando neste link.


Se coisas tão simples, como pedaços de gelo caindo do céu, ainda não estão totalmente explicadas pelos cientistas, imagine então algo mais complexo como o fenômeno dos OVNIs / UFOs? Talvez um dos fatores que aterrorizem estes estudiosos a falar sobre isso seja sua complexidade, o que os deixa, digamos assim, parecendo crianças tentando decifrar o sentido da vida.

Enquanto isso, OVNIs / UFOs continuam a voar pelos nossos céus, e não há nada que ninguém possa fazer a respeito disso.

Veja mais esse evento assustador de megacriometeoro que ocorreu na Escócia:

n3m3

Você pode ajudar na manutenção do OVNI Hoje. Clique aqui para saber mais.

O OVNI Hoje TAMBÉM ESTÁ NAS REDES SOCIAIS: