3000 radioamadores entusiastas vão à caça dos OVNIs

´El Último Peldaño´, programa da Onda Regional de Murcia dirigido por Joaquín Abenza, uniu 3000 entusisatas da ovniologia em uma só noite.

O importante para os milhares de pessoas que participaram neste último mês da XX edições da Grande Noite dos OVNIs de Onda Regional de Murcia, Espanha, era ver objetos estranhos no céu.  Mesmo não tendo faltado ‘avistamentos’, a grande maioria de fãs devotos da ovniologia se conformaram em presenciar o imponente espetáculo que oferece o firmamento nas noites de verão da Europa.

Não faltaram binóculos, telescópios, e para eles o mais importante: o rádio.  As ondas do programa da emissora pública de Murcia, ‘Último Peldaño’, ou ‘Último Degrau’ em português, uniu através de telefone e Internet mais de 3.000 pessoas distribuídas por toda aquela região e em muitos outros pontos da Espanha e do mundo.  Liderados por Joaquim Abenza, diretor deste espaço radiofônico, os co-responsáveis foram transmitindo pelo rádio as novidades à medida que elas ocorriam.  O programa chegou a conectar com tripulantes de um barco que navegava no Mediterrâneo.

A unidade móvel do programa Onde Regional observou um estranho objeto enorme que apareceu na Serra de Carrascoy, à 1h24min, o qual emitia um grande brilho.  Movimentos estranhos também foram vistos nos céus de Sevilla, Crevillente, Lérida, Huelva, Katrineholm (Suécia), Badajoz e Florencia (Itália), entre outros lugares.

Esta notícia vem a confirmar aquilo que sempre tenho afirmado: só não viu OVNIs quem não prestou a atenção.

n3m3

Fonte da notícia: www.laopiniondemurcia.es

AVISO: Fique alerta quanto as regras da área de comentários clicando aqui.