“Huvrboard”: finalmente temos um dispositivo antigravitacional à nossa disposição?

Tempo de leitura: < 1 min.

HuvrboardEncontrei um vídeo que, embora mostrasse uma aplicação associada à recreação humana, poderia ser considerado um dos maiores avanços tecnológicos já ocorrido.  Se fosse verdade, significaria que logo não teríamos mais que gastar dinheiro comprando pneus para nossos automóveis e tampouco pavimentar nossas estradas.  Tudo que os administradores de rodovias teriam que fazer seria manter artérias de lindíssimos gramado interligando cidades pelo mundo afora.  Sem contar com o fim da indústria do petróleo, pelo menos para a locomoção.

Assisti entusiasmado ao vídeo que apresentado abaixo, já sonhando com a era dourada que a humanidade iria adentrar a partir da utilização em massa desta tecnologia.

Veja:

Fonte do vídeo: HUVrTech

Teríamos finalmente descoberto uma forma de ludibriar a gravidade e a colocado em produção para o uso das massas de forma economicamente viável?

Infelizmente, tudo não passou de um trote, como pode ser visto neste outro vídeo (em inglês), onde o ator do filme “De Volta ao Futuro“, Christopher Lloyd, o qual também participou do trote, volta em cena para contar a verdade:

Embora desapontado por terem pregado esta peça em todos nós e por ainda não podermos desfrutar desta tecnologia, este fato impulsionou ainda mais a minha imaginação, vislumbrando um futuro próximo onde algo similar possa ser disponibilizado para todos nós e aplicado além da área da recreação.  Lembro que muito do que os filmes e séries de ficção científica nos apresentou nas décadas de 60, 70 e 80, hoje se tornaram itens corriqueiros para nós.

Assim, quem sabe algum dia, num futuro próximo, estaremos dominando a gravidade e nos libertartando da dependência de uma indústria que não só tem causado guerras no mundo todo, mas também poluído o nosso planeta.

n3m3

-------
-------

AVISO: Todos são bem-vindos a participar da área de comentários abaixo. Contudo, os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprios autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências ou conflitos por eles causados.

Também informamos que, a fim de não causar distrações e conflitos desnecessários, comentários, avatares e pseudônimos com viés político, seja de qual ideologia for, serão prontamente apagados quando encontrados pelos moderadores. O foco dos comentários deve ser mantido no assunto de cada artigo e somente desviado quando for pertinente ao tema do OVNI Hoje.

Assim, colabore com o bom andamento dos comentários, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando comentários fora do padrão como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.