NASA remove a tampa da câmera Mahli, para ver Marte em detalhes

Tempo de leitura: 2 min.

Sábado passado, 8 de setembro, os cientistas da NASA removeram a tampa da câmera Mahli, localizada na ponta do braço robótico do jipe-sonda Curiosity, a fim de tirar novas fotos mais detalhadas da superfície do planeta Marte e do próprio veículo.

A imagem a seguir é composta de suas fotos captadas no domingo, 9 de setembro, podendo se ver ao fundo o Monte Sharp, que em 5,5 km de altura.

Detalhes das rodas esquerdas do jipe-sonda Curiosity. (Foto: Nasa/JPL-Caltech/Malin Space Science Systems)

O principal objetivo da câmera Mahli, uma das várias do Curiosity, é o de tirar fotos coloridas, em alta resolução. Ela é capaz de capturar qualquer objeto de 2,1 cm de distância ao infinito, de vários ângulos.

Detalhes do sol diretamente abaixo da câmera. (Foto: Nasa/JPL-Caltech/Malin Space Science Systems)

Essas fotos de resolução alta realmente nos dão a impressão de que Marte se assemelha a muitos locais aqui de nosso próprio planeta.

Porém, chamamos a atenção de nossos leitores novamente quanto ao fato das fotos coloridas divulgadas pela NASA, do assim chamado ‘Planeta Vermelho’, já terem sido muito mais avermelhadas.

Veja abaixo uma foto de 2010, baixada do próprio site da NASA e compare a diferença em tonalidade:

Foto: NASA http://www.jpl.nasa.gov/news/news.php?release=2010-388#1

Será que cada sonda que chega ao planeta leva consigo uma carga de água sanitária, fazendo com que o Marte fique cada vez mais desbotado? 🙂

n3m3

 

Fonte das informações: g1.globo.com

Colaboração: Fernando Ramos

AVISO: Fique alerta quanto as regras da área de comentários clicando aqui.