web analytics

Levando a procura por vida alienígena a um novo nível

Tempo de leitura: 1 minuto

procura por vida alienígena

Astrônomos revelaram uma proposta audaz para um novo telescópio espacial gigante que seria muito mais poderoso do que os observatórios de hoje. Chamado de Telescópio Espacial de Alta Definição (sigla em inglês, HDST), o instrumento é essencialmente um Telescópio Espacial Hubble, com 100 vezes mais a capacidade de detectar luz estelar fraca.

O HDST de vários bilhões de dólares algo que mudaria o jogo, e se ele avançar além da fase do conceito, ele iria ser lançado na década de 2030. Com um espelho 25 vezes maior que o de Hubble, o HDST poderia mergulhar profundamente no passado do Universo para rastrear como os gases enriquecidos com os ingredientes elementares da vida se moveram para dentro e para fora das galáxias.

O HDST também poderia examinar dezenas de exoplanetas semelhantes à Terra que são muito pequenos para serem vistos pelo Hubble e seu sucessor imediato, o Telescópio Espacial James Webb. O HDST exploraria suas atmosferas por sinais de vida alienígena, talvez respondendo finalmente se estamos ou não sós no cosmo.

A visão para o HDST foi descrita em um relatório de julho liderado pela Associação de Universidades para Pesquisa em Astronomia (AURA), um consórcio de instituições globais que operam observatórios astronômicos…

(Fonte)

Uma ação em prol da astronomia que é muito interessante e bem-vinda. 

Todavia, se pelo menos uma fração de todo o dinheiro já investido em tantos projetos científicos tivessem sido investidos na pesquisa com rigor científico do fenômeno dos OVNIs, talvez não necessitaríamos gastar tanto assim nesses projetos, caso conseguíssemos fazer uma parceria científica com seres que já sabem muito mais do que nós.

(Sim, eu sei: É um pensamento maluco… mas nem tanto.)

n3m3