web analytics

Inventor do EmDrive acaba de patentear uma nova forma de fabricar motor de empuxo de nova geração

Tempo de leitura: 1 minuto

O inventor britânico do EmDrive, Roger Shawyer, conseguiu ter sua patente mais recente de um motor de empuxo supercondutor de próxima geração publicada pelo UK Intellectual Property Office (IPO), o escritório de patentes do Reino Unido.

Se você tem seguido as notícias sobre esta tecnologia, então provavelmente sabe que o renomado inventor precisava minimizar um inevitável efeito Doppler em sua invenção, que é a mudança na frequência ou comprimento de uma onda para um observador, em relação à sua fonte.

Shawyer ‘resolve’ este problema através do uso de polarização circular para controlar a entrada de microondas ao motor de empuxo, o que então minimiza o empuxo, enquanto acelera.

emdrive2

Numa entrevista recente, Shawyer disse à IBTimes UK, que já havia submetido sua patente de motores de empuxo por microondas de próxima geração há 18 meses. No momento, sua patente é muito difícil e extremamente cara de produzir, principalmente devido o fato de que uma placa não-supercondutora precisa ser montada num substrato de safira.

Shawyer disse:

“Isto é muito significante, porque [a patente] permite facilmente fabricar estas coisas, e queremos produzir milhares delas […]  A patente torna viável a construção de um motor supercondutor de empuxo, e ele irá produzir muito empuxo.”

Embora estejamos cientes de que ‘até amanhã pela manhã’ não iremos viajar entre as estrelas mais rápidos do que a velocidade da luz, patentear estes tipos de avanços é importante e emocionante. Podemos agora nos concentrar na produção de outras tecnologias necessárias e podemos ir em frente passo-a-passo, levando aos primeiros testes planejados no ‘espaço real’.

n3m3

Fonte