A Marinha dos EUA não irá liberar informações secretas sobre OVNIs


A Marinha dos EUA está montando novas diretrizes para o seu pessoal relatar ‘aeronaves não identificadas’, mas diz que não divulgará publicamente nenhuma das informações coletadas, pois será privilegiada e classificada, informa o The Washington Post.

* Conteúdo da matéria com veracidade comprovada, de fontes originais fidedignas. (Em se tratando de tese ou opinião científica, só pode ser garantida a veracidade da declaração da pessoa envolvida, e não o fato por ela declarado.) (Missão do OVNI Hoje)

A Marinha dos EUA não irá liberar informações secretas sobre OVNIs

Na semana passada, o site Politico relatou sobre as novas diretrizes, um passo importante para criar um processo formal de coleta, análise e desestigmatização de OVNIs.

Joseph Gradisher, porta-voz do gabinete do vice-chefe de operações navais para informação de guerra, disse ao Post que “não é esperada a liberação de nenhuma informação ao público em geral”.

Ele informou:

As organizações de segurança da aviação militar sempre retêm a comunicação de perigos à aviação como informação privilegiada, a fim de preservar a priorização e discussão livre e honesta da segurança entre as tripulações.

Além disso, qualquer relatório gerado como resultado dessas investigações incluirá, por necessidade, informações classificadas sobre operações militares.

O governo dos EUA analisou os fenômenos de objetos inexplicáveis ​​desde os anos 1950, incluindo uma investigação secreta em que o Pentágono coletou e analisou ‘ameaças anômalas aeroespaciais’.

O financiamento para o escritório ‘OVNI’ terminou em 2012, embora as operações para o Programa Avançado de Identificação de Ameaças Aeroespaciais (de sigla em inglês AATIP) continuaram.

Luis Elizondo, um oficial de inteligência que dirigiu a AATIP antes de deixar o Pentágono, disse ao WashingtonPost que algumas informações coletadas pela Marinha poderiam ser liberadas no futuro.

Ele disse:

Se permanecer estritamente dentro dos canais classificados, então a ‘pessoa certa’ pode não conseguir a informação. A pessoa certa não significa necessariamente um líder militar. Pode ser um legislador. Pode ser uma série de indivíduos diferentes.

(Fonte)

Colaboração: Marcelina Silva Melo


Como era de se esperar, a “burocratura” humana reina em todos os lugares.

Embora a Marinha dos EUA esteja dando uma de durona agora, talvez.. repito, TALVEZ… alguma alma emprenhada a acelerar o desacobertamento do fenômeno dos OVNIs possa “persuadir” as autoridades da Marinha a liberarem informações que possam ser reveladores.

Infelizmente, só podemos ficar sentados e assistir o desenrolar dos eventos.

Quem sabe os responsáveis diretos pelo fenômeno dos OVNIs, sejam eles quem for, acelerarão o processo. (Sonhar não custa.)

AVISO: Todos são bem-vindos a participar da área de comentários abaixo. Contudo, os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprios autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências ou conflitos por eles causados.

Também informamos que, a fim de não causar distrações e conflitos desnecessários, comentários, avatares e pseudônimos com viés político, seja de qual ideologia for, serão prontamente apagados quando encontrados pelos moderadores. O foco dos comentários deve ser mantido no assunto de cada artigo e somente desviado quando for pertinente ao tema do OVNI Hoje.

Assim, colabore com o bom andamento dos comentários, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando comentários fora do padrão como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.