web analytics

Seria esta a resposta para quem realmente são os alienígenas?

Tempo de leitura: 4 minutos


O seguinte artigo é a opinião do escritor, jornalista e palestrante Nick Redfern:

Quase todo mundo já ouviu falar sobre Objetos Voadores Não Identificados (OVNIs), mas e sobre Objetos Não Identificados do Futuro?

* Conteúdo da matéria baseado em opiniões pessoais, ou declarações de testemunhas ou pesquisadores sem o respaldo de provas concretas, mesmo se tratando de vídeo ou foto. (Missão do OVNI Hoje)

Nós, no futuro?

Encontros alienígenas foram relatados por décadas. Se há uma coisa que os alienígenas querem nos dizer e nos fazer crer, é que eles se originam em outros mundos. Mas eles estão sendo sinceros conosco? Poderiam eles ser viajantes do tempo?

No clássico romance de H. G. Wells de 1895, A Máquina do Tempo, um londrino aventureiro parte para um futuro sombrio, onde ele colide com monstros em cavernas, explora cidades em ruínas e testemunha os momentos finais da vida na Terra. No filme de 1968, Planeta dos Macacos, o personagem de Charlton Heston, Taylor, um astronauta americano, chega a um mundo de pesadelos governado por uma raça de macacos falantes. Somente no clímax do filme, quando ele se depara com os restos da Estátua da Liberdade, Taylor percebe com horror que ele não pôs os pés em algum planeta distante, afinal de contas. Em vez disso, ele está em casa, 2.000 anos no futuro e depois que um holocausto mundial destruiu a civilização humana…

…E não vamos esquecer Bruce Willis em 12 Macacos, de 1995. Pelo menos no que diz respeito a filmes de milionários e clássicos literários, o tema da viagem no tempo é espetacularmente bem-sucedido. Mas e o mundo real? Os viajantes do tempo estão realmente entre nós? Existe uma conexão direta entre o mundo das viagens no tempo e o dos OVNIs?

Por que nossos “alienígenas” falam convenientemente nossas línguas? Como é que, sem nenhum problema, eles podem respirar nossa atmosfera? Por que eles nos sequestram e nos usam em experiências genéticas bizarras?

Certamente não somos fisicamente e geneticamente compatíveis com criaturas de sistemas solares distantes. Eles nos asseguram que somos de fato compatíveis. Tudo parece muito conveniente e cuidadosamente gerenciado. Talvez seja porque eles não são de mundos distantes, afinal de contas. Talvez eles sejam daqui mesmo, da Terra. Não a nossa Terra (por assim dizer), mas a Terra do futuro; o futuro distante. Uma Terra que está em ruínas e em um momento em que a raça humana está perigosamente perto da extinção.

Eles viajam para seu passado distante – nosso presente – e se engajam em programas clandestinos para colher DNA, células, espermatozoides e óvulos como um meio de tentar salvar o que resta de nós, daqui a milhares de anos. Bem cientes do fato de que as pessoas do século XX and XXI têm crenças profundas no que diz respeito ao conceito de vida extraterrestre, eles optaram por adotar as formas das coisas estranhas que acreditamos, como um meio para camuflar suas identidades reais. Poderia ser essa a verdade chocante?

Anteriormente da Força Aérea dos EUA, e um das principais testemunhas militares no famoso encontro OVNI na Floresta Rendlesham, Suffolk, Inglaterra, em dezembro de 1980, o sargento Jim Penniston – em 1994 – sofreu uma regressão hipnótica, como parte de uma tentativa de evocação de dados profundamente enterrados em sua memória, no que diz respeito ao que lhe ocorreu durante um dos encontros mais imediatos da Grã-Bretanha. Curiosamente, enquanto sob hipnose, Penniston afirmou que nossos supostos alienígenas são, na verdade, visitantes de um futuro distante. Esse futuro, Penniston acrescentou, é muito sombrio, com problemas infinitamente profundos, poluído e onde a raça humana é esmagadoramente prejudicada por problemas reprodutivos. A resposta a esses mesmos enormes problemas, disseram a Penniston as entidades que ele conheceu na mata, é que eles viajam para o passado distante – até os dias atuais – para garantir espermatozoides, óvulos e cromossomos, tudo como parte de um esforço para garantir a continuação da raça humana de amanhã.

O famoso físico britânico Stephen Hawking disse:

A viagem no tempo não é teoricamente possível, pois se fosse, eles já estivariam aqui falando sobre isso para nós,

E mesmo que a viagem no tempo um dia se tornasse uma possibilidade, ela seria assolada por grandes problemas, afirmou Hawking:

Suponha que fosse possível partir em um foguete e voltar antes de você partir. O que o impediria de explodir o foguete em sua plataforma de lançamento ou de impedi-lo de sair em primeiro lugar?

Nem todo mundo concorda com Hawking. Uma maneira possível de viajar no tempo é através do que é conhecido na física como buracos de minhoca, termo cunhado em 1957 pelo físico teórico John Wheeler. O buraco de minhoca é basicamente um atalho através do espaço e do tempo; e embora uma firme evidência da existência desses chamados ‘túneis-tempo’ ainda não tenha sido firmemente comprovada, eles não estão fora dos limites apresentados na teoria da relatividade geral de Einstein.

Então, há a questão dos homens sinistros de preto. Eles são vistos pelos pesquisadores de OVNIs como criaturas alienígenas de aparência humana ou agentes do governo, cujo papel secreto é silenciar as testemunhas de OVNIs, algo que a história mostrou que são muito bons. Talvez, no entanto, os Homens de Preto não sejam malvados, afinal. Talvez eles sejam “policiais do tempo”, trabalhando para garantir que as testemunhas dos OVNIs não cheguem muito perto da verdade – ou seja, a questão da viagem no tempo. Afinal, praticamente tudo sobre os Homens de Preto está fora do tempo. Eles quase sempre vestem ternos pretos da década de 1950. Seu modo de transporte – carros antigos da Cadillac – também está fora do tempo. Eles até perguntaram às testemunhas, em mais de algumas ocasiões: “Que horas são?”

Talvez eles estejam realmente perguntando em que ano eles estão. Ou mesmo em qual século. Talvez, no futuro distante, pouco se saiba do nosso tempo. Talvez tenhamos nos destruído e, como consequência, as pessoas do futuro tenham a tarefa de consertar o planeta e fazer o máximo para salvar o que restou de nossa espécie. Possivelmente, eles têm conhecimento limitado de nossa cultura e até mesmo de nossas modas, além do que eles sabem das páginas de revistas antigas e decadentes dos anos 50. Então, eles adotam o traje que eles presumem lhes permitirá se misturar com o povo do século XXI, quando, na realidade, é exatamente o oposto. Os Homens de Preto se destacam como um polegar dolorido. Ou como um homem fora do tempo.

O pesquisador paranormal Joshua P. Warren comenta sobre esta ligação entre a viagem no tempo e os Homens de Preto:

Pode ser que os Homens de Preto sigam todas essas coisas sobre OVNIs; esse é o trabalho deles. Não que eles estejam causando essas coisas, mas eles são alertados quando há um problema de cronograma perigoso que precisa ser corrigido. Eles não são necessariamente caras maus de todo; eles podem estar fazendo o controle de danos, e talvez isso inclua advertências e silenciamento de testemunhas para proteger o segredo de viagem no tempo. Eles podem ser estranhos, e podem parecer esquisitos, mas sua missão geral pode ser apenas manter a ordem e proteger os cronogramas.

Naturalmente, precisamos permanecer com os pés no chão sobre tudo isso. Até agora, não há nenhuma prova definitiva de que tenhamos (ou já tivemos) viajantes do tempo em nosso meio. E não há evidências de que os OVNIs sejam realmente máquinas do tempo. Então, em outras palavras, tudo é muito teórico e especulativo – e quase nada mais. Mas não custa especular.

(Fonte)


Há muita especulação sobre quem realmente são as entidades que nos visitam em objetos voadores, mas, na realidade, se alguém realmente sabe da verdade, não está nos contando.

Pode muito bem ser que todas as versões divulgadas por aí contenham, cada uma, um pouquinho da verdade.

Termos recém pesquisados por leitores: