web analytics

Vida além da terra? Comunidade científica começa a estudar os OVNIs / UFOs

Tempo de leitura: 2 minutos


Pelo título do artigo abaixo, que inicia com “Vida além da Terra?…”, pode-se notar que se trata de algo publicado por um veículo da grande mídia. Mas o importante é saber que eles já estão levando o fenômeno dos OVNIs / UFOs a sério … bem, pelo menos nos Estados Unidos:

Vida além da terra? Comunidade científica começa a estudar os OVNIs / UFOs
Olá, seres obtusos. Eu existo!

NEW YORK (CBSNewYork) – A busca por atividades extraterrestres está ganhando credibilidade.

Cientistas notáveis ​​estão recebendo um empurrão para fazer contato com o que quer que esteja por aí.

“Estava entre uma meia milha e uma milha de distância (800 m e 1,6 km) … era grande e silencioso … movendo-se muito lentamente”, disse a testemunha de um avistamento de OVNI / UFO, Robert Strong.

O morador do Vale do Hudson realmente viu um OVNI?

“Pilotos militares, pessoal do exército … a Marinha dos EUA agora … todos eles relataram diferentes tipos de avistamentos”, disse Christopher Deperno, da MUFON.

Até mesmo a NASA está admitindo que é possível que o universo contenha diferentes formas de vida.

“Sabemos que o fenômeno é real“, acrescentou Sam Falvo, do MUFON.

Especialistas dizem que a corrida está esquentando para encontrar respostas sobre quem são, de onde vêm e o que podem querer de nós.

Deperno e Falvo investigam objetos voadores não identificados para a seção de Nova Iorque da Mutual UFO Network – MUFON, uma organização global criada em 1969.

“A maioria deles … 95 por cento ou mais, podem ser identificados … são cinco ou seis por cento que realmente despertam o seu interesse”, disse Falvo.

O que eles fazem há muito tempo é considerado um campo marginal da ciência, mas hoje, essa busca por respostas se tornou predominante. Universidades de prestígio como Harvard e Penn State estão dedicando algumas de suas mentes mais brilhantes a isso como um novo campo de estudo.

“Acreditamos que a busca por inteligência extraterrestre precisa de um lar acadêmico permanente”, disse Jason Wright, da Penn State.

Depois, há o setor privado, financiando tudo, desde comunicação digital interestelar até uma antena parabólica que emite ondas de rádio.

Essas tentativas de se comunicar com os mundos extraterrestres são um pouco mais tecnológicas do que a gravação de sons únicos que os cientistas interpretaram a partir de duas sondas espaciais nos anos 70.

A autora e pesquisadora Linda Zimmermann investigou cerca de 500 relatos de testemunhas oculares de OVNIs no Vale do Hudson.

“Existe a possibilidade de que eles sejam atraídos para a água aqui … os rios, os lagos e os reservatórios, mas também esta área tem um campo magnético e campo gravitacional muito singular”, disse Zimmermann.

As organizações de Zimmermann e Falvo formaram agora uma joint venture chamada Project Aries – com a esperança de coletar o máximo possível de inteligência e dados humanos, com a sua ajuda.

“Precisamos que você avance e nos conte sobre suas experiências”, acrescentou Zimmermann.

Haverá uma reunião da prefeitura no início de junho para os moradores do Vale do Hudson para saber mais sobre os avistamentos em sua região.

(Fonte)

Este site publica notícias que estão sendo disponibilizadas na Internet a respeito do fenômeno OVNI, bem como assuntos alternativos relevantes ao nosso planeta e Universo. Antes de criticar um artigo aqui publicado, entenda nossa missão clicando neste link.


Qualquer pessoa, com um pingo de massa encefálica funcional, consegue entender que devido às dimensões do nosso Universo, que possivelmente é somente um “reino” de vários, a ‘impossibilidade’ está no fato de não haver vida lá fora, e não o contrário. Matematicamente considerando, existe sim vida além da Terra.

Parece que o momento está chegando, onde até mesmo aqueles que zombavam da possibilidade de vida extraterrestre (porque queriam se projetar como mais inteligentes) estão começando a abrir os olhos: inteligente é aquele que consegue vislumbrar as possibilidades da realidade.

n3m3

Você pode ajudar na manutenção do OVNI Hoje. Clique aqui para saber mais.

O OVNI Hoje TAMBÉM ESTÁ NAS REDES SOCIAIS: