NASA faz descoberta empolgante no planeta anão Ceres

descoberta empolgante no planeta Ceres
Luzes de Ceres.

Os cientistas da NASA fizeram um avanço que poderia levar à descoberta de vida extraterrestre apenas a “poucos passos” da Terra.

A sonda espacial Dawn descobriu evidências de um antigo oceano e evidência de um mar subterrâneo no planeta anão Ceres.

Este pequeno mundo de apenas 1000 quilômetros de diâmetro, orbitando entre Marte e Júpiter no cinturão de asteroides, está a certa de 400 milhões de quilômetros da Terra.

A incrível missão Dawn da Nasa vem estudando Ceres desde que chegou em órbita em 2015, depois de ser lançado em 2007.

Dados enviados de volta para os cientistas na agência espacial revelou algo que se acredita ser os restos de um oceano na superfície do planeta.

A água é considerada a chave para encontrar vida alienígena – e esta descoberta é uma grande revelação para a NASA.

Ceres foi descoberto em 1801 e é o 33º maior objeto em nosso sistema solar – mas é invisível a olho nu da Terra.

Ele tem um núcleo rochoso e um manto de gelo – o que é muito incomum para corpos do cinturão de asteroides.

 

A NASA acredita que sob sua crosta poderia haver água líquida que sobrou de um antigo oceano.

Em fevereiro, a sonda Dawn encontrou evidências de material orgânico no pequena planeta anão.

Na época, o pesquisador Chirstopher Russell disse que foram descobertos os ‘blocos de construção da vida’ e significava que ‘precisamos explorar Ceres’.

Mas ele acrescentou:

Ceres pode ter sido capaz de levar este processo só até certo ponto e os elementos estão a um longo caminho da vida.

Julie Castillo-Rogez, cientista de projeto Dawn, disse:

Cada vez mais, estamos aprendendo que Ceres é um mundo complexo, dinâmico que pode ter apresentado muita água líquida no passado, e ainda pode ter alguma em seu subterrâneo.

Os cientistas descobriram que a sua crosta era uma mistura de gelo, sais e “materiais hidratados” – o que sugere a existência de um oceano antigo.

E eles acreditam que abaixo desta crosta rígida pode haver uma camada macia que pode ter absorvido a água.

Mesmo se NASA não encontre a prova da vida, a descoberta é chave para compreensão de como o nosso sistema solar se formou. Ele também fornecerá o discernimento no trabalho para encontrar alienígenas em mundos de outros lugares da Via Láctea.

A Nasa disse:

A equipe acha que a maioria do antigo oceano de Ceres agora está congelado e colado à crosta, permanecendo na forma de gelo, hidrato de clatrato e sais.

Tem sido quase sempre assim durante mais de 4 bilhões de anos. Mas se houver líquido residual por baixo, aquele mar ainda não está totalmente congelado.

Acredita-se que Ceres tenha se formado há 4. 57 bilhões de anos, nos primeiros dias do nosso sistema solar…

(Fonte)

Caso não lembrem, Ceres é o mesmo planeta que em 2015, quando a sonda Ceres se aproximou dele, deixou todos os cientistas e aqueles que acompanhavam a missão intrigados, por apresentar áreas luminosas em sua superfície. Foi até cogitado que se tratava de cidades alienígenas.

Veja abaixo outra notícia liberada este ano sobre aquele mundo alienígena, quando cientistas suspeitaram a presença de vida em Ceres:

Cientistas dizem que erupções no planeta anão Ceres podem indicar a presença de vida

n3m3

AVISO: Todos são bem-vindos a participar da área de comentários abaixo. Contudo, os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprios autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências ou conflitos por eles causados.

Também informamos que, a fim de não causar distrações e conflitos desnecessários, comentários, avatares e pseudônimos com viés político, seja de qual ideologia for, serão prontamente apagados quando encontrados pelos moderadores. O foco dos comentários deve ser mantido no assunto de cada artigo e somente desviado quando for pertinente ao tema do OVNI Hoje.

Assim, colabore com o bom andamento dos comentários, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando comentários fora do padrão como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.