web analytics

Rocha espacial com o poder de 3 bilhões de ogivas nucleares está vindo em direção à Terra… será mesmo?

Tempo de leitura: 1 minuto

Especialistas estão alertando sobre uma rocha espacial que potencialmente poderia acabar com o mundo e está vindo em nossa direção – mas ninguém sabe ao certo o quão perto ela realmente irá passar.

De forma preocupante, não está claro quando a enorme rocha – a qual acredita-se ter 16 km de diâmetro – irá passar raspando pela Terra.

O asteroide foi avistado pelo astrônomo Zhao Haibin, usando o maior telescópio atual da China no Observatório da Montanha Violeta, em Nanjung.

asteoide-em-direcao-a-terra

As imagens do asteroide, batizado de 2009ES pelo Centro de Planetas Menores, foram capturadas por um telescópio de 1,2 metros na última quarta-feria, de acordo com o site britânico dailystar.co.uk.

A rocha é uma das 1.640 próximas da Terra – conhecidas como ‘corpos menores’ – que estão vindo em direção à Terra, de acordo com a Academia Chinesa de Ciência.
Haibin disse:

“Com a ajuda de nossas imagens, astrônomos ao redor do globo têm uma trajetória mais precisa do asteroide.”

Os cientistas estão monitorando de perto esta rocha, pois somente uma pequena mudança em sua trajetória poderia ter consequências catastróficas para a raça humana.

Especialistas dizem que se o asteroide impactasse a Terra, ele causaria um evento a nível de extinção, o que significaria que a raça humana acabaria.

O impacto seria equivalente à explosão de três bilhões de bombas atômicas, iniciando efeitos similares àqueles que causaram a extinção dos dinossauros há 65 milhões de anos.

n3m3

Fonte 1 e Fonte 2