web analytics

Estrela falsa gera reclamações de astrônomos

Tempo de leitura: 1 minuto

Estrela falsa gera reclamações de astrônomos

Os astrônomos em todo o mundo criticaram a decisão de lançar um grande globo de luz para a órbita.

Conhecido como a ‘Humanity Star‘ (Estrela da Humanidade), o satélite é uma esfera geodésica de 90 cm de largura, com 65 painéis altamente refletivos, projetados para torná-lo o objeto mais brilhante no céu noturno.

Foi lançado secretamente na semana passada ao lado de uma série de satélites convencionais da empresa comercial de exploração de espaço, Rocket Lab, de uma região remota de terras agrícolas na Nova Zelândia.

Embora tenha sido saudado como um grande sucesso para a empresa, a Humanity Star em si atraiu uma quantidade significativa de ira de cientistas e astrônomos de todo o mundo.

O problema, eles argumentam, é a poluição luminosa, que já está tornando cada vez mais difícil obter uma visão clara das estrelas. Lançar o que é essencialmente um globo de luz gigante em órbita ao redor da Terra certamente não ajuda e poderá marcar o início de uma nova tendência preocupante.

Caleb Scharf, diretor de astrobiologia da Universidade de Columbia (EUA), escreveu:

A maioria de nós não pensaria ser legal se eu colocasse uma grande luz estroboscópica em um urso polar, ou apresentasse o lema da minha empresa por todo o Everest.

Colocar uma esfera brilhante no céu é igualmente abusivo. É definitivamente uma lembrança do nosso lugar frágil no universo, porque está infestando exatamente aquilo que precisamos cuidar.

(Fonte)

Concordo com Caleb Scharf. A maioria dos seres humanos só pensa em seus próprios narizes – ou melhor, bolsos – ignorando totalmente aquilo que pode ser melhor para a humanidade como um todo. 

n3m3