web analytics

Escala para detecção de sinais alienígenas é reajustada por cientistas

Tempo de leitura: 2 minutos

Escala para detecção de sinais alienígenas é reajustada

Os cientistas renovaram a escala usada para determinar o significado dos potenciais sinais extraterrestres.

Originalmente desenvolvida em 2001, a Escala do Rio é usada para classificar o significado dos sinais do espaço profundo que podem ser de origem extraterrestre inteligente.

O físico Dr. Duncan Forgan disse:

É absolutamente crucial que quando falarmos de algo tão extremamente significativo como a descoberta de vida inteligente fora da Terra, o façamos de forma clara e cuidadosa.

Antes de fazermos as grandes procuras por sinais, precisamos ter em prática uma estratégia para lidar com a descoberta de vida fora da Terra. Há riscos na estabilidade social por isso temos de ser responsáveis.

A renovada Escala do Rio 2.0 foi projetado para funcionar melhor em uma época dominada por notícias online e redes sociais, onde as histórias podem ‘viralizar’ em minutos, independentemente da sua validade.

A escala funciona fornecendo uma classificação simples de 0 a 10 para refletir o significado de uma descoberta.

Forgan ainda disse:

Ter a Rio 2.0 nos permite classificar um sinal rapidamente de uma forma que o público em geral pode facilmente compreender, e nos ajuda a manter a sua confiança em um mundo cheio de notícias falsas.

(Fonte)


Interessante notar que Forgan menciona o fato de haver “riscos na estabilidade social”. Isto respalda aquilo que já foi comentado aqui no OH: que esta é uma das causas principais porque os governos não revelam a verdade sobre o fenômeno dos OVNIs.

Considere: Se quando a França ganhou a Copa do Mundo foi feita uma baderna enorme em Paris, com “animais” humanos invadindo propriedades e quebrando patrimônio público e privado, imagine isto em escala global se disserem que ETs têm visitado a Terra há séculos.

Infelizmente, neste planeta tem gente que não é gente, e isto ocorre em todas as camadas sociais. Então agora você tem uma pequena confirmação, vindo da boca de um cientista que trabalha diretamente neste tipo de projeto, de que eles receiam contar os fatos como eles realmente são ao público.

De qualquer forma, para saber mais sobre a Escala do Rio, acesse o artigo abaixo:

A Escala do Rio para determinação da importância de um possível sinal alienígena

n3m3