web analytics

Por que o extraterrestres vêm ao nosso pequeno planeta?

Tempo de leitura: 3 minutos

Cheryl Costa, colunista para Syracuse New Times, especializada em assuntos envolvendo OVNIs e a visitação extraterrestre ao nosso planeta, dá seu parecer quanto ao porquê desses seres estarem visitando nos visitar:

Por que o extraterrestres vêm ao nosso pequeno planeta?

Por que os extraterrestres estão aqui? É a pergunta mais comum que me fazem durante entrevistas na mídia, em conferências de OVNIs e de pessoas comuns que sabem que eu escrevo sobre o assunto. 

A resposta não é fácil porque os seres humanos da Terra não têm a menor idéia sobre os interesses dos extraterrestres. Em nossa própria cultura, todos nós temos motivações diferentes, seja fama, fortuna, vida familiar e outras influências. Certamente não somos todos iguais em termos de nossas necessidades, desejos e atividades. 

Aspectos culturais desempenham um papel importante em nossos interesses e perspectivas. Eu conheci pessoas que me disseram que nunca viram Star Trek ou Star Wars. Eu também conheci outros que nunca leram os livros de Harry Potter ou viram as adaptações do filme. Apenas essas poucas dissimilaridades definem uma grande diferença na perspectiva cultural ocidental. Então, quando se trata de extraterrestres, muitas pessoas tentam interpretá-las de um ponto de vista cultural humano específico. 

Por que os extraterrestres estão aqui? Eu costumo pensar que os humanos são interessantes para se assistir e estudar. Suponho que possa ser o ponto de vista do xenoantropólogo extraterrestre. 

Se você é um seguidor da teoria dos antigos astronautas, parece haver uma enorme preponderância de evidência para sugerir que os extraterrestres têm visitado nosso planeta durante a evolução humana. Eles parecem ter ensinado as artes e ciências de nossos antecessores, assim como nos cutucando como uma espécie para sermos tecnologicamente capazes de deixar este planeta no futuro distante. 

Então, há o que eu chamo de protetor extraterrestre e aspecto cuidadora, como uma babá. Na manhã de 14 de abril de 1561, os cidadãos da cidade alemã de Nuremberg acordaram com uma enorme batalha aérea nos céus da cidade. Aconteceu de novo cinco anos depois, em Basileia, na Suíça, em 27 e 28 de julho e em 7 de agosto de 1566. Seriam estes confrontos entre uma espécie agressora fora do mundo e outra espécie interposta? 

Naturalmente, Nuremberg e Basileia ocorreram há muito tempo, então que tal algo um pouco mais moderno? Em julho e agosto de 1945, os Estados Unidos detonaram três armas nucleares: uma no deserto do Novo México, seguida por ataques nucleares nas cidades japonesas de Hiroshima e Nagasaki. Pouco depois, estranhas naves nos céus do mundo se tornaram um importante tópico de discussão. 

Em junho e julho de 1947, houve uma enorme onda de naves do tipo “discos voadores” relatados em 39 estados através dos serviços de transmissão do dia. Houve um estudo exaustivo na década de 1960 pelo autor Ted Bloecher da NICAP (sigla em inglês para Comitê Nacional de Investigações de Fenômenos Aéreos), no seu livro “Report on the UFO Wave of 1947

Será que nossas babás de fora do mundo percebem que nossa guerra equivale a espécies primitivas brincando com uma caixa de fósforos nucleares? Talvez isso tenha provocado preocupações com os cuidadores da babá ET. 

A evidência disso está bem documentada no livro de Robert Hastings, “UFOs and Nukes”.  Hastings entrevistou mais de 80 ex-oficiais de mísseis da Força Aérea; ele ouviu relatos de que, durante a Guerra Fria, naves desconhecidas pairavam e desativavam mísseis nucleares e suas instalações de controle em vários momentos durante a segunda metade da década de 1960. Mas isso foi há 50 anos, então com o que estão os nossos cuidadores ET preocupados estes dias? Em fevereiro de 2018, entrevistei o oficial de inteligência Luis Elizondo, ex-diretor do Programa Avançado de Identificação de Ameaças Aeroespacial (AATIP). Ele me disse que os “OVNIs parecem estar interessados ​​em nossa mais avançada tecnologia militar”. 

Outra resposta parece vir de duas fontes. Primeiro, o autor Thomas Conwell, que tem uma série de livros chamada “They Are Here” (Eles Estão Aqui), e passou vários anos estudando os padrões de fragmentação de certos tipos de OVNIs. Ele observou uma tendência onde os cuidadores ETs parecem agudamente interessados em nossas áreas poluídas, mineração a céu aberto e áreas de resíduos. 

Segundo, estudos de abduzidos e contatados parecem indicar que os cuidadores ETs continuam dado a estes seres humanos uma mensagem comum: “Cuide do seu planeta!” 

Então, por que os extraterrestres estão aqui? Eu acho que a melhor resposta é proteger a espécie humana da Terra de agressores de espécies fora do mundo que nos subjuguem ou nos destruam. A outra resposta parece ser proteger e guiar os humanos para não se destruírem e nem este lindo planeta azul em que vivemos.

(Fonte)


Algo para se pensar: Se existem espécies alienígenas lá fora que vêm até aqui para nos destruir e, consequentemente, como indica o artigo acima, estamos sendo protegidos por uma outra espécie, seríamos então propriedade destes ETs que protegem o nosso planeta?

Difícil dormir bem com todo esse ruído!

n3m3