web analytics

Nova chuva vermelha na Índia. Cientistas continuam a alegar Panspermia

Tempo de leitura: 1 minuto

Há quase um ano, publicamos aqui no OVNI Hoje um artigo intitulado ‘A Chuva Vermelha de Kerala, Índia: Prova de vida alienígena?

O artigo aborda a tese de que a coloração dessas chuvas, como as que ocorreram na Índia em 2001, pode se ser causada por células alienígenas.

Agora, encontramos relatos de que novamente o fenômeno está ocorrendo.  Desta vez foi na manhã de 28 de junho deste ano, na cidade de Kanur, estado de Kerala, na Índia.

Dois cientistas, Godfrey Louis e Santhosh Kumar da Mahatma Gandhi University em Kottayam, continuam afirmando que este fenômeno trata-se do que é chamado de ‘Panspermia‘, ou a tese de que a vida foi trazida à Terra do espaço em meteoritos carregados com formas de vida primárias.

De acordo com os cientistas, as formas de vida alienígenas não só são capazes de metabolizar material orgânico e inorgânico (inclusive o silicone), mas também parecem crescer melhor em temperaturas extremas, como a 300 °C.  Sua existência prova que a vida na Terra foi criada desta forma, com organismos unicelulares similares vindos do outros locais do universo, a bordo de cometas e asteróides.

Esta interpretação não é compartilhada pelo resto da comunidade científica e as publicações dos dois pesquisadores têm encontrado muitas críticas, especialmente já que as alegadas células vivas não possuem DNA.

Contudo, o Professor Louis não mudou sua opinião.  Ele continua a acreditar que estas chuvas anômalas são causadas por microorganismos que podem sobreviver às intemperes do espaço sideral.

n3m3

Fonte das informações: www.segnidalcielo.it