O jipe-sonda Curiosity descobre água na cratera de Marte com ajuda de dispositivo russo

Tempo de leitura: < 1 min.

De acordo com o site Diário da Rússia, o chefe de laboratório do Instituto de Explorações Espaciais da Rússia, Igor Mitrofanov,acaba de revelar que o instrumento russo Dinâmico de Nêutrons Albedo (DAN), instalado a bordo do Curiosity e desenvolvido para detectar indícios da existência de água a até 50 cm do solo de Marte, mostrou que área onde o Curiosity se encontra possui de 3 a 5 por cento de água no solo.

Cratera Gale, onde o jipe-sonda Curiosity descobriu água com a ajuda de um instrumento russo.

Mitrofanov disse que as medições indicam que a cratera Gale é muito mais molhada do que as planícies de Solis Planium, consideradas o lugar mais seco de Marte e onde foi detectado menos que um por cento de água.

Contudo ele iterou que são assustadores as variações no conteúdo de humidade na região da cratera de Gale, dizendo que ficará ainda mais surpreso se encontrarem no futuro uma concentração muito maior de água.

O DAN ajudará aos cientistas na análise das condições de vida em Marte.

n3m3

 

Fonte:  Diário da Rússia

Colaboração: Edna Galbiatti

 

AVISO: Fique alerta quanto as regras da área de comentários clicando aqui.