web analytics

“OVNIs mataram centenas de pessoas e até estrelas de Hollywood”, alega novo livro

Tempo de leitura: 2 minutos
OVNIs mataram centenas de pessoas

OVNIs sobre Los Angeles.

Um novo livro argumenta que os OVNIs já mataram centenas de pessoas e podem em breve massacrar todos nós.

O que aconteceu com as criaturas pacíficas de olhos amendoados dizendo: “Leve-me ao seu líder?”

O livro, ‘UFO Hostilities And The Evil Alien Agenda: Lethal Encounters With Ultra-Terrestrials Exposed‘, (‘Hostilidades de OVNIs e a Agenda Alienígena Malvada: Encontros Letais com Ultra-Terrestres Expostos’ – [título em tradução livre]), narra décadas de assassinatos que podem ou não ter sido feitos pelos homenzinhos verdes.

O livro descreve incidentes em que cidades foram deixadas ‘queimadas’ por OVNIs – mas que de alguma forma foram acobertadas pela grande mídia.

Mesmo as estrelas de Hollywood podem ter sido vítimas, com Carole Lombard tendo sido ‘descartada’ em uma morte relacionada a OVNIs (e alguns fãs de OVNIs alegam que JFK e Marilyn Monroe foram ‘descartados’ por ‘saberem demais’.

Não apenas isso, mas pesquisadores ovniólogos foram assassinados (possivelmente por alienígenas, ou por seus aliados no governo), e um monte de celebridades também foram ‘descartadas’.

O especialista em OVNIs Nigel Watson, que contribui com um capítulo para o livro, diz:

Felizmente, a morte por OVNIs é um evento muito raro. A maioria dos casos ocorreu em lugares remotos e pode ser devido a testes secretos do governo ou rumores que cresceram em ‘fatos’.

OVNIs mataram centenas de pessoas

Muito acontecendo nesta capa

Alguns ovniólogos acreditam que os sistemas de propulsão dos OVNIs são mortais para os humanos e que você deve manter distância se ver um pouso nas proximidades.

Tal como a maioria das coisas no assunto OVNI, não há fatos sólidos para apoiar a ideia de que centenas de pessoas foram mortas por espaçonaves alienígenas. Mesmo assim, isso não vai parar as especulações.

(Fonte)


Tudo especulação e nenhuma prova concreta de nada.

n3m3