“Mars One irá se sacrificar”, diz Pontes

Tempo de leitura: < 1 min.
Ex-astronauta brasileiro, Marcos Pontes
Ex-astronauta brasileiro, Marcos Pontes

Em artigo publicado ontem por Mário Henrique de Oliveira no site da Band Notícias:

Apesar de não acreditar em sobrevivência por mais de dez anos, astronauta diz que iria para missão

As viagens ao espaço já deixaram de ser algo exclusivo dos governos e começam a ser exploradas por empresas particulares. Primeiro brasileiro a ir para o espaço, Marcos Pontes revelou que já recebeu diversos convites para trabalhar nessas empresas que poderiam acelerar o processo para que ele volte a participar de uma missão espacial, que é seu grande sonho. Uma delas é a Mars One, que tem como objetivo instalar uma colônia humana em Marte a partir de 2023.

O astronauta brasileiro não acredita em êxito dessa missão sem volta, não porque sua meta seja impossível de alcançar, mas sim pelo curto prazo estipulado. Além disso, ele diz que “os tripulantes do projeto irão se sacrificar pelo outros, pelo futuro” e que não acredita em uma sobrevida de nem 10 anos dos primeiros exploradores.

“Eles vão se sacrificar para abrir caminho para outros, vão iniciar um processo. A missão deles será organizar as coisas, colocar em ordem todos os módulos, começar o funcionamento”, explica Pontes, que detalha alguns pontos importantes para que uma missão como essa tivesse sucesso…

Pare ler o restante do artigo, favor acessar o site de origem: Band Notícias

n3m3

Colboração: Hannah Hertz

AVISO: Fique alerta quanto as regras da área de comentários clicando aqui.